Você está na página 1de 20
CORPO DE BOMBEIRO MILITAR DO DISTRITO FEDERAL DEPARTAMENTO DE ENSINO PESQUISA CIÊNCIA E TECNOLOGIA DIRETORIA

CORPO DE BOMBEIRO MILITAR DO DISTRITO FEDERAL DEPARTAMENTO DE ENSINO PESQUISA CIÊNCIA E TECNOLOGIA DIRETORIA DE ENSINO CENTRO DE ORIENTAÇÃO E SUPERVISÃO DO ENSINO ASSISTENCIAL COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II

DO ENSINO ASSISTENCIAL COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II ENSINO MÉDIO 2ª SÉRIE EMENTA DE BIOLOGIA 2°

ENSINO MÉDIO 2ª SÉRIE EMENTA DE BIOLOGIA 2° BIMESTRE/2012

DATA

INSTRUMENTOS AVALIATIVOS

VALOR

TURMAS

Semana do dia 11 ao dia 14/06/12

TESTE

2,0

A, B, C, D, E.

01/06/2012

ENTREGA DA VERIFICAÇÃO DIRIGIDA

2,0

A, B, C, D, E.

Semana do dia 11 ao dia 14/06/12

APRESENTAÇÃO DA VERIFICAÇÃO DIRIGIDA

-

A, B, C, D, E.

06/06/2012

PROVA INTEGRADA

3,0

A, B, C, D, E.

22/06/2012

PROVA BIMESTRAL

3,0

A, B, C, D, E.

 

MENÇÃO NO BIMESTRE

10,0

 

Conteúdo das Avaliações

Teste: Cap.19 Diversidade metabólica das bactérias, Método de Coloração Gram e Cap. 20 Protista.

Prova Bimestral: Cap.19 Diversidade metabólica das bactérias, Método de Coloração Gram e Cap. 20 Protista.

Prova Integrada: Cap.19 Diversidade metabólica das bactérias, Método de Coloração Gram e Cap. 20 Protista.

NORMAS PARA RELATÓRIO DE AULA PRÁTICA DE BIOLOGIA

Aulas práticas realizadas em laboratório geralmente incluem a elaboração de um relatório descrevendo a observação ou o experimento realizado. O relatório de cada experimento deverá obedecer, obrigatoriamente, a seguinte ordem de elaboração, sendo que cada elemento constituinte do relatório será descrito a seguir.

1. FOLHA DE ROSTO ou CAPA (0, 1p)

A folha de rosto ou capa apresenta os dados que identificam o relatório: nome da Instituição, nome da disciplina, título do experimento, nome dos alunos componentes que EFETIVAMENTE participaram da realização do experimento, nome do(s) professor(es) responsável(is), local (cidade) e data. Na folha de rosto ou capa

não se deve fazer uso de figuras ou ilustrações.

2. INTRODUÇÃO (0, 1p)

A Introdução de um relatório de aula prática deve conter os fundamentos teóricos FOCADOS no objetivo do experimento realizado. Sua elaboração depende da consulta a livros-texto. Não deve passar de duas páginas.

3. OBJETIVOS (0, 1p) Este item apresenta sucintamente o que se pretende observar ou verificar

através da realização do experimento, o qual deve estar FUNDAMENTADO na Introdução.

4. MATERIAIS E MÉTODOS (0, 2p)

O item Materiais e Métodos é uma descrição completa da metodologia utilizada, que permite a compreensão e interpretação dos resultados, bem como a reprodução do experimento por outros alunos. Neste item também deverá constar uma lista dos materiais e reagentes utilizados na realização do experimento, assim como suas características físicas, químicas e biológicas . Portanto, este item deve ser dividido em quatro partes:

4.1.) Materiais Utilizados: apresentação de todos os materiais, vidrarias e equipamentos utilizados na realização do experimento, exceto reagentes, na forma de itens. Exemplo:

1) Tubo de ensaio 2) Béquer de 200 mL

3) Béquer de 50 mL 4) Bomba de vácuo 5) Bico de Bunsen 6) Centrífuga 4.2.) Reagentes Utilizados: todos os reagentes ou substâncias utilizados na realização do experimento, informando sua fórmula química. Exemplo:

1) Solução aquosa de hidróxido de sódio (NaOH) 0,1 mol/L 2) Sulfato de cobre pentahidratado p.a. (CuSO 4 .5H 2 O) 3) Água destilada (H 2 O) 4) Álcool etílico anidro (CH 3 CH 2 OH).

4.3.) Procedimento Experimental: consiste em descrever, detalhadamente, o procedimento executado (INCLUINDO-SE MODIFICAÇÕES QUE TENHAM SIDO FEITAS NO DECORRER DO EXPERIMENTO EM RELAÇÃO AO PROCEDIMENTO ORIGINALMENTE PROPOSTO) para a realização do experimento. Neste item, não devem constar quaisquer observações experimentais, pois, as mesmas fazem parte dos Resultados e Discussão.

