Você está na página 1de 31

Medidas de Posição Moda(mo): É o valor (ou atributo) que ocorre com maior freqüência.

Moda Ex: 4,5,4,6,5,8,4,4 Mo = 4
Variavel qualitativa

1

Média
x =

x1 +x2 +x3 +... +xn
n

1 = i= n

∑ x

n

i

Ex:2,5,3,7,8 Média = [(2+5+3+7+8)/5]=5
2

A mediana é o valor da variável que ocupa a posição central de um conjunto de n dados ordenados. Posição da mediana: (n+1)/2 Ex: 2,5,3,7,8 Dados ordenados: 2,3,5,7,8 => (5+1)/2=3 => Md = 5

Mediana

Ex: 3,5,2,1,8,6 Dados ordenados:1,2,3,5,6,8 (6+1)/2=3,5 => Md=(3+5)/2=4 =>
3

Q2. Casos Particulares: Percentil 50 = mediana. em um conjunto de dados de tamanho n. O percentil de ordem p (ou p-quantil) deixa px100% das observações abaixo dele na amostra ordenada.5)) Percentil 25= primeiro quartil (Q1). q(0.25) Percentil 75= terceiro quartil (Q3) . é o valor da variável que ocupa a posição px(n+1) do conjunto de dados ordenados.q(0. segundo quartil(md.Percentis O percentil de ordem px100 (0<p<1).75) 4 . q(0.

0 3.9 5 .9 14.9 Ex(2):0.5 12.05 Posição de Q1:0.1 7.1)/2=3.1 5.7 6.7 =>n=10 Posição Md:0.7 Q3=12.0 33.75=> Q1=(2+2.05 Posição de Q3:0.3 5.6 =>n=11 Md=5.5(n+1)=0.7 2.0 1.1)/2=2.25(11)=2.9 1.75(11)=8.7+6.1)/2=4.9 2.Exemplos Ex(1): 1.3 Q1=1.2 12.1 2.0 2.5x11=>Md=(3+3.25=>Q3=(3.5 3.1 3.3 3.9 3.

7. G1 G2 0 0 10 10 G3 0 5 10 Temos : x 1 = x 3 = x 3 = 5 Md 1 = Md 3 = Md 3 = 5 6 . 5. 3.5. 6.9.5. Grupo 2: 1. e Grupo 3: 5.5.5. 7. 5. 4.Exemplo 2: Considere as notas de um teste de 3 grupos de alunos: Grupo 1: 3.

A=8 Grupo 3. A=4 Grupo 2.Medidas de Dispersão Finalidade: encontrar um valor que resuma a variabilidade de um conjunto de dados Amplitude (A): A=máx-min Para os grupos anteriores. A=0 7 . temos: Grupo 1.

05=2.5 e Q3=11.10.Min.5.Q2: importantes para se ter uma boa ideia da forma dos dados (simetrica ou assimetrica) e construir box-plots 8 .3.9-2.12 Q1=4.11.25 d =Q3-Q1=4.85 Max.Q3.Q1.2.Intervalo-Interquartil (d) É a diferença entre o terceiro quartil e o primeiro quartil. ou seja. d= Q3-Q1 Ex(1): 15.8.7.

+ ( x n − x ) = 2 2 2 n−1 = ( xi − x ) 2 ∑ i =1 n n−1 Desvio padrão S Desvio Padrão : S = Variância 9 ..Variância S 2 ( x1− x ) + ( x 2− x ) + ..

6.Cálculo da variância para o grupo 1: G1:3.58 S = 3. 4.5 = 1.16 S =0 10 . 5.5 G 2 : S = 10 G3 : S = 0 2 2 S = 1.5 5− 1 4 x =5 Desvio padrão 2 S = 2. 7: Vimos que: (3 − 5) 2 + (4 − 5) 2 + (5 − 5) 2 + (6 − 5) 2 + (7 − 5) 2 1 0 S2 = = = 2.58 G1 : S = 2.

Coeficiente de Variação (CV)  É uma medida de dispersão relativa.  Elimina o efeito da magnitude dos dados.  Exprime a variabilidade em relação a média  Útil Comparar duas ou mais variáveis S CV = ×100 % X 11 .

os alunos são.143m 50Kg Desvio padrão 0. duas vezes mais dispersos quanto ao peso do que quanto a altura 12 . aproximadamente.Exemplo 4: Altura e peso de alunos Média Altura Peso 1.5% 12% Conclusão: Com relação as médias.063m 6kg Coeficiente de variação 5.

Tabela de freqüência: relaciona categorias (ou classes) de valores. juntamente com contagem (ou freqüências) do número de valores que se enquadram em cada categoria ou classe. gráfico setorial ou em forma de pizza. Variáveis qualitativas: Podemos construir tabela de freqüência que os quantificam por categoria de classificação e sua representação gráfica é mediante gráfico de barras. 1. 13 .ORGANIZAÇÃO E REPRESENTAÇÃO DOS DADOS Uma das formas de organizar e resumir a informação contida em dados observados é por meio de tabela de freqüências e gráficos.

