Você está na página 1de 7

Educação Sexual

(Con)viver
com a
Sexualidade

Curso de Formação: “Educar para Estilos de Vida Saudáveis


-Metodologias de Intervenção na Escola-”

Paula Fonseca
A OMS – Organização Mundial de Saúde – definiu sexualidade como uma energia
que encontra a sua expressão física, psicológica e social no desejo de contacto, ternura e às vezes amor.

Sexualidade

Indivíduo como um todo

Conhecimentos Vertente
anatómicos e psico-afectiva
fisiológicos e emocional
Insegurança que este tema naturalmente desencadeia

Comportamentos discriminatórios
entre sexos
Desvalorização da afectividade
Conceito pouco positivo da sexualidade

Fraca auto-estima

Gravidez na
Identificação
adolescência
do grupo de problemas

Falta de valores

Fraca participação dos Atitude negativa relativamente ao


pais/E.E próprio corpo

Poucos conhecimentos relativos à fisiologia


da reprodução e da resposta sexual humana
P
A Alunos

R
A

Q Educação
Sexual
U
E
Pais

M Professores e
E.E.

?
Objectivos

Alunos Professores Pais/E.E.

- Adquirir Conhecimentos

- Trabalhar sentimentos e
- Promover a criação
atitudes - Garantir/promover
de um perfil desejável
a participação dos Pais/E.E.
do Professor
- Desenvolver competências
individuais
• Diagnóstico das Necessidades de Formação

A •Sessão de Sensibilização

Alunos •Técnicas de partilha de informação

C •Técnicas de treino de competências específicas

•Técnicas de debate e clarificação de opiniões, valores e

T atitudes

I
V Professores • Sessão de Formação

I
D
A
D
E
• Sessão de sensibilização
Pais/E.E.

S
AVALIAÇÃO

ACTIVIDADES PROJECTO

•Nº de alunos participantes •Relatório intermédio e final


•Auto e hetero –avaliação
(grelhas)