5. RESULTADOS e DISCUSSÃO (0, 3p) Esta é a parte mais importante do relatório e descreve os principais resultados obtidos em aula, na seqüência em que o procedimento foi realizado. Neste item são apresentados os resultados de forma objetiva e lógica, acompanhados de uma análise crítica dos mesmos, com base nos conceitos químicos e biológicos envolvidos. Deve-se incluir também as reações. Sempre que possível seus dados devem ser organizados na forma de tabelas e gráficos (lembre-se: o gráfico sempre ilustra muito melhor o resultado, porém para este relatório (neste relatório de caráter opcional). Apresente os resultados e sua discussão (explicação) na sequência em que o procedimento foi executado; Discuta cada etapa do procedimento realizado, procurando justificar e explicar a sua realização;

Discuta (explique) cada observação experimental (mudança de cor, consistência, cheiro, aquecimento, etc) e os resultados obtidos.

Indique com clareza as operações de cálculo (equações químicas do processo de fermentação)

Compare os resultados obtidos com o que era esperado com base na teoria (descrita na Introdução) ou em resultados já publicados. Se os resultados diferem do que era esperado, na discussão deve-se procurar explicar porque, refletindo sobre possíveis fontes de erro.

6. CONCLUSÕES (0, 2p) Consiste numa avaliação crítica sobre o experimento realizado e dos resultados

obtidos, atentando se estão coerentes com a proposta do experimento.

7. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS (0, 1p) Todas as obras utilizadas para a elaboração do trabalho devem ser citadas ao

longo do texto, no local ao qual fazem referência, sendo numeradas em ordem crescente e listadas no item Referências Bibliográficas. Exemplo:

resinas termofixas são compostso cujas cadeias poliméricas são unidas

quimicamente via reações denominadas de reticulação ou de cura (1). Dentre as várias resinas termofixas, as resinas de poliéster insaturado e as éster vinílicas são as mais utilizadas (2). A resina éster vinílica é considerada superior, em relação as suas propriedades de tenacidade, em comparação a resina de poliéster insaturado (3) ” Estas referências podem ser livros-texto, periódicos (revistas e jornais científicos) e documentos obtidos na Internet (a pesquisa bibliográfica para a confecção dos relatórios não deverá estar limitada exclusivamente a internet). Existem

algumas normas para as citações bibliográficas, sendo sugerida a norma adotada pelo periódico nacional QUÍMICA NOVA e publicado pela Sociedade Brasileira de Química. A seguir, exemplo de como citar as referências bibliográficas.

As

7.1) Livros texto: Nome dos Autores, Título do Livro (em itálico), Edição, Editora, Cidade, Ano. Exemplo:

(1) Atkins, P.; Jones, L.; Princípios de química: questionando a vida moderna e o meio ambiente, 2 a ed., Bookman Editora S.A : Porto Alegre, 2001.

7.2) Artigo Científico (Revistas): Nome dos Autores, Título do Artigo (este item não é solicitado pela Química Nova, porém, em relatórios é importante), Nome da Revista (em itálico e abreviado como definido no Chemical Abstracts Service Source Index), ano de publicação, volume, página inicial. Exemplo:

(2) Silva, F.M.; Lacerda, P.S.B.; Jones Júnior, J.; Desenvolvimento sustentável e química verde. Quim. Nova 2005, 28, 103.

7.3) Páginas da Internet: endereço e data de acesso. Exemplo:

(3) http://www.sbq.org.br/jbcs, acessada em Janeiro 2005.

Normas Gerais de Elaboração do Relatório:

O relatório deverá ser apresentado em folhas do tipo papel formato A4 (quando digitado e impresso). Para os textos digitados, seguir as recomendações:

Corpo da letra tamanho 12, em times ou arial, espaço simples inter linhas;

Partes que compõem o relatório (itens de 1 a 7) destacados com negrito, maiúsculas e tamanho 12;

Utilizar

preferencialmente, papel reciclado. Margens: esquerda de 3 cm, superior: 3 cm, direita: 2 cm e inferior: 2 cm, na formatação da página.

use,

impressão

frente

e

verso

com

objetivo

de

economizar

papel,

Pesquisa complementar: Atividade Metabólica das Bactérias: (0, 5p) Característica Nutricionais:

Autotróficas: Fotossintezantes e Quimiossíntezantes;

Heterotróficas: Respiradoras (aneróbicas: facultativas e obrigatórias) e aeróbicas

Fermentadoras: Fermentação Lática e Alcoólica.

Arqueas: Metanogênicas, termófilas e halófitas.

Obs:

As equações dos processos metabólicos acima deverão ser representadas;

Os pigmentos e os tipos de clorofila envolvidas nos processos também deverão constar na pesquisar;

Os trabalhos que forem identificados como plágio de sites ou de qualquer outra fonte não serão avaliados e os alunos ficarão com zero.

