Você está na página 1de 2

QUESTÕES PARA DISCUSSÃO

Faça uma análise geral das informações prestadas pelo presente estudo de caso, e discuta as
seguintes questões com seu grupo de trabalho:

1. Quais informações provenientes do ambiente externo você entende que serviram de


subsídios para a decisão da TECNISA de implantação do programa web 2.0?

Com o crescimento da utilização da internet e das empresas “pontocom”, o Brasil chegou a ser
líder no acesso online (cerca de 23hs e 12min X mês) e movimentou um valor bem expressivo
em compras digitais, com tendências a expansão. A partir desse cenário, a TECNISA percebeu o
forte crescimento da tecnologia no mercado e com o intuito de melhorias e seu perfil inovador,
começou a olhar o programa WEB 2.0 como uma das principais ações de branding para
conseguir um melhor reconhecimento de sua marca e ao mesmo tempo aumentar as suas
vendas. Também, de acordo com o estudo de caso, alguns fatores que subsidiaram a decisão da
implantação do programa WEB 2.0 pela TECNISA foram relatos de experiências ruins com
corretores, a vantagem do anonimato e o atendimento mais breve e eficiente do que o telefone.
Além disso, o cliente alvo da TECNISA predominantemente é uma pessoa bem-sucedida com
renda mensal acima de oito mil reais, sendo assim, o mesmo provavelmente é altamente
informado e está sempre “de olho” em novidades. Com isso, a web 2.0, passou a ser também
um meio mais comunicativo, participativo, engajado, questionador, colaborador e exigente de
agilidade e transparência da empresa com o cliente.

Outro ponto analisado, também foi o fato das pessoas não terem mais tempo para visitar
estandes de venda, apartamentos ou encontrar corretores, neste contexto que foi construída a
ideia da mudança de paradigma da TECNISA “Se antes se gastava tempo para economizar
dinheiro, hoje se gasta dinheiro para economizar tempo”.

2. Há atributos do programa web 2.0 difíceis de serem copiados pelos concorrentes da


TECNISA? Se sim, quais e por quê?

Sim, a TECNISA foi pioneira na melhoria tecnológica e diferenciação em um segmento


tradicional. Com isso, ela estará sempre à frente a sua concorrência por ter assumido riscos,
prestarem um bom serviço com inovação, e garantir a variedade de contato com os seus
clientes, o que fazer ser uma característica marcante da marca, diferente dos concorrentes, que
a estão apenas seguindo os seus passos. Com sua política de transparência e a possibilidade de
crescimento e diferenciação a empresa se dedica em agradar o cliente sem perder seus lucros,
pois os custos e o investimento acabam sendo irrelevantes para o alcance de marketing e
retorno que a pioneira na inovação teve com a evolução do seu programa. Além disso, todas as
empresas de construção eram todas iguais, com o WEB 2.0 inovou e melhorou em muito o
sistema da TECNISA.

3. Considerando que o programa web 2.0, além de fortalecer significativamente a imagem


da marca TECNISA, também gerou resultados expressivos de vendas como pudemos
apurar, como você avalia a reação da concorrência frente a essas conquistas?

Não puderam fazer nada, em visão ao novo programa web 2.0 que foi uma vantagem
competitiva sustentável.
4. Para o novo segmento-alvo que a empresa está buscando – o médio padrão – você
reformularia o programa web 2.0 em alguma característica? Como você o formataria
tendo como foco esse novo target da empresa?

Sim, -o médio padrão- teria como intuito atingir a classe média alta com a média salarial de
5.000 atingindo assim um público maior ainda.

5. Sobre o futuro do programa web 2.0, você acredita que há outros recursos a se
introduzir de maneira a ampliar sua atuação? Mesmo que haja possibilidades no campo
tecnológico, quais seriam as premissas estratégicas que você defenderia para a
continuidade da expansão do programa?

Sim, a Internet e o avanço das tecnologias estão em crescente evolução, e a TECNISA deve
acompanhar essas melhorias, principalmente com uma maior divulgação do programa nos
canais de mídia audiovisual, redes sociais, campanhas de acordo com o tema do momento, (por.
Ex: sustentabilidade na empresa, Copa do mundo) tornando- se assim, mais conhecida e
vendendo mais. As premissas estratégicas a se analisar vão de acordo com o constante
crescimento do mercado, olho na concorrência e constantes melhorias, visto que a TECNISA é
pioneira da ideia e conhecida como altamente inovadora. Além disso, as empresas devem
buscar sempre a Implementação, feedback e controle das estratégias.

6.