Você está na página 1de 32

ENERGIA AONDE IR

“É preciso uma w w w.o j e . pt


Descanso no Monte
revolução” do Carmo
P14 P18
Número 374 • Quarta-feira, 6 de Fevereiro de 2008 O JORNAL ECONÓMICO Preço: 1cênt. • Director: Álvaro de Mendonça
PUB

S&SRS lança pack financeiro Lisboa-Londres


ADVOGADOS criada no âmbito do Departamento de Simmons & Simmons e nos departa- Os serviços serão prestados a partir
Mercados Financeiros da S&SRS, com mentos jurídicos de bancos de investi- de Lisboa, com o suporte permanente
A SIMMONS & Simmons Rebelo de uma vasta experiência na prestação de mento como a Goldman Sachs e a do Financial Markets Department da
Sousa (S&SRS) lançou um novo serviço serviços jurídicos a instituições finan- Morgan Stanley, podemos assegurar Simmons & Simmons em Londres, com
de assessoria jurídica para operações e ceiras nacionais e internacionais simultaneamente a assessoria jurídica vantagens para o cliente, uma vez que
transacções globais, com componentes naquele tipo de operações. das leis portuguesa e inglesa", explicou os custos serão calculados com base
simultâneas das leis portuguesa e "Com base nessa experiência, e no ao OJE, Alexandra Maia de Loureiro, nos rates horários em vigor em Lisboa,
inglesa. O denominado Projecto Banga- facto de alguns dos nossos advogados partner da S&SRS e uma das advogadas evitando as taxas mais elevadas de
lore consiste numa unidade especial, terem trabalhado em Londres, na directamente envolvidas no projecto. Londres. VER PÁG. 5

PUB

Mota Engil Millennium


grego cresce

concorre Pág. 5

Lula analisa
Vivo/TIM
Pág. 4

na Hungria Yahoo!
encurralado
Pág. 6

Sonangol tem

AUTO-ESTRADAS 150,2 mil milhões de forints (582,9 mi-


lhões de euros), informa o mesmo comu-
A CONSTRUTORA portuguesa Mota
Engil, a austríaca Strabag e a alemã
nicado. A empreitada refere-se à ligação
viária entre a capital Budapeste e a novo poço
Bilfinger Berger estão entre as candi- cidade de Pecs, no Sul, a uma distância Pág. 8
datas à adjudicação de um contrato para de 200 quilómetros.
a construção de um troço de auto-estra- Este é mais de um dos muitos projec-
da na Hungria, anunciou ontem o gover- tos de investimentos em infra estruturas AnheuserBusch
no de Budapeste. em curso na Hungria, país que desde o
Grupos liderados por estas sociedades,
assim como um consórcio presidido pelo
ano de 2002 já duplicou a sua rede de
auto-estradas e tem mais projectos de
com Inbev?
austríaco Swietelsky, estão em com- expansão. Pág. 4
petição para construir e financiar 65,1 Os países do Centro e Leste da União
km de auto-estrada, e assegurar um con- Europeia, tais como a Hungria, Repú- MERCADOS
trato que assegure a manutenção desta blica Checa, Eslováquia, Roménia têm Cotação Variação
infra estrutura por 30 anos, indicou o vindo nos últimos anos a reforçar os PSI 20 11.078,21 -3,48%
ministério da Economia húngaro num seus investimentos em estradas e outras FTSE 100 5.868,00 -2,63%
comunicado ontem divulgado por cor- infra estruturas, melhorando as respec- DOW Ind. 12.409,42 -1,79%
reio electrónico. tivas redes rodoviárias para atingir os €/$ 1,4649
O contrato de construção e padrões em vigor na União Europeia, €/£ 0,7454
manutenção está é avaliado em cerca de que apoia grande parte destes projectos. Brent 89,34
PUB

espaços de negócios
CAPA ENTREVISTA ESPAÇOS
Venda de activos imobiliários Sandra Campos Partner O grupo Casais e o arquitecto
do Grupo Santander da C&W defende novas Souto Moura assinam o museu
pela CB Richard Ellis regras para de Paula Rego em Cascais. Uma
é o maior negócio na Europa o comércio de rua obra de quatro milhões de euros
European Office Agency Team
Pág. IV Págs. II e III Pág. VIII of the Year
European Property Awards
QUARTA-FEIRA
2 6 de Fevereiro de 2008 PUBLICIDADE
QUARTA-FEIRA
PUBLICIDADE 6 de Fevereiro de 2008 3
QUARTA-FEIRA
4 06 de Fevereiro de 2008 NEGÓCIOS

NOTA
Depois de promover um gigante nacional, ACS negoceia
MARGENS DO OCEANO
com utilities
José Sócrates rejubila com uma
revisão em alta, de uma décima,
na taxa de crescimento da econo-
mia. Em vez dos programados
Lula discute fusão entre TIM e Vivo europeias
1,8%, o PIB terá crescido 1,9%,


TELECOMUNICAÇÕES ENERGIA

em 2007. PORMILENA MELO cações, Hélio Costa, do presidente duas operadoras para tentar mini-
Nos EUA, o presidente Bush Luiz Inácio Lula da Silva e da minis- mizar a repercussão negativa provo- A ACS, a maior accionista da
recebe uma unanimidade de A POSSIBILIDADE de mudar as tra-chefe da Casa Civil, Dilma cada pelo apoio dado à fusão de duas Iberdrola, tem mantido conversações
apoios (da oposição democrata ao regras do sector de telecomunicações Rousseff. A Telefónica é accionista empresas nacionais: a Brasil Telecom com a Électricité de France (EDF)
pleno dos economistas), ao maior no Brasil para permitir uma fusão das duas operadoras móveis que, (BrT) e a Oi (antiga Telemar). Lula sobre a Iberdrola, mas também com
pacote financeiro anti-recessão, entre TIM e Vivo (controlada pela juntas, teriam 53,5% do mercado chegou inclusive a considerar alterar outras utilities europeias. Quem o
porque a economia americana Portugal Telecom e pela telefónica) nacional. a actual legislação, que não permite afirma é o presidente da Al ba
cresceu apenas 2,2%, em 2007. foi discutida no final da semana pas- De acordo com a imprensa que um grupo tenha mais do que Corporación Financiera, que detém
Bizarro como as margens do sada, numa reunião que contou com brasileira, o executivo brasileiro uma concessão em regiões conside- mais de 22% da ACS.
oceano afectam as perspectivas. a presença do ministro das Comuni- estaria a considerar a fusão entre as radas estratégicas. As declarações de Carlos March
AM surgem numa altura em que se
intensificam as notícias e os rumores
ALTA VELOCIDADE: Alstom lança o AGV de que a construtora espanhola e a
maior eléctrica europeia se prepa-
ram para lançar uma oferta sobre a
Iberdrola.
“A ACS mantém o desejo de ser
protagonista da previsível reestrutu-
Publicado em todos os dias úteis ração do sector energético”, afirmou
March.
Propriedade A Al ba anunciou que tem mantido
Megafin Sociedade Editora S.A. contacto com a EDF, mas também
Registo na ERCS N.º 223731
Nº de Depósito Legal: 245365/06 com as alemãs E.ON e RWE e as
espanholas Repsol e Gás Natural,
Sede acerca do futuro da Iberdrola e tam-
Avenida da República, 90 bém da Union Fenosa.
Piso 1 - Fracção 5 A ACS é a maior accionista das duas
1600-210 Lisboa empresas.
Tel: 21 792 20 70 Fax: 21 792 20 99 Em declarações à agência
Email: geral@oje.pt Bloomberg, fonte oficial da EDF
adiantou que a companhia francesa
Redacção não tomou ainda uma decisão sobre
Director a Iberdrola, adiantando que "há
Álvaro Mendonça muitos caminhos possíveis" para a
Chefe de Redacção empresa espanhola.
João Bugalho
Redactores
Armanda Alexandre, Carolina
de Almeida, Helena Rua, Isabel Cabral, Luís
SocGen na mira
Gonçalves, Mafalda Simões Monteiro, Marta
de Sousa, Milena Melo, Pedro Assis Conceição
Pedro Teixeira e Vítor Norinha
NICOLAS Sarkozy presidiu ontem à cerimónia de apresentação de uma nova geração do TGV francês, que a Altom vai produzir em La
Rochelle. O AGV, de Automotrice Grande Vitesse, atingirá os 360 km/h de velocidade em composições que podem variar das sete às
do Crédit Agricole
Arte catorze carruagens e de 250 a 650 passageiros. FOTO PIERRE ERIC/EPA
BANCA


Maria Tavares de Almeida
e Paulo Parente
O CRÉDIT Agricole poderá vir a
Fotografia
tomar uma posição na Société
Victor Machado
Comercial
Director Comercial
Fusão da Inbev com Anheuser-Busch Générale (SocGen) o segundo maior
banco francês e que foi afectado
pela fraude recorde de um dos seus
corretores, garante o diário econó-
Guilherme Borba – 217 922 091

gborba@oje.pt CERVEJAS cervejeiros mundiais poderá fazer Michelob e com a mexicana Corona. mico Les Echos. Citando fontes não
sentido, uma vez que eles dominam A fusão Inbev/Anheuser-Busch identificadas, o jornal adianta que a
Gestoras de Contas A INBEV, maior grupo cervejeiro em partes diferentes do mundo. será também uma forma de assegu- Crédit Agricole terá indicado aos
Alexandra Pinto - 217922096 mundial, e a rival americana A Inbev faz a maior fatia das suas rar a liderança mundial às duas com- bancos de investimentos Carlyon e
Isabel Silva -217 922 094
Maria Alcoforado 217 922 095 Anheuser-Busch, estão a negociar vendas na Europa e na América lati- panhias, depois da SABMiller e da Lazard para prepararem uma oferta.
Patrícia David 217 922 073 uma fusão amigável que deverá con- na, com as cervejas belgas Becks e Molson Coors terem anunciado que O Crédit Agricole estaria interessa-
cretizar-se ainda este ano, garante o Stella Artois e as brasileiras Skoll, vão fundir as suas operações nos do em comprar à SocGen os seus
Assinaturas Wall Street Journal, referindo fontes Antártica e Brahma. A Anheuser- EUA, e da Scotttish & Newcastle ter interesses na banca de investimen-
Director Jorge Tavares d’ Almeida que estão a acompanhar o dossier. Busch controla metade do mercado aceite a oferta conjunta lançada tos, na gestão de activos e as ope-
Uma fusão dos dois maiores grupos americano, com a Budweiser e pelas rivais Carlsberg e Heinenken. rações internacionais.
Produção
João Baptista
Marketing OS SITES ÀS 20H00 DE ONTEM
Nya Baptista
Área Financeira último trimestre de 2007, uma continentes representam um terço novo economista-chefe e vice-presi-
Florbela Rodrigues
www.cincodias.com queda de 46,1% face ao mesmo pe- das vendas mundiais do grupo. dente para o desenvolvimento eco-
ríodo do ano anterior. No total do nómico do Banco Mundial. Esta é a
Conselho de Administração Coca-Cola adquire 40% da Honest Tea ano passado, a empresa alcançou lu- primeira vez que o cargo não é ocu-
João Lino de Castro, Pedro Sousa Mendes O gigante dos refrigerantes Coca-Co- cros de 325,2 milhões de euros, um www.eleconomista.es pado por um europeu ou norte-
e Tiago Cortez la anunciou que chegou a acordo pa- crescimento de 694,3% em relação a americano. Justin Yifu Lin, director
ra adquirir 40% da empresa norte- 2006. As receitas anuais aumenta- Nano deve chegar a Espanha em 2010 do Centro de Investigação Econó-
Impressão americana de bebidas orgânicas Ho- ram 4,9% para 3,33 mil milhões de A Nissho Motor España, distribuidor mica da Universidade de Pequim, é
Mirandela Artes Gráficas S.A. nest Tea, mas nenhuma das compa- euros. em Espanha da fabricante indiana um dos principais assessores do go-
Tiragem nhias precisou os detalhes económi- de automóveis Tata, pretende co- verno chinês.
26.000 cos da operação. A duas empresas mercializar o veículo mais barato do
adiantaram que a Coca-Cola poderá www.bloomberg.com mundo, o Nano, em Espanha, entre
Nenhuma parte desta publicação incluindo decidir no futuro se pretende adqui- 2010 e 2011. O modelo, que custa www.ft.com
textos, fotografias e ilustrações pode ser rir o resto da Honest Tea. Receitas da Unilever abrandam em 2010 cerca de 1700 euros, teria que ser
reproduzida, por quaisquer meios sem prévia A Unilever, segundo maior grupo de modificado em alguns aspectos ao BP despede cinco mil trabalhadores
autorização do editor. produtos de consumo do mundo, po- nível da segurança para adaptar-se à A BP, segunda maior petrolífera eu-
Membro da:
www.gazeta.com.br derá ver o crescimento global das re- normativa europeia. ropeia, prevê reduzir cinco mil pos-
PARA ceitas abrandar em 2010, devido às tos de trabalho devido aos maus
A Lucro da Embratel cresce 694% campanhas de marketing lançadas resultados de 2007. Esta medida faz
A Embratel, que controla 99% do ca- pela Procter & Gamble e a ITC na Ín- www.elmundo.es parte do plano de redução de custos,
pital da Empresa Brasileira de Tele- dia. O peso da Ásia e África no cresci- anunciado pela empresa em Outu-
ASSINAR O OJE VÁ JÁ A: comunicações, registou um lucro lí- mento da Unilever vai cair para 2% Chinês no topo do Banco Mundial bro passado, e que prevê a diminui-
www.oje.pt quido de 35,5 milhões de euros no em 2010, de 3,3% em 2007. Os dois O chinês Justin Lin foi nomeado o ção de 15 a 20% dos custos.
QUARTA-FEIRA
NEGÓCIOS 6 de Fevereiro de 2008 5

Microsoft
CARNAVAL: O super-herói Cavaco

deixa Yahoo!
de mãos atadas
INTERNET na passada quinta-feira. Além disso,

a empresa de Bill Gates parece estar


A OFERTA de 44,6 mil milhões de disposta aumentar a oferta.
dólares anunciada pela Microsoft Para vencer a guerra, o Yahoo!
parece ter deixado o Yahoo! numa teria de pagar um bónus ou até
encruzilhada: ou aceita a proposta de recomprar acções próprias. Segundo
um grande rival ou procura outras o analista George Askew, da Stifel
alternativas para enfrentar outro Nicolaus, realizar essa operação cus-
forte concorrente, o Google. taria cerca de 20 mil milhões de
“Depois de analisar cuidadosa- dólares. Para recuperar o investi-
mente todas as hipóteses, penso que mento, a empresa teria de demitir
o Yahoo! não vai poder rejeitar a pro- 4.500 empregados (31% do quadro
posta da Microsoft”, disse Peter de funcionários), afirma o especialis-
Falvey, analista da Revolution ta, citado pela Associated Press. Além
Partners, citado pela agência de alienar investimentos impor-
Associated Press. tantes, como o Alibaba.com e o
Segundo os analistas se o Yahoo! Yahoo! Japão.
recusar a oferta da Microsoft, a O CEO do Google manifestou o seu
empresa terá de estabelecer um acor- apoio à Yahoo! Segundo o jornal The
do com o Google na área de publici- Wall Street Journal, Eric Schmidt
dade. O problema é que nem mesmo está disposto a retomar as conver-
uma eventual parceria seria sufi- sações com a até aqui rival, para uma
ciente para convencer os accionistas. possível aliança.
Não será fácil resistir à tentação. A O único problema é o facto de a
empresa liderada por Bill Gates ofe- união das duas empresas poder ser
rece 31 dólares por cada acção, um considerada monopolista, o que de- O PRESIDENTE da República, Cavaco Silva, contra-cena com os super-heróis Batman e Super-Homem, num dos carros alegóricos com
valor que representa um prémio verá dificultar a autorização dos que Torres Vedras celebrou ontem mais um dos seus tradicionais corsos de Carnaval. Vestido com as cores nacionais, Cavaco Silva ofe-
superior a 60% face ao valor de fecho agentes reguladores do mercado. rece de presente ao povo as cabeças de algumas figuras. Quem serão? Foto Inácio Rosa/LUSA

BREVES Millennium bank lucra mais 46,5% Lisboa será a


Arsys vai ser comprada base do Projecto
na Grécia e abre 17 novas agências
A Mercapital e a The Carlyle Group
chegaram a um princípio de acordo pa-
ra aquisição de uma participação maio-
ritária na Arsys, empresa espanhola de
Bangalore
registo de domínios e alojamento Web.

O valor da operação de aquisição de BANCA euros, impulsionado principalmente captação de 61 mil novos clientes, ADVOGADOS

uma participação de 79% ascende a pelo segmento das empresas, que elevou a carteira do banco a um total
160 milhões de euros e está ainda O MILLENNIUM bank da Grécia registou um crescimento de 61%. Os de 435 mil clientes no final do ano. A SIMMONS & Simmons Rebelo de
sujeita à aprovação das autoridades obteve lucros de 22 milhões de euros recursos de clientes atingiram os O Millennium bank da Grécia con- Sousa (S&SRS) lançou um serviço de
europeias da concorrência. em 2007, mais 46,5% que no ano 3.201 milhões de euros, destacando- cretizou também em 2007 a assessoria jurídica para operações e
anterior, anunciou o Banco Comer- se um aumento de 54% nos depósi- aquisição do P&K AEDAK (actual- transacções globais com compo-
Yoigi poderá deixar Espanha cial Português. tos a prazo. mente Millennium AEDAK), do que nentes simultâneas das leis portu-
O grupo de telecomunicações sueco- Esta progressão reflecte um cresci- Ao longo do ano passado, o resultou um aumento de 49% nos guesa e inglesa. O denominado Pro-
finlandês Telia Sonera, o principal ac- mento do volume de negócios, com o Millennium da Grécia expandiu a activos sob gestão de 91,4 milhões jecto Bangalore assenta numa uni-
cionista da operadora de telefone mó- crédito a clientes a aumentar 37% e sua rede de sucursais, com a abertu- para 136,3 milhões de euros. O rácio dade especial, criada no âmbito do
vel Yoigo, planeia retirar-se do mercado os recursos de clientes 27. O crédito a ra de 17 novas agências e reorgani- de capital (Tier 1) foi reforçado em 96 Departamento de Mercados Finan-
espanhol, anunciou o diário sueco Da- clientes atingiu 4.010 milhões de zou-se por segmentos de negócio. A milhões de euros. ceiros da S&SRS, com uma vasta
gens Industri, citando fontes anónimas experiência na prestação de serviços
da empresa. Lars Nyberg, conselheiro- jurídicos a instituições financeiras
delegado da Telia Sonera, poderá tor-
nar pública a decisão, hoje, durante a Médio Oriente impulsiona McLane investe em programas de EMTN, repacka-
ging, eurobonds, credit-linked notes,
apresentação dos resultados económi-
em novo centro titularizações de créditos, acções

resultados do MobiCom
cos do grupo. preferenciais e dívida subordinada.
"Com base nessa experiência e no
Vendas a retalho caem
As vendas a retalho na Zona Euro re-
em Portugal facto de alguns dos nossos advogados
terem trabalhado em Londres, na
gistaram em Dezembro a maior quebra Simmons & Simmons e em departa-

desde Janeiro de 1995, ao descer 2%, SOFTWARE de negócios aumente outra vez LOGÍSTICA mentos jurídicos de bancos de inves-

face a igual mês de 2006, de acordo 100%", adiantou à Lusa o responsá- timento como a Goldman Sachs e a
com os dados do Eurostat. O recuo foi A MOBICOMP, empresa portuguesa vel, que salientou a recente abertura A MCLANE Portugal investiu 500 mil Morgan Stanley, podemos assegurar
superior às previsões dos analistas que desenvolve soluções informáti- de um escritório na Malásia para euros num novo centro logístico na simultaneamente a assessoria jurídi-
consultados pela Bloomberg. Em rela- cas para telemóveis, duplicou em explorar o mercado da Ásia e Pacífi- zona de Gaia, no Porto, reforçando a ca de lei portuguesa e de lei inglesa",
ção ao mês anterior a quebra foi de 2007 o seu volume de negócios, para co. Apesar de em Portugal estar sua presença na região Norte do país. explicou ao OJE Alexandra Maia de
0,1%. Na UE a 27 as vendas de três milhões de euros, disse à agência envolvida em projectos como o paga- "Este é o segundo centro logístico da Loureiro, partner da S&SRS. É a
Dezembro diminuíram 0,1% em relação Lusa o presidente-executivo. Carlos mento de parquímetros por SMS ou a McLane Portugal na região Norte, primeira vez que se deslocalizam
ao período homólogo e mantiveram-se Oliveira explicou que as receitas televisão móvel, no estrangeiro a ambos na zona de Gaia, e a sua aber- este tipo de serviços, virados inicial-
estáveis em relação ao mês anterior. aumentaram devido ao crescimento MobiComp apenas vende o Mobile- tura permitirá responder à procura mente para bancos e empresas por-
dos negócios no estrangeiro, que já Keeper, um software cuja versão 4.0 dos clientes das áreas alimentar e tuguesas, angolanas e brasileiras.
Cabelt parceira da Microsoft representa 60% do total, "com pre- será lançada dentro de dias e que bebidas, material de escritório e Os serviços serão prestados a partir de
A Microsoft e o Grupo Cabelte assina- dominância para o Médio Oriente". A permite guardar, sincronizar, parti- componentes automóvel", disse o Lisboa, com suporte permanente da
ram um International Enterprise Agre- MobiComp tem negócios em países lhar, criar e descobrir conteúdos a director-geral da empresa, David Simmons & Simmons de Londres. "Os
ement. Este contrato visa uniformizar o europeus, como a Noruega, Dinamar- partir de telemóveis. Claxton. O novo centro movimentará custos serão calculados pelos rates
parque informático da empresa de ca ou Reino Unido, mas nos últimos Fundada em 2000 em Braga, a uma média diária de 15 mil caixas, horários de Lisboa, evitando os eleva-
cablagem e permite a actualização dos dois anos expandiu-se para Israel, MobiComp conta com escritórios em alargando a capacidade instalada de dos rates de Londres ", refere William
produtos para novas versões, local e Iémen, Dubai e Arábia Saudita. Lisboa, Londres, Dubai e Kuala armazenamento em Portugal para Smithson, que divide com Pedro Re-
internacionalmente. "Prevemos que em 2008 o volume Lumpur, na Malásia. 57 mil metros quadrados. belo de Sousa a liderança do projecto.
QUARTA-FEIRA
6 6 de Fevereiro de 2008 PUBLICIDADE
QUARTA-FEIRA
PUBLICIDADE 6 de Fevereiro de 2008 7
QUARTA-FEIRA
8 6 de Fevereiro de 2008 NEGÓCIOS

