Você está na página 1de 1

.

Procurar no site OK O Site do Hardware Livre - OSHW

PRINCIPAL APRENDENDO ONLINE AUTOMAÇÃO BANCADA DE REPARAÇÃO CIRCUITOS DICAS LIVROS TÉCNICOS NOVIDADES O INSTITUTO NCB PROJETOS E ARTIGOS

PROJETOS AUTOMOTIVA MICROCONTROLADOR PARANORMAL SAÚDE E MEIO AMBIENTE TELECOM IOT VÁLVULADOS HISTÓRIA

Últimas atualizações
MCP629x Amplificadores Operacionais RRIO de 10 MHz
Transmissor AM Potente (TEL216)
Sensor de Efeito Hall com Latch Digital
Sensor de Toque com Trava (ART1794b)
Indutores de Alta Corrente
[ Mais ]

[ Mapa do Site ]

Amplificadores de 40 W a 200 W (ART1731)

Detalhes
Escrito por Newton C Braga

Descrevemos a montagem de diversos amplificadores analógicos com transistores bipolares comuns fornecendo diversas potências, conforme a configuração. Os amplificadores são de excelente
qualidade de som podendo ser usados em som doméstico, instrumentos musicais e diversas outras aplicações.

Se bem que os amplificadores digitais (Classe D ou PWM) tenham um rendimento muito maior e que, além disso, existam os que prefiram as versões lineares com MOSFETs de potência ou
válvulas, muitos ainda gostariam de montar seu próprio amplificador bipolar de alta potência.

É para estes que fornecemos este artigo que aborda a construção de 10 versões diferentes de amplificadores com saídas complementares usando transistores bipolares e mais um pré-
amplificador que se adapta a todos.

Os circuitos foram adaptados de documentação antiga com a substitui]ap dos transistores originais BD645 e BD646 por tipos mais fáceis de obter atualmente como os TIP120 e TIP125.

Lembramos aos leitores que o trabalho com este tipo de circuito, que envolve sinais de áudio e correntes intensas, exige experiência e habilidade, para se obter o desempenho esperado.

As características destes amplificadores são dadas pela tabela abaixo.

Potência de saída: 40 a 200 W PMPO – 10 a 50 W RMS

Impedância de carga: 4 ohms

Sensibilidade de entrada: 0,75 V a 1,1 V, conforme a versão

Distorção total: menor que o,5% (ver tabelas)

Faixa de frequencias: 30 Hz a 30 000 Hz

Mais informações: ver tabelas conforme a versão

As características do pré-amplificador são as seguintes:

Sensibilidade: 0,5 mV de entrada para 500mV na saída

Tensão máxima de saída: 2,5 V

Distorção harmônica total: inferior a 0,5%

Como Funciona

Os circuitos apresentados possuem configurações semelhantes (duas apenas) que, com a troca de valores de componentes produzem potências diferentes de saída.

Para cada versão também temos tensões diferentes de alimentação e dois tipos de fontes recomendadas.

Uma outra característica destes circuitos está no fato de termos dois tipos de alimentação.

Uma delas tem fonte simples, exigindo assim na saída um capacitor eletrolítico de valor elevado, enquanto que temos versões com fonte simétrica que dispensa o uso deste capacitor.

Na versão com fonte simples temos apenas um transistor como pré-amplificador enquanto que na versão com fonte simétrica usamos um par diferencial como pré-amplificador de entrada.

O emprego de transistores Darlington na etapa de saída das duas versões simplifica a etapa de excitação que pode usar transistores de baixa ou de média potência.

Na versão com fonte simples temos apenas um ajuste que é da corrente de repouso, enquanto que na versão simétrica temos um ajuste adicional da simetria do sinal feito no pré-amplificador.

Devemos ainda lembrar que uma garantia do bom desempenho é também a utilização de transformador de qualidade na fonte e a utilização de dissipadores apropriados para os transistores.

Montagem

Na figura 1 temos então a versão (A) para alimentação por fonte simples.

Figura 1 – Versão A com fonte simples

Para as diversas potências que podem ser fornecidas, temos a tabela abaixo que dá as tensões de alimentação, as correntes de repouso para ajuste e os valores de R2 e R4 que são variáveis,
além da dissipação de R13 e R14.

A placa de circuito impresso para esta versão é mostrada na figura 2.

Figura 2 – Placa para a montagem

Observe que os transistores de potência são montados fora da placa e conectados com fios grossos, dado a corrente com que devem trabalhar.

Estes componentes devem ser fixados em dissipadores tendo pasta térmica entre eles e o metal do dissipador e, além disso, um isolador.

Observe que Q3 é colado com epóxi num dos dissipadores, pois ele serve como sensor de temperatura, regulando a corrente de repouso em sua função.