Todas as obras utilizadas para a elaboração do trabalho devem ser citadas ao longo do texto, no local ao qual fazem referência, sendo numeradas em ordem crescente e listadas no item Referências Bibliográficas

CORPO DE BOMBEIRO MILITAR DO DISTRITO FEDERAL DEPARTAMENTO DE ENSINO PESQUISA CIÊNCIA E TECNOLOGIA DIRETORIA

CORPO DE BOMBEIRO MILITAR DO DISTRITO FEDERAL DEPARTAMENTO DE ENSINO PESQUISA CIÊNCIA E TECNOLOGIA DIRETORIA DE ENSINO CENTRO DE ORIENTAÇÃO E SUPERVISÃO DO ENSINO ASSISTENCIAL COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II

DO ENSINO ASSISTENCIAL COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II ENSINO MÉDIO 2º SÉRIE EMENTA DE ARTES CÊNICAS

ENSINO MÉDIO 2º SÉRIE EMENTA DE ARTES CÊNICAS 2º BIMESTRE/2012

DATA

INSTRUMENTOS AVALIATIVOS

VALOR

TURMAS

08/05 a

Estudo dirigido Assunto Comédia Dell’arte

   

11/05

2,0

A,B.C.D.E

30/05

a

Pesquisa em grupo de uma ópera e de um musical e compartilhamento com a turma. Em grupo os alunos irão escolher uma ópera e um musical e pesquisar sobre seus contextos de enredo, historicidade, e elementos expressivos da linguagem cênica (questões estéticas), deverão ter isso bem claro em mente para que possamos fazer um compartilhamento de forma oral em sala.

   

01/06

2,0

A,B,C,D,E

06/06

Prova Integrada: humanismo italiano - comédia dell’arte e barroco.

3,0

A,B.C.D.E

21/06

Prova Conjunta de Artes: ópera x musical

3,0

A,B.C.D.E

 

MENÇÃO NO BIMESTRE

10,0

 

Obs.: As datas e conteúdos poderão ser alterados a critério do comando do colégio ou do professor. Se isso ocorrer, os alunos serão avisados previamente.

Brasília DF, 02 de maio de 2012

Michelle Paiva

Professor (a)

SGT Wanderley De Acordo Coordenador

SGT Wanderley De Acordo Coordenador
CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO DISTRITO FEDERAL CENTRO DE ORIENTAÇÃO E SUPERVISÃO AO ENSINO ASSISTENCIAL

CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO DISTRITO FEDERAL CENTRO DE ORIENTAÇÃO E SUPERVISÃO AO ENSINO ASSISTENCIAL

PROPOSTA DE EMENTA DE EDUCAÇÃO FÍSICA

Professor: José Joaquim da Silva Júnior

Bimestre: 2º

Série: 2º séries Turma A, B, C, D e E

O que vou cobrar? Habilidades e fundamentos básicos do futsal. Participação nas atividades de treinamento visando à experimentação de situações relacionadas ao jogo adaptado e descoberta orientada. Conteúdo teórico / prático de Avaliação Física, trabalho de pesquisa de: Composição Corporal, Índice de Massa Corporal, Relação Cintura Quadril e Avaliação de Estresse Funcional.

Como vou cobrar? Avaliação formativa diária das aulas práticas (60 pontos) e trabalho de pesquisa em grupo (40 pontos).

Quando vou cobrar? As aulas práticas são avaliadas todos os dias e os trabalhos de pesquisa de campo nos dias 05, 06 e 07/05, de acordo com o dia de aula de cada turma.

Observações:

Para

os

alunos

impossibilitados

por

motivo

de

saúde,

com

a

devida

comprovação, de desenvolverem aulas práticas deverão realizar relatórios diários.

.

Data: 08 de maio de 2012

JOSÉ JOAQUIM DA SILVA JÚNIOR Assinatura do professor

realizar relatórios diários. . Data: 08 de maio de 2012 JOSÉ JOAQUIM DA SILVA JÚNIOR Assinatura
CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO DISTRITO FEDERAL CENTRO DE ORIENTAÇÃO E SUPERVISÃO AO ENSINO ASSISTENCIAL

CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO DISTRITO FEDERAL CENTRO DE ORIENTAÇÃO E SUPERVISÃO AO ENSINO ASSISTENCIAL

CENTRO DE ORIENTAÇÃO E SUPERVISÃO AO ENSINO ASSISTENCIAL 2ª SÉRIE DO ENSINO MÉDIO EMENTA DE ESPANHOL

2ª SÉRIE DO ENSINO MÉDIO EMENTA DE ESPANHOL - 209º BIMESTRE/2012

DATA

INSTRUMENTOS AVALIATIVOS

VALOR

TURMAS

25, 28, e

     

29/

Avaliação Dirigida: teste (pretérito perfecto).

2,0

A B C D E

05/2012

01,04,05,

     

11,12 e

Avaliação Dirigida: (presentaciones) ¿Y si

?

2,0

A B C D E

15/06/2012

 

06/06/2012

Prova Integrada Cap. 8 y 9 Muy, Mucho (a), (s), pretérito perfecto, acentuación.

3,0

A B C D E

20/06/2012

Prova Bimestral. Cap. 8 y 9 - (pretérito perfecto, pronombres complemento directo e Indirecto.).