Crise dos EUA


afecta lucro
GADGETS: Apple apresenta novos modelos da família iPod
La Caixa
anual da Toyota
recua sem

INDÚSTRIA AUTOMÓVEL

A VALORIZAÇÃO do iene face está a


afectar os resultados da Totoya. O
maior fabricante japonês de automó-
veis anunciou que o resultado líqui-
do subiu 7,5%, para 458,7 mil mi-
lhões de ienes (cerca de 2,9 mil mi-
lhões de euros), no trimestre termi-
nado em Dezembro, o crescimento
extraordinários
mais fraco em doze meses. As vendas BANCA obtido no mesmo período do ano


progrediram 9,2%, o ganho mais anterior. A La Caixa adiantou ainda
baixo em dois anos e meio. O GRUPO La Caixa, accionista do BPI, que o rácio de eficiência do banco
A redução da confiança e do con- obteve um lucro líquido de 2.488 melhorou para 42,9%.
sumo das famílias nos EUA, na milhões de euros no ano passado, o "Os negócios do Grupo La Caixa
sequência da crise dos empréstimos que representa uma descida de apresentam um forte e sustentado
hipotecários subprime de alto risco, 17,8% face ao registado no ano ante- crescimento no exercício de 2007,
e a subida do iene face ao dólar, estão rior. A instituição espanhola justifi- num cenário afectado por fortes ten-
a esmagar as margens das expor- cou o recuo devido à ausência de sões nos mercados financeiros,
tações para o mercado americano, o ganhos extraordinários. abrandamento e grande concorrên-
mais importante para as vendas da Em 2006 os lucros da instituição cia bancária", referiu a instituição
Toyota e da Lexus. cresceram significativamente graças em comunicado.
O ano fiscal da Toyota encerra a 31 à alienação da Inmobiliaria Colonial. A margem de intermediação tota-
de Março, como é tradicional nas Em 2007 a maior caja espanhola lizou os 3,63 mil milhões de euros,
companhias japonesas, e tudo indica obteve resultados extraordinários de mais 30,6% do que em 2006, "como
que o último trimestre do exercício 477 milhões de euros, contra os consequência do crescimento sus-
revelará uma nova desaceleração dos 1.520 milhões de euros registados tentado da actividade bancária, da
negócios. “Apesar dos nossos lucros em 2006. gestão adequada das margens e da
se manterem fortes, é provável que o O lucro do La Caixa, sem conside- evolução dos dividendos", acrescen-
nosso lucro volte e cair neste último rar os ganhos extraordinários de tou ainda o La Caixa. A instituição
trimestre”, reconheceu Takeshi 2006, cresceu 33,5%, para 2.011 mi- espanhola, que detém cerca de 25%
Suzuki, um dos administradores lhões de euros. do BPI, vai receber do banco por-
seniores do grupo. A Toyota cortou No mesmo período os recursos tuguês 35,5 milhões de euros em di-
entretanto em 20 mil unidades os totais de clientes cresceram 13,3%, videndos. O BPI anunciou recente-
seus objectivos de vendas nos EUA para 223.850 milhões e o crédito a mente que propôs a distribuição de
para o ano terminado a 31 de Março. clientes aumentou 15,8% para um dividendo de 18,7 cêntimos de
De acordo com as novas estimativas, DEPOIS de vender mais de quatro milhões de iPhones, a empresa de Steve Jobs lançou uma 161.789 milhões de euros. euro por cada acção, o que corres-
o mercado americano deverá valer nova versão do telemóvel com 16 gigabytes. O iPod Touch também contará com um modelo As receitas atingiram os 9.262 mi- ponde a uma melhoria de 17% face a
agora 2,97 milhões de veículos. de 32 gigabites. Os aparelhos custarão 499 dólares. Foto Jonathan Brady/EPA lhões de euros, mais 56,3% do que o 2006.

PUB

Sonangol anuncia novo poço de


cinco mil barris diários no Bloco 31
PETRÓLEO

dade superior a cinco mil barris de para se atingir os reservatórios de


petróleo por dia. petróleo. A Sonangol é a conces-
A SONANGOL e a BP Exploration O poço Portia 1 foi perfurado a sionária do Bloco 31 e a BP
anunciaram a descoberta de um uma profundidade de "lâmina de Exploration Angola é a respectiva
novo poço de petróleo nas águas água" de 2.012 metros, 386 quilómet- operadora, detendo 26,67% de inter-
ultra profundas do offshore ango- ros a noroeste de Luanda e atingiu esses.
lano, que será intitulado Portia. uma profundidade total de 5.678 O Bloco 31 tem ainda como par-
Num comunicado, citado pela metros abaixo do nível do mar, indi- ceiros a Esso Exploration and
agência angolana Angop, a Sonangol ca a nota da Sonangol. É Production Angola Limited, com
adianta que os resultados dos testes a quarta descoberta no Bloco 31, 25%, Sonangol (20%), StatOil Angola
indicaram que em condições de pro- onde um poço de exploração foi per- A.S (13,33 %), entre outras compa-
dução o novo poço terá uma capaci- furado através de camadas de sal, nhias petrolíferas estrangeiras.

MARKETING POR ANTÓNIO MARQUES MENDES


Web 2.0 e comunicação
SEGUNDO dados não oficiais, exis- overtonecomm.blogspot.com/, Comucor, Manuel Montaner Fabián
tem mais de 100.000 blogs em Por- www.pr-squared.com/ e o imperdí- Gradolph, New PR, Bidireccional.net,
tugal e por dia são criados cerca de vel www.kdpaine.blogs.com), em Protocolo y comunicación, La co-
2000 novos. Portugal as coisas não são tão fáceis. municación Institucional, Dutto PR,
Na área da comunicação de em- Com excepção dos espaços de Luís El espacio del Dircom, Comu-
presa ou institucional, a blogosfera Paixão Martins (http://lpm.blogs.- nicación mas, Comunicarnos,
está carregada de informação inte- sapo.pt) e o de Bruno Amaral Octavio Rojas, Blog-o-corp, Juan Pe-
ressante disponibilizada directa- (http://www.brunoamaral.com/), dro Molina Cañabate, RRPP solucio-
mente por alguns players do sector. não conheço mais nenhum que me- nes, ComUnica blog, e-comunica-
E se internacionalmente sabemos reça uma segunda visita. ción). Esta coluna de hoje no OJE é
de uma série de bons sítios onde nos Aqui mesmo ao lado, os nossos vi- um repto e um desafio… também
informarmos sobre o que se passa e zinhos espanhóis já têm o pessoal. Darei noticias.
se pensa na área de RP e Comunica- www.prnoticias.com, bem como
ção (ver em especial prblog.type- uma série de blogs dignos de registo Comentarios e críticas para
pad.com/strategic_public_relation/, (destaco: Desde el lado Oscuro, antoniomarquesmendes@gmail.com
QUARTA-FEIRA
NEGÓCIOS 6 de Fevereiro de 2008 9

BA reforça Chinalco e Alcoa ameaçam


aliança com venda da Rio Tinto à BHP


MINAS de investimento detido pela Chinal- que não pretendem avançar com
co. A Alcoa investiu 808 milhões de uma oferta pela Rio Tinto, mas re-

a Iberia A ALUMINIUM Corp. Of China (Chi-


nalco) e a Alcoa compraram uma
participação de 12% na mineira Rio
Tinto por 4,8 mil milhões de euros.
Esta aquisição pode bloquear a
compra da empresa anglo-australia-
na pela BHP Billiton, que realizou
euros na aquisição.
O vice-presidente da companhia
chinesa, Lu Youqing, afirmou à
agência Bloomberg que “a Chinalco
fica com a maior parte dos 12%. A
Rio Tinto é uma empresa mineira
multi-metal internacional, que en-
servaram-se no direito de anunciar
uma oferta ou possível oferta pela
empresa. Alain Belda, presidente e
CEO da Alcoa, disse em comunicado
que “este investimento, em parceria
com a Chinalco, permite-nos mutu-
amente beneficiar dos desenvolvi-

TRANSPORTES AÉREOS resultados para os primeiros nove uma oferta pública de aquisição caixa nos nossos objectivos de de- mentos do sector.
meses do ano passado, durante os pela Rio Tinto em Novembro e que a senvolvimento”. O responsável A agência noticiosa de Xinhua
A BRITISH Airways iniciou conversa- quais lucrou mais 22%. O resultado tornaria na maior fornecedora de acrescentou que pode aumentar a noticiou que este “foi o maior inves-
ções com a Iberia para fortalecer a líquido subiu para 623 milhões de alumínio do mundo. participação, uma decisão que está timento realizado por uma empresa
relação entre as duas companhias, libras, de 509 milhões no mesmo A participação foi comprada atra- dependente dos resultados obtidos. chinesa internacionalmente”, citan-
afirmou ontem o CEO da BA, Willie período do ano anterior. vés da Shining Prospect, um veículo A Chinalco e a Alcoa afirmaram do fontes não identificadas.
Walsh, durante a apresentação de As receitas cresceram 1,0%, para
resultados da transportadora britâni- 6,62 mil milhões de libras. As via-
ca. “A nossa relação com a Iberia tem gens de negócios em rotas de longa

Lucros da Nissan voltam a subir


sido positiva e acreditamos que há distância para a Ásia e EUA mantêm-
margem para aumentar e fortalecer se fortes, comunicou a empresa.
essa relação”, declarou o CEO depois O responsável pela transportadora
da Caja Madrid, principal accionista britânica disse que “os resultados fo-
da transportadora aérea espanhola, ram bons, mesmo com o aumento do
ter afirmado, na semana passada, preço do petróleo nos primeiros seis

que ou a BA (que detém uma par- meses e das dificuldades do merca- AUTOMÓVEL euros. As vendas progrediram 18%, submarca premium do grupo.
ticipação de 10%) oferecia uma do, embora tenha sido beneficiada para 2,77 mil milhões de ienes (17,5 Na Europa, as vendas somaram
parceria mais atractiva à Ibéria, ou a pela debilidade do dólar. A NISSAN Motor, terceiro maior fa- mil milhões de euros), impulsio- 148 mil unidades, um aumento de
companhia espanhola teria de procu- Para o ano fiscal de 2007, a trans- bricante de automóveis do Japão, nadas pelo sucesso dos novos SUVs X- 13%. Na Rússia, aumentaram 60%,
rar outros parceiros. portadora britânica espera que as anunciou a primeira subida nos Trail e Qashqai. Desde o lançamento transformando o país no maior mer-
A Iberia tem sido alvo de ofertas de vendas subam 3,0% e uma margem lucros dos últimos cinco trimestres, em Março, a Nissan vendeu 100 mil cado europeu da marca, à frente do
aquisição de empresas como a so- operacional de 10%. devido ao sucesso dos novos modelos unidades do Qashqai na Europa. Reino Unido. Nos EUA, as vendas
ciedade de investimento Gala Capital As despesas com combustíveis vão lançados nos EUA e na Europa. O Nos nove meses terminados em progrediram 5,1%, para 255 mil uni-
e o fundo de capital de risco norte- torna-se mais pesadas em 2009, afir- resultado líquido no trimestre termi- Dezembro, a Nissan lançou nove dades, compensando a quebra de
americano TPG em consórcio com a mou Willie Walsh, embora este ano, nado a 31 de Dezembro subiu 27%, modelos, incluindo os já referidos X- 0,9% no Japão (147 mil unidades). No
British Airways. os cortes nos custos compensem este para 132,2 mil milhões de ienes, o Trail e Qashqai, o super desportivo terceiro trimestres, as vendas globais
A British Airways apresentou os aumento. equivalente a 807,3 milhões de GT-R e o modelo G37 da Infiniti, a somaram 898 mil unidades.

LONDRES: Chuva de milhões na semana de arte


Colonial BREVES
Margem de lucro da Gol cai
recusa GE A Gol Linhas Aéreas Inteligentes, a se-
gunda maior companhia aérea da Amé-
rica Latina por capitalização bolsista,
anunciou que a sua margem de lucro

IMOBILIÁRIA em 2007 caiu devido aos atrasos dos


voos nos aeroportos do Brasil. A mar-
A IMOBILIÁRIA espanhola Colonial gem de lucro antes de impostos foi de
recusou abrir os livros à filial imo- 3% no final do ano, abaixo da previsão
biliária da General Electric em Es- entre 6 a 7%, disse a companhia em
panha, que afirmou na semana pas- comunicado.
sada estar interessada na compa-
nhia. A notícia surge um dia depois Alcatel-Lucent elimina 400
da empresa presidida por Mariano A Alcatel-Lucent vai eliminar mais 400
Miguel ter afirmado que a Invest- empregos em França. A empresa anun-
ment Corporation of Dubai (ICD) ciou o corte, adiantando em comunica-
pediu acesso às contas da empresa do que nenhuma das fábricas vai fe-
com o intuito de avançar com uma char e que as reduções vão ser obtidas
oferta de aquisição. com saídas negociadas. Em Outubro
A GE Real Estate Iberia (Gere Ibe- passado, a Alcatel-Lucent afirmou que
ria) anunciou em comunicado que ia suprimir o número de colaboradores
não conseguiu alcançar um acordo para 16500 empregados, cerca de
sobre os termos e condições relati- O TRÍPTICO de Sir Francis Bacon é uma das obras em destaque na Christie´s, que esta semana organiza a semana de arte impressio- 20% da sua força de trabalho, depois
vas à autorização de acesso à infor- nista e moderna de Londres. Até ontem, a leiloeira já tinha vendido obras no valor de 140 milhões de euros. O quadro La Femme au de anunciar pela terceira vez consecuti-
mação da Colonial. Chapeau, de Picasso (1968), rendeu 7,9 milhões. Foto Andy Rain/EPA va perdas trimestrais.

ArcelorMittal investe na Acindar

Carl Ichan quer Motorola Ericsson anuncia corte


A siderúrgica ArcelorMittal detém
99,5% da Acindar Industria Argentina
de Aceros. A empresa fez uma oferta
para adquirir a participação de 35,5%

fora dos telemóveis de 1000 empregos


que não detém na segunda maior fabri-
cante de aço da Argentina. No entanto,
a ArcelorMittal só conseguiu comprar
35%, por 371 milhões de euros.

Sharp ganha 3,8% com LCD


TELECOMUNICAÇÕES midores terem preferido os apare- TELECOMUNICAÇÕES da divisão de redes móveis em mer-
lhos da Samsung e da Apple. cados como o europeu e o norte-ame- A japonesa Sharp registou um aumento
A MOTOROLA, terceira maior fabri- Um analista afirmou à agência A ERICSSON, fabricante sueca de ricano, justificou o presidente execu- no lucro do terceiro trimestre liderado
cante de telemóveis do mundo, pode- Bloomberg que “vários investidores, equipamentos de telecomunicações, tivo da empresa, Carl-Henric Svan- pelos ganhos com os LCD. O lucro líqui-
rá desfazer-se da divisão de telemó- de Carl Icahn a muitos outros, suge- anunciou que vai cortar 1.000 em- berg. O gestor disse que já no Outono do subiu 3,8% para 187 milhões de eu-
veis, depois de ter perdido quota de riram que isto é o melhor que a pregos, devido à redução em 17% do a empresa se tinha apercebido de ros, nos três meses terminados a 31 de
mercado para as suas rivais. Motorola tem a fazer”. Ichan, que au- lucro em 2007, para 2,3 mil milhões “uma significativa erosão da mar- Dezembro, de 180 milhões registados
A unidade, que representa quase mentou a sua participação para 3,3% de euros. gem de lucro” na divisão de redes no ano anterior, disse a empresa em
metade das receitas da Motorola, em Setembro, pretende nomear no- O mau resultado da Ericsson no móveis. No entanto, a facturação da comunicado. O lucro saiu em linha com
perdeu 388 milhões de dólares no vos directores que apoiem a sua su- ano passado, em relação a 2006, fi- Ericsson cresceu 4% em 2007, para a previsão dos analistas que previam
último trimestre depois dos consu- gestão. cou a dever-se ao mau desempenho cerca de 19,9 mil milhões de euros. um resultado de 183 milhões de euros.
QUARTA-FEIRA
10 6 de Fevereiro de 2008 PUBLICIDADE
QUARTA-FEIRA
PUBLICIDADE 6 de Fevereiro de 2008 11
QUARTA-FEIRA
12 6 de Fevereiro de 2008 NEGÓCIOS
EM PARCERIA COM

Telecom
COMISSÃO BREVES
JOGOS DA 95 processos
relacionados com WeDo em Florianópolis

NOKIA JÁ telecoms A WeDo technologies anunciou a abertura


do terceiro escritório no Brasil, na capital
Desde 2002, altura em do Estado de Santa Catarina, em
que entraram em vigor Florianópolis, que se junta aos já existentes

NA NET
as leis para as teleco- em São Paulo e no Rio de Janeiro. A WeDo
municações, a technologies já está presente em
Comissão Europeia já Florianópolis desde 2007, quando adquiriu
abriu 95 processos a empresa brasileira “Tecnológica” que dis-
relacionados com a punha de uma software factory nessa

SERVIÇOS falha na implementação cidade. O novo escritório da WeDo contará


das regras. Muitos dos com 12 profissionais e fica situado em
A NOKIA disponibilizou finalmente o ser- casos já foram fecha- Florianópolis. No Brasil, a WeDo conta com
viço online de jogos N-Gage, no âmbito da dos, embora 10 estão clientes como a Telefonica, Telemar, Brasil
sua extratégia de expansão para o campo ainda pendentes no Telecom, entre outros.
dos serviços de Internet móveis. Tribunal Europeu da
Também ontem, a Nokia abriu o seu si- Justiça. Parrot fornece Kenwood
te de networking social “Share on Ovi”, De acordo com o artigo A Parrot, fabricante de periféricos sem fios
que permite às pessoas partilhar fotos e 226 do Tratado da para telemóveis, anunciou que vai começar
vídeos. O portal social foi construído so- Europa, a Comissão a fornecer soluções de telecomunicações
bre tecnologia da Twango, adquirida pela deve recorrer ao Bluetooth à Kenwood, um fornecedor de
Nokia, disse um porta-voz da empresa. O Tribunal da Justiça equipamento electrónico para automóveis.
serviço de jogos e o site de partilha estão sempre que considere Segundo comunicado de imprensa, a
entre os pilares da estratégia da Nokia ru- que um Estado-membro Kenwood seleccionou a Parrot devido ao
mo aos serviços móveis com a nova mar- não cumpriu as suas seu conhecimento sobre conectividade
ca Ovi. A Nokia é o primeiro fabricante de obrigações. implementada em veículos, auto-rádios e
telemóveis a entrar em força no espaço dispositivos de navegação portáteis a nível
dos conteúdos com serviços de música e Foto: Comissão internacional.
partilha de ficheiros. Europeia 2008
A Nokia adiou o serviço de jogos duas TMN triplamente certificado
vezes o ano passado, devido a atrasos rela- A TMN foi reconhecida pela APCER como
cionados com o teste de software e empresa certificada no âmbito do Sistema
começa agora a disponibilizar o serviços de Gestão de Higiene, Saúde e Segurança
aos detentores dos telefones multimédia no Trabalho. Esta certificação vem juntar-
N81, em todo o mundo. se à da Qualidade e à do Ambiente, fazendo
da TMN o único operador móvel em
Portugal com estas três certificações de

INESC Governo quer poupar


Sistemas de Gestão pelas Normas ISO e
OHSAS. Com esta certificação, a TMN
tornou-se no único operador móvel em
Portugal que dispõe da certificação do

vai à CeBIT
Sistema de Gestão da Higiene, Saúde e

MINISTÉRIO DAS FINANÇAS primeiro para Serviço Móvel Terrestre e Segurança no Trabalho (HSST), atribuída
Serviços Conexos, por cerca de 119 mil pela Associação Portuguesa de Certificação
O Ministério das Finanças tem a decorrer euros, o segundo para Integração Fixo- (APCER).
um concurso para o fornecimento de ser- Móvel, por cerca de 516 mil euros e o ter-
viços móveis terrestres e telemóveis, inte- ceiro relativo a Serviço de Dados GPRS/