A fonte de alimentação simples para esta versão é dada na figura 3.

Figura 3 - Fonte simples para a versão A

O transformador depende da versão, conforme a seguinte tabela:

Veja que para a versão estéreo temos de montar dois amplificadores iguais, um para cada canal e, com isso, a corrente do transformador dobra.

Na montagem observe também as posições de todos os transistores e diodos.

Os resistores são todos de 1/8 W com qualquer tolerância exceto R13 e R14 que têm dissipação conforme a tabela.

Também temos Rx cujo valor depende da versão conforme a seguinte tabela.

As tensões de trabalho dos eletrolíticos são indicadas no diagrama e os alto-falantes usados devem suportar a potência de cada versão.

Para a versão B temos a seguinte tabela com as características e valores de componentes.

Para a versão B, com fonte de alimentação simétrica, temos o circuito completo mostrado na figura 4.

Figura 4 – Circuito para a versão B

A placa de circuito impresso para esta versão é mostrada na figura 5.

Figura 5 – Placa de circuito impresso para a versão B

Os cuidados com a montagem são os mesmos, apenas devendo ser observado que R3 e D1 devem ficar encostados um no outro e envolvidos com uma pelotinha de epóxi de modo a haver
acoplamento térmico, o que não é mostrado no desenho da placa.

Para a versão B a tabela abaixo fornece os valore de Rx.

Na figura 6 temos a fonte de alimentação para a versão B.

Figura 6 – Fonte para a versão B

O transformador é o mesmo da versão A, observando-se apenas que o modo de retificação e filtragem para que sejam obtidas tensões positivas e negativas.

O pré-amplificador para as duas versões é mostrado na figura 7.

Figura 7 – Circuito do pré-amplificador

A placa de circuito impresso para o pré-amplificador é mostrada na figura 8.

Figura 8 – Placa para o pré-amplificador

Observe que o circuito inclui um controle de equilíbrio (balanço) para a versão estéreo.

Os principais cuidados com a montagem são a observação da posição dos componentes.

Os resistores são de 1/8 W com qualquer tolerância e os capacitores cerâmicos ou de poliéster.

Os cabos de sinais de áudio devem ser blindados para que não ocorra a captação de roncos.

Ajustes

Os ajustes são da corrente de repouso para a versão A e B e equilíbrio para a versão B.

Para a corrente de repouso use um multímetro na escala de correntes e ajuste o trimpot para os valores indicados.

Cuidado com este ajuste, pois se algo der errado com a montagem, o instrumento pode sofrer sobrecarga.

Assim, antes de fazer a medida, ligue o amplificador e verifique se não há sobreaquecimento de nenhum componente.

Para o ajuste da simetria o ideal é usar um osciloscópio e aplicar na entrada um sinal senoidal de 1 kHz.

Na saída deve ser ligado um resistor de 4,7 ohms x 20 W para servir de carga.

Q1 – BC547 – transistor NPN de uso geral

Q2 – BD136 – transistor PNP de média potência

Q3 – BC548 – transistor NPN de uso geral

Q4 – TIP120 – transistor Darlington de Potência NPN

Q5 – TIP125 – transistor Darlington de potência PNP

R1 – 1 k ohms – resistor – marrom, preto, vermelho

R2 – valor conforme tabela

R3 – 1 M ohms – resistor – marrom, preto, verde

R4 – R4 – valor conforme a tabela

R5 - 5k6 ohms – resistor – verde, azul, vermelho

R6 – 6k8 ohms – resistor – azul, cinza, vermelho

R7 – 150 ohms (1/2W) – resistor – marrom, verde, marrom

R8 – 10 k ohms – resistor – marrom, preto, laranja

R9 – 1k5 ohms (1/2W) – resistor – marrom, verde, vermelho

R10 – 18 k ohms – resistor – marrom, cinza, laranja

R11 – 1 k ohms – resistor – marrom, preto, vermelho

R12 – 270 ohms – resistor – vermelho, violeta, marrom

R13, R14 – 0,47 ohms – resistor de fio – ver tabela

P1 – 220 ohms – trimpot

C1 - 1 uF x 63 V – eletrolítico

C2 – 22 uF x 63 V – eletrolítico

C3 – 47 uF x 35 V – eletrolítico

C4 – 33 pF – cerâmico

C5 – 2 200 uF – tensão de trabalho um pouco maior que a alimentação, conforme a versão

RL – 4 ohms – alto-falante conforme a potência

Diversos:

Placa de circuito impresso, dissipador de calor, caixa para montagem, fios, solda, etc.