3,0

A B C D E

 

MENÇÃO NO BIMESTRE

10,0

 

Daniela De Souza Araújo

Professor (a)

Brasília DF, 09 de Maio 2012.

De Acordo Coordenador

CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO DISTRITO FEDERAL CENTRO DE ORIENTAÇÃO E SUPERVISÃO AO ENSINO ASSISTENCIAL
CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO DISTRITO FEDERAL
CENTRO DE ORIENTAÇÃO E SUPERVISÃO AO ENSINO ASSISTENCIAL
DO COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II

EMENTA FILOSOFIA 2º ANO - 2º BIMESTRE / 2012

DATA

INSTRUMENTOS AVALIATIVOS

VALOR

TURMAS

01/06 (sexta)

Estudo Dirigido: O aluno deverá responder um questionário referente ao conteúdo explicado no bimestre para entregar ao professor na data em questão.

   

05/06 (terça)

2,0

A,B,C,D,E,F,G

 

Filmologia: O aluno devera relacionar o filme Sócrates (1971), dir. Roberto Rossellini, Espanha/ Itália /França.

   

O aluno deverá relacionar o filme com o conteúdo estudado. O trabalho deve conter:

Cabeçalho com nome do aluno, data, disciplina, nome do professor e definição do trabalho (Filmologia)

Resumo do conteúdo sobre Sócrates e Platão.

Análise Filosófica, que deve ser dividida nos tópicos:

1. Destacar e descrever 2 trechos onde se observa a ironia socrática.

2. Destacar e descrever 2 trechos onde se observa a maiêutica socrática.

11/06 (segunda)

12/06 (terça)

3. Destacar e descrever 1 trechos onde se observa o uso da retórica pelos Sofistas ou por qualquer interlocutor de Sócrates.

2,0

A,B,C,D,E,F,G

15/06 (sexta)

4. Destacar e descrever 1 trecho em que se observa o Relativismo no discurso dos Sofistas ou de qualquer interlocutor de Sócrates.

5. Destacar e descrever 2 definições (de algum conceito como “justiça”, “alma”, etc) nos diálogos de Sócrates.

6. Destacar e descrever como e onde você percebe nos discursos de Sócrates a sua influência no pensamento de Platão.

No final do trabalho o aluno deverá fazer uma conclusão com no mínimo 8 linhas dizendo qual a importância e a influência de Sócrates para as correntes posteriores, bem como dizer qual a visão do filósofo sobre o conhecimento.

Obs: Esse filme pode também ser encontrado no youtube com título: “Sócrates filme completo”

 

PROVA INTEGRADA Conteúdo:

   

06/06

Introdução e o tópico 1 da 2ª parte do capítulo 7 do livro Temas de Filosofia.

3,0

A,B,C,D,E,F,G

 

PROVA BIMESTRAL Conteúdo:

   

19 a 22/06

Introdução, tópico 1 e “a patrística” do tópico 2 da 2ª parte do capítulo 7 do livro Temas de Filosofia.

4,0

A,B,C,D,E,F,G

 

MENÇÃO NO BIMESTRE

10,0

 
CORPO DE BOMBEIRO MILITAR DO DISTRITO FEDERAL DEPARTAMENTO DE ENSINO PESQUISA CIÊNCIA E TECNOLOGIA DIRETORIA

CORPO DE BOMBEIRO MILITAR DO DISTRITO FEDERAL DEPARTAMENTO DE ENSINO PESQUISA CIÊNCIA E TECNOLOGIA DIRETORIA DE ENSINO CENTRO DE ORIENTAÇÃO E SUPERVISÃO DO ENSINO ASSISTENCIAL COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II

DO ENSINO ASSISTENCIAL COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II 2° ANO ENSINO MÉDIO EMENTA DE FÍSICA 2º

2° ANO ENSINO MÉDIO EMENTA DE FÍSICA 2º BIMESTRE 2012

DATA

INSTRUMENTOS AVALIATIVOS

 

VALOR

TURMAS

 

Prova Integrada:

   

Capítulo

22

do

livro

didático:

Reflexão

da

luz

e

Espelhos Esféricos.

 

06/06/2012

Capítulo 28 do livro didático: Experimento das duas Fendas, Polarização, interferência e Ressonância.

3,0

A, B, C, D, E

Capítulo 29 do livro didático: Ondas sonoras, Frequência e velocidade das Ondas sonoras, Sensação Auditiva, Intensidade Sonoras, Altura de um Som, Timbre de um som, Reflexão das ondas Sonoras.

 

Prova Bimestral:

   

Capítulo

22

do

livro

didático:

Reflexão

da

luz

e

Espelhos Esféricos.

 

19/06/2012

Capítulo 28 do livro didático: Experimento das duas Fendas, Polarização, interferência e Ressonância. Capítulo 29 do livro didático: Ondas sonoras, Frequência e velocidade das Ondas sonoras, Sensação Auditiva, Intensidade Sonoras, Altura de um Som, Timbre de um som, Reflexão das ondas Sonoras, Cordas Vibrantes, Colunas de Ar Vibrantes, Efeito Doppler.