PROMOÇÃO gração de fixo.móvel e serviços de dados, UMTS, por cerca de 694 mil euros. Todos
na ordem dos 1,3 milhões de euros. O ob- estes valores são anuais, sem IVA. A refe- GADGET
O INESC Porto está a promover a partici- jectivo é poupar dinheiro nas telecomuni- rida fonte disse que "o concurso que está
pação de empresas portuguesas na CeBIT, cações. De acordo com fonte do a decorrer segue as regras antigas, mas
a maior feira tecnológica do mundo, que Ministério, em declarações à agência Lu- inclui uma cláusula de adesão às regras Longe vão os tempos em que um telemóvel
se realiza anualmente, em Março, em sa, "neste momento está a decorrer um do novo Código de Contratos Públicos". era tudo menos móvel e em que o aspecto
Hannover, na Alemanha. Para o efeito, concurso [apenas no âmbito do Ministério Rondando o valor da despesa pública estético dos mesmos estava longe de ser
termina hoje o prazo de inscrição dos das Finanças], lançado ainda pela Secre- em comunicações móveis os 20 milhões uma prioridade. Hoje, um telemóvel pode
empresários como participantes activos taria Geral do Ministério, no âmbito de de euros, a Agência Nacional de Compras ser uma peça de luxo ou até mesmo o
nessa feira, junto do INESC Porto. telecomunicações, que está pendente de Públicas (ANCP) está a elaborar outro con- equivalente a uma jóia. O Nokia 7900
Na última edição da CeBIT, o INESC decisão". curso para o fornecimento de serviços de Crystal Prism é uma das mais recentes
Porto representou e apoiou 35 empresas Segundo a mesma fonte, no âmbito do telecomunicações móveis à administra- novidades da colecção Nokia Prisma
através do IRC Future Match, promoven- concurso foram considerados três lotes: o ção pública portuguesa. Collection. O design do equipamento
do mais de duas centenas de reuniões inspirou-se “no corte dos mais puros
entre empresas nacionais e estrangeiras, diamantes e exibe uma tecla central
que já culminaram em vantajosas oportu- em cristal” e foi criado em parceria
nidades de negócio.
Centenas de empresas portuguesas
DESAFIOS NA CONSTRUÇÃO DA S.I .* com a estilista avangarde
Frédérique Daubal, que desenvolveu
usaram a CeBIT como rampa de lança- 1. A conectividade é um dos desafios para construção da Sociedade da Informação um design gráfico moldado a laser, wallpapers
mento para a sua internacionalização distintivos e acessórios exclusivos. O alumínio da tampa posterior
conquistando, com o apoio do INESC 2. A relevância dos conteúdos é essencial para assegurar a conectividade permanente e efeitos de luz tornam cada dispositivo único, diz a Nokia em
Porto, parcerias de negócio, acordos na 3. A governação electrónica é um desafio mais cultural que tecnológico comunicado. Entre outras características, o novo telemóvel, que
área de Investigação e Desenvolvimento 4. Os cidadãos terão que adquirir novas competências estará disponível em Portugal durante o primeiro trimestre, tem
ou mesmo da Produção e alargando a sua um visor OLED de grandes dimensões, uma câmara de 2
rede de contactos na Europa. A CeBIT ar- 5. Será necessária uma aposta crescente numa liderança estratégica e operacional megapixels, tecnologia de rede 3G entre outras. O preço do
ranca no próximo mês de Março, em * Sociedade da Informação equipamento, excluindo taxas e subsidiação, será de 375 euros.
Hannover, na Alemanha. Fonte: Leadership Business Consulting

PUB
espaços negócios
suplemento imobiliário
de
6 de Fevereiro de 2008
PUB

8
páginas
ENTREVISTA

Sandra Campos, partner


da C&W, defende aplicação
de regras dos centros comerciais
ao comércio de rua
Págs. II e III

CAPA
Propinvest, Pearl e
Pontegadea/Inditex compraram
os activos de escritórios do
Santander em Espanha.
Pág. IV

INTERNACIONAL
O mercado americano
de escritórios vai recuperar

CB Richard Ellis fechou lentamente em 2008, diz


a consultora Worx
Pág. VI

a maior operação ESPAÇOS


Grupo Casais e arquitecto
Souto Moura assinam museu

imobiliária europeia
de Paula Rego em Cascais,
uma obra de 4 milhões de euros
Pág. VIII

PUB
QUARTA-FEIRA
II 6 de Fevereiro de 2008 ENTREVISTA

“FAZ SENTIDO APLICAR


ALGUMAS REGRAS
DOS CENTROS COMERCIAIS
AO COMÉRCIO DE RUA”
O comércio de rua precisa de mais dinâmica. A unificação de horários,
a criação de animação e a gestão integrada de grandes áreas aplicadas
ao comércio de rua, tal como acontece nos centros comerciais, faz
todo o sentido, afirma Sandra Campos, partner e directora de Retalho
da consultora imobiliária Cushman & Wakefield. Por Vítor Norinha

Como caracteriza o ano de 2007 ao nível do O ano de 2008 continuará a ser de cresci- do e uma operação
retalho? mento nos centros comerciais? bem montada, podere-
Foi um ano marcado por um grande Será certamente um ano de crescimen- mos continuar a falar
dinamismo. Foram inaugurados cerca to para os centros comerciais e para os de grande apetência
de 250 mil m2 de novos projectos e a retail parks, embora estejam a entrar por parte dos investi-
maioria foram centros comerciais. num novo ciclo de rentabilidades e de dores.
Temos um stock que ronda os 2,9 mi- exigências. O retalhista de hoje nada
O que é previsível abrir
lhões de m2 e prevemos que no final
de 2008 seja ultrapassada a barreira
(2008) será tem a ver com o retalhista de há 10
anos. Hoje está muito mais profissio- nos próximos três anos?
dos 3 milhões de m2.
Os centros comerciais desempe-
certamente nalizado, informado e muito conhece-
dor. Sabe exactamente como tornar a
Teremos mais de 200
mil m2 de projectos
nharam um papel preponderante na
modernização do comércio nacional
um ano de sua actividade rentável. Não assina “de
cruz” para um qualquer projecto como
com abertura marcada
para 2008. Nos próximos
e continua a ser o formato domi- crescimento alguns o faziam há 10 anos, numa três anos, e se tudo o que
nante do retalho. Lisboa e Porto já altura em que tinham necessidade de estiver com pedido de licen-
têm uma oferta considerável, mas para os cen- crescer e de abrir lojas. Actualmente ça vier a ser aprovado, che-
não podemos daqui concluir que são olham para os mercados mais próxi- garemos perto dos 4 milhões
mercados saturados, pois continua a tros comerci- mos. Espanha é uma expansão natural de m2 de conjuntos comerci-
haver espaço para projectos de quali-
dade. A oportunidade reside também
ais e para os para qualquer retalhista, mas também
a Europa de Leste está a abrir oportu-
ais.
É possível que 2008 marque uma
noutras capitais de distrito com algu-
ma dimensão e com importantes
retail parks, nidades.
alteração do enfoque do investi-
pólos universitários e industriais e embora este- Irão fazer um comparativo em termos de
rendas e yields que poderão gerar numa
mento no lazer dos grandes centros
comerciais?
que carecem de uma oferta moderna.
Quando se pensa em cidades de jam a entrar cidade portuguesa e numa cidade da Penso que ainda não. Quando faz a
menor dimensão, é importante ter Europa de leste? pergunta refere-se ao Dolce Vita Tejo.
em conta áreas de inf luência mais num novo Ainda não atingimos esse patamar. O Este espaço será o ponto de arranque
pequenas, e um poder de aquisição retalhista formula decisões com base porque tem uma âncora de lazer muito
mais reduzido, os projectos devem ciclo de noutros pressupostos. Ele tem uma importante. Para um centro comercial
ser ajustados a essa realidade. Pre-
cisamente por este motivo, não po-
rentabilidades estratégia de crescimento e pensa qual
a forma para afirmar a sua marca no
desta dimensão, este espaço será um
factor diferenciador e de atractividade.
demos esperar o mesmo nível de ren-
das de um projecto em cidades secun-
e de exigên- país ponderando os prós e os contras. No entanto, não existem muitos mais
centros com esta dimensão em Portu-
dárias igual ao de Lisboa ou Porto. cias No caso dos investidores institucionais do
retalho comercial é previsível que exijam
gal, e os conceitos de lazer precisam de
Também é verdade que os próprios grande tráfego à sua volta.
retalhistas não poderão esperar o condições diferentes para apostarem em
mesmo nível de rentabilidade de cidades de segunda linha? Mas é preciso inovar para atrair…
uma loja no interior relativamente Penso que não, porque continua a Há uma preocupação em inovar, em
ao centro, logo toda a operação tem haver muitos fundos para aplicar. O fazer algo diferente. Os novos centros
de ser montada de forma a ser bené- que falta é bom produto para eles com- comerciais são sempre um passo à
fica para o promotor e para o reta- prarem. Estou convencida que desde frente do anterior, mas muito em ter-
lhista. que exista um produto, bem construí- mos de design, já que ao nível dos reta- Foto: Victor Machado/OJE
QUARTA-FEIRA
ENTREVISTA 6 de Fevereiro 2008 III

lhistas e do “tenant mix” não muda


muito porque também não temos uma
excepções a esta lentidão, caso de uma
loja fantástica Hugo Boss, na R. Lisboa e Porto sua eficácia, quer sejam em parques
de estacionamento, quer sejam
rede de retalhistas gigante. Por outro
lado, os novos que vêm, e há muitos
Garrett, ou ainda os americanos da
Kiehl’s/L’Oreal que abriram no
já têm uma estratégias de animação de rua e de
gestão integradas, quer ao nível dos
que querem vir para Portugal, pre-
cisam de começar pelas grandes
Chiado, ou a Lanidor que abriu na Av.
da Liberdade uma casa de chá com
oferta consi- horários de funcionamento. Por
exemplo, actualmente no Chiado
cidades. Spa. derável, mas quando nos deslocamos ao sábado à
tarde não sabemos se toda aquela
Isso justifica renovações de centros O comércio de rua poderia ser mais atrac- não podemos grande oferta está a funcionar. Não
emblemáticos como seja o caso das tivo com novas regras de funcionamento e há ninguém que obrigue a cumprir
Amoreiras? Qual é a média de idade dos animação? daqui concluir horários e embora isso possa parecer
centros comerciais? Faz todo o sentido que algumas das
que são merca- um extremo, na verdade é isto que
Calculamos que cerca de 40% da actu- regras de gestão dos centros comerci- faz o sucesso de um centro comer-
al oferta de centros comerciais tenha
idade superior a 10 anos, o que nos leva
ais, pudessem ser aplicados ao
comércio de rua. Está comprovada a
dos saturados cial. A gestão como um todo faz falta
ao comércio de rua.
a uma nova tendência de renovar os
espaços, não os deixando morrer, PUB
dando-lhes uma actualização perma-
nente, não apenas pela exigência do
mercado, mas porque o cliente tam-
bém o exige. As Amoreiras é um bom
exemplo. Foi o 1º centro comercial pro-
priamente dito e foi um projecto
emblemático em 1985. Marcou uma
época. O promotor, a Mundicenter,
respondeu com um posicionamento
fantástico, tendo tido a capacidade de
atrair marcas pouco vulgares em cen-
tros comerciais.
Quando fala em novos retalhistas, quem
são?
Basicamente são multinacionais e a
moda é o sector dominante.
O problema dos centros comerciais
mais antigos é o facto de alguns não
terem capacidade de responder com
oferta de espaços ou por uma questão
de área, ou de exigência de novos retal-
histas. Temos a Disney Store UK no
Colombo. É um bom exemplo do tra-
balho do promotor, que teve de recolo-
car lojístas já instalados, de modo a
acomodar esta marca.
Os centros comerciais que estão ser reno-
vados já não necessitam de lojas-âncora,
tipo supermercados, como tem acontecido
até aqui?
Quase todos optam por uma unidade
alimentar, tem sido o formato de suces-
so. Por outro lado a moda também con-
tinua a ser a ancoragem mais utilizada.
Para além dos centros comerciais conven-
cionais, o mercado em 2008 estará aberto
a outros formatos?
Considero que sim, para 2008 espera-se
a inauguração da 2ª fase do Nasica
Outlet, que irá duplicar a sua área . No
entanto, Portugal tem capacidade para
mais um outlet e considero que o
Algarve é a localização de excelência,
até porque está a perder a sazonali-
dade. Não será este ano porque não
está nada no pipeline.
O comércio de rua poderá dinamizar-se
com novas artérias ou a alteração da legis-
lação do arrendamento impede a reno-
vação?
A falta de dinâmica deve-se a uma lei
do Arrendamento que até à bem pouco
tempo favorecia figuras como o tres-
passe e acabou por gerar a inércia deste
tipo de comércio. Estávamos, de facto,
na expectativa relativamente à lei do
Arrendamento e o que se verificou foi
que pouco aconteceu. Tivemos, pelo
menos, um sinal de que o sistema pode
mudar, embora não tivesse sido tão efi-
caz como gostaríamos que tivesse sido.
Mas vieram novas marcas para Lisboa…
É inegável o interesse que os retalhis-
tas têm na rua. As multinacionais
trazem na sua experiência o comércio
de rua e quando olham para Portugal
olham para a rua mas, para quem tem
de responder a determinados planos de
expansão, não encontra na rua o ritmo
que desejaria e que é necessário para
cumprir os planos de aberturas. Houve
QUARTA-FEIRA
IV 6 de Fevereiro de 2008 ESPAÇOS DE NEGÓCIOS

Santander alvo da maior operação imobiliária europeia


A CB RICHARD Ellis fechou, em Este foi considerada a maior ope- euros, o equivalente a quase 3% do comprou uma série de complexos dos casos.
Janeiro, a maior operação imobi- ração imobiliária na Europa, tendo PIB português. As mais-valias ge- isolados nas principais artérias dos Adolfo Ramírez-Escudero, director
liária europeia, com a venda da terminado a 25 de Janeiro último radas pelo grupo bancário espa- centros de negócios de Madrid. geral da CB Richard Ellis em
totalidade dos activos imobiliários com a venda da “Cidade Financei- nhol ascenderam a 1.681 milhões Barcelona, Valência, Valladolid, Espanha, e responsável por esta
do Banco Santander ra” do Santander, a sede do banco de euros. Oviedo, Sevilha, Málaga, Bil bau e operação disse, em nota, que “as
A consultora imobiliária CB Ri- localizada em Madrid, ao grupo Palma de Maiorca por 458 milhões operações de “sale & leaseback”
chard Ellis concluiu a operação de Propinvest, por 1.900 milhões de VÁRIOS COMPRADORES de euros. fazem todo o sentido quando as
“sale & leasaback” dos 1.156 euros, o que também constituiu Os activos foram divididos por A solução “sales & leaseback” uti- empresas procuram aumentar a
imóveis do Grupo Santander em um recorde como a sede de um vários adquirentes. A Propinvest lizada significa que o Santander sua capacidade financeira, geran-
Espanha, num total de 1.146 mi- banco mais caro na Europa. adquiriu a sede, enquanto os fun- permanecerá nas suas diferentes do fontes de financiamento alter-
lhões de m2, o equivalente a mais A operação de alienação de dos da Pearl compraram a rede de instalações como inquilino e, em nativas através da optimização dos
de um quarto de todo o stock de imóveis arrancou em Julho passa- escritórios por 2.040 milhões de alguns casos, mantendo uma seus activos. Veremos, sem dúvida,
escritórios existente em Portugal, do, tendo os 1.156 imóveis gerado euros e, por último, o fundo opção de compra dos imóveis pas- mais operações nesta linha ao
anunciou companhia. um encaixe de 4.398 milhões de Pontegadea, do Grupo Inditex sados 40 a 45 anos, dependendo longo dos próximos anos”.

análise
PUB

Mercado de Retalho
Investimento 2007
O ANO de 2007 acabou por ser um bidaShopping e de dois centros
ano recorde na actividade de comerciais Modelo, pela Sonae
investimento no mercado de Sierra; e do Fórum Castelo
retalho em Portugal, com um ele- Branco, quatro Retail Parks, 50%
vado número de imóveis a serem do Parque Nascente e 50% do
comercializados. Esta evolução LouresShopping por parte de
está em linha com o que se tem investidores estrangeiros. Os cen-
verificado nos últimos anos e que tros comerciais continuam assim
tem colocado o sector, de acordo a ser o produto com maior peso
com o IPD (Investment Property no mercado de retalho ao nível de
Databank), em posição de lider- volume transaccionado, cerca de
ança no que diz respeito à 63% do total, logo seguidos pelos
rentabilidade e retorno do capital Retail Parks e restantes formatos
investido. existentes.
Ao longo do ano passado foram Os investidores nacionais con-
transaccionados mais de 500.000 tinuaram a liderar o sector ao
m2 de espaços comerciais, o que longo do ano passado, com uma
acabou por traduzir um volume quota à volta dos 50% do total
global de investimento a rondar investido em espaço comercial,
os 740 milhões de euros. Registou- tendo sido a Sonae Sierra um dos
se assim, comparativamente a mais dinâmicos. Por sua vez, os
2006, um acréscimo de aproxi- investidores estrangeiros, nomea-
madamente 75% deste indicador, damente os de origem inglesa,
o que fez com que a posição do foram responsáveis por aproxi-
sector de retalho saísse ainda madamente 22% do valor global
mais reforçada relativamente aos de investimento em retalho, com
restantes segmentos do imobi- a Rockspring a assumir clara-
liário, com uma quota de cerca de mente a liderança.
54% do total dos imóveis negocia- No final do ano transacto, a
dos em 2007. taxa de capitalização líquida
De entre as operações rea-- “prime” (net yield) situou-se nos
lizadas, de destacar pela dimen- 5.00%, registando um decréscimo
são a aquisição de 50% do de 75 pontos base relativamente a
GaiaShopping, 50% do Arrá- 2006.

GRÁFICO 1 – EVOLUÇÃO DA TAXA DE CAPITALIZAÇÃO LÍQUIDA


“PRIME” 2001-2007

Fonte: CB Richard Ellis


QUARTA-FEIRA
ESPAÇOS DE NEGÓCIOS 6 de Fvereiro de 2008 V

EM PARCERIA COM
SUSTENTABILIDADE ...where the green comes first

CENTROS COMERCIAIS
Tornando o desenvolvimento sustentável lucrativo II
Nome: José Gomes Covas
Empresa: DTZ
Função: Head of Valuations Iberia
Área de actividade: Consultoria

N
o mundo dos negócios, e o detectar as reais necessidades de centro comercial para constatar am sem resolução para alguns dos
mercado imobiliário não é a investimento (obras de adaptação, de que forma as medidas postas promotores e proprietários de Imobiliária
excepção, usualmente o se- de ampliação, de reconversão, em prática estão a afectar a sua Centros Comercias. É fundamen-
gredo do sucesso está numa etc.); avaliar os custos envolvidos rentabilidade; estar-se atento a tal, para manter e aumentar os
coisa tão simples mas ao mesmo
tempo tão complexa: uma estraté-
em tal investimento e escaloná-los
no tempo; analisar o tenant mix
alterações no mercado imobiliário
e na economia em geral, de forma
níveis de rentabilidade dos
imóveis, actuar quando antes.
A experiência e o know-
gia coerente de crescimento.
Para muitos dos proprietários de
do centro comercial e de que
forma este pode ser potenciado
a introduzir alterações atempadas
na estratégia elaborada; acompa-
Apesar das dúvidas sobre
a questão da sustentabilidade, se
-how, associados a uma
centros comerciais esta questão é face aos novos desafios do sector, nhar as medidas relacionadas bem planeada e concretizada, estratégia bem funda-
tão ou mais crítica dado o volume concorrência (actual e futura), com a sustentabilidade (sejam constitui uma importante janela
elevado do investimento e a rotatividade dos lojistas, campa- elas políticas de reciclagem, de de oportunidade com vista a fazer mentada serão a chave
exposição à f lutuação da activi- nhas de marketing, etc.; tentar sensibilização ou de marketing), e crescer um sector que segundo a
dade económica. Quando junta- criar no espaço um ambiente quais os impactos que estas estão opinião de muitos consultores irá dos sucesso dos que
mos a estes factores o desafio da agradável para que o visitante se a ter não só nos ocupantes mas atingir a sua saturação na próxi-
sustentabilidade conclui-se facil- sinta bem aí, e que dessa forma se essencialmente nos visitantes; ma década. decidirem encarar de
mente pela necessidade de uma
estratégia elaborada por consul-
potencie a sua aptidão para a com-
pra; entre outros.
medir a eficiência dos consumos
energéticos e da qualidade do ar
A experiência e o know-how,
associados a uma estratégia
uma vez por todas que a
tores profissionais e conhecedores
dos desafios em causa.
Após a concretização dos passos
anteriores dever-se-á delinear a
interior, periodicamente, e intro-
duzir acertos com vista a atingir
bem fundamentada serão a chave
dos sucesso dos que decidirem
sustentabilidade chegou
A estratégia a desenvolver de- estratégia a implementar. Esta os objectivos predefinidos. encarar de uma vez por todas e que não a podemos
verá passar essencialmente pelos deverá ter mecanismos de contro- Nos dias de hoje, apesar dos que a sustentabilidade chegou e
seguintes aspectos: efectuar uma lo da sua concretização, como bons exemplos já existentes, que não a podemos negligenciar negligenciar mais
inspecção ao imóvel com vista a sendo: a avaliação imobiliária do muitas destas questões continu- mais.