Versão B

Q1, Q2 – BC547 – transistores NPN de uso geral

Q3 – BD136 – transistor PNP de média potência

Q4, Q5, Q6 – BC548 – transistores NPN de uso geral

Q7 – TIP120 – Transistor Darlington NPN de potência

Q8 – TIP125 – Transistor Darlington PNP de potência

D1 a D5 – BA315 – diodos estabilizadores

R1 – 2k2 ohms – resistor – vermelho, vermelho, vermelho

R2, R6 – 39 k ohms – resistores – laranja, branco, laranja

R3 – 3k9 ohms – resistor – laranja, branco, vermelho

R4 – ver tabela

R5 – 3k3 ohms – resistor – laranja, laranja, vermelho

R7 – 560 ohms (1W) – resistor – verde, azul, marrom

R8 – 1k8 ohms (1/2W) – resistor – marrom, cinza, vermelho

R9 – 15 ohms (1/W) – resistor – marrom, verde, preto

R10 – 1 k ohms – resistor – marrom, preto, vermelho

R11 – 270 ohms – resistor – vermelho, violeta, marrom

R12, R13 – 470 ohms – resistores – amarelo, violeta, marrom

R14, R15 – 68 ohms – resistor – azul, cinza, preto

R16, R17 – 0,47 ohms – dissipação conforme a tabela – fio

P1 – 470 ohms – trimpot

P2 - 220 ohms – trimpot

C1 – 4,7 uF x 16 V – eletrolítico

C2, C3 – 10 uF x 16 V – eletrolítico

C4 – 47 uF x 35 V – eletrolítico

C5 – 33 pF – cerâmico

Diversos:

Placa de circuito impresso, radiador de calor, fios, solda, etc.

Pré-amplificador

Q1 – BC549 – transistor NPN de baixo ruído

Q2 – BC548 – transistor NPN de uso geral

Vz – 12 V x 400 mW – diodo zener

R1 – 100 k ohms – resistor – marrom, preto, amarelo

R2 – 4M7 ohms – resistor – amarelo, violeta, verde

R3 - 510 k ohms – resistor – verde, branco, amarelo

R4 – 330 k ohms – resistor – laranja, laranja, amarelo

R5 -1 k ohms – resistor – marrom, preto, vermelho

R6, R8 – 100 k ohms – resistor – marrom, preto, amarelo

R7 – 51 k ohms – resistor – verde, branco, laranja

R9 - 22 k ohms – resistor – vermelho, vermelho, laranja

R10 – 470 ohms – resistor – amarelo, violeta, marrom

R11 – 27 k ohms – resistor – vermelho, violeta, laranja

Rx – conforme versão

P1 – 100 k ohms – potenciômetro log (volume)

P2 – 100 k ohms – potenciômetro linear

C1, C2, C6 – 220 nF – poliéster

C3 – 1,3 nF – cerâmico ou styroflex

C4 – 1 nF – cerâmico ou styroflex

C5 – 100 nF – poliéster

C7 – 750 pF – cerâmico

C8 – 100 uF x 16 V – eletrolítico

S1 – Chave de 1 x 2 posições

Diversos:

Placa de circuito impresso, fios, solda, etc.

Compre com confiança os componentes que precisa na Mouser


Electronics. Clique aqui e visite o site.

Artigos Relacionados
Amplificadores de Áudio (download)
Handbook das Aplicações dos Amplificadores Operacionais (download)
Operacionais para todos
LM106 - LM206 - LM306 (IP431)
Equivalentes ao 741 (IP277)
LM101A/LM301A (IP343)
TL080 (IP344)
TL060 (IP349)
TL071 (IP352)
Reparando amplificadores de potência (ART576)

BUSCAR DATASHEET Parcerias


Informativo INCB

N° do componente
Todo mês um Informativo sobre
tecnologia.
OK

Nome * (Como usar este quadro de busca)

Últimas Notícias Opinião


E-mail *
Osciloscópios com funcionalidade profissional Campus Party e Outros Eventos (OP187)
para quem está iniciando
HD de 14 TB (NOT418)
Em 16 de fevereiro participamos da Campus Party – São Paulo,
Giroscópio do Tamanho de um Grão de Arroz
proferindo palestra sobre as Novas Tecnologias e o seu Impacto em
Inscrever-se (NOT417) Nossas Vidas. O tema abordado, bastante atual, atraiu muitos
Semana Inova Indústria com Luiz Henrique visitantes, conforme nossos leitores podem ver pelas fotos que
Corrêa Bernardes da Duodigit
postamos no Instagram e no Facebook.
Semana Inova Indústria com Ricardo Adulis da
Smartcore Leia mais...

Instituto Newton C Braga Apoio Social Advertise in Brazil


Vencer If your business is Electronics, components or
Vim, vi, venci. (Veni, vidi, vici.) Entre em contato - Como Anunciar - Políticas do Site
devices, this site is the correct place to insert your
Júlio César (100-44 a.C.) - Carta em que anuncia vitória em Zela - Ver mais advertisement (see more)
frases