Você está na página 1de 13

Universidade do estado do Amapá

Bacharelado em Engenharia de Pescas


Segurança do trabalho na Engenharia de Pesca

HISTÓRICO DA SEGURANÇA DO TRABALHO NO


BRASIL E NO MUNDO

ACADÊMICOS:
Profª: Msc.
JANICE MONTEIRO
Marilu Amaral THAÍS RIBEIRO DOS SANTOS

MACAPÁ – AP 1
2018
Histórico da segurança Histórico da segurança Considerações
Introdução Fatos Referências
do trabalho no mundo do trabalho no Brasil Finais

• A Segurança do Trabalho pode ser entendida como o conjunto de medidas adotadas, visando minimizar os
acidentes de trabalho, doenças ocupacionais, bem como proteger a integridade e a capacidade de trabalho das
pessoas envolvidas.

• É definida por normas e leis. No Brasil a Legislação de Segurança do Trabalho baseia-se na Constituição Federal,
na Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), nas Normas Regulamentadoras e em outras leis complementares
como portarias, decretos e convenções internacionais da Organização Internacional do Trabalho (OIT) e
Organização Mundial da Saúde (OMS).

2
Histórico de segurança do Histórico da segurança do Considerações
Introdução Fatos Referências
trabalho no mundo trabalho no Brasil Finais

• Em 1956, George Bauer publicou um livro.

• Onze anos depois, surge a primeira monografia sobre as relações entre trabalho e doença, de auditoria
de Aureolus Theophrastus, que faz várias observações.

• Na civilização Greco-Romana, Aristóteles cuidou das enfermidades dos mineiros e tentava evitá-las.

• No século XVI, Paracelso estudou as afecções dos mineiros. Em 1700 - Bernardus Ramazzini (o pai da
medicina do trabalho) publicou sua obra "As doenças dos trabalhadores”.

• No século XVIII, surge então, quase um século mais tarde, na Inglaterra, a Revolução Industrial, um
mo0vimento que iria mudar toda a concepção em relação aos trabalhos realizados, e aos acidentes e
doenças profissionais que deles advinham.

• Com o aparecimento da máquina a vapor, as fábricas puderam ser instaladas nas grandes cidades onde
a mão-de-obra era conseguida com maior facilidade.

2
Histórico da segurança do Histórico da segurança do Considerações
Introdução Fatos Referências
trabalho no mundo trabalho no mundo Finais

• As operações de industrialização tornam-se simplificadas com a maquinaria introduzida na produção.


As tarefas a serem executadas pelo trabalhador eram repetitivas, o que levaram a um crescente número
de acidentes.

• Foi a mobilização dos trabalhadores em seus sindicatos que fez com que surgissem os direitos sociais
e coletivos, que marcaram o século XX.

• O artesão e sua família passam a trabalhar nas fábricas. Podemos dividi-la em 3 fases:
1. 1760 a 1830 - Se ateve praticamente a Inglaterra. Surgiram as primeiras máquinas movidas a vapor.

2. 1830 a 1900 - difundiu-se pela Europa e América. Surgiram novas formas de energia: Hidrelétrica e
novos combustíveis (gasolina).

3. 1900 em diante - Várias inovações surgiram: energia atômica, meios de comunicação rápida,
produção em massa.

2
Histórico da segurança do História da segurança Considerações
Introdução Fatos Referências
trabalho no mundo do trabalho no Brasil Finais

• 4° fase, a partir da década de 50, com o advento dos computadores. 1802 - O parlamento inglês através de
uma comissão de inquérito, aprovou a 1° lei de proteção aos trabalhadores: Lei de saúde e moral dos
aprendizes.

• Em 1831 - Na Inglaterra uma Comissão Parlamentar de Inquérito, elaborou um cuidadoso relatório.

• O impacto desse relatório sobre a opinião pública foi tão grande que surgiu, em 1833, a primeira legislação
eficiente para a proteção do trabalhador, o “Factory Act”.

• Surge então, o médico de fábrica com objetivo de submeter os menores trabalhadores a exame médico
pré-admissional e periódico, e preveni-los tanto às doenças ocupacionais quanto às não ocupacionais.