PUB

ZONAS LEGENDA

Eixo Zonas
ZONA ZONA ZONA ZONA ZONA ZONA ZONA

1 Prime Central Business District Av. da Liberdade, Saldanha

2 Central Business District Avenidas Novas, Amoreiras

3 Novas Zonas de Escritórios Praça de Espanha, 2ª Circular

4 Zonas Secundárias de Escritórios Av. Almirante Reis, Áreas Históricas

5 Parque das Nações Parque das Nações

6 Corredor Oeste A5 Lisboa-Cascais

7 Outras Zonas

AC PAVIMENTO ELEVADO PISOS ESTACIONAMENTO ÁREA TOTAL EM METROS QUADRADOS


QUARTA-FEIRA
VI 6 de Fevereiro de 2008 ESPAÇOS DE NEGÓCIOS

BREVES
IMORENDIMENTO LANÇA FUNDO
A Imorendimento lançou o Imo Pan
Iberian Retial, um fundo de investi-
mento imobiliário que terá uma
ARRANQUE LENTO
NOS ESCRITÓRIOS DOS EUA
dimensão da ordem dos 570 milhões
de euros. e que investirá nos merca-
dos de retalho e logística de
Portugal e Espanha. Trata-se de um
fundo fechado com um prazo de 10
anos e que teve como principal
investidor a Aberdeen Property
Investors Indirect Investment O mercado de escritórios caiu em toda a linha nos EUA.
Management AB, entidade que actu-
ou em representação de alguns dos
seus clientes. O fundo destina-se a
A consultora imobiliária Worx considera que 2008 terá uma “arranque lento”
investidores institucionais que
procuram exposição indirecta ao

O
imobiliário de retalho e de logística s preços dos escritórios nos mais variadas zonas dos EUA, S. Francisco, Los Angeles, Boston,
em Portugal e Espanha, incluindo EUA deverão começar a cujos preços vão começar a estabi- Washington, DC, Las Vegas, San
activos com conclusão recente ou estabilizar em 2008, depois lizar, registando-se mais operações José, sul da Flórida, Vancouver e
em processo de desenvolvimento. O de um mau ano de 2007, de arrendamento e investimento Chicago.
objectivo do fundo é proporcionar avança a Worx. no mercado de escritórios”. Na cidade de Nova Iorque a consul-
aos investidores um retorno da A consultora acredita que “o pre- O “strengt ranking” das metró- tora antecipa uma subida das ren-
ordem dos 12% de TIR, propondo sente ano marcará a recuperação poles dos EUA é liderado pela das dos escritório de 45 euros/mês
um dividendo anual, após estabiliza- dos mercados de escritórios das cidade de Nova Iorque, seguida de para 49 euros/mês, (67 e 74
ção de, pelo menos, 5%. A gestão da dólares, respectivamente).
Imorendimento referiu, em nota, que
“o fundo está muito bem posicionado BAIXO VACANCY RATE
para concretizar operações de inves- EM NOVA IORQUE
timento no competitivo mercado A subida do preço deve-se à eleva-
ibérico de retalho e logístico (…). O da procura nesta zona que re-
fundo oferece uma excelente oportu- gista a mais baixa taxa de
nidade para os investidores que pre- disponibilidade dos EUA, apenas
tendam ter exposição ao mercado 4,8%. Nova Iorque tem apenas
imobiliário ibérico, assumindo-se 1,047 milhões de m2 em cons-
como um dos veículos mais atrac- trução, com um stock de 42,4
tivos para investir neste contexto”. milhões de m2.
Em S. Francisco, a média de 2007
JLL COMPRA EMPRESA ALEMÃ de rendas de escritórios foi de 24
A consultora Jones Lang LaSalle euros (36 dólares) e perspectiva-
adquiriu a Brune Consulting se uma subida para 27 euros (40
Management, uma empresa especia- dólares).
lizada em gestão de imobiliário de A taxa de disponibilidade situa-se
retalho, e que está sedeada em nos 10,6%, estando em con-
Dusseldorf, Alemanha. A empresa strução 243 mil m2 e existindo
gere mais de 250 mil m2, incluindo um stock de 15,4 milhões de m2.
nove centros comerciais. A aquisição A capital Washington DC apre-
pressupõe que a actividade da Brune senta a 3ª renda de escritórios
se conjugue com as operações de mais elevada, com um preço de
Management Services da consultora 24 euros/m2/mês (36 dólares),
na Alemanha e na Áustria. Com esta prevendo a Worx um aumento
operação, o património de retalho para 26 euros/mês (38 dólares).
sob gestão aumentará para 450 mil A cidade tem 40,45 milhões de
m2, incluindo 15 centros comerciais m2 de stock de escritórios e tem
e posicionando a JLL como uma das 1,56 milhões de m2 em cons-
empresas líderes na área de retalho trução.
em ambos os países, segundo uma
nota da empresa.

STAPLES VAI ABRIR 23 LOJAS ATÉ 2010


A loja de Coimbra da Staples Office Centre foi o mais recente investimento
desta casa. O objectivo é abrir mais 30 lojas até 2010, num investimento
de 130 milhões de euros.

A
HORMANN CRESCE 19% EM 2007 25ª loja da Staples foi aberta operações internacionais.
A Hormann Portugal fechou o exercí- em Coimbra, num investi- Entre os movimentos estratégicos
cio de 2007 em Portugal com um mento de cinco milhões de da companhia americana desta-
facturação de cinco milhões de euros. A unidade comercial cam-se os planos de expansão na
euros, mais 19% do que no ano ante- ocupa uma área coberta de 2.100 China, através de uma joint-ven-
rior. A filial portuguesa é líder m2, com a área de vendas a ocupar ture com a Peipei, o maior grupo
mundial em portas, automatismos e 1.600 m2. A unidade de papelaria, de retalho de artigos de escritório
sistemas de carga. A área comercial mobiliário e equipamento de na província de Jiangsu. Em
está sustentada sobretudo pelo escritórios disponibiliza mais de 7 Taiwan, a Staples entrou no merca-
canal de revenda e que envolve 100 mil artigos. do através de uma joint-venture
agentes. A construção “é o sector O projecto da Staples, liderada em com a UB Express. No ano passado
preponderante na nossa actividade, Portugal por Carlos Duarte Maia, é o grupo entrou na Índia, através de
tento representado cerca de 70% do abrir mais 23 lojas nos próximos uma joint-venture com a
nosso volume de negócios em 2007, dois anos, num investimento glo- Pantaloon Retail Ltd e actuará,
no entanto é nosso objectivo reduzir bal de 100 milhões de euros. sobretudo, através da venda em
em 2008 a dependência deste sector O grupo está sedeado em Boston, canais alternativos e cash-and-
para cerca de 50%”, comentou EUA, e com quase 1.900 lojas em carry. A actividade em Portugal
Henrique Lehrfeld, director geral da 22 países e onde factura 20 mil arrancou em 1996, com a 1ª loja
Hormann Portugal. A filial pretende milhões de dólares anualmente. A em Alfragide. A marca própria
reforçar a quota de mercados nos Staples Inc posicionou-se no reta- Office Centre foi lançada em 2003
sectores da logística, alimentar e lho norte-americano, no catálogo e e tem tido uma excelente receptivi-
automóvel. internet norte-americano e nas dade.
QUARTA-FEIRA
ESPAÇOS DE NEGÓCIOS 06 de Fevereiro 2008 VII

AV. CONSELHEIRO FERNANDO DE SOUSA CHIADO


Lisboa Lisboa

Morada: . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Avenida Conselheiro
Fernando de Sousa nº 19, Morada: . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
12º Piso Largo do Chiado, 12

Área disponível: . . . . . . . . . . . . Área disponível: . . . . . . . . . . . .


478 m2 592m2 (296 m2 por piso)

Disponibilidade: . . . . . . . . . . . . . Pisos disponíveis: . . . . . . . . . .


Imediata 1º e 2º

Tipo de transacção: . . . . . . . . Disponibilidade: . . . . . . . . . . . . .


Venda Imediata

Proprietário: . . . . . . . . . . . . . . . Tipo de transacção: . . . . . . . .


N/A Arrendamento

AMI: 6413 Proprietário: . . . . . . . . . . . . . . .


Imópolis

478 m2 AMI: 6413


592m2

19 2 478 M2 4 592 M2

SIDÓNIO PAIS TERRAÇOS DE BRAGANÇA


Lisboa Lisboa

530 m2 103 a 283m2


Morada: . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .Avenida Sidónio Pais Morada: . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .Terraços de Bragança/ Rua do Alecrim
Área disponível: . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 530m2 Área disponível: . . . . . . . . . . . . . . . . . .Lojas: 119 a 204m2 - Escritórios: 103 a 283m2
Pisos disponíveis: . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .5º Pisos disponíveis: . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .Lojas R/C - Escritórios: 1º e 2º pisos
Disponibilidade: . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Imediata Disponibilidade: . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . Imediata
Tipo de transacção: . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .Arrendamento Tipo de transacção: . . . . . . . . . . .Lojas: Arrendamento e Venda - Escritórios: Venda
Proprietário: . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .N/D Proprietário: . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .Imópolis
AMI: 6413 AMI: 6413

6 530 M2 2 14 2.700 M2
QUARTA-FEIRA
VIII 6 de Fevereiro de 2008 ESPAÇOS DE NEGÓCIOS

Consultório CASAIS E SOUTO


Tenho um prédio na Visconde Valmor, em Lisboa, que está meio arrendado a
inquilinos com muitos anos e, à semelhança de alguns vizinhos, gostaria de tentar
arrendar o r/c e o 1º andar para profissões liberais. Pergunto quais os passos que
MOURA ASSINAM
é preciso dar para poder celebrar contratos para escritórios e ainda se será obri-
gatório, algum tipo de alteração na estrutura do edifício, nomeadamente ao nível
da segurança, das colunas de água, electricidade e gás? Obrigado.
Augusto Gervásio. Av. do Brasil

Só poderão ser objecto de arrendamento urbano as fracções autónomas cuja


MUSEU PAULA REGO
aptidão para o fim pretendido seja atestado pela respectiva licença de utilização,
estabelecendo a lei que o arrendamento para fim diverso do licenciado é nulo
podendo acrescer-lhe ainda uma coima de valor não inferior a um ano de renda
A construtora Casais vai edificar a Casa das História
(a coima será aplicável em caso de arrendamento para um fim diverso do licen- e Desenhos Paulo Rego, com projecto do arquitecto
ciado imputável ao senhorio).
Assim, não existe qualquer tipo de limitação legal ao arrendamento do imóvel Eduardo Souto Moura
para profissões liberais se a respectiva licença de utilização assim o permitir.
Caso contrário, será necessário proceder à alteração do uso da fracção junto da
Câmara Municipal competente, seguindo-se a demais tramitação administrativa por diversos volumes. A cons-
estabelecida pela Câmara Municipal. trução é em betão armado, com as
Por outro lado, tratando-se de um imóvel constituído em propriedade horizontal faces exteriores em betão
e se, no titulo constitutivo da propriedade horizontal, se encontrar estabelecido aparentemente pigmentado. Dos
que as referidas fracções se destinam a habitação, será necessário proceder à vários blocos destacam-se o da
livraria e do bar pela cobertura em
alteração do seu respectivo título, uma vez que se encontra especialmente veda- tronco de pirâmide em betão
do aos condóminos dar a um imóvel um uso diverso do fim a que os mesmos se armado pigmentado. Souto Moura
destinam (o título constitutivo da propriedade horizontal pode ser modificado explicou, em nota, que se trata de
por escritura pública, havendo o acordo de todos os condóminos). um único edifício, com vários cor-
Rita Alarcão Júdice, PLMJ pos. “São caixas altas e baixas,
inseridas no meio de árvores, que
procurei utilizar como negativo
para contrastar com o edifício do
Este espaço está disponível para os leitores, através do mail: consultorioimobiliario@oje.pt colocarem
questões de âmbito jurídico, arquitectónico, técnicas de construção design, tendências, evoluções de
museu, que funcionará como posi-
mercado, soluções de gestão e outras temáticas que considerem relevantes. tivo, funcionando os materiais e a
As respostas serão tratadas por um conjunto por três entidades com especia-lidades diferentes, os cor – betão, em tonalidade cinza
advogada da PLMJ - A.M. Pereira, Sáragga Leal, Oliveira Martins, Júdice e Associados, os arquitectos claro – para realçar esse efeito.
mendia + spencer e ainda a consultora internacional Cushman & Wakefield. Adiantou que “o projecto induz
As questões colocadas durante a semana serão tratadas na edição de quarta-feira seguinte. Participe. valores de contemporaneidade
arquitectónica, que se assume
como um meio de aproximação
entre o público e o edifício, uma
vez que regula e disciplina os flu-
xos de visita, através da definição
de um circuito que se inicia na
recepção e percorre todas as áreas
expositivas, como a loja, a cafe-
BREVES taria e o auditório”.
O acerbo do museu será compos-
to por pinturas e gravuras da pin-

O
WORX COLOCOU A AVANÇAR KNIGHT FRANK DIVULGA OPERAÇÕES Museu Paula Rego, em junto ao Museu do Mar, tora e artista plástico e ainda do
NO REPÚBLICA 57 A consultora imobiliária Knight Frank Cascais estará concluído no A obra está orçada em 4 milhões marido, Victor Willing, além de
A Avançar, uma empresa de interveio como advisor da IVG final deste ano. A Casais é a de euros, sendo financiada pelo uma tapeçaria de grandes dimen-
marketing e comunicação, que Asticus Real Estate e do grupo Evans construtora e conta com o Plano de Intervenção para a sões que tem por base a obra
pertence ao grupo espanhol Goazen, Randall na compra do lendário projecto de arquitectura contem- Qualificação do Turismo. O com- “Alcácer Quibir”.
tem novas instalações no edifício “Gherkin” de Londres, tendo envolvi- porânea, que favorecerá a aproxi- plexo terá 750 m2 de novas áreas A construção Casais já interveio
República 57. A consultora imobiliária do cerca de 600 milhões de euros. mação entre o público e o edifício, de exposição permanente e tem- em outros espaços museológicos,
Worx foi responsável pela colocação. Em Paris, a empresa representou a da autoria do emble-mático Souto porária, a que se juntam um caso do Espaço Memória e
Francisco Barrento, director geral da Slone Capital, na compra do imóvel 9 Moura. auditório com capacidade para 200 Fronteira, em Melgaço, o Museu
Avançar disse, em nota, que “a Place Vendôme à Hammerson e Axa, A obra da Casais das Histórias e pessoas, uma biblioteca e livraria e Casa Mateus, em Vila Real, o
localização e proximidade das tendo envolvido 639 milhões de Desenhos Paula Rego (a qual, para várias áreas de apoio técnico e Museu da Indústria da Chapelaria,
principais redes de transportes euros. Em Itália, a consultora asses- além de al bergar as obras desta científico. em S. João da Madeira, o Museu do
públicos tornam o República 57 o sorou a Patrimonio Uffico, na venda artista, contará com os trabalhos O arquitecto optou por uma Terceiros, em Ponte de Lima, e o
espaço ideal para uma empresa que do Corso Vittorino Emanuele 24, em de Victor Willing), já arrancou nos planta aproximadamente rectan- Centro Cultural Camilo Castelo
pretende, a partir de 2008, tornar-se Milão, à Progetto Ufficie, por cerca chamados “Terrenos da Parada”, gular, sendo o edifício composto Branco, em Famalicão.
uma referência no nosso sector de 257 milhões de euros. A Knight
de actividade”. Frank divulgou resultados opera-
cionais de 80 milhões de euros entre
ABRANTINA CONSTRÓI NA ARGÉLIA Maio de 2006 e Abril 2007, mais
A construtora Abrantina, empresa do 67% do que no exercício fiscal ante-
Grupo Lena, vai construir uma rior. A Knigh Frank está representada
unidade hospitalar de cardiologia em Portugal pela consultora imobi-
pediátrica na Argélia, por um valor liária Worx, desde Setembro de
da ordem dos 15 milhões de euros. A 2005, a qual é liderada por Pedro
empreitada compreende a cons- Rutkowski.
trução de um estabelecimento hospi-
talar especializado em cardiologia EURESTATES ARRANCOU COM LEILÕES
pediátrica com capacidade para 80 A Euroestates anunciou a época de
camas, na cidade de Draa Bem leilões imobiliários em Janeiro, tendo
Khedda, o prazo de construção será comercializado no final daquele mês
de 15 meses. A companhia portugue- 47 imóveis, entre lojas, estaciona-
sa está no mercado argelino desde mentos, moradias e apartamentos. A
2004, estando neste momento a percentagem de sucesso, segundo a
construir dois portos marítimos e o empresa, situou-se acima dos 75%.
prolongamento de um terceiro. Os próximos leilões serão a 23 e a 24
Possui uma carteira de obras neste de Fevereiro, no Porto e em Lisboa,
mercado superior a 56 milhões de respectivamente e serão licitados
euros. cerca de 120 imóveis.
QUARTA-FEIRA
NACIONAL E INTERNACIONAL 6 de Fevereiro de 2008 13

Eleições em 24 Estados americanos


Itália fixadas votaram ontem nas primárias


EUA veria decidir a escolha dos dois par- Estados, sobretudo nas zonas de
tidos, mas na opinião dos analistas, eleitorado negro, e vencer em ou-

para Abril NA MAIOR Super Terça-Feira da his-


tória norte-americana, disputada
ontem, estiveram em jogo em am-
bos os partidos mais de 40% de to-
dos os delegados presentes às con-
venções que aprovam a escolha para
o candidato às presidenciais.
particularmente no que se refere ao
Partido Democrático, a batalha elei-
toral poderá continuar por mais al-
gumas semanas.
Analistas apontavam para uma vi-
tória de Hillary Clinton nos Estados
com mais delegados em causa, no-
tros, como Kansas, Minesota, Colo-
rado, Alasca, Illinois, Dakota do
Norte, Idaho, Illinois e Geórgia, pro-
longando a corrida na esperança do
desgaste da imagem e apoio de Clin-
ton.
No Partido Republicano, a vitória

POLÍTICA leis eleitorais do país. Mas Berlus- Até ao fecho da edição, tinham meadamente Califórnia, Nova Ior- de John McCain na Florida colocou-
coni, ao sentir que conseguia através sido ainda divulgados os resultados que e Nova Jersey. Mas, devido ao o em excelente posição para a Super
O PRESIDENTE italiano, Giorgio Na- dos votos regressar ao cargo de pri- daquele que constituiu o ponto alto facto de no Partido Democrático os Terça-Feira. Mas o seu principal ri-
politano, decidiu dissolver o parla- meiro-ministro, o qual já ocupou por das eleições primárias dos EUA, on- delegados serem atribuídos de for- val, Mitt Romney, contava com
mento e convocar eleições anteci- duas vezes, exigiu a antecipação das de participaram 24 Estados. ma proporcional, Obama esperava grandes recursos financeiros e com
padas, que poderão trazer de novo ao eleições. Em teoria, a votação de ontem de- obter delegados suficientes nesses o apoio das estruturas do partido.
poder o magnata dos media Silvio Depois de quatro dias de negocia-
Berlusconi, depois de os partidos ções com líderes dos partidos políti-
políticos não terem chegado a acordo cos, Marini afirmou a Napolitano na

Lei anti-terrosimo debatida hoje


para formar um governo interino. segunda-feira que não tinha con-
O parlamento deverá ser dissolvi- seguido apoio suficiente para a for-
do hoje e, segundo a lei, as eleições mação de um governo interino.
terão de acontecer nos próximos 70 De acodo com as sondagens sobre
dias, sendo o dia 13 de Abril a data as intenções de voto dos italianos, a
mais provável. coligação de centro-direita, dirigida

A Itália mergulhou numa crise po- por Berlusconi, deve vencer as elei- PORTUGAL ver de prestar informações às autori- apresentam maior suspeição” é uma
lítica quando o primeiro-ministro ções. Na segunda-feira, o magnata dades sobre "acções suspeitas". Até das inovações deste diploma.
Romano Prodi, que tinha derrotado afirmou que venceria os adversários O PARLAMENTO debate hoje uma lei agora, esse dever existia apenas para Também o regime de multas para
Berlusconi por uma pequena mar- com uma vantagem de dez a 16 pon- para reforçar o combate ao bran- um número restrito de instituições, os infractores é alterado. A penaliza-
gem de votos em 2006, se viu obriga- tos percentuais. A coligação centro- queamento de capitais e financia- entre os quais a banca, as sociedades ção para as coimas graves são unifor-
do a renunciar ao cargo em Janeiro. esquerda deve ser liderada no con- mento do terrorismo, que prevê coi- gestoras de fundos e as sociedades de mizadas com as especialmente gra-
Relutante em enviar os italianos fronto pelo presidente da Câmara de mas dos cinco mil aos 2,5 milhões de capitais de risco. ves, num regime em que as multas
de volta às urnas, Giorgio Napolitano Roma, Walter Veltroni, que defendeu euros e penas de 8 a 15 anos. O diploma transpõe para a lei na- podem ir de cinco mil a 2,5 milhões
pediu ao presidente do Senado italia- a formação de um governo interino O diploma do Governo alarga o nú- cional duas directivas comunitárias e de euros, variando com o tipo de en-
no, Franco Marini, que conseguisse para reformar as leis eleitorais, apon- mero de entidades a investidores de dá seguimento a 49 recomendações tidade envolvida (financeira ou não
apoio para formar um governo tem- tadas como a principal razão do fra- capital de risco e a sociedades de con- internacionais. O “dever de diligên- financeira) e com o tipo de contri-
porário, encarregue de reformar as casso do governo de Prodi. sultoria para investimento, com o de- cia reforçado e com as operações que buinte (pessoa colectiva ou singular).