3,0

A, B, C, D, E

 

Avaliação Dirigida

     

Seminários (2,0 pontos) . Na aula Dupla da semana 11 a 15/06/ 2012

4,0

A, B, C, D, E

Avaliação discursiva dos Seminários (2,0 pontos) aula simples. 25 a 29/06/2012

 

MENÇÃO NO BIMESTRE

 

10,0

 

Obs.: As práticas experimentais serão realizadas exclusivamente nas aulas de Física.

Bibliografia:

MATIAS, ROQUE E FRATTEZI, ANDRÉ, Física geral. São Paulo, Harbra,

2011.

Obs.: As datas e conteúdos poderão ser alterados por motivo de força maior. Se isso ocorrer, os alunos serão avisados previamente.

Professores: Elijaime e Marcio.

Coordenador CFB

Brasília DF, 11 de maio de 2012

CORPO DE BOMBEIRO MILITAR DO DISTRITO FEDERAL DEPARTAMENTO DE ENSINO PESQUISA CIÊNCIA E TECNOLOGIA DIRETORIA

CORPO DE BOMBEIRO MILITAR DO DISTRITO FEDERAL DEPARTAMENTO DE ENSINO PESQUISA CIÊNCIA E TECNOLOGIA DIRETORIA DE ENSINO CENTRO DE ORIENTAÇÃO E SUPERVISÃO DO ENSINO ASSISTENCIAL COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II

EMENTA DE GEOGRAFIA 2º BIMESTRE/2012 2º ANO ENSINO MÉDIO

EMENTA DE GEOGRAFIA 2º BIMESTRE/2012 2º ANO ENSINO MÉDIO Professora: Renata Costa e Silva Unidade 8

Professora: Renata Costa e Silva

Unidade 8

Capítulo 30 O processo de urbanização no Brasil; Capítulo 31 Indústria e energia no Brasil; Capítulo 32 O meio rural brasileiro.

Avaliações

Nota

Data

Avaliação em sala Estudo Dirigido

2,0

10/05 a 14/05

Prova Integrada

3,0

06/06/2012

Teste Bimestral Capítulos 30, 31 e 32.

2,0

11 a 15/06

Prova Bimestral - Capítulos 30,31 e 32

3,0

22/06

Obs.: As datas e conteúdos poderão ser alterados a critério do comando do colégio ou do professor. Se isso ocorrer, os alunos serão avisados previamente.

Brasília DF, 07 de maio de 2012.

Professor (a) Renata Costa e Silva

De Acordo Coordenador

CORPO DE BOMBEIRO MILITAR DO DISTRITO FEDERAL DEPARTAMENTO DE ENSINO, PESQUISA, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DIRETORIA

CORPO DE BOMBEIRO MILITAR DO DISTRITO FEDERAL DEPARTAMENTO DE ENSINO, PESQUISA, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DIRETORIA DE ENSINO CENTRO DE ORIENTAÇÃO E SUPERVISÃO DO ENSINO ASSISTENCIAL COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II

DO ENSINO ASSISTENCIAL COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II ENSINO FUNDAMENTAL 2ª SÉRIE DO ENSINO MÉDIO EMENTA

ENSINO FUNDAMENTAL 2ª SÉRIE DO ENSINO MÉDIO EMENTA DE HISTÓRIA - 2º BIMESTRE/2012

DATA

 

INSTRUMENTOS AVALIATIVOS

VALOR

TURMAS

21 a 25/5

Exercícios 1 a 3,

pág.367.

1,0

A B C D E

11

a 15/06

Verificação Dirigida: Capítulo 27 Império Napoleônico; Capítulo 28 Independência da América.

2,0

A B C D E

18

a 22/06

Exercícios 1 e 2, pág. 394.

1,0

A B C D E

06/06

Prova Integrada: Capítulo 27 Império Napoleônico; Capítulo 28 Independência da América.

3,0

A B C D E

 

19/6

Prova Bimestral: Capítulo 27 Império Napoleônico Capítulo 29 Independência da América Portuguesa.

3,0

A B C D E

 

MENÇÃO NO BIMESTRE

10,0

 

Obs.: As datas e conteúdos poderão ser alterados a critério do comando do colégio ou do professor. Se isso ocorrer, os alunos serão avisados previamente.

Professor (a)

Brasília DF, 14 de maio de 2012.

