Você está na página 1de 9

MEC 380 Instalações Industriais

TRABALHO DE MEC 380

1-Objetivo

Numa instalação de vapor, tem-se uma caldeira que alimenta 05 processos (figuras 1 e 2). O vapor sai da caldeira como vapor saturado a temperatura T1. Os dados dos processos são mostrados a seguir:

Processo 1: aquecimento de “M1” kg/s de óleo querosene desde a temperatura “T2até a temperatura “T3”, que deverá ser utilizado como solvente. O vapor deve sair deste processo com título de 40% Processo 2: aquecimento de “M2” kg/s de salmoura (com 20% de cloreto de sódio em massa) desde a temperatura “T4” até a temperatura “T5. O vapor deve sair deste processo com título de 32% Processo 3: Neste processo o vapor é utilizado para promover a evaporação “M3” kg/s de água fria, que está à temperatura “T6” e pressão atmosférica. Processo 4: este processo refere-se a cozinha do restaurante da empresa. O restaurante atende “X” pessoas no almoço e “X” no jantar. Processo 5: este processo refere-se à uma lavanderia, que realiza a lavagem de “Y” kg de roupa por dia.

Cada grupo será responsável por um projeto, de acordo com a tabela abaixo

Grupo

Número do Projeto

01

1

02

2

03

3

04

4

05

5

06

6

07

7

08

8

09

9

10

10

11

11

12

12

13

13

14

14

15

15

16

16

MEC 380 Instalações Industriais

2-Informações técnicas adicionais:

2.1)Em todas as situações em que a água estiver como líquido comprimido, poderão ser utilizadas as propriedades de líquido saturado. 2.2)Com relação ao restaurante e à lavanderia, vocês devem pesquisar em função dos dados, as necessidades de vapor. Em todas as situações, sempre deve ser utilizado o bom censo do futuro engenheiro. 2.3)Como as tubulações não possuem isolamento térmico perfeito, sempre haverá uma perda de calor nas mesmas. Logo, considerar nos cálculos uma perda de calor de 0,2kJ/kg para cada metro de tubulação. 2.4)Com relação ao condensado, não será necessário determinar a linha de condensado, somente os purgadores de vapor. 2.5)Nas figuras 1 e 2 são mostradas o lay-out das fábricas possíveis. Nesta figura estão indicadas as distâncias “L” em metros entre os diversos elementos da fábrica.

3-Documentos a serem entregues 3.1)Cálculo da energia de vapor em kJ/kg necessária para cada processo e as respectivas vazão em massa de vapor em kg/h. Calcular também o título do vapor na entrada de cada processo. No final deverá ser elaborada uma tabela contendo o processo, a energia de vapor requerida, a vazão em massa de vapor requerida e o título do vapor. Especificar as informações técnicas da caldeira (pressão, capacidade em ton/h e tipo de caldeira). 3.2)Dimensionamento e seleção das tubulações de vapor. Após o dimensionamento, deverá ser feita uma tabela definitiva contendo a referência da tubulação, o comprimento, o diâmetro, a velocidade e a perda de carga. 3.3)Determinação e seleção dos purgadores de vapor a serem instalados nas linhas de vapor para extração do condensado. Deverá ser feita uma tabela indicando a referência da tubulação de vapor, o tipo de purgador, a vazão de condensado a ser extraído em kg/h, a dimensão principal do purgador. 3.4)Desenho isométrico da instalação desde a saída da caldeira até a entrada de cada processo. Neste desenho deverão ser indicados também os purgadores. 3.5)Lista de materiais. Identificar a posição dos componentes no desenho e fazer uma lista contendo: posição do componente, nome do componente, quantidade, material, massa.

MEC 380 Instalações Industriais

Exemplo:

01

Purgador DN ½”

 

05

Aço carbono

0,5kg

02

Tubo DN ½” schedule

15m

Aço

carbono

3,0kg

80

A106

03

Válvula

de

retenção

04

Aço carbono

0,5kg

DN½”

posição

componente

 

quantidade

material

massa

3.6)Trabalho completo, consolidado com todas as informações e documentos dos itens anteriores.

4-Cronograma e Pontuação de cada tarefa

Tarefa

Data de entrega

Pontos

1-Entrega dos documentos do item 3.1

31/07

30,0

2-Entrega dos documentos dos itens 3.2 e 3.3

14/08

45,0

3-Entrega dos documentos dos itens 3.4, 3.5 e 3.6(*)

23/08

25,0

 

Total de Pontos =

100,0

(*)Com relação à entrega da 3ª tarefa, caso seja interessante para o grupo entregar antes, não há problema.

5-Informações Importantes

5.1)Deverá ser feito em grupos de 03 ou 04 membros.

5.2)Não poderão haver dois ou mais projetos iguais sob pena dos envolvidos perderem

os pontos.

5.3)Os documentos deverão ser feitos em arquivos word.

deverão ser

reais, ou seja, selecionados de catálogo de fabricantes. O fabricante muito utilizado,

com uma gama imensa de produtos e de informações técnicas e tutoriais é a Spirax-

Sarco.