2
Histórico da segurança do Histórico da segurança do Considerações
Introdução Fatos Referências
trabalho no mundo trabalho no Brasil Finais

• 1844 - 1848 - A Grã - Bretanha aprova as primeiras Leis específicas de Segurança do Trabalho e saúde
pública.

• Criação de um órgão do Ministério do Trabalho, o “Factory Inspectorate”.

• Lei emitida em onze de maio de mil oitocentos e setenta e sete, a qual exigia a utilização de protetores
sobre correias de transmissão .

• No início do século XX, com a expansão e consolidação do modelo iniciado com a revolução industrial e
com a transnacionalização da economia, surgiu a necessidade de medidas e parâmetros comuns, como
regulamentação e organização do processo de trabalho, que uniformizassem os países produtores de
bens industrializados. Assim é, que foi criada a OIT(Organização Internacional do Trabalho) em 1919 -O
Brasil é membro fundador.
2
Materiais e Métodos Histórico da segurança Considerações
Introdução Fatos Referências
do trabalho no Brasil Finais

• O médico italiano Bernardino Ramazzini (1633-1714) foi o primeiro a escrever sobre doenças e
lesões relacionadas ao trabalho, em sua publicação de 1700 "De Morbis Artificum" (Doenças
ocupacionais).

• No século XIX, Frederick Winslow Taylor lançou seu livro "Administração Científica", com uma
abordagem que buscava a melhor maneira de executar um trabalho e suas tarefas.

• No início dos anos 1900, Frank Bunker Gilbreth e sua esposa Lilian expandiram os métodos de Taylor
para desenvolver "Estudos de Tempos e Movimentos" .

• Em 1949, K.F.H. Murrel, engenheiro inglês, começou a dar um conteúdo mais preciso a este termo, e
fez o reconhecimento desta disciplina científica criando a primeira associação nacional de
Ergonomia- (Ergonomic Research Society). O termo Ergonomia foi adotado nos principais países
europeus (a partir de 1950).
2
Materiais e Métodos Histórico da segurança doConsiderações
Introdução Fatos Referências
trabalho no Brasil Finais

Nos anos de 1967 e 1968, o norte americano Frank Bird analisou 297 companhias nos Estados Unidos da
América, sendo envolvidas nessa análise 170.000 pessoas de 21 grupos diferentes de trabalho. Neste período,
houveram 1.753.498 acidentes comunicados.

2
Histórico da segurança do Histórico da segurança Considerações
Introdução Fatos Referências
trabalho no mundo do trabalho no Brasil Finais

• Foi fundado o "National Council for Industrial Safety" (Conselho Nacional para Segurança Industrial).

• No ano de 1935, foi fundado em New York (E.UA.), o "Conselho Inter-Americano de Seguridad“.

• Em 1950, através de Comissão conjunta, a O.I.T. (Organização Internacional do Trabalho) e a OMS


(Organização Mundial da Saúde), estabeleceu-se os objetivos da saúde ocupacional.

• Em 1954, através de estudos e pesquisas, um grupo de dez peritos da Ásia, América do Norte e do
Sul, e da Europa, reuniu-se em Genebra chegando à conclusão que as, condições de trabalho variam
de país para país, e dentro de um mesmo país, encontramos tais variações.

• 43ª Conferência Internacional do Trabalho à recomendação número 112, a qual foi dado o seguinte
título: ”Recomendação para os serviços de saúde ocupacional, 1959”.

• Criada oficialmente em 1966, a Fundacentro teve os primeiros passos de sua história dados no início
da década, quando a preocupação com os altos índices de acidentes e doenças do trabalho crescia no
Governo e entre a sociedade. 2
Histórico da segurança Histórico de segurança Considerações Finais Referências
Introdução Fatos
do trabalho no mundo do trabalho no Brasil

• Com o aumento da industrialização do país a partir da década de 50, surgem os primeiros médicos
de empresa.

• Já nos anos 60, começaram a se sobressair os conceitos de prevenção e higiene ocupacional, que
ganharam um impulso maior com a classificação do Brasil como “Campeão Mundial de Acidentes de
Trabalho”, no início dos anos 70, em plena Ditadura Militar.