De Acordo Coordenador

CORPO DE BOMBEIRO MILITAR DO DISTRITO FEDERAL DEPARTAMENTO DE ENSINO, PESQUISA, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DIRETORIA

CORPO DE BOMBEIRO MILITAR DO DISTRITO FEDERAL DEPARTAMENTO DE ENSINO, PESQUISA, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DIRETORIA DE ENSINO CENTRO DE ORIENTAÇÃO E SUPERVISÃO DO ENSINO ASSISTENCIAL COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II

DO ENSINO ASSISTENCIAL COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II ENSINO FUNDAMENTAL 2ª SÉRIE DO ENSINO MÉDIO EMENTA

ENSINO FUNDAMENTAL 2ª SÉRIE DO ENSINO MÉDIO EMENTA DE INGLÊS - 2º BIMESTRE/2012

DATA

INSTRUMENTOS AVALIATIVOS

VALOR

TURMAS

28/05

     

e

TESTE DE INTERPRETAÇÃO Conteúdo: Texto

01/06

2,0

A B C D E

28/05

TESTE DE GRAMÁTICA Conteúdo: True cognate e false cognate; comparative e superlative; verb, adjective, adverb, noun.

   

à

01/06

2,0

A B C D E

06/06

PROVA INTEGRADA Conteúdo: Texto; true cognate; false cognate; comparative; superlative; verb; adjective; adverb; noun.

3,0

A B C D E

20/06

PROVA BIMESTRAL Conteúdo: Texto; true cognate; false cognate; comparative; superlative; (verb; adjective; adverb; noun); prepositions; (be; go; come).

3,0

A B C D E

 

MENÇÃO NO BIMESTRE

10,0

 

Obs.: As datas e conteúdos poderão ser alterados a critério do comando do colégio ou do professor. Se isso ocorrer, os alunos serão avisados previamente.

Professor (a)

Brasília DF, 15 de maio de 2012.

De Acordo Coordenador

. CORPO DE BOMBEIRO MILITAR DO DISTRITO FEDERAL DEPARTAMENTO DE ENSINO PESQUISA CIÊNCIA E TECNOLOGIA

.

CORPO DE BOMBEIRO MILITAR DO DISTRITO FEDERAL DEPARTAMENTO DE ENSINO PESQUISA CIÊNCIA E TECNOLOGIA DIRETORIA DE ENSINO CENTRO DE ORIENTAÇÃO E SUPERVISÃO DO ENSINO ASSISTENCIAL COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II

DO ENSINO ASSISTENCIAL COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II ENSINO MÉDIO 2º ANO EMENTA DE MATEMÁTICA 2º

ENSINO MÉDIO 2º ANO EMENTA DE MATEMÁTICA 2º BIMESTRE/2012

DATA

TURMAS

INSTRUMENTOS AVALIATIVOS

VALOR

   

Avaliação Dirigida I:

 

21/05

Cap. 4 Outras razões trigonométricas e adição de arcos.

a

A,B,C,D,E

Seção 4.1 Secante, cossecante e cotangente.

Seção 4.2 Identidades.

2,0

24/05

Seção 4.3 - Adição de arcos.

Seção 4.4 - Arco duplo.

   

Avaliação Dirigida II:

 

11/06

Cap. 5 Funções trigonométricas.

a

A,B,C,D,E

2,0

14/06

Seção 5.1 As funções seno e cosseno.

Seção 5.2 Movimentos periódicos.

   

Prova Integrada:

 

06/06

A,B,C,D,E

Cap. 4 Outras razões trigonométricas e adição de arcos. Cap. 5 Funções trigonométricas.

3,0

   

Prova bimestral:

 

22/06

A,B,C,D,E

Cap. 4 Outras razões trigonométricas e adição de arcos. Cap. 5 Funções trigonométricas.

3,0

 

MENÇÃO NO BIMESTRE

10

Obs.: As datas e conteúdos poderão ser alterados a critério do comando do colégio ou do professor. Se isso ocorrer, os alunos serão avisados previamente.

Brasília DF, 04 de maio de 2012

Professor (a) Profª Iracema, Prof. Almeida

De Acordo Coordenador

(a) Profª Iracema, Prof. Almeida De Acordo Coordenador CORPO DE BOMBEIRO MILITAR DO DISTRITO FEDERAL CENTRO

CORPO DE BOMBEIRO MILITAR DO DISTRITO FEDERAL CENTRO DE ORIENTAÇÃO E SUPERVISÃO AO ENSINO ASSISTENCIAL

CENTRO DE ORIENTAÇÃO E SUPERVISÃO AO ENSINO ASSISTENCIAL ENSINO MÉDIO 2º SÉRIE EMENTA DE MÚSICA 2º

ENSINO MÉDIO 2º SÉRIE EMENTA DE MÚSICA 2º BIMESTRE/2012

DATA

INSTRUMENTOS AVALIATIVOS

VALOR

TURMAS

17

a 21/05

Avaliação dirigida / análise das músicas:

2,0

A,B,C,D,E

 

Réquiem do Mozart e do Pe. José Maurício.

17

a 21/05

Avaliação dirigida / análise da música: Cantata nº 140 de Bach

2,0

A,B,C,D,E

06/06

Prova Integrada: Fado Tropical e período Clássico.

3,0

A,B,C,D,E

21/06

Prova Conjunta de Artes: período Clássico e intervalo.

3,0

A,B,C,D,E

 

MENÇÃO NO BIMESTRE

10,0

 

Obs.: As datas e conteúdos poderão ser alterados a critério do comando do colégio ou do professor. Se isso ocorrer, os alunos serão avisados previamente.