5000 0.(Variável qualitativa) Grau de instrução 1o Grau 2o Grau Superior total Tabela de freqüência Contagem fi 12 18 6 n=36 f ri 0.0000 f ri % 33.3333 0.1667 1.7% 100% fi f ri :Frequência da categoria i (número de indivíduos que pertencem à categoria i f = i : Frequência relativa da categoria i n f ri % = f ri *100% : Frequência relativa percentual da categoria i 14 .3% 50 % 16.Exemplo 1: Considere ao variável grau de Instrução dos dados da tabela 1.

Representação gráfica de variáveis qualitativas • Gráfico de Barras • Diagrama circular. 0 00 % 1. 0 00 % 00 % . 0 00 % 4. 0 00 % 5. de sectores ou em forma de “pizza” D ga ad b ra p r av rá e i r m e ar s aa ai v l a ga d i sr ç o r u e n t uã 6.0 1 Gu o r a 2 Gu o r a Sp r r u eio 1. 3 33 % 3. 0 00 % 2. 0 00 % 15 . 0 67 % 5. 0 00 % 3.

0% S e r (1 .Diagrama circular para a variavel grau de instrução 1 G (33 ) o rau .3% D ia g r a m a c ir c u la r p a r a a v a r iá v e l g r a in s t r u ç ã o S u p e r io r 17% 1 o G ra u 33% 2oG (50 ) rau .7% up rio 6 ) 2 o G ra u 50% 16 .

Organização e representação de variáveis quantitativas 2. segundo o número de filhos i 1 2 3 4 5 Número de filhos (Xi ) 0 1 2 3 5 total Número de funcionários (fi ) 4 5 7 3 1 20 % de funcionários (fri) 20% 25% 35% 15% 5% 100% 17 .1 Quantitativas discretos: Organizam-se mediante tabelas de frequências e a representação gráfica é mediante gráfico de barras Exemplo: Considere a variável número de filhos dos dados da tabela 1. Tabela 2.1:Distribuição de freqüências de funcionários da empresa.2.

1 podemos recuperar as 20 observação da tabela 1. ou seja.Observação 1: A partir da tabela 2.1. aqui não temos perda de informação dos dados originais. Representação gráfica : Diagrama de Barras 35 35% Mo=2 % de funcionários 25 20% 25% 15% 15 5% 5 0 1 2 3 4 5 Número de filhos 18 .

1 e determine a média de filhos dos funcionários.65 20 20 Dados ordenados: 0 0 0 0 1 1 1 1 1 2 2 2 2 2 2 2 3 3 3 5 => (20+1)/2=10.Determinação das medidas de posição e medidas de dispersão para variáveis quantitativas discretas agrupados em tabela de freqüências: • Média: X 1 f1 + X 2 f 2 +  + X k f k X= = n ∑X i =1 k i fi n Exemplo: Considere a tabela 2.5 => Md = (2+2) /2=2 19 . X= • Mediana: 0 × 4 + 1 × 5 + 2 × 7 + 3 × 3 + 5 × 1 33 = = 1.

65) 2 + 7(2 − 1.65) 2 S = 19 16.858553 19 Desvio padrão: S = S 2 = 0.927 20 .• Variância: ( X 1 − X ) 2 f1 + ( X 2 − X ) 2 f 2 +  + ( X k − X ) 2 f k S = = n −1 2 ∑(X i =1 k i − X )2 fi Cálculo da variância para os dados da tabela 2.65) 2 + 3(3 − 1.65) 2 + (5 − 1.65) 2 + 5(1 − 1.3125 = = 0.1 2 n −1 4(0 − 1.858553 = 0.

0). Como proceder a construir uma tabela de frequência nestes casos? A alternativa consiste em construir classes ou faixas de valores e contar o número de ocorrências em cada faixa No caso da variavel salario podemos considerar as seguintes faixas de valores: [4.2... 7.10.. NOTAÇÃO: 4..0 21 ... [7.0.2 Quantitativas continuas: Os seus valores podem ser qualquer número real e ainda geralmente existe um grande nùmero de valores diferentes.0.0|----7.0).

PR E O IM IR IN R A O TE V L : L 1 =M I IN : L 1 = LI 1 + h S : L ite inferior im L ite superior im 22 . 3. Calcule o comprimento de cada intervalo de classe (h): h = k 5.2 Procedimento de construção de tabelas de freqüência para variáveis contínuas: 1. Arredonde o valor de h de forma que seja obtido um número conveniente. Identifique o menor valor (MIN) e o valor máximo (MAX) dos dados. Obtenha os limites de cada intervalo de classe. Escolha o número de intervalos de classe (k) 2.2. Calcule a amplitude dos dados (A): A=MAX –MIN A 4. 6.