EDUCAÇÃO: Crianças tomam banho de gelo para fortalecer as defesas BREVES


Colombus Ucrânia entra na OMC
no Espaço A Ucrânia entrou formalmente para a
Organização Mundial do Comércio
(OMC), depoia de a sua candidatura ter
sido aprovada pelo Conselho Geral da

LABORATÓRIO EUROPEU instituição. O acesso do país como


membro número 152 da OMC torna-se
O VAIVÉM Atlantis deverá ser lança- definitivo 30 dias depois da ratificação
do amanhã para uma missão de on- do Parlamento ucraniano. A Ucrânia é
ze dias destinada a instalar na Esta- o país mais povoado do Leste europeu,
ção Espacial Internacional (ISS) o la- com 47 milhões de habitantes.
boratório europeu Columbus, que
inclui tecnologia portuguesa produ- França ratifica Tratado de Lisboa
zida pela Efacec. A França deverá ratificar amanhã o
Segundo a NASA, um problema Tratado de Lisboa depois de ter sido a
técnico que provocou sucessivos principal responsável pelo fracasso do
adiamentos desde 6 de Dezembro projecto da Constituição europeia que
foi resolvido e o Atlantis está pronto inviabilizou em 2005, provocando a
para partir para o espaço (às 19:45). maior crise institucional da história da
O laboratório Columbus constitui integração europeia. A França é o quin-
a maior contribuição da Agência Es- to Estado-membro da UE a ratificar o
pacial Europeia (ESA) para a ISS e re- novo Tratado, depois da Hungria, Eslo-
presenta uma etapa chave no desen- PELO TERCEIRO ano consecutivo os professores de Krasnoyarsk, na Sibéria, propõem aos alunos um desafio que exige coragem. Depois vénia, Malta e Roménia.
volvimento da investigação espacial de aproveitar por alguns minutos o conforto de uma sauna, as crianças são aconselhadas a tomar um banho de gelo. O exercício serve
europeia. para fortalecer os mecanismos de defesa do corpo humano. Foto Ilya Naymushin/REUTERS Tories à frente de Labour
O Partido Conservador britânico dis-
tanciou-se ainda mais, nas intenções de

Hospital de Valongo Governo em diálogo


voto, do Partido Trabalhista do primei-
ro-ministro Gordon Brown, revela uma
sondagem publicada pelo diário The Ti-
mes. O Labour registou 31% das inten-

pronto a funcionar com transportadores


ções de voto, enquanto os Tories, de
David Cameron, situaram-se nos 40%,
avança o jornal londrino.

Rebeldes do Chade cessam fogo



SAÚDE mento pelo Ministério da Saúde, dis- MOÇAMBIQUE os próprios transportadores para Os combates do passado fim-de-sema-
se Agostinho Branquinho, consultor analisar a situação, disse o ministro na em Djamena causaram pelo menos
O HOSPITAL de S. Martinho, Valon- da Administração daquela unidade O GOVERNO de Moçambique anun- dos Transportes e Comunicações de um milhar de feridos, informou o Comi-
go, está concluído e pronto a funcio- de saúde, em declarações à Lusa. ciou que estaria disposto a reunir-se Moçambique, António Munguambe, té Internacional da Cruz Vermelha, sem
nar. Trata-se de um projecto privado “Pensamos que esta licença deverá com representantes dos operadores adiantando que o governo está empe- referir o número de mortes na capital
que representa um investimento di- chegar dentro de dias ou até dentro de transportes semi-colectivos (cha- nhado em “explorar todas as for- do Chade. Os rebeldes que atacaram a
recto de mais de 15 milhões de euros de horas”, adiantou. pa) para encetar “um novo diálogo” mas” de resolver a actual crise. cidade aceitaram ontem o princípio de
e que vai criar 150 novos empregos. Destinado à população do Grande sobre as novas tarifas que entraram Com a nova tarifa, uma viagem in- um “cessar-fogo imediato”, mas acusa-
A maioria dos serviços já funciona, Porto, a unidade conta com 19 espe- ontem em vigor e que motivaram terurbana que antes custava cinco ram a França de ter “causado inúmeras
faltando apenas o Internamento e a cialidades, três salas de cirurgias e 26 graves tumultos em Maputo. meticais (14 cêntimos) passou para vítimas civis” durante uma “interven-
Cirurgia, que aguardam o licencia- quartos (57 camas). “O governo está em contacto com 7,5 meticais (21 cêntimos). ção directa” da sua aviação.
QUARTA-FEIRA
14 6 de Fevereiro de 2008 ANÁLISE

Agência Internacional de Energia


“PRECISAMOS
DE UMA REVOLUÇÃO
NA ENERGIA”
A Agência Internacional de Energia alertou a Comissão Europeia que os
desíquilibrios energéticos mundiais “estão a piorar de ano para ano” e que o
ambicioso plano de combate às alterações climáticas lançado por Bruxelas não se
pode ficar pelo anúncio de metas. Luís Gonçalves

T
rinta reactores nucleares, duas torial de projectos e metas fracassadas lizadas e que no futuro ainda será
barragens com a dimensão das é vasto. “É fácil marcar metas para maior, adiantou Nobuo Tanaka.
Três Gargantas (a maior bar- vinte anos”, alertou Ramsay William, China e Índia consomem hoje juntas
ragem do mundo situada na outro dos directores da AIE, dois dias 17% dos recursos energéticos mundi-
China), vinte e duas centrais de carvão depois numa sessão distinta da Semana ais. Isto, apesar de um indiano ou
com uma potência de 800 MW, vinte das Energias Sustentáveis. chinês consumir um vigésimo da ener-
centrais de 500 MW de gás e cem cam- gia de um americano e um décimo da
pos eólicos. NÚMEROS NEGROS de um europeu. Com a evolução destas
Não, esta não é capacidade actual de Segundo os dois responsáveis da AIE, economias, o seu consumo energético
produção de energia na China ou nos até 2030, a procura de carvão, petróleo vai aproximar-se dos níveis ocidentais
Estados Unidos. Isto é apenas o que e gás vai continuar a disparar, enquan- com consequências ainda por calcular,
será necessário construir todos os anos to a das renovavéis se irá manter. As adianta a AIE. Se em 1990, o consumo
até 2030, para dar resposta só ao emissões de CO2 vão duplicar até 2050 de energia primária em toneladas
aumento anual de procura de energia e os desequilíbrios entre oferta e procu- equivalentes de petróleo era de 8,726
em todo o mundo. ra de energia “pioram de ano para mil milhões toneladas, em 2020, esse
“Precisamos de uma revolução na ano”, adiantam. número irá atingir os 15 mil milhões.
energia”, afirmou Nobuo Tanaka, Apesar de todas as campanhas e Para os responsáveis da AIE só exis-
director executivo da Agência Inter- mediatismo dos temas de ambiente e tem três caminhos para a solução do
nacional de Energia (AIE), perante a alterações climáticas, a eficiência
elite europeia do sector energético energética no mundo deteriorou-se.
reunida na Semana das Energias Entre 1990 e 2006, as medidas de efi- ISLÂNDIA: O país modelo
Sustentáveis, realizada pela Comissão ciência energética conseguiram apenas
Europeia na semana passada. reduzir 1% do consumo de energia no NÃO pertence à União Europeia, mas é 25,4% e os restantes 0,1% com com-
mundo, quando no período de 1973 e vista em Bruxelas como modelo a bustíveis fósseis. Os combustíveis fós-
O PLANO 20+20+20 1990, essa redução foi de 2,5%, mais do seguir em matérias de energias re- seis, importados do exterior e que
Há duas semanas, Bruxelas apresentou
o seu mais ambicioso projecto de com-
dobro, diz a AIE.
Segundo Andris Piebalgs, Comissário
“A procura nováveis e ambiente sustentável.
A Islândia é hoje líder mundial no
representam 27% da energia primária
da Islândia, são usados exclusiva-
bate às alterações climáticas, onde
quer ser líder mundial.
Europeu para a Energia, são precisos
mais de 20 milhões de milhões de
de petróleo, uso de energias renováveis e os seus
números batem qualquer meta ou
mente em transportes e no sector das
pescas.
O plano “20+20+20 para 2020” pre- euros em investimento para fazer face carvão e gás aspiração de qualquer pacote climáti- A energia geotérmica é a principal
tende que, até 2020, a União Europeia à procura de energia até 2030. co, seja de Bali ou Bruxelas. Actual- fonte energética do país, representa
reduza em 20% as suas emissões de Só nos últimos três anos, o preço do vão disparar, mente, 73% da energia primária e 54% da energia primária total, 54% da
gases de dióxido de carbono (50% até petróleo já triplicou, enquanto o gás 100% da electricidade produzida na energia para aquecimento, 28% da
2050), que 20% da energia utilizada duplicou. O consumo de energia das a de energias Islândia tem origem em fontes re- produção de electricidade total e 18%
seja de origem renovável e que a efi- famílias aumentou também 50% nos nováveis locais. Recorde-se que na de usos como estufas e piscinas.
ciência energética aumente 20%. últimos anos, salientou Piebalgs. Por renováveis União Europeia, apenas 8,5% da ener- O forte apoio e incentivo do governo
Entre outros, a Comissão Europeia
quer também implementar uma mer-
exemplo, a indexação do preço do gás
ao petróleo, faz que por cada aumento
vai manter- gia total é de fonte renovável e que a
meta para 2020 é de 20%.
de Reykjavik para a utilização de ener-
gias renováveis e uma opinião pública
cado único de carbono no espaço
europeu e que 10% do combustível dos
de 20 dólares no barril, a factura das
importações de gás encareçam em 15
se, diz a AIE” Segundo Bjorn Gunnarson, director
académico do instituto islandês RES
muito consciente e bem informada
sobre o tema formam a base para o
transportes seja biocombustível. José mil milhões de dólares, adiantou (The School for Renewable Energy), os sucesso do modelo islandês adianta
Manuel Barroso, presidente da Arthouros Zarvos, presidente do islandeses estão determinados a ser a Bjorn Gunnarson. A estes, juntam-se
Comissão Europeia, apelidou o novo Conselho Europeu de Energias Reno- primeira nação a ter 100% da sua décadas de know how na utilização de
pacote energético e ambiental como “o váveis. energia oriunda de fontes renováveis. energias e tecnologias renováveis,
projecto mais ambicioso desta ge- Para o director executivo da AIE, um A base energética islandesa assenta apoio das principais instituições finan-
ração”. dos grandes problemas nestes desequi- na energia geotérmica e hídrica. Na ceiras às empresas energéticas do país
Nabuo Tanaka refere a aposta nas líbrios tem sido o disparo no consumo produção de electricidade, por exem- e um grande ênfase dado na educação,
energias renováveis – liderada por de energia nos gigantes emergentes plo, a energia hídrica alimenta 73,4% formação, consultoria e networking,
Bruxelas – pode ter um papel decisivo como a China e Índia. Países cuja do total do consumo de electricidade, que resultam em parcerias entre
na resolução do problema energético expansão ficou muito acima do estima- seguida da energia geotérmica com público, empresas e universidades.
na Europa, mas o tempo é curto e o his- do pelas economias mais industria-
QUARTA-FEIRA
ANÃLISE 6 de Fevereiro de 2008 15

Metas
Redução das UE de
emissões 2020
CO2 até 2020

Países Redução das emissões Percentagem de


de CO2 até 2020 renováveis na energia
total em 2020

AT -16.0% 34%
BE -15.0% 13%
BG 20.0% 16%
CY -5.0% 13%
CZ 9.0% 13%
DK -20.0% 30%
EE 11.0% 25%
FI -16.0% 38%
FR -14.0% 23%
DE -14.0% 18%
EL -4.0% 18%
HU 10.0% 13%
IE -20.0% 16%
IT -13.0% 17%
LV 17.0% 42%
LT 15.0% 23%
LU -20.0% 11%
MT 5.0% 10%
NL -16.0% 14%
PL 14.0% 15%
PT 1.0% 31%
RO 19.0% 24%
SK 13.0% 14%
SI 4.0% 25%
ES -10.0% 20%
SE -17.0% 49%
UK -16.0% 15%

Portugal 45% da electricidade será renovável em 2010


O GOVERNO decidiu rever em alta as suas metas ambien-
tais e José Sócrates anunciou na semana passada que
Portugal vai elevar de 39 para 45% o peso das energias
renováveis na produção de electricidade e quase duplicar
de 5,75 para 10% o uso de biocombustíveis nos trans-
portes até 2010.
No Parlamento, onde apresentou as propostas, o
primeiro ministro anunciou que quer assim antecipar
em dez anos as metas ambientais da União Europeia e
colocar Portugal na “linha da frente” em matéria ambi-
ental a par com Áustria e Suécia.
Sócrates adiantou que vai manter a sua aposta na ener-
gia eólica e agilizar os processos de licenciamento de
novos parques, modernizar os existentes. Biogás,
Biomassa e energia das ondas são outras das apostas do
executivo para 2010. Por exemplo, até 2010, 5 a 10% do
carvão queimado nas centrais a carvão será substituído
problema energético mundial: “imple- política de incentivos que tornem mais comunitária e por consequência será por biomassa ou resíduos, o que irá permitir reduzir as
mentar, implementar, implementar”. rentáveis os projectos na área das ener- processado, esclarece o porta-voz do emissões até um milhão de toneladas de CO2 por ano.
Nobuo Tanaka, aplaudiu as metas de gias. comissário europeu para o Ambiente, Na energia hídrica, o Governo vai lançar ainda o Plano
Bruxelas, mas salientou que o investi- Stavros Dimas. Nacional de Barragens, que prevê a construção de 10
mento em Investigação e RENOVÁVEIS O presidente do Conselho Europeu novas barragens que darão uma capacidade extra de
Desenvolvimento (I&E) em energia na No ano em que se comemora o Ano de Energias Renováveis apelou à 1300 MW. Este plano, teve para já, o aval da Comissão
Europa “ainda é moderado” face ao Europeu das Energias Renováveis, Comissão Europeia que antecipa as Europeia, normalmente crítica à construção destas infra
realizado nos Estados Unidos ou no Bruxelas pôs em marcha o seu mais metas para 2020 para 2010. O caminho estruturas, como sucedeu com o Alqueva. Em Bruxelas,
Japão. Este aconselhou a União ambicioso plano energético e ambien- a seguir é irreversível, adianta o Comissário Europeu da Energia, Andris Piebalgs, em
Europeia a retirar as barreiras de entra- tal até à data. As metas traçadas a nível Arthouros Zarvos, porque o não fazer conferência com jornalistas portuguesas salientou que
da existentes no mercado europeu e global e a nível nacional não são ape- nada terá custos ambientais e finan- Portugal precisa de encontrar um equilíbrio entre o
criar uma plataforma sustentável de nas “aspirações ou metas”, são objec- ceiros pesadíssimos e que não existe investimento e medidas compensatórias, e que a Europa
forma a atrair investimento, assegurar tivos legais. Ou seja, o estado que não ideia do custo futuro da energia fóssil e precisa de projectos limpos e de reduzir as emissões de
um suporte tecnológico e criar uma as cumprir estará a infringir a lei nuclear. C02.