Brasília DF, 08 de maio de 2012

Sandra Melo

2º SGT Wanderley - 1402154

Professor (a)

De Acordo Coordenador

CORPO DE BOMBEIRO MILITAR DO DISTRITO FEDERAL DIRETORIA DE ENSINO E INSTRUÇÃO CENTRO DE ASSISTÊNCIA

CORPO DE BOMBEIRO MILITAR DO DISTRITO FEDERAL DIRETORIA DE ENSINO E INSTRUÇÃO CENTRO DE ASSISTÊNCIA AO ENSINO COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II

DE ASSISTÊNCIA AO ENSINO COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II ENSINO MÉDIO 2ª SÉRIE EMENTA DE LÍNGUA

ENSINO MÉDIO 2ª SÉRIE EMENTA DE LÍNGUA PORTUGUESA 2º BIMESTRE/2012

DATA

INSTRUMENTOS AVALIATIVOS

VALOR

TURMAS

22/05

Verificação Dirigida I: Avaliação oral sobre tipos de orações subordinadas substantivas e adjetivas.

1,0

 

A

B C

24/05

D

E

12/06

Teste: Realismo/ Naturalismo.

1,0

 

A

D E

14/06

B

C

06/06

Prova integrada

3,0

A B C D E

06/06

Prova Integrada: Literatura informativa; Literatura de catequese; Barroco; Tipos de sujeito e Tipos de predicado.

3,0

A B C D E

25/06

Teste II: Verificação dirigida sobre a obra Dom Casmurro

2,0

A D E

B

C

 

26/06

 

MENÇÃO NO BIMESTRE

10,0

 

Obs.: As datas e conteúdos poderão ser alterados a critério do comando do colégio ou do professor. Se isso ocorrer, os alunos serão avisados previamente.

Ana Paula Dias

Professora

Brasília DF, 11 de maio de 2012.

1º Sgt L. Santana mat.1404775

De Acordo Coordenador

CORPO DE BOMBEIRO MILITAR DO DISTRITO FEDERAL DEPARTAMENTO DE ENSINO PESQUISA CIÊNCIA E TECNOLOGIA DIRETORIA

CORPO DE BOMBEIRO MILITAR DO DISTRITO FEDERAL DEPARTAMENTO DE ENSINO PESQUISA CIÊNCIA E TECNOLOGIA DIRETORIA DE ENSINO CENTRO DE ORIENTAÇÃO E SUPERVISÃO DO ENSINO ASSISTENCIAL COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II

ENSINO MÉDIO 2ª SÉRIE EMENTA DE QUÍMICA 2º BIMESTRE 2012

MÉDIO 2ª SÉRIE EMENTA DE QUÍMICA 2º BIMESTRE 2012 DATA INSTRUMENTOS AVALIATIVOS VALOR TURMAS

DATA

INSTRUMENTOS AVALIATIVOS

VALOR

TURMAS

 

Prova Integrada:

   

Números Quânticos

Tabela Periódica

06/06/2012

Geometria Molecular

3,0

A, B, C, D, E

Polaridade

Ligações Químicas

 

Prova Bimestral:

   

Números Quânticos

Tabela Periódica

19/06 a 22/06

Geometria Molecular

3,0

A, B, C, D, E

Polaridade

Ligações Químicas

 

Teste Avaliativo

   

Números Quânticos

Tabela Periódica

11/06 a 15/06

Geometria Molecular

3,0

A, B, C, D, E

Polaridade

Ligações Químicas

 

Atividade Dirigida

   

Números Quânticos

11/06 a 15/06

Tabela Periódica

1,0

A, B, C, D, E

Geometria Molecular

 

Polaridade

   

Ligações Químicas

 

MENÇÃO NO BIMESTRE

10,0

 

Bibliografia:

REIS, Martha. Interatividade Química. Volume único, editora FTD, São Paulo,

2003.

MORTIMER, E. F. MACHADO, A. H. Química. São Paulo, 2002;

FELTRE, R. Química Geral. São Paulo, Moderna, 2000;

USBERCO, J. SALVADOR, E. Química. São Paulo, Saraiva, 2002;

Isaac Guimarães Lacerda Washington Luiz Souza Silva

Brasília DF, 11 de maio de 2012

Professores De Acordo Coordenador CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO DISTRITO FEDERAL DIRETORIA DE ENSINO E

Professores

De Acordo Coordenador

CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO DISTRITO FEDERAL DIRETORIA DE ENSINO E INSTRUÇÃO CENTRO DE ASSISTÊNCIA AO ENSINO COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II

DE ASSISTÊNCIA AO ENSINO COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II ENSINO MÉDIO – 2º SÉRIE EMENTA DE

ENSINO MÉDIO 2º SÉRIE EMENTA DE REDAÇÃO 2º BIMESTRE/2012

DATA

INSTRUMENTOS AVALIATIVOS

VALOR

TURMAS

03/05

1ª Verificação Dirigida: Entrevista (entrega em 24 e 25/05, conforme a turma)