SGNO E UD IN E V L T RAO : L ite in rio im fe r : L 2 =L 1 I S L ite im s p rio ue r :L S 2 =L I 2 +h : k . Os intervalos são fechados á esquerda e aberta à direita: NOTAÇÃO:|---- 23 .É IM S O L ite im L ite im IN E V L T R AO :L I k in rio fe r s p rio ue r =L S k k− 1 k :L S =L I +h 7. constituída pelas seguintes colunas: • Número de ordem de cada intervalo (i) • Limites de cada intervalo. Construa uma tabela de freqüências.

•Freqüências acumuladas absolutas de cada intervalo de classe. ou Fri = n 24 . Fri = f r1 + f r2 +  + f ri = ∑ i j =1 Fi f r j . •Freqüências absolutas de cada intervalo de classe. Fi = f 1 + f 2 + + f i = ∑f j= 1 i j •Freqüências acumuladas relativa de cada intervalo de classe.• Ponto médio (ou marca de classe) de cada intervalo de classe: X í´ LS i + LI i = 2 • Contagem dos dados pertencentes a cada intervalo. •Freqüências relativas de cada intervalo de classe.

MAX=23.9 +3. h=19.30 4.9 6.30-4=19. 3. MIN=4.9 =1 . h≈ 3. Procedimento: 1. Considere k=5.3/5=3.9 =7. intervalos foram gerados seguindo o 25 . 2. Cálculo dos limites de cada intervalo: P IM IR R E O L 1 =4 I L 1 =4 +3.9 =7.9 S SGN O E U D L I L S 2 2 IN E V L TR AO IN E V L TR AO =7.30. A=MAX-MIN=23.Exemplo: Considere a variável salário da empresa comercializadora de produtos de informática.86 5.8 1 Os demais limites dos procedimento anterior.

9 + 11.23.85.277778 0. i Intervalos de classe 4.7...75 17.000000 Freqüência Acumulada Absoluta (F i) 10 22 29 35 36 Freqüência Acumulada Relativa ( Fri ) 0.9 7.194444 0.8 11.9 |-.8) = 9.277778 0.7 15.15.027778 1.55 Freqüência Freqüência Absoluta (f i) Relativa ( f ri ) 10 12 7 6 1 36 0.6 |-. 2 ´ X2 = ( 7.166667 0.95.611111 0.8 |-.972222 1 1 2 3 4 5 26 .6 19.333333 0.19.95 9..5 Total Ponto médio (X´ i) 5.7 |-.2: Distribuição de freqüências da variável salário.´ • Ponto médio:X 1 = ( 4 + 7. Tabela 2.805556 0.11..9) = 5.0 | -. 2 De forma similar obtém-se os outros pontos médios.65 21.85 13.

78% % de funcionários 20 19.67% 10 2.33% 30 27.7 19.Representação gráfica: • Histograma de freqüências relativas (em %) para a variável salário 33.5 Salário 27 .44% 16.7% 0 4.6 23.9 11.0 7.8 15.

11% 50 27.• Histograma de freqüência acumulada relativa (em %) Aprox.8 15.78% 97. 19% dos empregados possuim salário superior a 16 salários mínimos Salario 28 . 61% dos empregados possuim salário inferior a 12 salarios mínimos Frequência acum ulada percentual (%) 100 80.5 Aprox.6 23.9 11.56% 61.7 19.0 7.22% 100% 0 4.

Gráfico de Ramo e Folhas: Variável salário 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23   30 00 56 25 73 26 66 86 39 44 59 12 46 74 95 13 35 77 80 53 76 06 59 00 79 23 60 85 69 71 99 22 61 26 75 40 • Valores concentrados entre 4 e 19 • Leve assimetria na direção dos valores grandes( assimétrica à direita) • Destaque do valor 23.30 29 .

15 35 Se calculamos a média para dados não agrupados apresentadas anteriormente resulta: X = X 1 + X 2 + + X 36 4 + 4. • Média: X = ´ X1 f 1 + X f 2 + X f k = n ´ 2 ´ k ∑X i= 1 k ´ i fi n Exemplo: Considere a tabela 2.Medidas de posição e medidas de dispersão para variáveis contínuas agrupadas em tabela de freqüências. Porque? 30 .55 ×1 36 401.4 = = 11.122 36 36 Este resultado difere do valor obtido anteriormente.85 ×12 +13 .30 = =11.65 × 6 + 21.2 X = 5.36 + + 23 .75 × 7 +17 .95 ×10 + 9.

2.9 7.5 Total X´i 5.32 253.8 |-.47105 (Desvio Padrão) 31 .40 20.66 fi 10 12 7 6 1 36 ( ) 2 S2 = ∑ f (X 5 i i =1 ´ i −X ) 2 36 − 1 = 699.99029 ⇒ 35 S = 4.11.23.6 19.7.65 21.15.0 |-. Vimos que i 1 2 3 4 5 Intervalos de classe 4.85 13.16 699.8 11.50 108.7 15.19.95 9.28 47.• Variância: S2 = ∑ f (X k i i =1 ´ i −X ) 2 n −1 Exemplo: Considere a tabela 2.15 f i X i´ − X 270.75 17.55 X = 11.66 = 19.6 |-.9 |-.7 |-.