PUB
QUARTA-FEIRA
16 6 de Fevereiro de 2008 MERCADOS

Mercados Editado por: Mafalda Simões Monteiro

LISBOA EURONEXT BOLSAS ÍNDICES MUNDIAIS


PSI 20 PSI 20 IBEX 35 EUROSTOXX 50
Empresa Cotação Variação Variação Dividend PER
dia % ano % Yield
Altri SGPS SA . . . . . . . . . . . . . . . . .4,23 . . . . . . . . . .-4,20 . . . . . . . . .-17,26 . . . . . . . . . . . . . .1,13 . . . . . . . . . . . .14,45
B.Com.Português . . . . . . . . . . . . . .1,96 . . . . . . . . . .-4,40 . . . . . . . .-30,29 . . . . . . . . . . . . .4,16 . . . . . . . . . . . . .4,99
B.Espírito Santo . . . . . . . . . . . . . . .11,72 . . . . . . . . . .-2,01 . . . . . . . . .-19,53 . . . . . . . . . . . . .3,34 . . . . . . . . . . . .10,40
Banco BPI SA . . . . . . . . . . . . . . . . .3,34 . . . . . . . . . .-4,30 . . . . . . . .-34,98 . . . . . . . . . . . . .4,59 . . . . . . . . . . . . .7,41
13217.10
Brisa . . . . . . . . . . . . . . . . . .10,05 . . . . . . . . . .-0,50 . . . . . . . . .0,70 . . . . . . . . . . . . . .2,77 . . . . . . . . . . . .33,67 11235.33 3789.31
Cimpor SGPS . . . . . . . . . . . . . . . . . .5,35 . . . . . . . . . .-4,64 . . . . . . . . .-6,93 . . . . . . . . . . . . . .3,84 . . . . . . . . . . . .12,74 11078.21 12814.70 3717.08
EDP . . . . . . . . . . . . . . . . . . .4,12 . . . . . . . . . .-4,52 . . . . . . . . .-3,58 . . . . . . . . . . . . . .2,55 . . . . . . . . . . . .16,58
Galp Energia . . . . . . . . . . . . . . . .15,85 . . . . . . . . . .-5,20 . . . . . . . . .-9,08 . . . . . . . . . . . . . .0,91 . . . . . . . . . . . .22,29 Qua Qui Sex Seg Ter Qua Qui Sex Seg Ter Qua Qui Sex Seg Ter
Impresa SGPS . . . . . . . . . . . . . . . . .1,43 . . . . . . . . . .-5,92 . . . . . . . .-24,23 . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . .9,51
J Martins SGPS . . . . . . . . . . . . . . .5,22 . . . . . . . . . .-6,04 . . . . . . . . .3,00 . . . . . . . . . . . . . .1,59 . . . . . . . . . . . .19,75 Índice País V. fecho Var. dia Var. dia Var. ano Var. ano
Mota Engil . . . . . . . . . . . . . . . . .4,36 . . . . . . . . . .-3,54 . . . . . . . . .-10,87 . . . . . . . . . . . . .2,43 . . . . . . . . . . . . .8,84 (em pontos) (em pontos) (em %) (em pontos) (em %)
Portucel . . . . . . . . . . . . . . . . . .2,01 . . . . . . . . . .-4,29 . . . . . . . . .-5,30 . . . . . . . . . . . . . .3,33 . . . . . . . . . . . .12,21
Portugal Telecom . . . . . . . . . . . . . .8,43 . . . . . . . . . .-2,60 . . . . . . . . .-2,86 . . . . . . . . . . . . .4,59 . . . . . . . . . . . .11,48 PSI 20 . . . . . . . . . . . . . . . .Portugal . . . . . . .11078,21 . . . . . . . . . . .-399,56 . . . . . . . . . . . . .-3,48 . . . . . . . . . . . . .-1941,15 . . . . . . . . .-14,91
REN . . . . . . . . . . . . . . . . . . .3,20 . . . . . . . . . .-1,54 . . . . . . . . .-9,34 . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . .0,00 Eurostoxx 50 . . . . . . . . . . . . .UE . . . . . . . . . .3717,08 . . . . . . . . . . . .-150,08 . . . . . . . . . . . . .-3,88 . . . . . . . . . . . . .-682,64 . . . . . . . . .-15,52
S.Costa . . . . . . . . . . . . . . . . . .1,87 . . . . . . . . . . .0,54 . . . . . . . . .-7,60 . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . .15,70 FT 100 . . . . . . . . . . . . . . .Reino Unido . . . . . .5868,00 . . . . . . . . . . .-158,20 . . . . . . . . . . . . .-2,63 . . . . . . . . . . . . .-588,90 . . . . . . . . . . .-9,12
Semapa . . . . . . . . . . . . . . . . .8,11 . . . . . . . . . . .-3,91 . . . . . . . . .-2,40 . . . . . . . . . . . . . .2,73 . . . . . . . . . . . . . .7,74 MIB 30 . . . . . . . . . . . . . . . . .Itália . . . . . . . .33973,00 . . . . . . . . . . .-1077,00 . . . . . . . . . . . . .-3,07 . . . . . . . . . . . . .-4912,00 . . . . . . . . .-12,63
Sonae Indústria . . . . . . . . . . . . . . .4,67 . . . . . . . . . .-6,04 . . . . . . . .-24,93 . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . .8,64 Nasdaq 100 . . . . . . . . . . . . . .EUA . . . . . . . . .1801,85 . . . . . . . . . . . .-26,95 . . . . . . . . . . . . . .-1,47 . . . . . . . . . . . . .-283,08 . . . . . . . . .-13,58
Sonae SGPS . . . . . . . . . . . . . . . . . . .1,25 . . . . . . . . . . .-3,47 . . . . . . . . .-23,96 . . . . . . . . . . . . .2,02 . . . . . . . . . . . . .9,54 Nas/Nms Composite . . . . . .EUA . . . . . . . . .2346,13 . . . . . . . . . . . .-36,72 . . . . . . . . . . . . . .-1,54 . . . . . . . . . . . . . .-306,15 . . . . . . . . . .-11,54
Sonaecom SGPS . . . . . . . . . . . . . . .2,57 . . . . . . . . . .-5,51 . . . . . . . .-18,28 . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . .0,00 S&P 500 . . . . . . . . . . . . . . . .EUA . . . . . . . . .1354,01 . . . . . . . . . . . .-26,81 . . . . . . . . . . . . . .-1,94 . . . . . . . . . . . . . .-114,35 . . . . . . . . . . .-7,79
Zon Multimedia . . . . . . . . . . . . . . . .9,06 . . . . . . . . . .-0,44 . . . . . . . . .-4,28 . . . . . . . . . . . . .3,30 . . . . . . . . . . . .45,50 Dow Jones Industrial . . . . .EUA . . . . . . . . .12409,42 . . . . . . . . . . .-225,74 . . . . . . . . . . . . .-1,79 . . . . . . . . . . . . .-855,40 . . . . . . . . . .-6,45
Outras empresas nacionais CAC 40 . . . . . . . . . . . . . . . . .França . . . . . . . .4776,86 . . . . . . . . . . . .-196,78 . . . . . . . . . . . . .-3,96 . . . . . . . . . . . . . .-837,22 . . . . . . . . . .-14,91
Dax . . . . . . . . . . . . . . . . . . .Alemanha . . . . . . .6765,25 . . . . . . . . . . . .-235,24 . . . . . . . . . . . . .-3,36 . . . . . . . . . . . . .-1302,07 . . . . . . . . .-16,14
Águas da Curía . . . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .387,00
Hang Seng . . . . . . . . . . . .Hong Kong . . . . . .24808,70 . . . . . . . . . . .-223,38 . . . . . . . . . . . . .-0,89 . . . . . . . . . . . . .-3003,95 . . . . . . . . .-10,80
Banco Popular . . . . . . . . . . . . . . . .9,73 . . . . . . . . . . .-5,99 . . . . . . . . .-10,55 . . . . . . . . . . . . .4,38 . . . . . . . . . . . . .9,98
Banco Santander . . . . . . . . . . . . . .11,40 . . . . . . . . . .-4,52 . . . . . . . . .-18,49 . . . . . . . . . . . . . .4,76 . . . . . . . . . . . . .9,08 Ibex 35 . . . . . . . . . . . . . . . .Espanha . . . . . . .12814,70 . . . . . . . . . . .-701,00 . . . . . . . . . . . . .-5,19 . . . . . . . . . . . . .-2367,60 . . . . . . . . .-15,59
Banif-SGPS . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .3,23 . . . . . . . . . . .-4,15 . . . . . . . . .-14,85 . . . . . . . . . . . . . .3,56 . . . . . . . . . . . . . .9,63 Nikkei 225 . . . . . . . . . . . . . .Japão . . . . . . . .13745,50 . . . . . . . . . . .-114,20 . . . . . . . . . . . . .-0,82 . . . . . . . . . . . . .-1562,28 . . . . . . . . .-10,21
Benfica-Futebol . . . . . . . . . . . . . . . .2,03 . . . . . . . . . . .-4,25 . . . . . . . . .-11,67 . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . .0,00
Centro-Sul
Cipan
. . . . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . .3,92
. . . . . . . . . . . . . . . . . . .0,69 . . . . . . . . . .15,00 . . . . . . . .-20,04 . . . . . . . . . . . . .3,33 . . . . . . . . . . . . . .3,49 CÂMBIOS
Cires . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . .1,80 . . . . . . . . . . . . . .2,06 . . . . . . . . . . . . . .9,71 EURO / DÓLAR EURO / LIBRA EURO / IÉNE
Cofina SGPS . . . . . . . . . . . . . . . . . . .1,45 . . . . . . . . . . .-2,68 . . . . . . . . .-4,81 . . . . . . . . . . . . . .2,35 . . . . . . . . . . . . . .1,16
Compta . . . . . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . .-3,17 . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . .0,00
Conduril . . . . . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . . .2,60 . . . . . . . . . . . . . .7,31
Copam . . . . . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . . .9,30 . . . . . . . . . . . .14,79
Corticeira Amorim . . . . . . . . . . . . . .1,64 . . . . . . . . . . .-1,80 . . . . . . . . .-14,80 . . . . . . . . . . . . . .3,29 . . . . . . . . . . . .10,34
E.Santo Financ N . . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . .-25,97 . . . . . . . . . . . . . .2,43 . . . . . . . . . . . . .0,00
E.Santo Financia . . . . . . . . . . . . . . .19,00 . . . . . . . . . .-1,55 . . . . . . . . .-17,93 . . . . . . . . . . . . . .2,51 . . . . . . . . . . . .14,09 1.4798
0.7530
Estoril Sol N . . . . . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . . .2,38 . . . . . . . . . . . . . .7,82 157.80
Estoril Sol P . . . . . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . .-8,91 . . . . . . . . . . . . . .2,44 . . . . . . . . . . . . . .7,03 0.7454
1.4649 156.51
Fenalu . . . . . . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . .-54,84 . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . .0,00
Finibanco SGPS . . . . . . . . . . . . . . . .3,34 . . . . . . . . . . .-3,47 . . . . . . . . .-27,92 . . . . . . . . . . . . . .2,17 . . . . . . . . . . . . .0,25
Fisipe . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .0,13 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . .0,60 . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . .43,33 Qua Qui Sex Seg Ter Qua Qui Sex Seg Ter Qua Qui Sex Seg Ter
Fitor . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . .-16,44 . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . .4,75
Fut.Clube Porto . . . . . . . . . . . . . . . .1,83 . . . . . . . . . . .-3,68 . . . . . . . . . .0,68 . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . .0,00
Galp Energia SBF . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . . .2,62 . . . . . . . . . . . . .0,00
Grupo Media Cap . . . . . . . . . . . . . .6,10 . . . . . . . . . . .9,71 . . . . . . . . .-11,46 . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . .24,12
Ibersol SGPS . . . . . . . . . . . . . . . . . . .7,50 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . .-35,34 . . . . . . . . . . . . .0,73 . . . . . . . . . . . . .12,71
COTAÇÕES DE DIVISAS
Imob Grão Pará . . . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . .-16,67 . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . .0,00 África Do Sul...........................................11,166........................................Rand Israel.........................................................5,2898.........................Novo Shekel
Inapa-Inv.P.Gest . . . . . . . . . . . . . . . .0,73 . . . . . . . . . . .-3,95 . . . . . . . . .-16,12 . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . .15,51
Austrália......................................................1,627 .......................................Dólar Japão..........................................................156,51 .........................................Iene
Lisgráfica . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .0,11 . . . . . . . . . . .10,00 . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . .0,20
Litho Formas . . . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . .-13,61 . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . .2,70 Brasil..........................................................2,5772 .........................................Real Letónia .....................................................0,6965 .........................................Lats
Martifer . . . . . . . . . . . . . . . . . . .7,20 . . . . . . . . . . .-0,83 . . . . . . . . .-12,11 . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . .0,00 Bulgária ....................................................1,9558 ...........................................Lev Lituânia.....................................................3,4523 ........................................Litas
Norvalor . . . . . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . .8,89 . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . .0,00 Cabo Verde ...........................................110,487....................................Escudo Macau......................................................11,7507 ....................................Pataca
Novabase SGPS . . . . . . . . . . . . . . . .2,53 . . . . . . . . . . .-3,80 . . . . . . . . .-17,30 . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . .12,92 Canadá.......................................................1,4712 .......................................Dólar Malásia .....................................................4,7225 ...................................Ringgit
Oliveira Irmão . . . . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . .15,21 China........................................................10,5145..................Yuan Renmimbi Noruega...................................................8,0452 ......................................Coroa
Orey Antunes . . . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . .-7,17 . . . . . . . . . . . . . .2,70 . . . . . . . . . . . . .0,00 Coreia Do Sul.........................................1380,6.........................................Won Nova Zelândia...........................................1,865 .......................................Dólar
Pap.Fernandes . . . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . .-7,56 . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . .0,00 Croácia ......................................................7,2634........................................Kuna Polónia ......................................................3,5825.........................................Zloti
Papeles Y Carton . . . . . . . . . . . . . . .5,76 . . . . . . . . . . .-2,21 . . . . . . . . .-13,38 . . . . . . . . . . . . . .0,78 . . . . . . . . . . . .32,92
Pararede . . . . . . . . . . . . . . . . . .0,15 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . .34,88 Dinamarca................................................7,4535 ......................................Coroa Reino Unido ............................................0,7454........................................Libra
Penina . . . . . . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . .0,05 . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .166,67 Egipto .....................................................8,10635 .......................Libra Egípcia República Checa ...................................25,693 ......................................Coroa
Polimaia, SGPS . . . . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . .-21,32 . . . . . . . . . . . . .4,68 . . . . . . . . . . . .91,67 Eslováquia .............................................33,3769 ......................................Coroa Roménia ...................................................3,6498...............................Novo Leu
Progado . . . . . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . .26,32 Estónia....................................................15,6447 ......................................Coroa Rússia........................................................36,063.......................................Rublo
Reditus SGPS . . . . . . . . . . . . . . . . . .8,50 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . .-6,41 . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . .0,00 EUA ............................................................1,4649 .......................................Dólar Singapura ................................................2,0769 .......................................Dólar
S.Clube Braga . . . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . .5,66 . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . .0,00 Filipinas.....................................................59,142.........................................Peso Suécia........................................................9,4306 ......................................Coroa
S.Costa-Pref . . . . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . .45,00 . . . . . . . . . . . . . .2,10 . . . . . . . . . . . .59,71 Hong Kong.............................................11,4148 .......................................Dólar Suíca...........................................................1,6106 ....................................Franco
Sacyr Valleherm . . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . .-15,18 . . . . . . . . . . . . . .2,46 . . . . . . . . . . . . . .7,44
SAG Gest . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .1,90 . . . . . . . . . . .-4,52 . . . . . . . . .-34,24 . . . . . . . . . . . . .4,54 . . . . . . . . . . . .10,28
Hungria .....................................................258,74 ......................................Forint Tailândia................................................48,5725 ........................................Bath
Sonae Capital . . . . . . . . . . . . . . . .1,75 . . . . . . . . . . .-4,37 . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . .0,00 Indonésia...............................................13475,2.......................................Rupia Turquia ......................................................1,7309 ..............................Nova Lira
Sonagi-SGPS SA . . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . .-16,25 . . . . . . . . . . . . . .1,79 . . . . . . . . . . . . .5,98 Islândia ........................................................96,11 ......................................Coroa
Sopragol . . . . . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .115,00 Fonte: REUTERS

Sporting . . . . . . . . . . . . . . . . . .1,96 . . . . . . . . . . .7,69 . . . . . . . . . .-5,69 . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . .0,00


Sumolis . . . . . . . . . . . . . . . . . . .1,59 . . . . . . . . . . .5,30 . . . . . . . . .-11,18 . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . .37,75
Teixeira Duarte . . . . . . . . . . . . . . . .1,56 . . . . . . . . . . .-3,70 . . . . . . . . .-22,49 . . . . . . . . . . . . .1,05 . . . . . . . . . . . . . .5,74
Ternor . . . . . . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . .0,00
Torres Novas . . . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . .-53,85 . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . .0,00
Toyota Caetano . . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . . .1,89 . . . . . . . . . . . . .19,13
MERCADOS ANÁLISE
Transinsular . . . . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . . .21,05 . . . . . . . . . . . . .4,33
Va Grupo . . . . . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . .0,00 O ÍNDICE PSI20 fechou a sessão de terem registado ganhos superiores a a economia norte-americana irá en-
Vaa Vista Alegre . . . . . . . . . . . . . . .0,13 . . . . . . . . . . .-7,14 . . . . . . . . . .-5,77 . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . .0,00 terça-feira a perder 3,48%, a reflectir 10% nas últimas duas sessões. Entre frentar uma recessão. As bolsas
Vaa-V.Alegre-Fus . . . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . .-15,38 . . . . . . . . . . . . .0,00 . . . . . . . . . . . . .0,00 um sell-off nas praças europeias e os pesos-pesados, a EDP - Energias de europeias fecharam a sessão a perder
norte-americanas na sequência de da- Portugal caiu 4,52% para 4,115 pon- entre 2,8% e 5,2%, com o Ibex a ser o

MAIORES SUBIDAS  MAIORES DESCIDAS 


dos macroeconómicos negativos nos tos, enquanto a Portugal Telecom mais penalizado também devido a da-
EUA. O PSI20 caiu 3,48% para cedeu 2,6% para 8,43 pontos e o dos macroeconómicos negativos em
% % 11.078,21 pontos, com 19 títulos em Millennium bcp caiu 4,4% para 1,955 Espanha. À hora do fecho dos merca-
Cipan . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .15,00 Vaa Vista Alegre . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .-7,14 queda e um a subir. Negociaram-se euros. A Soares da Costa foi o único dos europeus, o índice Dow Jones
Lisgráfica . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .10,00 J Martins SGPS . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .-6,04 73,7 milhões de acções ou 283,6 mi- título a valorizar, conseguindo um norte-americano perdia 1,72% e o
Grupo Media Cap . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .9,71 Sonae Indústria . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .-6,04 lhões de euros, liquidez abaixo do ganho de 0,54% para 1,87 euros. índice tecnológico Nasdaq daquele
Sporting . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .7,69 Banco Popular . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .-5,99 habitual devido às celebrações de país cedia 1,54%.
Sumolis . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .5,30 Impresa SGPS . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .-5,92 Carnaval. A Impresa perdeu 5,92% Os dados da evolução do sector dos
S.Costa . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .0,54 Sonaecom SGPS . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .-5,51
Galp Energia . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .-5,20 para 1,43 euros, penalizada pela saída serviços nos EUA mostraram uma con- Em termos de petróleo, o brent para
Cimpor SGPS . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .-4,64 iminente do índice PSI20. A Sonaecom tracção inesperada, recuando para o Março caia 1,76% para 88,87 dólares e
EDP . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .-4,52 e a Sonae Indústria também recuaram valor mais baixo desde Outubro de o crude perdia 1,83% para 88,38
Banco Santander . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .-4,52 mais de cinco por cento depois de 2001, o que reforçou os receios de que dólares.
QUARTA-FEIRA
MERCADOS 6 de Fevereiro de 2008 17

Cotações às 17h00 de 05/02/2008

MERCADORIAS E MATÉRIAS-PRIMAS RECOMENDAÇÕES


OURO (dólares/onça) PRATA (dólares/onça) BRENT (dólares/barril)
GALP ENERGIA


COMPRAR A Lisbon Brokers reviu em alta o preço-alvo
para as acções da Galp Energia para 19 euros
Preço-alvo 19 € dos anteriores 17 euros, mantendo inalterada a
16.43 Última cotação 15,85 € recomendação de 'Buy' para o título. Adianta,
892.10 14.34
783.90 Potencial valorização 19,87% em nota de research, que a recente decisão da
91.98 89.34 Iberdrola de vender os 3,8% que detinha na
Entidade: Lisbon Brokers Galp poderá permitir à Gazprom entrar no capi-
Analista: Sara Amaral tal da Galp e lançar uma guerra pelo controlo
2/Dez 5/Fev
Data: 5 de Fevereiro da empresa. “Com estas considerações em
7/Dez 5/Fev 12/Nov 5/Fev
Índice: PSI20 mente e actualizando o modelo de avaliação
Fonte: REUTERS Fonte: REUTERS Fonte: REUTERS
Mercado: Euronext Lisboa para incorporar as recentes descobertas no
Sector: Petróleo e Gás poço Jupiter e um guidance mais preciso para o
COTAÇÕES poço Tupi, subimos o nosso preço-alvo para
19,00 euros por acção", refere a nota.
Petróleo Fecho Unidade Metais Fecho Unidade
JERÓNIMO MARTINS


WTI (N.Iorque) . . . . . .88,00 . . . . . . . . . . . . .dólar USD/barril Ouro . . . . . . . . . . . . . . .892,10 . . . . . . . . . . . . .dólar USD/onça
Brent (Londres) . . . . . .89,34 . . . . . . . . . . . . .dólar USD/barril Prata . . . . . . . . . . . . . . .16,43 . . . . . . . . . . . . .dólar USD/onça VENDER A Goldman Sachs reviu em baixa o preço-alvo
para as acções da Jerónimo Martins para 4,80
Mercadorias Fecho Unidade Platina . . . . . . . . . . . . . .1775 . . . . . . . . . . . . . .dólar USD/onça Preço-alvo 4,80 € euros de 4,90 euros, com recomendação Sell, no
Cacau . . . . . . . . . . . . . . .23,33 . . . . . . . . . . . .dólar USD/tonelada Paládio . . . . . . . . . . . . . . .415 . . . . . . . . . . . . . .dólar USD/onça Última cotação 5,22 € âmbito de uma revisão ao sector do retalho a
Café . . . . . . . . . . . . . . . .142,45 . . . . . . . . . . .cêntimos USD/Libra Alumínio . . . . . . . . . . . .2628 . . . . . . . . . . . .dólar USD/tonelada Potencial valorização -8,05% nível europeu. A casa de investimento refere, em
nota de research, que acredita que a tendência
Açucar . . . . . . . . . . . . . .11,87 . . . . . . . . . . .cêntimos USD/Libra Cobre . . . . . . . . . . . . . . .7294 . . . . . . . . . . . .dólar USD/tonelada
Entidade: Goldman Sachs de enfraquecimento do consumo na maioria dos
Milho . . . . . . . . . . . . . . .509,50 . . . . . . . . . .cêntimos USD/bushel Zinco . . . . . . . . . . . . . . .2460 . . . . . . . . . . .dólar USD/tonelada Analista: mercados irá persistir ao longo de 2008.
Óleo de Soja . . . . . . . . .55,52 . . . . . . . . . . .cêntimos USD/Libra Níquel . . . . . . . . . . . . . .27300 . . . . . . . . . . .dólar USD/tonelada Data: 5 de Fevereiro "Estamos a actualizar as nossas estimativas e
Trigo . . . . . . . . . . . . . .1003,00 . . . . . . . . .cêntimos USD/bushel Chumbo . . . . . . . . . . . . .16775 . . . . . . . . . . .dólar USD/tonelada Índice: PSI20 preço-alvo em todo o sector para reflectir o
Mercado: Euronext Lisboa esperado abrandamento em todos os merca-
Soja . . . . . . . . . . . . . . .1323,25 . . . . . . . . . .cêntimos USD/bushel Estanho . . . . . . . . . . . . . .864 . . . . . . . . . . . . . . . . .Libra/ton Sector: Retalho dos", refere a casa de investimento.
Algodão . . . . . . . . . . . . .68,05 . . . . . . . . . . .cêntimos USD/Libra Alumínio Alloy . . . . . . .2430 . . . . . . . . . . . .dólar USD/tonelada
Fonte: REUTERS

PUB

INFORMAÇÃO FINANCEIRA GALP ENERGIA


A European Securities Network (ESN), da qual


Teixeira Duarte entra no PSI20 tugal liderou com 27,6%, seguida da Cai- Galp em comunicado. "Após a referida alie- COMPRAR faz parte o CaixaBI, elegeu a Galp Energia como
A Teixeira Duarte vai integrar o índice xagest", refere o comunicado da CMVM. nação, a participação qualificada imputável top-pick para o sector petrolífero, a par da
PSI20 a partir de dia 4 de Março em subs- ao Banco BPI, calculada em termos de dire- Preço-alvo 17,70 € Total, anunciou a ESN. Adianta que as notícias
tituição da Impresa, no âmbito da revisão Euro cai face ao dólar itos de voto permanece acima do patamar Última cotação 15,85 € de descobertas anunciadas pela Galp no Brasil,
anual do índice, anunciou a NYSE Euronext. O euro reagiu em baixa à divulgação de da- de dois% (3,995%)", acrescenta. Potencial valorização 19,87% em associação com a Petrobras, marcaram o
Adianta que a lista de espera de empresas dos mostrando que os serviços industriais quarto trimestre no que toca às petrolíferas
para entrarem no índice é agora liderada na Europa cresceu ao ritmo mais lento em UBS reduz posição no BPI Entidade: ESN europeias, prevendo uma subida de 50% nos
pelo Banif, pela Espírito Santo Financial quatro anos em Dezembro, alimentando os O UBS alienou cerca de sete milhões de ac- Analista: lucros trimestrais da empresa. "Portanto atribuí-
Group, a Impresa e a Martifer. A integração receios de um contágio da crise norte-ame- ções do Banco BPI, no dia 28 de Janeiro úl- Data: 5 de Fevereiro mos à Galp uma recomendação buy com preço-
de uma empresa no PSI20 traz maior visi- ricana no velho continente. A divisa europeia timo, passando a deter uma posição de Índice: PSI20 alvo de 17,70 euros e elegemos como top-pick
bilidade e liquidez à acção, na medida em registou a maior queda em duas semanas fa- 1,21% no capital social do banco, anunciou Mercado: Euronext Lisboa no sector a par da Total", refere a nota.
que há um universo maior de investidores ce ao dólar, e recuou em relação a 14 das 16 o BPI. “Informamos que o UBS desceu abai- Sector: Petróleo e Gás
potenciais, bem como diversos fundos que divisas mais activas depois da Royal Bank of xo da posição de 2,0% no Banco BPI", refe-
replicam o principal índice nacional. Scotland ter anunciado que o índice dos ser-
viços industriais caiu para 50,6 pontos em
re o BPI num comunicado, com informação
prestada pelo UBS.
BES

O Banesto subiu a recomendação para o Banco


Activos sob gestão em Portugal Janeiro, ao mais baixo nível desde Julho de COMPRAR Espírito Santo (BES) para Comprar de Neutral,
aumentaram 3,7% 2003 e após 53,1% em Dezembro. Cofina está reforçar na Zon com um preço-alvo de 14,9 euros por acção face
O valor dos activos sob gestão em Portugal A Cofina está actualmente a reforçar a sua Preço-alvo 14,90 € aos anteriores 16,4 euros. Numa nota de
no final do quarto trimestre de 2007 ascen- BPI reduz posição na Galp posição no capital social da Zon Multimedia Última cotação 11,72 € research, o analista José Brito Correia refere
dia a 120,9 mil milhões de euros, mais 3,7% O BPI reduziu a sua participação na Galp (antiga PT Multimedia), disse Paulo Fer- Potencial valorização 27,13% que, ainda que espere resultados de 2008
do que no trimestre homólogo, anunciou a Energia para 3,995% depois de no passado nandes, chief executive officer (CEO) da em- aproximadamente flat comparando com 2007, o
Comissão do Mercado de Valores Mo- dia 29 de Janeiro ter alienado em bolsa presa. Segundo dados da Zon, a Cofina deti- Entidade: Banesto valor do banco não tem sido tão afectado como
biliários. O relatório trimestral da CMVM 1.375.000 acções da petrolífera, anunciou a nha, a 14 de Janeiro de 2008, 2,23% da Analista: José Brito Correia o que o mercado está a descontar. Adianta que
refere que, face ao trimestre anterior, este Galp. "A 29 de Janeiro de 2008, o Banco empresa. "Estamos a reforçar a nossa Data: 4 de Fevereiro as novas estimativas contemplam uma restrição
valor gerido por gestoras de patrimónios, BPI detinha, directamente, 17.301.943 ac- posição na Zon. A Cofina reitera o interessa Índice: PSI20 de crédito em 2008 e uma normalização em
fundos de investimento e fundos de titula- ções representativas de 2,086% do capital na empresa. Estamos muito satisfeitos com Mercado: Euronext Lisboa 2009, considerando uma desaceleração do novo
rização subiu 0,9%. "No período em análise social da Galp Energia e de igual percenta- a administração", disse Paulo Fernandes, à Sector: Banca crédito concedido com a carteira a crescer 15%,
existiam em Portugal 52 entidades a gerir gem dos direitos de voto nesta sociedade. Reuters, à margem da Assembleia Geral vincando: "o preço actual da acção nos 12 euros
carteiras por conta de outrem, o mesmo Nessa mesma data, o Banco BPI alienou, extraordinária da Zon. O empresário escu- desconta cenário muito mais negativo do que
número que no trimestre anterior. No que em bolsa, 1.375.000 acções representativas sou-se a revelar qual a posição actual que a aquele que cremos realista.
respeita à quota de mercado a F&C Por- do capital social da Galp Energia", refere a Cofina detém na Zon.
18 QUARTA-FEIRA
6 de Fevereiro de 2008