 

B, C

 

2,0

 

04/05

A, D, E

24/05

   

C, E

25/05

2ª Verificação Dirigida: Notícia e Reportagem (teste)

1,0

A, B, D

 

Prova Integrada (PI):

   

Entrevista

06/06

Notícia

3,0

A, B, C, D, E

Reportagem

14/06

   

B, C

 

Estudos Dirigidos: Entrevista, Notícia e Reportagem

1,0

 

15/06

A, D, E

 

Prova bimestral:

   

Notícia

20/06

Reportagem

3,0

A, B, C, D, E

Entrevista

 

Paralelismo

   
 

MENÇÃO NO BIMESTRE

10,0

 

Obs.: As datas poderão ser alteradas a critério do comando do colégio ou do professor. Se isso ocorrer, os alunos serão avisados previamente.

Professor (a)
Professor (a)

Brasília DF, 11 de maio de 2012.

1º Sgt L. Santana mat. 1404775

De Acordo Coordenador

CORPO DE BOMBEIRO MILITAR DO DISTRITO FEDERAL DIRETORIA DE ENSINO COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II

CORPO DE BOMBEIRO MILITAR DO DISTRITO FEDERAL DIRETORIA DE ENSINO COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II

FEDERAL DIRETORIA DE ENSINO COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II ENSINO MÉDIO 2ª SÉRIE EMENTA DE SOCIOLOGIA/2012

ENSINO MÉDIO 2ª SÉRIE EMENTA DE SOCIOLOGIA/2012

DATA

INSTRUMENTOS AVALIATIVOS

VALOR

TURMAS

Semana

Estudo Dirigido

   

dos dias

Exercício realizado em sala, sobre os textos do Capítulo 6 indicado para o Bimestre.

1,0

A, B, C,

04/06 a

D

e E

08/06

   

06/06

Prova Integrada Capítulo 6, Poder e Estado Pág. 166/192

3,0

A, B, C,

D

e E

 

Elaboração de curta-metragem: este trabalho é em grupo e consiste na elaboração de um vídeo de curta-metragem em formato escolhido pela turma (documentário ou ficção). O produto final deve ter entre Cinco e Dez minutos. Aspectos cobrados:

   

Semana

1) Coerência na abordagem do tema; 2) Coesão em relação ao conteúdo estudado durante o bimestre; 3) Qualidade estética mínima;

dos dias

3,0

A, B, C,

11/06 a

TEMA: cidadania e convivência social

D

e E

15/06.

   

CALENDÁRIO FRAGMENTADO (semanal) 14/05: entrega das equipes 21/05: entrega do pré-roteiro (argumento) 28/05: entrega do roteiro final 11/06: entrega do curta-metragem;

Obs.: O vídeo dever ser desenvolvido em ambiente domiciliar ou escolar. Caso o grupo precise fazer alguma filmagem fora desses ambientes, a equipe deve apresentar, previamente, a professora a autorização dos pais de todos os participantes da filmagem.

19/06

Prova Bimestral Capítulo 6, Poder e Estado. Pág. 166/192

3,0

A, B, C,

D

e E

MENÇÃO NO BIMESTRE

10,0

MENÇÃO NO BIMESTRE 10,0

Obs.: As datas e conteúdos poderão ser alterados a critério do comando do colégio ou do professor. Se isso ocorrer, os alunos serão avisados previamente.

Se isso ocorrer, os alunos serão avisados previamente. Brasília – DF, 14 de maio de 2012

Brasília DF, 14 de maio de 2012

CORPO DE BOMBEIRO MILITAR DO DISTRITO FEDERAL CENTRO DE ORIENTAÇÃO E SUPERVISÃO AO ENSINO ASSISTENCIAL

CENTRO DE ORIENTAÇÃO E SUPERVISÃO AO ENSINO ASSISTENCIAL ENSINO MÉDIO 2ª SÉRIE EMENTA DE ARTES VISUAIS

ENSINO MÉDIO 2ª SÉRIE EMENTA DE ARTES VISUAIS 2º BIMESTRE/2012

INSTRUMENTOS AVALIATIVOS

VALOR

DATA

TURMAS

Atividades sobre fotografia: jornalística, foto documentário, foto publicitária, foto artística.(DUPLA)

 

23/05

B,C,D,E

2,0

25/05

A

   

13/06

B,C,D,E

Atividade sobre a obra Redenção de Cã (INDIVIDUAL)

2,0

15/06

A

Prova Conjunta de Artes capítulos: 3 e 4.

3,0

21/06

A,B,C,D,E.

Prova Integrada capítulos: 3 e 4.

3,0

06/06

A,B,C,D,E.

MENÇÃO NO BIMESTRE

10,0

 

Obs.: As datas e conteúdos poderão ser alterados a critério do comando do colégio ou do professor. Se isso ocorrer, os alunos serão avisados previamente.

Cleide Ximenis Chaves. Professor (a)

Brasília DF, 08 de maio de 2012.

2º SGT Wanderley - 1402154 De Acordo Coordenador