Você está na página 1de 7

LINUX

LISTA DE EXERCÍCIOS 01

SOFTWARE LIVRE 9) A exemplo do Linux, um software é denominado livre,


quando é possível usá-lo sem precisar pagar. Nesse tipo de
1) Descreva as principais características do sistema software, não se tem acesso ao seu código fonte, não
operacional Linux. Resp: É um software livre, com um sendo possível alterá-lo ou simplesmente estudá-lo.
sistema operacional multitarefa, multissessão, Somente pode-se usá-lo, da forma como ele foi
multiusuario, não exige um hardware robusto de disponibilizado.
processamento para funcionar, e um sistema livre de Resp: Essa afirmação nao esta correta, o seu codigo
virus e malware. disponivel para alterações.
10) 10 ) Software Livre e OpenSource possuem
2) Descreva sobre Software Livre e especifique sobre características diferentes, onde o primeiro não tem a
qual licença se funtamenta. Resp: É quandp seu codigo obrigatoriedade da distribuição do código-fonte e o
fonte esta liberado dando mais liberdade de uso ao segundo tem. Resp: Isso ocorre pois os software livre pode
usuarios que utiliza do programa, ele se fundamenta na ate disponibilizar seu codigo fonte porem para quem vai
licença GNU GPL. fazer a alteração permitida pelo dono e no OpenSource o
código fonte do programa está aberto para consulta, e
3) É sinônimo de “software livre”: dependendo da vontade do criador para distribuição e
redistribuição sob determinadas características.
a) Shareware
b) Freeware 11) Analise as seguintes afirmações relacionadas a
c) OpenSource conceitos de Licenças de Software.
d) Alpha I - Software Proprietário é aquele que proíbe
e) Beta redistribuição e alteração pelo usuário.

4) Quando um software é dito "software livre", tem II - Freeware permite redistribuição e modificação,
como principal característica o fato de: portanto é classificado como Software Livre.

a) Ser gratuito III - Shareware permite redistribuição, mas que


b) Ter o "código-fonte" disponível para alteração restringe o uso de acordo com uma condição
c) Ser projetado para trabalhar no GNU/Linux específica.
d) Estar disponível para download, em sites específicos
e) Possuir diversas "distros" (distribuições) IV - Os software de domínio público são aqueles que
podem ser baixados de provedores púbicos, como o
5) Ao baixar um programa através de um site da internet, o www.yahoo.com.br.
usuário observou a presença da palavra “BETA” ao lado
do nome do programa. Esta palavra indica que o Indique a opção que contenha todas as afirmações
programa ainda está em fase de desenvolvimento. Resp: verdadeiras.
Sim, porem ela ainda possue bugs que precisa ser
reparado pelo desenvolvedor antes do seu lançamento a) I e II
definitivo. b) II e III
c) III e IV
6) 4. OPENSOURCE são distribuições de softwares que d) I e III
têm como característica fundamental a disponibilização e) II e IV
de seu “código-fonte”, permitindo assim a alteração do
programa, como por exemplo, a adequação do mesmo 12) Qual o software não é um software proprietário?
para a realização de tarefas específicas. Um sinônimo
comum utilizado para designar um OPENSOURCE é a) Word
“Software Livre”. b) Corel Draw
Resp: Essa afirmação esta correta. c) Kurumim
d) Avast
7) Um programa "freeware" é um software gratuito, cujo e) Winzip
"código-fonte" não está disponível para download, e
portanto, também não pode ser alterado. Porem um 13) O Windows e Linux são classificados como sistemas
“freeware” pode ser "opensource". Resp: pode ser operacionais. A principal diferença entre eles está é seu
distribuído gratuitamente, mas sem a permissão para que núcleo. Onde o núcleo do Windows é proprietário e do Linux
seja modificado. é livre. Como é chamado o núcleo de um sistema
operacional?
8) Analise as seguintes afirmações relativas à liberdade
dos usuários de um Software livre.
a) Kermel
I - A liberdade de estudar como o programa b) Call System
funciona, e adaptá-lo para as suas necessidades, c) Chanel
exceto alteração no código-fonte.
d) Shell
II - A liberdade de executar o programa, para
qualquer propósito.

III - A liberdade de utilizar cópias de modo que se


possa ajudar outros usuários, sendo vedada a
redistribuição.

IV - Aquele que redistribuir um software GNU poderá


cobrar pelo ato de transferir uma cópia ou poderá
distribuí-las gratuitamente.

Indique a opção que contenha todas as afirmações


verdadeiras.

a) I e II b) II e III c) III e IV d) I e III e) II e IV


COMANDOS LINUX

1 – Referente a extensões de arquivos no Linux, correlacione o programa com a extensão do


arquivo:

a) nano [ J ] *.odt
b) shell [ D ] *.gz
c) dmesg [ E ] *.Z
d) Gzip [ H ] *.tar
e) Compress [ F ] *.bz2
f) BZIP2 [ G ] *.zip
g) ZIP [ I ] *.rar
h) tar [ B ] *.txt
i) rar [ C ] *.log
j) OpenOffice [ A ] *.sh

2 – Descreva a finalidade de cada diretório especificado abaixo:

/bin E onde encontra os programas na forma binaria.