Lifestyle

SANTO DESCANSO
Não são só os fiéis à Senhora
Hotelaria Chegado ao destino, caso não este- prietários - a maior colecção da

ja ninguém na recepção, toque o Península Ibérica (cerca de 2000),


do Carmo que vêm cumprir sino. É com esta informação que se iniciada em 1754 e que foi crescen-
deparam os visitantes. Neste do ao longo de séculos, nomeada-
promessas ao santuário EM PARCERIA COM primeiro edifício, a antiga Casa do
Padre - também conhecido como
mente em alturas de conf lito
armado.
situado no meio do campo, Casa Grande ou Casa Mãe - ficam a
recepção, diversas salas de estar,
O templo só deixou de receber as
imagens pintadas à mão em
um honesty bar onde cada um se pedaços de metal e madeira -
na povoação da Azaruja, perto serve e assenta o que consome, e agradecimentos pelos milagres
um restaurante. concedidos - em 1995, altura do
de Évora. Nos edifícios Se durante a semana, ao almoço, mais recente.
ntegrado numa propriedade terá que procurar uma mesa nos Desde essa data, são sobretudo
à volta da igreja - onde
outrora se instalavam o padre, I de 920 hectares (leu bem), o
Belver Monte do Carmo tem
vocação ecológica, desde
logo denunciada pela piscina
biológica que os menos conhece-
restaurantes de Évora, ao jantar,
inclusive de sábado, deixe-se ficar
pelo restaurante do hotel, dirigido
por Duarte Laranjinho, que aplica
o saber regional nas suas receitas.
fotografias e ceras que expressam
uma fé na santa que perdura até
aos nossos dias e que anima o dia
da festa, fixado sete semanas após
a Páscoa, com direito a procissão e
seus ajudantes e os peregrinos dores poderão confundir com um As paredes exibem engenhosa- romaria.
simples lago. Mas o leitor avisado, mente, através de um sistema de Sem nunca ter ficado ao abandono
- ficam hoje os hóspedes do já sabe do que se trata. suspensão, uma colecção de loiça ou sequer necessitar de recon-
Companhia das Índias que não strução, a ermida passou apenas
Belver Monte do Carmo Hotel TOCAR O SINO
A aproximação ao Belver Monte do
deixa indiferentes os comensais.
Com bom tempo, a área de mesas
por uma operação estética a nível
de pintura, limpeza e restauro de
Rural, que vêm testemunhar Carmo Hotel Rural faz-se por uma
lenta estrada de terra batida que
poderá expandir-se para o pátio,
vizinho do pequeno jardim de
madeira.

qualquer automóvel ligeiro, por traça árabe. DE PEREGRINO A HÓSPEDE


como são uns dias de menos fôlego que tenha, vence
A FÉ DOS HOMENS
Este é um hotel que condensa
sem maiores dificuldades. Estes vários séculos de história nos seus
descanso no meio da Natureza dois quilómetros são percorridos
por entre pastagens de animais
O hotel nasceu em redor de uma
igreja setecentista dedicada à
quatro edifícios. Se as antigas e
modestas habitações onde viviam
ruminantes que, do lado de lá das padroeira dos militares e notável os trabalhadores dos campos em
sebes, se anunciam pelos choca- por ter no seu acervo milhares de redor da ermida eram conhecidas
lhos em coro. ex-votos. Possui - segundo os pro- como Casa das Chaminés, já as
NO MERCADO
DO PREGÃO
Editado por Helena Rua hrua@oje.pt
PÁG. 21

pousadas, dois edifícios indepen- consistência ao projecto, como as como as lanternas de procissões. aproveite a sua localização
dentes, eram locais de acolhimen- paredes toscas e por vezes irregu- No que toca a interiores, a rurali- estratégica que permite em pouco
to dos peregrinos. lares, as vigas de madeira no tecto, dade é muito mais discreta, ceden- tempo conhecer Evoramonte,
Um mais nobre, como o nome as portadas novas que filtram a do lugar a uma atmosfera contem- Arraiolos, Évora, Estremoz e Vila
induz, a Pousada Grande, outro entrada de luz e as redes mos- porânea onde se encontram pin- Viçosa. Opções de grande riqueza
mais modesto, a Pousada Pequena. quiteiras que permitem sonos turas de Teresa Calém. patrimonial mesmo à mão de
O modelo arquitectónico era o mais tranquilos. A cortiça está omnipresente: nas semear.
mesmo: uma cozinha central com Privilegiou-se ainda o aumento da mesas-de-cabeceira, nos suportes
duas grandes lareiras onde se co- área dedicada aos quartos e dota- para sabão e até nos porta-chaves, Por Paula Oliveira Silva
zinhava e se ouviam histórias ao ram-se estes espaços de aqueci- antigos cochos (espécie de copo de
borralho. Nas celas à volta, os pere- mento radiante e ar condicionado cortiça) com esta nova função. Não
grinos descansavam da jornada.
A recuperação - a cargo do arqui-
para um maior conforto.
A descoberto ficaram também
é caso para surpresa, afinal na
Azaruja ainda trabalham 14 corti-
DETALHES
tecto João Laranjo - respeitou as cornijas, nichos e poiais, detalhes ceiros. Belver Monte do Carmo Hotel Rural
tradições arquitectónicas. Os exte- que se descobrem por acaso. A vila alentejana oferece sobretudo Apartado 7 - Azaruja
riores mantiveram-se iguais bem Reaproveitaram-se objectos para paz de espírito. Mas se a ideia é are- Tel.: 266 970 050
como alguns pormenores que dão decoração que a memória salvou, jar e conhecer bem a região,

PUB
QUARTA-FEIRA
20 6 de Fevereiro de 2008 LAZER

Experiência
HIMALAIAS DE SABOR
Em Lisboa, um restaurante nepalês leva-nos à descoberta
do paladar de uma das regiões menos acessíveis do mundo.
Felizmente, não é preciso subir o Everest para
experimentar as iguarias dos Himalaias

EVEREST MONTANHA
LISBOA
EM PARCERIA COM

C
orria o ano de 1999 quando ajudado a que este novo espaço de patanisca de grão), não resisti- As especialidades estão classifi- manga.
abriu em Lisboa o primeiro tenha caído no goto do público, mos a prolongar a fase das en- cadas quanto ao grau de picante, Tudo bom, tudo saboroso, numa
Everest Montanha, na Cal- estando quase sempre cheio, pelo tradas com o pão típico indiano– por isso não há lugar a surpresas sala agradável onde nada falta ou
çada do Garcia, ao Rossio. A menos à hora de almoço. naan – com sabor a alho ou man- desagradáveis. Também identifica- falha, com um ambiente descon-
Avenida do Brasil recebeu o segun- teiga. Mas também pode ir aguçan- dos estão aqueles pratos que me- traído e bem-disposto, e um
do e, entretanto abriram mais dois, EXPERIÊNCIA DIVERSIFICADA do o apetite com uma chamuça (de lhor representam a genuína cozi- serviço atento, solícito e sorri-
um em Algés, e outro na muito A nosso ver, o mais interessante frango ou de vegetais), uma sopa nha do Nepal, quer pelos ingredi- dente. É pouco? É muitíssimo. E
concorrida Rua da Artilharia Um. neste tipo de restaurantes é o facto de lentilhas ou papari frito (folha entes, quer pelo modo de con- não tão fácil assim de encontrar.
São assim já vários os espaços onde de podermos ter acesso a uma de massa fina e estaladiça, ligeira- fecção. Quem procurar uma expe- Muito menos quando a conta não
podemos aventurar-nos pelos experiência gastronómica variada, mente picante). riência mais realista deve, pois, ultrapassa, ou nem sequer chega,
sabores do Nepal (na capital exis- divertida, cheio de ritmo e cor, Quanto aos pratos principais, as optar pelo Biriyani Himalaya aos 15 euros por pessoa.
tem ainda mais dois ou três restau- num ambiente acolhedor, com um especialidades organizam-se em (arroz bashmati com mistura de
rantes da especialidade, nomeada- serviço profissional e simpático mariscos e peixes, pratos de fran- cabrito, frango, camarão, vegetais Por Céu Coutinho
mente o Himchuli, já recenseado por (e agora vem a parte melhor) go, de cabrito, vegetarianos, gre- e frutas secas), o Camarão Everest,
aqui no Lifecooler).
Fomos experimentar o mais
uma quantia bastante razoável,
cerca de 15 euros por pessoa, se
lhados no carvão e byriani (pratos
cuja base é o arroz). Muito para
o Began Tarkari (beringelas com
queijo e ervilhas) ou o Kathaman-
DETALHES
recente, o da Artilharia Um. Com a não houver entusiasmos vinícolas escolher, portanto. Ajuda se for du Tarkari (caril de quiabos com
vizinhança de vários restaurantes por aí além. com um grupo de amigos em que cogumelos). Para sobremesa, talvez Everest Montanha
italianos e do sempre animado Pátio Depois da simpática e saborosís- cada um pede um prato diferente e o Gulab jambu (doce especial com Rua Artilharia 1 26 - Lisboa
Tel.: 213 866 218
Bagatela, o Everest está bem acom- sima oferta da casa, a que qualquer todos provam de tudo, numa mis- molho de leite), o Monthar (à base
panhado, situação que também terá cliente tem direito, (uma espécie tura saudável e fraterna. de farinha de grão) ou o gelado de

Aonde ir Por Marta de Sousa msousa@oje.pt

BALANESCU QUARTET O comediante levanta um conjunto de Dizem que têm mais de 400 anos.
Catorze anos depois, o Balanescu Quartet questões como: as histórias que estão por Acabam de chegar a um lugar e só pen-
regressa ao CCB para apresentar um detrás dos truques, as motivações para os sam realizar o seu ofício de cada dia. Ou
espectáculo com ecos da música tradi- aprender ou o resultado da sua apresen- seja, representar. Preparam os instrumen-
cional romena. O colectivo, fundado em tação. No final, obtém as respostas, bem- tos, as roupas e máscaras e decidem con-
1987 pelo violinista e compositor humoradas, claro. tar o famoso romance da Invenção do
Alexander Balanescu, é formado por um De 7 a 9 Fevereiro, 5ª a sábado às 22h, Casino Mundo, inspirado no Grande Teatro del
quarteto de cordas que se destaca pela Lisboa, Parque das Nações Mundo, de D. Pedro Calderon de La
sua energia e dinamismo em palco. barca. Tudo parece correr bem até que…
Talvez por isso já tenham colaborado Teatro Invisível BULULÚ - ESTÓRIAS DA INVENÇÃO DO tomado pelo espírito da crítica,
com músicos como Michael Nyman, apresenta Bululú MUNDO Bartolomeus questiona as razões de con-
David Byrne, Ornette Coleman, no Teatro Amadeus e Bartolomeus são dois cómicos tinuarem. Afinal, para que servem os
Spiritualized, Kate Bush ou The Pet Shop da Trindade muito antigos como o próprio teatro. comediantes? Uma produção do Teatro
Boys. Invisível com encenação de Moncho
Amanhã às 21h, Centro Cultural de Belém, Pç. Rodriguez e interpretação de Cristina
Império Cunha e Pedro Giestas.
Até 2 Março, 4ª a sábado às 22h, domingo às imagine! – se dividiu em duas pessoas…
WORK IN PROGRESS 17h, Teatro da Trindade, Largo da Trindade, 7 A E a partir daqui, o homem divide-se em
“Um dia sem rir é um dia desperdiçado”. mais e mais dele mesmo. Mas esse não é
Já dizia Charles Chaplin. E Pedro Tochas O AUTOFALANTE o problema. O problema é conseguir
com certeza que concorda. O Casino Um homem desempregado sofre uma organizá-los num só. Depois de uma
Lisboa idem. Por isso, apresenta a partir crise de comunicação com o mundo e temporada por terras lusas no ano pas-
de amanhã, e durante três dias, o novo começa a falar sozinho. Isola-se de tudo e sado, o actor brasileiro Pedro Cardoso
espectáculo de stand-up comedy do de todos e acaba mesmo por se aborrecer volta a Portugal com o monólogo O
humorista português Work In Progress. a si próprio. Mas não fica por aqui. O Autofalante, prometendo o mesmo da
Desta vez, Pedro Tochas desvenda a vida homem discute consigo próprio e resolve outra vez. 90 minutos de puro diverti-
e o percurso dos artistas de rua, prota- cortar relações com ele mesmo. No mento.
gonizando uma série de truques originais entanto, só, procura ajuda em si mesmo Até 10 Fevereiro, 2ª a sábado às 21h30,
e singulares momentos de malabarismo. para interceder junto a ele, que agora – Teatro Mundial, R. Martens Ferrão, 12-A
QUARTA-FEIRA
LIFESTYLE 6 de Fevereiro de 2008 21

NO MERCADO DO PREGÃO
“Vai um quilinho de clementinas?”, diz uma voz calorosa
no meio das caixas de fruta do Mercado do Bolhão, no Porto

Experiência

ma zona onde existia uma bolha escadarias que permitiam a circu-


grande de água que, no linguajar lação pelos três pisos.
da Invicta rapidamente se trans- Recentemente, a Assembleia
EM PARCERIA COM formou em “bolhão”, o edifício Municipal do Porto aprovou o con-
ocupa um quarteirão de respeito. trato de concepção, construção e
Agora, este símbolo por excelên- exploração, por 50 anos, da reno-
cia do verdadeiro sentir tripeiro, vação do Mercado.
tal como se conhece, pode estar O "novo" Bolhão, que vai ser re-

P
or ali, vendedoras de meias em vias de desaparecer com o novo novado pela TramCrone, vai man-
grossas e xaile aconchegado projecto de reabilitação que, no ter a traça original e partilhar a
ao pescoço continuam a ser entender de muitos, pode mudar área comercial tradicional com no- O tradicional Mercado
o maior atractivo do ponto por completo a mística que lhe vas lojas, cerca de metade das do Bolhão, no Porto,
de venda mais genuíno da cidade. está associada. quais de cultura, lazer e restau- vai ser reestruturado
Por entre o cheiro a flores, horta- A Câmara do Porto deu início ao ração. até 2009. As obras
liça ou peixe, barulhos vários mis- projecto de construção do mercado A Câmara do Porto vai ceder o de renovação contem-
turam-se com o corrupio de gente em 1837 mas só em 1850 é que se edifício em direito de superfície plam novas lojas, cerca
que diariamente o atravessa, nem começam a edificar barracas de por 50 anos, recebendo um milhão de metade das quais
que seja o turista para mais uma venda. Excelente exemplar da de euros no momento da emissão de cultura, lazer e
fotografia. Sem o brilho dos tem- arquitectura civil comercial, o da licença de construção e uma restauração. O edifício,
pos áureos, o aspecto nostálgico edifício, em estilo neoclássico tar- percentagem dos resultados de construído no início do
continua a ser interrompido pela dio, em linhas rectas e de aspecto exploração a partir do décimo ano. século passado, ocupa
irreverência dos pregões. sólido, com direito a imponentes Se não conhece este mercado, um quarteirão inteiro
Situado na freguesia de Santo torreões nas esquinas, foi construí- não deixe de o visitar pelo menos
Ildefonso, a pouca distância da co- do com um pátio aberto no meio, enquanto a tradição, ainda é o que
mercial Santa Catarina e construí- um chafariz com quatro bicas, era.
do no início do século passado nu- uma galeria coberta e frondosas Por Andreia Fernandes Silva
QUARTA-FEIRA
22 6 de Fevereiro de 2008 TELEVISÃO

PROGRAMAÇÃO
•22:00• Edição da Noite •23:10• News •01:00• Sky News On The Dharma and Greg •21:30 Querido, Negociadores T1, 3 •02:12•
DESTAQUES Quadratura do Círculo •00:00•
Jornal da Meia-noite •01:10•
Hour Mudei a Casa •22:15• The Oprah
Winfrey Show •23:15• Tyra Banks
Perdidos T3, 20

•18:05• O Preço Certo •19:00• Primeira Página •01:25• Cartaz Show •00:00• Dharma and Greg
Telejornal •19:45• Futebol: Portugal •01:35• Caras Notícias •02:10• •00:30• The Oprah Winfrey Show
x Itália •21:30• Telejornal •22:00• Toda a Verdade: Os Mártires do •18:00• Informação - Fórum Sport •01:15• Clínica de Filadélfia •02:00• •18:30• Donas De Casa
Quem quer ser Milionário •23:00• Golfo de Aden TV: Directo •18:50• Basquetebol - Mundo das Mulheres Desesperadas T4, 5 •19:20• A
Poder Absoluto •01:00• A FIBA World Basketball •19:20• Patologista T4, 21 •20:10• As
Encruzilhada Informação - Notícias: Directo Novas Aventuras De Christine T2, 8
•19:40• Futebol - Irlanda X Brasil: •20:35• The Simple Life T3, 10
Particular - Directo •20:30• •21:00• Betty Feia T2, 4 •21:50• O
•18:00• Antena Aberta •19:00• Informação - Síntese •20:40• •19:03• Hollywood On Set •19:30• Amor No Alasca T1, 15 •22:40•
Futebol: Portugal x Itália RTP1 19:45 •18:30• A Fé dos Homens •19:00• Jornal das 19 •20:00• Radar de Futebol - Irlanda X Brasil: A República Dos Cucos •21:19• Betty Feia T1, 15 •23:30• Em
Jogo da selecção nacional A de carácter par- Bioesfera •19:50• Zig Zag •20:45• Negócios •20:30• Gostos e Sabores Particular - Directo •21:50• Futebol Starstruck - Angelina Jolie •21:30• Contacto T2, 6 •00:20• A
ticular a disputar no Estádio Letzigrund, em Friends •21:15• National •21:00• Jornal das 21 •22:00• - Rep. Checa X Polónia: Particular Lara Croft, Tomb Raider - O Berço Patologista T3, 1 •01:05• Everwood
Zurique. A equipa das quinas, vice-campeã Geographic: Vigilância Mortal Urbanigrama •22:30• Liga dos Últi- •22:50• Informação - Últimas De Vida •23:25• Auto-Serviço T2, 15 •01:50• The Simple Life T3, 8
europeia, defronta a actual selecção campeã •22:00• Jornal 2 •22:40• Dexter mos •22:30• Fórum do País Notícias: Directo •00:10• Esqui - •23:35• Starstruck - Helena •02:13• Rímel E Futebol T4, 2
do mundo, a Itália, formação que não perde •23:30• Clube De Imprensa •00:00• Jornal das 24 Horas Alpino: Val D Lsere/St. Moritz Bonham-Carter •23:45• O Príncipe
com Portugal há 32 anos.
•00:30• Noites da 2: Tesouros do •00:50• Contas em Dia •01:00• •00:40• Desp. Radicais - Zona Das Marés •01:53• Starstruck -
Mundo Animal •01:15• Hora Trio D´Ataque •02:30• Surftotal Radical •01:10• Golfe - Ladies Tour: Eugene Levy •02:00• Por Quem Os
Discovery: A Revolução dos Australian Womens Open •02:00• Sinos Dobram
Telemóveis •02:15• Bastidores Basquetebol - Denver Nuggets X •18:30• Overhaulin': Episódio 24
Utah Jazz: NBA – Directo •19:25• American Chopper: Moto
Da Velha Escola - Parte
•19:00• On The Economy •20:00• •18:40• JAG - Em Nome Da Justiça 2/Comanche •20:20• Os Caçadores
Final Word •22:00• Money And (6), Ep 604 •19:35• Sem Rasto (3), De Mitos: Isqueiro Explosivo
•18:15• Sete Pecados •20:00• Politics •23:00• Bloomberg Live! Ep 305 •20:33• Asas Nos Pés (5), •21:15• Pesca Radical: Apanhados
Dexter RTP2 00:00 Jornal da Noite •21:30• Malucos do •02:00• Bloomberg Now •18:00• Desportos Vários - Sports Ep 519 •21:30• Contagem Na Tempestade •22:10• Os Tipos
Dexter espreita a sua próxima vítima, um Riso •22:00• Desejo Proibido Watch •18:30• Futebol - Turquia X Decrescente (1), Ep 107 •22:26• Mais Duros: Guardas Florestais
motorista bêbedo que está prestes a ser •23:15• Duas Caras •01:00• C.S.I. Suécia: Particular - Directo •19:20• JAG - Em Nome da Justiça (10), Ep •23:05• Arte Sobre Rodas: Billy
absolvido pelo assassinato de um adolescente. Nova Iorque II- Ep.3 •01:30• Informação - Síntese •19:30• 1005 •23:20• C.S.I. Miami (3), Ep Lane Vs Mike Brown •00:00• O
No entanto, quando um polícia amigo é encon- Socorro I: Episódio 2 •02:30• Futebol - Turquia X Suécia: 319 •00:03• Contagem Segredo Das Coisas: Episódio 7
trado morto, ele pára a sua caçada e ajuda Quando O Telefone Toca •19:30• World Business Today Particular - Directo •20:30• Futebol Decrescente (1), Ep 107 •01:03• •00:25• O Segredo Das Coisas:
Batista e Doakes a investigarem o suspeito do •20:00• World News Europe - Inglaterra X Suiça: Particular JAG - Em Nome da Justiça (10), Ep Episódio 8 •00:50• Rides: ZZ Chop
crime.
•20:30• World Business Today •22:20• Informação - Grelha De 1005 •01:50• Rookie - Um •01:40• Os Caçadores De Mitos:
•21:00• World News Europe Partida •23:30• Informação - Profissional De Perigo Isqueiro Explosivo
•21:30• World Sport •22:00• Cultura Táctica •23:50• Futebol -
•18:15• Morangos com Açúcar V Business International •23:00• Cerro Porteño X Cruzeiro: Taça
•20:00• Jornal Nacional •21:30• O CNN Today •02:30• World Sport Libertadores Da América – Directo
Prédio do Vasco •22:00• Fascínios •03:00• Anderson Cooper 360 •00:40• Informação - Síntese •18:00• Esquadrão da Moda
•23:00• Deixa-me Amar •00:15• •00:50• Futebol - Cerro Porteño X •18:25• House T3, 23 •19:10• 4400 •18:50• Extreme Makeover -
Encontros Forçados •02:15• Toca a Cruzeiro: Taça Libertadores Da - Os Escolhidos T2, 5 •19:55• Heroes Mudança Radical 2 •19:40• Miami
Ganhar América - Directo •01:50• Fora T1, 22 •20:40• Os Simpsons T8, 3 Ink 2 •20:30• Extreme Makeover -
Tyra Banks Show SIC Mulher 23:15 •19:00• Sky News At Seven •19:30• D'Horas •21:05• Os Simpsons T8, 4 •21:30• Reconstrução Total •21:20•
Sky.Com News •20:00• News, E-Ring Centro De Comando T1, 18 Grandes Fortunas da Europa
Tyra Banks, actriz e modelo, apresenta este
talk-show sobre os sonhos, as esperanças e os Sport, Weather •21:30• PMQ's •22:18• Moonlight T1, 3 •23:05• •22:10• Extreme Makeover -
desafios que se colocam à mulher actual. As •18:00• Jornal de Economia •21:00• News, Sport, Weather House T3, 24 •23:48• InFANity Mudança Radical 2 •23:50• Miami
conversas desenrolam-se sem tabus, com •18:35• Notícias •19:00• Jornal das •22:00• Sky News At Ten •23:00• •18:15• Hospital dos Animais Prison Break •00:16• Infanity Ink 2 •00:40• Durante a Tua
famosos ou com ilustres desconhecidos. 7 •20:15• Caras Notícias •20:40• Sky News Tonight •00:00• Sky •18:45• Mundo das Mulheres Prison Break, 2 •00:46• A Lei Do Ausência II •01:35• Entre 4
Cartaz •21:00• Jornal das Nove News On The Hour •00:30• CBS •19:45• Bairro da Fonte •21:00• Mais Forte T1, 16 •01:30• Paredes II •02:30• Providence