5.4)Os componentes da instalação (tubos, válvulas, purgadores, etc

)

5.5)Para a realização do trabalho, as informações devem ser buscadas não somente

nos slides de aula. Entre outras, podem ser utilizadas principalmente:

-Tutorial da Spirax-sarco Trabalho MEC380

pag. 3

MEC 380 Instalações Industriais

-Tutorial da Spirax-sarco

-Macintyre, A. J. Instalações Hidráulicas - Prediais e Industriais. Rio de Janeiro: LTC,

1996.

-Telles, P. C. S. Tubulações Industriais - Materiais, Projeto, Montagem. 10 a edição. Rio de Janeiro: LTC. -Cengel, Y. A.; Boles, M. A. Termodinâmica. 5a edição. São Paulo: McGraw-Hill, 2006

MEC 380 Instalações Industriais

6-Lay-out das Fábricas

MEC 380 – Instalações Industriais 6-Lay-out das Fábricas Trabalho MEC380 pag. 5
MEC 380 – Instalações Industriais 6-Lay-out das Fábricas Trabalho MEC380 pag. 5

MEC 380 Instalações Industriais

7-Grupos

Grupo

Membros

01

TAYNARA FREITAS, ICARO MARTINS, FELIPE TORRES

02

CAMILA MATHEUS CARINE SARAIVA CARLOS VINICIUS BETHÂNIA BARROS

03

KAIO FREITAS RICARDO CABRAL FELIPE TORGA CONRADO BOTELHO

04

TERCIUS NSCIMENTO BRUNO ALVES TATIANA Y FRANCISCO ORTEGA

05

LAURA HERINGER AFONSO JUNIOR RICARDO ANDERSON TIAGO PINHEIRO

06

ANITA MARTINS OLIVIA BRANT RAFAELA MATTOS KARINA CARDOSO

07

TULIO MACEDO

LUIZ GRIPP

PEDRO FROIS

ANDRÉ GUEDES

08

ADOLFO VICENTE LORRAINE GODOY RAFAEL BÁRCIA

09

TIAGO ELIAS COSTA RAFAEL NETO RONAN BARBOSA

10

HEIDER OLIVEIRA JONAS AMARAL EDUARDO AMORIM ICARO SÁVIO

11

EDUARDO ARAUJO JORGE LUCAS RENATO CARDOSO NATÁLIA BARBOSA

MEC 380 Instalações Industriais

12

RAFAELA PAIXÃO GRAZIELE RIBEIRO KÍVIA MOTA

13

LETICIA PIASSI IARA SANTIAGO LORENA MENEGUCCI

14

MARILIA FONTES ALINE CARNEIRO LUCAS PIMENTEL OBERDAN PALHARES

15

MIGUEL FILHO ULISSES OLIVEIRA RAFAEL SANTANA

16

NÁBILA FONSECA AMANDA BRUNORO DANIELA LAGE MARINA GALVÃO

MEC 380 Instalações Industriais

8-Tabela de Dados

Projeto

Fábrica

T1

T2

T3

T4

T5

T6

M1

M2

M3

X

Y

La

Lb

Lc

Ld

Le

1

1

160

30,00

49,00

20,00

36,00

15,00

0,20

2,30

0,17

50

40

39

30

42

45

48

2

2

190

67,83

98,18

39,60

61,48

29,00

2,36

2,26

1,18

192

154

94

72

101

108

115

3

1

170

40,15

62,19

25,53

43,18

20,00

0,81

1,95

0,77

95

76

59

45

63

68

72

4

2

185

56,95

84,03

34,21

54,47

26,00

1,76

0,15

2,51

149

119

82

63

88

95

101

5

2

165

76,21

109,07

43,66

66,75

31,00

0,26

2,69

0,88

226

181

101

78

109

117

125

6

1

170

37,87

59,24

24,31

41,60

19,00

0,67

0,61

0,64

86

69

55

42

59

63

67

7

2

180

90,77

128,00

50,54

75,70

34,00

3,56

2,74

3,48

277

222

113

87

122

131

139

8

1

175

45,11

68,64

28,14

46,58

22,00

1,10

1,03

1,05

113

90

66

51

71

77

82

9

2

190

63,99

93,18

37,71

59,03

28,00

2,15

2,05

2,09

175

140

90

69

97

104

110

10

1

180

50,68

75,89

31,03

50,33

24,00

1,41

1,34

2,93

131

105

74

57

80

86

91

11

2

180

53,73

79,84

32,58

52,35

25,00

1,58

1,50

2,80

140

112

78

60

84

90

96

12

1

175

47,82

72,16

29,55

48,41

23,00

1,25

1,53

1,21

122

98

70

54

76

81

86

13

2

185

60,37

88,48

35,92

56,69

27,00

3,22

0,49

1,90

158

126

86

66

92

99

106

14

2

170

80,78

115,02

45,84

69,59

32,00

3,04

0,74

2,97

243

194

105

81

113

122

130

15

1

165

35,73

56,45

23,15

40,10

18,00

0,55

3,29

0,51

77

62

51

39

55

59

62

16

2

160

71,90

103,47

41,58

64,05

30,00

1,37

2,47

3,43

209

167

98

75

105

113

120

As temperaturas estão em ºC.

MEC 380 Instalações Industriais