• Somente a partir do final dos anos 80 os conceitos de saúde do trabalhador começam a ganhar
espaço na sociedade brasileira.

• O modelo da "Saúde Ocupacional"; é aquele que caracteriza o Serviço Especializado em Segurança e


Medicina do Trabalho (SESMT) das empresas, normalmente denominado de: Departamento Médico;
Departamento de Segurança Industrial; Serviço de Saúde Ocupacional; Setor Médico; Medicina do
Trabalho; Segurança do Trabalho; Outros.

• No Brasil, a primeira lei contra acidentes surgiu em 1919.


2
Histórico de segurança Histórico da segurança do
Introdução Fatos Consideracões finais Referências
do trabalho no mundo trabalho no Brasil

• O ano de 1934, constitui-se num marco em nossa história, pois surge a nossa lei trabalhista.

• No setor privado, em 1941 é fundada a ABPA (Associação Brasileira para Prevenção de Acidentes), por um
grupo de pioneiros, sob patrocínio de algumas empresas. Em 1972, integrando o Plano de Valorização do
Trabalhador, o governo federal baixou a portaria nº 3237.

• Ainda nos anos 70, surge a figura do Engenheiro de Segurança do Trabalho nas empresas, devido exigência de
lei governamental.

• Em 1972, em um momento que o Brasil era o campeão mundial em acidentes e doenças relacionadas ao
trabalho. Foi instituído a criação do SESMT(Serviço Especializado em Segurança e Medicina do Trabalho0- por
forca de lei.

• A CIPA surgiu de uma recomendação do OIT (Organização Internacional do Trabalho) em 1921 e transformou-se
em determinação legal no Brasil em 1944, vinte e três anos depois (decreto-lei 7036, artigo82).

• Em 08 de junho de 1978, é criada a Portaria n◦ 3.214, que aprova as Normas Regulamentadoras - NR, relativas à
Segurança e Medicina do Trabalho, que obriga as empresas o seu cumprimento.

2
Histórico da segurança Histórico da segurança Considerações
Introdução fatos Referências
do trabalho no mundo do trabalho no Brasil Finais

A verdade é que nos últimos vinte anos, ocorreram no Brasil mais de 25 milhões de acidentes de
trabalho, com um milhão de sequelas permanentes e 86 mil óbitos. Isto mostra que as
tentativas passadas, através de leis, decretos, normas e procedimentos relacionados à saúde e
segurança do trabalhador, ainda não alcançaram os seus objetivos. Porém, o empregador, nos
últimos anos, passou a preocupar-se mais com a segurança, devido aos custos diretos e
indiretos que um acidente pode representar para sua empresa. Esta visão vem se
desenvolvendo de forma gradativa e tende a se expandir com os novos conceitos que estão
surgindo, relacionando a segurança com a qualidade e a produtividade.

Apesar dos avanços ocorridos, ainda temos que ampliar as ações técnicas dos profissionais de
segurança e saúde para todas as frentes de trabalho, contemplando as pequenas e médias
empresas, que não são obrigadas a contratar profissional especializado, embora tenham que
desenvolver ações prevencionistas.

2
Histórico da segurança Histórico de segurança Considerações
Introdução fatos Referências
do trabalho no mundo do trabalho no Brasil finais

CHIAVENATO, cleber. Introdução à segurança do trabalho. 1 .ed [S.I.: s.n], 2012. 30p.

BITENCOURT, Celso Lima; QUELHAS, Osvaldo Luis. HISTÓRICO DA EVOLUÇÃO DOS CONCEITOS DE
SEGURANÇA: Hist’torico. 1. ed. Niterói-RJ: [s.n], 2013. 5 p. v. 1.

PEIXOTO, Neventon Hofstadler. Segurança no trabalho. 1. ed. Santa Maria- RS: [s.n], 2011. 128 p.

SILVA, Diogo CôrtesUm sistema de gestão da segurança do trabalho alinhado à produtividade e à integridade
dos colaboradores. 2006. 48 p. Trabalho de Conclusão de curso ( Curso de Engenharia de Produção )- Faculdade de
Engenharis, Universidade Federal de Juíz de Fora, Juíz de Fora, 2006.

Interesses relacionados