Você está na página 1de 3

Disciplina: Artes Data:19/11/2019

Professor:

Alunos: Jhonatan, Emerson

TRABALHO DE ARTES SOBRE


ARTES VISUAIS

Introdução
Uma arte visual está relacionada com a beleza estética e com a
criatividade do ser humano, capaz de criar manifestações ou obras
agradáveis aos olhos.

O conceito de arte visual é muito amplo, envolvendo áreas como o


teatro, dança, pinturas, colagens, gravuras, cinema, fotografia,
escultura, arquitetura, moda, paisagismo, decoração, etc.

As novas tecnologias também têm revolucionado o conceito de artes


visuais, em áreas como o web design, que tem um grande impacto
na sociedade atual.

As artes visuais podem ser criadas através de várias ferramentas ou


instrumentos, como o papel, madeira, gesso, argila, programas
informáticos, máquinas de captação e reprodução de imagens como
filmadoras ou máquinas fotográficas.

No Brasil existem cursos de artes visuais, onde o aluno pode obter o


bachalerato ou licenciatura. Uma pessoa com essse tipo de
formação pode atuar em direção de arte, cinema, televisão, vídeo.
Pode também trabalhar na área do jornalismo, fazendo a edição de
imagens para a mídia impressa ou online.

Tipos de artes visuais


As Artes Visuais são as formas de arte como a cerâmica, desenho,
pintura, escultura, gravura, design, artesanatos, fotografia,
vídeo, produção cinematográfica e arquitetura. Muitas disciplinas
artísticas (artes cênicas, arte conceitual, artes têxteis) envolvem
aspectos das artes visuais, bem como artes de outros tipos. Também
incluído no campo das artes visuais são as artes aplicadas,tais como
desenho industrial, desenho gráfico, design de moda, design de
interiores e arte decorativa.

Artes visuais e educação infantil


As artes visuais são uma ferramenta importantíssima no âmbito da
educação infantil, representando um estímulo essencial em várias
etapas do desenvolvimento da criança. Através das artes visuais, as
crianças trabalham a sua criatividade e imaginação, e conseguem
adquirir novas habilidades e novas formas de olhar o mundo. Muitos
especialistas afirmam que o principal objetivo não é que as crianças
valorizem a vertente estética, mas que compreendam que materiais
diferentes podem ser transformados e utilizados várias vezes na
criação de novos elementos.

Exemplos: