Você está na página 1de 7

Aula 4 - Instalações Elétricas II

Revisão Projeto de Instalação Elétricas

André F. Caldeira
andre.caldeira@ufsm.br

Universidade Federal de Santa Maria

Engenharia Elétrica UFSM/RS, Cachoeira do Sul


9◦ Perı́odo

André F. Caldeira (UFSM-Câmpus Cachoeira do Sul) IE2 - CSEE4045 Cachoeira do Sul, 23 de agosto de 2019 1/7
O que nos espera na aula de hoje

1 Previsão de Cargas Especiais

2 Exercı́cio -Previsão de Carga de Iluminação e Tomadas (TUGs e TUEs) de acordo com a


Norma NBR − 5410/97

André F. Caldeira (UFSM-Câmpus Cachoeira do Sul) IE2 - CSEE4045 Cachoeira do Sul, 23 de agosto de 2019 2/7
Previsão de Cargas Especiais
Será necessário fazer a previsão das diversas cargas especiais que atendem aos sistemas de
utilidades dos edifı́cios, como por exemplo:
1 Os motores para elevadores.
2 As bombas para recalque d’água.
3 As bombas para drenagem de águas pluviais e esgoto.
4 Bombas para combate a incêndio.
5 Sistema de aquecimento central.

Em geral, estas cargas são de uso comum, e portanto chamadas cargas do condomı́nio.
Observação
A determinação da potência destas cargas depende de cada caso especı́fico, e, geralmente, é
definida pelos fornecedores especializados dos diversos sistemas, cabendo ao projetista prever a
potência solicitada pelos mesmos.
André F. Caldeira (UFSM-Câmpus Cachoeira do Sul) IE2 - CSEE4045 Cachoeira do Sul, 23 de agosto de 2019 3/7
Previsão de Iluminação em Áreas Comerciais e Escritórios
Muitas vezes, partes do pavimento térreo de um edifı́cio residencial, ou pavimentos
especı́ficos (sobrelojas) são utilizados para fins comerciais.
Para instalações comerciais e industriais a NBR-5410 não estabelece critérios para
previsão de cargas. Para isto, devemos levar em conta a utilização do ambiente e as
necessidades do cliente.
Dependendo do caso, para estas áreas de lojas e escritórios, podem-se empregar diversos
métodos para determinar o tipo de potência da iluminação adequada.
A Norma Brasileira NBR-5413 (NBR-ISO/CIE-8995 − 1 : 2013) Iluminação de
Interiores define os critérios a serem seguidos, especificando o nı́vel de iluminação de
acordo com a utilização do recinto.
Exemplo - Pequenas áreas (Iluminação Fluorescente)
Residencial - 8 Watts/m 2 .
Não-Residencial - 12 Watts/m 2 .
André F. Caldeira (UFSM-Câmpus Cachoeira do Sul) IE2 - CSEE4045 Cachoeira do Sul, 23 de agosto de 2019 4/7
Previsão de TUGs em Áreas Comerciais e Escritórios

Escritórios comerciais (ou análogos) com área igual ou inferior a 40 m 2 : 1 tomada


para cada 3 m, ou fração de perı́metro; ou 1 tomada para cada 4 m 2 , ou fração de área
(adotar ,o que conduzir ao maior número).
Escritórios comerciais (ou análogos) com área superior a 40 m 2 : 10 tomadas para
os primeiros 40 m 2 e 1 tomada para cada 10 m 2 , ou fração, de área restante.
Em lojas: 1 tomada para cada 30 m 2 , ou fração de área, não computadas as tomadas
destinadas a vitrines e a demostração de aparelhos.
Observação
A potência das tomadas de uso geral em escritórios e lojas será 200 VA.

André F. Caldeira (UFSM-Câmpus Cachoeira do Sul) IE2 - CSEE4045 Cachoeira do Sul, 23 de agosto de 2019 5/7
Exercı́cio - Previsão Carga

André F. Caldeira (UFSM-Câmpus Cachoeira do Sul) IE2 - CSEE4045 Cachoeira do Sul, 23 de agosto de 2019 6/7
Exercı́cio - Previsão de Carga
Elaborar uma tabela com a previsão de Carga de Iluminação.
Elaborar uma tabela com a previsão De Quantidade e Carga de Tomadas.
Previsão de TUEs
1 Um ar condicionado no dormitório 1 e no dormitório 2 de 7500 BTU (British Thermal
Unit). Equivale a 252, 2 calorias ou 1055, 05585 Joules.
2 Um ar condicionado na sala de 12000 BTU.
3 Um chuveiro de 7700 Watts.
4 Uma torneira Elétrica de 4000 Watts.
5 Uma secadora de roupa de 3000 Watts

BTU para Watts


Para converter BTU para Watts, basta utilizar a relação 1/0, 2929, ou seja, cada BTU equivale
a 0, 2929 Watts.

André F. Caldeira (UFSM-Câmpus Cachoeira do Sul) IE2 - CSEE4045 Cachoeira do Sul, 23 de agosto de 2019 7/7