/boot Contém os arquivos usados na inicialização do Sistema operacional.
/home Onde e criado o subdiretório pessoal dos usuários.
/sbin Armazena executáveis com proposito de realizar função de manutenção e tarefas
semelhantes.
/usr Reúne executáveis, bibliotecas e documentação de softwares usados.
/usr/bin ficam todas as aplicações que não são essenciais ao sistema
/usr/local para uso do administrador do sistema ao instalar o software localmente
/root Esse usuário administrador.
/dev E responsavel por conter os drives do sistema.
/var Registra em forma de texto as atividades realizadas no linux.
/proc E encontrado arquivos que revelam informações sobre os recursos e processos em execução
no sistema.
/ Onde parte todos os arquivos e diretorios.
/etc Arquivos de configuração variados.
/sys mapeia chamadas diretas com o kernel Linux.
/media contém subdiretórios em que os dispositivos de mídia removível inserido no computador
são montados.
/media

3) – Especifique a função de cada comanda a seguir:

clear Limpa a tela.


man Manual com informações de acerca de todos os comandos que necessitemos saber.
info Abre o explorador de informações.
su Altera as credenciais do usuario para as de um usuario que voce pode escolher.
logout Deslogar ou terminar a sessão atual.
exit Terminar a sessão.
pwd Exibe o path absoluto do diretorio de trabalho.
cd Altera o diretorio de trabalho.
ls Lista arquivos e diretorios.
less Mostra conteudo de um arquivo com menos caracteristicas.
more Mostra o conteudo de um arquivo mas apenas um ecrã de cada vez.
mkdir Cria um ou mais diretorios.
rmdir é para remover diretorio vazio.
rm Remove arquivos e diretorios.
cp Copia aruivos e diretorios.
mv Move ou renomeia arquivos e diretorios.
find Procura arquivos.
locate Pesquisa por um padrão em uma base de dados de nomes de arquivos.
chmod Altera a permissão de acesso de arquivos e diretorios.
chown É para modificar o proprietario e o grupo dos arquivos do diretorio.
chgrp Altera propreidade de arquivos e diretorio de um grupo especifico.
useradd Cria um novo usuário no Sistema operacional Linux.
userdel Exclui uma conta de usuário do Sistema.
usermod Altera informações de um usuário.
finger Exibe informações do usuário.
chfn Modifica as informações do “dedo” do usuário.
passwd Altera a senha de um usuário.
gpasswd É possível determinar administradores e senhas para os grupos e gerenciar seus
membros.
groupadd Cria um novo grupo no sistema operacional Linux.
groupmod Altera as informações de um grupo do sistema.
dpkg Lista de todos os pacotes instalados.

4 – Preencha as colunas abaixo com as opções corretas para os comandos de compactação de arquivos.
COMANDO EXTENSÃO COMPACTAR DESCOMPACTAR
gzip xxx xxx
zip xxx xxx
bzip2 xxx xxx
compress xxx
rar xxx
tar p/ gzip xxx
tar p/ bzip2 xxx
tar p/ compress xxx

5 - Preencha as colunas abaixo com as opções corretas para o comando chmod opção ARQUIVO
PERMISSÃO OPÇÃO OCTAL OPÇÃO LETRA
rwx rwx rwx 777
r-- r-- r-- 444
rwx r-x r-x 755
rwx r-- r-- 744
r-x r-x r-x 555

6 – Correlacione a primeira coluna com a segunda coluna

a) cd ~/ [ F ] retorna para o diretório home do usuário


b) cd ../ [ E ] retorna um diretório a um nível acima
c) cd ./ [ C ] a partir do diretório atual
d) cd - [ B ] a partir do diretório um nível acima
e) cd .. [ D ] último diretório acessado
f) cd ~ [ A ] a partir do diretório home do usuário

7 – Escolha a opção correta que lista somente os diretórios:

a) ls -d
b) ls -la
c) ls -d /*
d) ls -l tt[a-g]??
e) nenhuma opção correta

8 – Dentro do diretório /dev contém os arquivos de dispositivos referenes a terminais. No total, são 63
arquivos de terminais: ttyS0, ttyS1, ttyS2, tty0, tty1, …,tty63. Com relação a utilização do comando ls é
correto afirmar:

[ x ] o comando ls -l tty?? listará todos os arquivos que iniciem com tty seguidos de dois dígitos.
[ x ] o comando ls -l tty* listará todos os arquivos que iniciem com tty seguidos de nenhum, um ou
mais caracteres.
[ ] o comando ls -l tty?[2,4,6,8] listará todos os arquivos que iniciem com tty seguidos de qualquer
caracter e finalizando com 2, 4, 6, e 8.
[ ] o comando ls -l tty [!2,4,6,8]? listará todos os arquivos que iniciem com tty seguidos de
dígitos diferente de 2, 4, 6 e 8 e finalizando com uma letra ou dígito.
[ ] o comando ls -l tty [!2,4,6,8]? listará todos os arquivos que iniciem com tty seguidos de
dígitos diferente de 2, 4, 6 e 8 e finalizando com uma letra ou dígito.
[ x ] o comando ls -l tty [^2,4,6,8]? listará todos os arquivos que iniciem com tty seguidos de dígitos
diferente de 2, 4, 6 e 8 e finalizando com uma letra ou dígito.

