Você está na página 1de 2

UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MINAS GERAIS

FaPP - Faculdade de Políticas Públicas “Tancredo Neves”


Curso de pós-graduação lato sensu em Gestão Pública

DISCIPLINA:
Atividade 1 – Questionário Vídeo - Valor: 10 pontos
(13/11 a 27/11/2017)
Assista ao vídeo “PENSI – SOCIOLOGIA, ESTADO & SOCIEDADE”. Posteriormente, responda:

a. Por que Marx, Weber e Durkheim são considerados pensadores clássicos da sociologia? Para
responder identifique o que é uma obra clássica e qual a utilidade de revisitar estes autores na
contemporaneidade.

Por obra clássica, podemos dizer que são aquelas que possuem grande dimensão histórica e formulam
teorias que são capazes de perdurar com o tempo. Nesse sentido, podemos dizer que Karl Marx, Max
Weber e Emile Durkheim são clássicos da sociologia porque foram os primeiros autores a pensar e
dissertar sobre a organização da sociedade e a compreender o surgimento do estado moderno. Ou seja,
foram responsáveis por elaborar teorias que procuravam explicar como o estado e sociedade se
relacionam e como os problemas sociais podem ser resolvidos.

b. Escolha um desses 3 autores. Aponte qual foi sua maior contribuição teórica e explicite, em até
linhas, no que esta se constitui.

Max Weber.

Certamente sua maior contribuição para o pensamento moderno foi a análise intitulada “A Ética
Protestante e o Espírito do Capitalismo”. Em seu trabalho, Weber aborda o papel desempenhado pela
religião – especialmente o cristianismo – no surgimento do capitalismo como teoria econômica. Para ele,
a crença religiosa estava intimamente ligada ao conceito de vocação profissional e era o motor
motivador dos indivíduos ao crescimento pessoal e profissional. Em linhas gerais, podemos dizer que a
abordagem sobre a contribuição de João Calvino nesse processo é de grande relevância.