9 – O comando find / -name \bash (find / -name \bash | find / -type -d -name \bash) localiza o
arquivo bash.

10 – O comando find/-name/bin (find /


-name \bin | find / -type -d -name \bin) localiza o diretório bin .

11 – Especifique o significado de cada caractere curinga abaixo:

a) *: Serve para representar zero ou mais caracteres


b) ?: Faz referência a uma letra naquela posição.
c) [a-z,0-9]: Faz referência a caracteres de a até z seguido de um caracter de 0 até 9.
d) {0..99}: Usado para substituir as partes dentro da chave de 0 e depois 1 ate que chegue em 99.
e) {a,b,c}:
f) *m*:
g) f?m :

12 –Selecione uma das opções abaixo que especifica o comando utilizado para renomear
arquivos e diretórios:

a) rename
b) mv
c) rm
d) namei
e) nenhuma opção

13 – O comando para renomear o arquivo 'nomevelho.txt' para 'novonome.txt' é: mv.

14 – O comando para renomear o diretório 'dirvelho' para 'dirnovo' é: mv.

15 –O comando para mover todos os arquivos texto do diretório


/home/aluno/dirorigem para o diretório /home/aluno/dirdestino é:

a) mv /home/aluno/dirorigem/* /home/aluno/dirdestino/
b) mv /home/aluno/dirdestino/*.txt /home/aluno/dirorigem/
c) mv -i /home/aluno/dirdestino/*.txt /home/aluno/dirorigem/
d) mv -f /home/aluno/dirorigem/ /home/aluno/dirdestino/*.txt
e) mv /home/aluno/dirorigem/*.txt /home/aluno/dirdestino/

15– A opção -i solicita a confirmação do usuário para que determinada operação seja concretizada.
Especifique qual comando abaixo não contém a especificação -i.

a) mv
b) ln
c) rm
d) rmdir
e) mkdir

16– A opção -v exibe informações sobre as operações. Especifique qual comando não contém a
especificação.

a) mv
b) ln
c) rm
d) rmdir
e) mkdir

17 – O comando cfdisk (cfdisk | mkfsl.ext4) particiona uma unidade física de disco.

18– O comando mkfsl.ext4 (cfdisk | mkfsl.ext4) cria o sistema de arquivos; isto é, formata a
unidade de disco em um sistema de arquivo específico.

19 – Espefique qual comando abaixo não corresponde a um particionador de disco.

a) fdisk

b) cfdisk
c) partede
d) gparted
e) mkfs.ntfs

20 – Descreva as opções do comando useradd especificadas abaixo:

-d: Caminho do diretorio home do usuário.


-g: Especifica o grupo do usuário.
-G: Uma lista de grupos que contêm o usuário como membro.
-s: Especifica o shell de comando que o usuário irá utilizar.
-m: Cria o diretório home do usuário e copia os arquivos
-e: Essa opção define a variavel EXPIRE, a data em que a conta do usario esta desativada.

21 - A opção -r do comando useradd significa:

Os usuários do sistema serão criados sem informações de vencimento em / etc / shadow e seus
identificadores numéricos serão escolhidos no intervalo SYS_UID_MIN-SYS_UID_MAX, definido
em /etc/login.defs, em vez de UID_MIN-UID_MAX (e seus equivalentes GID para a criação de
grupos).

22 – Para modificar a senha de um usuário utilize o comando:

Basta digitar passwd e o nome de usuário para o qual a senha será alterada.

23 – Descreva as opções do comando usermod especificadas abaixo:

-d: Modifica o caminho do diretório home do usuário.


-g: Modifica o grupo do usuário.
-G: Para definir qual será o grupo primário de um usuário em Linux
-s: Modifica o Shell de comando que o usuário irá utilizar.
-m: Faz com que os arquivos do diretório atual do usuário sejam movidom para o novo diretório.

-e: Altera a data de expiração da conta do usuário.


-l: Altera o nome de identificação do usuário (o usuário não pode estar logado).

24 – O comando para criar gupo é groupadd.

25 – O comando para remover um grupo é groupdel.

26 – O comando para modificar as informações do grupo é groupmod.

27– O comando para exibir as informações do usuário é finger usuário.