TEMPO SUDOKU
CÉU LIMPO

CÉU POUCO
NUBLADO Preencha todas as casas de modo a que todas as filas,
7 4 colunas e cada um dos nove quadrados menores tenham
CÉU ENCOBERTO
todos os algarismos de 1 a 9 e sem repetições.
7 4
TROVOADA
COM ABERTAS

AGUACEIROS
COM ABERTAS 10 4
9 3 7 2
CHUVA 8 0 3 5 2
COM ABERTAS

CÉU NUBLADO
11 1 10 2 6 9
AGUACEIROS
9 -3 7 6 8
TROVOADA
COM AGUACEIROS 9 3 2 8
CHUVA
1
GRANIZO 12 10 13 4 6 1 9 8 3
17 10
PUB QUEDA DE NEVE
5 3
NEVÃO
16 8
7 8

Atenas . . . . . . . . . . . .A . . . . . . . . . . . .16 Casablanca . . . . . . .CL . . . . . . . . . . .19 Miami . . . . . . . . . . . .A . . . . . . . . . . . .28 Roma . . . . . . . . . . . .CL . . . . . . . . . . .13 4 7 3
Bancoque . . . . . . . .CPN . . . . . . . . . .34 Chicago . . . . . . . . . . .N . . . . . . . . . . . . .0 Manila . . . . . . . . . . .CL . . . . . . . . . . .30 São Francisco . . . . .CL . . . . . . . . . . . .11
Belgrado . . . . . . . . .CN . . . . . . . . . . . .9 Hong Kong . . . . . . .CL . . . . . . . . . . .15 México . . . . . . . . . . .CL . . . . . . . . . . .23 Sidney . . . . . . . . . . . .T . . . . . . . . . . . .27
Berlim . . . . . . . . . . . .C . . . . . . . . . . . . .9 Istambul . . . . . . . . .CL . . . . . . . . . . .10 Moscovo . . . . . . . . . .N . . . . . . . . . . . .-1 Singapura . . . . . . .CPN . . . . . . . . . .28
Budapeste . . . . . . . .C . . . . . . . . . . . . .7 Jacarta . . . . . . . . . . .C . . . . . . . . . . . .29 Nantes . . . . . . . . . . .CL . . . . . . . . . . .13 Sofia . . . . . . . . . . . . .N . . . . . . . . . . . . .4
Buenos Aires . . . . .CL . . . . . . . . . . .33 Kuweit . . . . . . . . . . .CL . . . . . . . . . . . .17 Nova Iorque . . . . . . .C . . . . . . . . . . . .15 Taipei . . . . . . . . . . . . .A . . . . . . . . . . . .13
Cairo . . . . . . . . . . . . .CL . . . . . . . . . . .20 Lisboa . . . . . . . . . . . .CL . . . . . . . . . . . .17 Oslo . . . . . . . . . . . . . .C . . . . . . . . . . . . .3 Tóquio . . . . . . . . . . . .N . . . . . . . . . . . . .3
Calcuta . . . . . . . . . . .CL . . . . . . . . . . .26 Londres . . . . . . . . . .CL . . . . . . . . . . .10 Ottawa . . . . . . . . . . .N . . . . . . . . . . . .-3 Vancouver . . . . . . . . .C . . . . . . . . . . . . .5
Caracas . . . . . . . . . .CL . . . . . . . . . . .30 Madrid . . . . . . . . . . .A . . . . . . . . . . . .12 Rio de Janeiro . . . . .C . . . . . . . . . . . .24 Xangai . . . . . . . . . .CPN . . . . . . . . . . . .7
QUARTA-FEIRA
Editado por: Pedro Assis Conceição pconceicao@oje.pt DESPORTO 6 de Fevereiro de 2008 23

Scolari focado SUPER BOWL: Giants vencem Patriots na final


Resultados
Futebol:

em vencer
Liga Bwin (18ª jornada)
RESULTADOS

Estrela Amadora - Sporting Braga, 1-1 (0-0 ao intervalo)


FC Porto - União Leiria, 4-0 (3-0)
Benfica - Nacional, 0-0

hoje a Itália
Vitória Guimarães - Leixões, 2-1 (0-1)
Académica - Marítimo, 1-0 (1-0)
Boavista - Paços Ferreira, 4-3 (3-2)
Belenenses - Sporting, 1-0 (1-0)
Vitória Setúbal - Naval 1º Maio, 1-2 (0-1)

CLASSIFICAÇÃO À 18ª JORNADA

Equipa Jogos V E D Golos Pontos


SELECÇÃO NACIONAL isso”. 1 FC Porto 18 14 2 2 32-7- 44


Para vencer os transalpinos, o que 2 SL Benfica 18 9 7 2 29-10- 34
O SELECCIONADOR nacional, o não acontece desde 22 de Dezembro 3 Vitória de Guimarães 18 9 4 5 22-22- 31
brasileiro Luiz Felipe Scolari, assu- de 1976 (2-1 em Lisboa), o técnico 4 Sporting CP 18 8 6 4 25-16- 30
miu ontem que o objectivo principal canarinho não teve problemas em 5 Marítimo 18 8 2 8 22-17- 26
6 CF Belenenses 18 6 8 4 17-16- 26
para o encontro de hoje com a Itália, avançar o onze, que já havia mostra-
7 Vitória de Setúbal 18 5 10 3 23-18- 25
em Zurique (Suíça), é vencer, mais do do no treino de segunda-feira. 8 Sporting de Braga 18 6 7 5 20-21- 25
que preparar o Euro 2008. Desta forma, Portugal vai alinhar 9 Nacional 18 5 7 6 12-13- 22
O objectivo determinado de Scolari com Bosingwa, Ricardo Carvalho, 10 Boavista 18 5 7 6 21-28- 22
frente aos actuais campeões mundi- Bruno Alves e Caneira, à frente de 11 Académica 18 4 7 7 18-27- 19
ais visa começar a inverter o saldo Ricardo, um meio-campo com Petit, 12 Naval 1º Maio 18 5 4 9 14-27- 19
13 Leixões 18 3 10 5 17-20- 19
muito negativo que a selecção das Maniche e Deco e dois extremos
14 Estrela da Amadora 18 3 9 6 19-21- 18
quinas tem contra os transalpinos. (Cristiano Ronaldo e Ricardo 15 Paços de Ferreira 18 4 3 11 18-28- 15
“Em 23 jogos com a Itália, perdemos Quaresma) no apoio ao ponta-de- 16 União de Leiria 18 1 5 12 13-31- 8
17, o que é uma vergonha. Temos lança Makukula.
apenas quatro vitórias e dois A formação das quinas apenas
empates. Em caso de derrota, pode- somou um empate nos últimos 10 19ª jornada, 17 Fev:
ria dizer que era um jogo de pre- encontros frente aos transalpinos (0-
Leixões - Boavista
paração..., mas seria mentira. O 0 em 1992) e na era Scolari perdeu os Paços de Ferreira - Académica
grande objectivo é a vitória”, frisou o dois embates, incluindo o da estreia Marítimo - FC Porto
técnico canarinho. do técnico brasileiro (0-1 em Génova União de Leiria - Belenenses
Em conferência de imprensa, já no em Fevereiro de 2003). Sporting - Estrela da Amadora
Estádio Letzigrund, em Zurique, Luiz O 24º encontro entre as selecções Sporting de Braga - Vitória de Setúbal
Felipe Scolari foi claro: “é impor- principais de futebol de Portugal e da Naval 1ª Maio - Benfica
Nacional - Vitória de Guimarães
tante preparar o Europeu, mas tam- Itália realiza-se hoje, pelas 19:45 de
bém fazer história. Jogando bem ou Lisboa (RTP1), no Estádio Letzigrund, ELI MANNING dos New York Giants (em pé à direita) aponta para os jogadores dos New
mal, a Itália costuma-nos ganhar em Zurique, na Suíça, com arbi- England Patriots, na final Super Bowl em futebol americano, no estádio da Universidade Liga (18ª jornada) Marcadores na ronda
sempre. Está na altura de mudar tragem do suíço Sascha Kever. de Phoenix no Arizona. Os Giants venceram os Patriots por 17-14. Foto Roy Dabner/EPA
Estrela Amadora - 1 Fernando (96 gp)
Sporting Braga - 1 Jorginho (82)

BREVES Dakar Series arranca com primeira FC Porto - 4 Bosingwa (17), Farías (24, 61), Lisandro (44)
União Leiria - 0

Woods triunfa no Dubai Classic


O norte-americano Tiger Woods con-
quistou o torneio Dubai Desert Classic
prova na Hungria e Roménia em Abril Benfica - 0
Nacional - 0
em golfe, ao conseguir 65 pancadas
(sete abaixo do part) na última ronda, TODO-O-TERRENO quilómetros na zona dos Cárpatos. acelerar o processo. Vitória Guimarães - 2 Marquinhos (80), Roberto (87)

para a qual partiu com quatro pan- “Este rali não é o Dakar, mas leva o Etienne Lavigne revelou que as Leixões - 1 Jorge Gonçalves (14)
cadas de desvantagem para o sul- O PRIMEIRO Rali das Dakar Series de seu selo, com tudo o que isso signifi- Dakar Series terão três corridas além
africano Ernie Els. Depois de ter inicia- todo-o-terreno vai realizar-se na ca. É uma resposta rápida a todos os do Dakar, sendo que nesta primeira
do a época com o triunfo no Buick Europa Central, anunciou segunda- participantes que ficaram sem poder prova estão previstas as participações Académica - 1 Edgar (03)
Marítimo - 0
Invitational, Tiger esteve demolidor na feira a organização da prova, que competir”, referiu o director do das principais equipas: Mitsubishi,
altura das decisões, ao conseguir este ano não se realizou devido a Lisboa-Dakar, Etienne Lavigne. Volkswagen, BMW e KTM.
birdies (uma abaixo do par) em cinco ameaças terroristas. Lavigne reconheceu que já estava As Dakar Series surgem para Boavista - 4 Laionel (16, 26, 77), Jorge Ribeiro (45)
dos derradeiros sete buracos, incluindo A nova prova, que se disputa na previsto o lançamento de ralis com a responder a uma exigência das prin- Paços Ferreira - 3 Ricardinho (7), Wesley (36), Cristiano
os dois últimos. Hungria e Roménia, de 20 a 26 de marca Dakar em 2009, mas a anu- cipais equipas para se constituir um (47)
Abril, terá pequenas especiais (de 60 lação do Lisboa-Dakar em Janeiro fez calendário de provas, nas quais
Maurice Green despede-se a 160 quilómetros), mas muito técni- a Amaury Sports Organisation (ASO), estivessem presentes os melhores Belenenses - 1 Zé Pedro (38)
O atleta norte-americano Maurice cas, percorrendo cerca de 3.000 entidade organizadora da prova, condutores. Sporting - 0
Green, antigo campeão olímpico dos
100 metros e três vezes campeão
mundial, anunciou segunda-feira a reti-
rada das competições devido a uma
Oito selecções Râguebi:
série de lesões. Green, de 33 anos,
anunciou o abandono durante visita a
Pequim com um grupo de campeões e
Álvaro Parente vai disputar vão testar Torneio das Seis Nações

ex-campeões olímpicos para conhecer 1ª JORNADA - 2 E 3 DE FEVEREIRO


as instalações dos Jogos Olímpicos
Pequim 2008. O atleta dos EUA detém
o recorde mundial de 6,39 segundos
categoria GP2 em 2008 em Portugal Irlanda - Itália, 16-11
Inglaterra - País de Gales, 19- 26
Escócia- França, 6-27
nos 60 metros em pista coberta,
alcançado em Madrid em 1998. CLASSIFICAÇÃO

AUTOMOBILISMO equipa com a qual testou num CANOAGEM


Monteiro testa Seat no Estoril Fórmula 1 em Janeiro, depois de na País Jogos V E D Golos Pontos
O piloto português Tiago Monteiro O PILOTO português Álvaro Parente temporada anterior ter ganho a UMA DÚZIA de atletas já apurados 1França 1 1 0 0 27-6- 2
2País de Gales 1 1 0 0 26-19- 2
realizou ontem um dia de testes ao vai correr esta temporada na GP2, World Series by Renault 3.5. para os Jogos Olímpicos Pequim 2008 3Irlanda 1 1 0 0 16-11- 2
autodrómo do Estoril, dentro do pro- antecâmara da Fórmula 1, mas Em declarações à Lusa, o piloto vão participar num teste que a 16 de 4Itália 1 0 0 1 11-16- 0
grama de adaptação ao carro Seat espera poder ficar ligado à categoria disse que vai formalizar hoje o víncu- Fevereiro vai reunir em Vila Nova de 5Inglaterra 1 0 0 1 19-26- 0
León TDI com que disputará o campe- máxima do automobilismo de veloci- lo com a equipa britânica Super Nova Milfontes uma centena de partici- 6Escócia 1 0 0 1 6-27- 0
onato de super-turismos. No final dos dade, como piloto de testes do cons- Racing, pela qual já passaram nomes pantes de oito países.
testes, o piloto estava satisfeito com a trutor francês Renault. como o colombiano Juan Pablo Alemanha (a maior potência
evolução do Seat TDI, com motor “O ideal era disputar este ano a Montoya, para disputar a categoria mundial), Polónia, França, Grécia, PRÓXIMOS JOGOS:
diesel e muitas diferenças para a ver- GP2 e continuar ligado a um constru- de GP2 em 2008. Áustria, Suíça, Japão e Portugal são País de Gales- Escócia em 9 Fev)
são a gasolina da época passada. O tor de Fórmula 1. Mas vamos ver, O piloto portuense está satisfeito as selecções que vão competir no Rio França – Irlanda em 9 Fev)
próximo teste de Tiago Monteiro com estamos a falar com eles e a traba- pelo passo dado, pois está “mais Mira. A prova destinada a K1 mas- Itália –Inglaterra em 10 Fev
o Seat León TDI do WTCC vai aconte- lhar para que isso aconteça”, afir- perto da Fórmula 1”, que sempre foi culino e feminino, vai ter três
cer em Albacete, Espanha mou o piloto, referindo-se à Renault, o seu “grande objectivo”. quilómetros disputados em circuito.
Desporto
24 QUARTA-FEIRA
6 de Fevereiro de 2008
Álvaro Parente vai
competir em GP2
Pág. 23

FUTEBOL: Lusos disputam final do torneio Vale do Tejo

Portugal
ÚLTIMA HORA

WWW.ABOLA.PT
O defesa brasileiro David Luiz
cumpriu sem quaisquer limitações
o treino do plantel da equipa de

ganha novo
futebol do Benfica ontem no Seixal,
enquanto que Nuno Gomes, lesiona-
do na coxa esquerda, só fez trata-
mento e não poderá defrontar o
Paços de Ferreira, no domingo, para
a Taça de Portugal e, quase de
certeza, o Nuremberga, na quinta-
feira seguinte, na primeira mão dos

bronze
16 avos-de-final da Taça UEFA.

WWW.RECORD.PT
A Federação britânica de atletismo
(UKA) reconhece que tomou a

OPEN DA CHINA presença também nos 200 metros decisão com reserva mas autorizou
mariposa. o atleta Dwain Chambers, que
O NADADOR português Pedro Portugal despediu-se de Pequim cumpriu uma suspensão de dois
Oliveira conquistou ontem a meda- com três medalhas de bronze, depois anos por doping, a participar nas
lha de bronze nos 200 metros costas de Simão Morgado (100 mariposa) e qualificações para os Mundiais de
no Open da China, prova de teste ao Diogo Carvalho (200 estilos) também pista coberta. “Reconhecemos que
Water Cube, complexo aquático dos terem subido ao pódio. não dispomos de argumentos jurídi-
Jogos Olímpicos Pequim 2008. Noutras finais de ontem, Carlos cos suficientes para não o convidar,
O nadador de Rio Maior, já apura- Almeida foi quinto nos 400 metros tendo em conta os critérios estabele-
do para Pequim nesta prova, fez a estilos, com 4.29,51, e Sara Oliveira cidos. Em consequência, Dawin
marca de 2.03,40 minutos, melho- terminou os 100 metros mariposa no Chambers foi informado com reser-
rando o tempo da eliminatória 8º posto, com 1.01,58, marca superi- va de que está autorizado a partici-
(2.04.32). Recordista nacional absolu- or à da eliminatória (1.01,37). par”, declarou o director-geral da
to (2.00,62), o português só foi ultra- O seleccionador nacional, Rui UKA, Niels de Vos.
passado pelo alemão Helge Meeuw Magalhães, considerou que os resul-
(1.59,65) e pelo coreano Min Sung tados obtidos em Pequim são “muito
(2.01,30). encorajadores", numa altura em que A SELECÇÃO Portuguesa de futebol de sub-21 assegurou ontem presença na final do
Com mínimos em 200 metros os nadadores ainda têm muita carga Torneio Internacional do Vale do Tejo, ao bater a Escócia por 2-1 em Abrantes, com golos
costas, o nadador pretende garantir a de treino. de Saleiro e Pelé. Portugal e Suécia vão disputar hoje a final. Foto Paulo Cunha /LUSA

WWW.OJOGO.PT
Egipto bate Angola e segue com Neuza Silva recebe convite e vai O técnico alemão do Bayern de
Munique, Ottmar Hitzfeld anunciou
ontem, que será o próximo selec-
Camarões para as 1/2 finais da CAN competir no Open de Vale do Lobo cionador de futebol da Suíça e que
assinará contrato com a federação
helvética “dentro de três semanas”.
Hitzfeld confirmou assim que será o
próximo seleccionador da Suíça, sub-

FUTEBOL segunda-feira, em Kumasi, com a TÉNIS em Portugal mas solicitou, à ultima stituindo Kobi Kuhn, após o Euro
derrota por 2-1 ante o poderoso hora, um wild card à direcção do 2008. O técnico, 59 anos, tinha anun-
A SELECÇÃO do Egipto, que bateu Egipto, campeão em título. A PORTUGUESA Neuza Silva é a torneio que acedeu ao seu pedido. ciado em Dezembro que não prolon-
Angola (2-1), e os Camarões, vence- Nas meias-finais, a realizar ama- primeira cabeça-de-série do Vale do Neuza Silva, que ganhou o torneio de garia o contrato com o Bayern de
dor da Tunísia (3-2), apuraram-se nhã, o Egipto reencontrará a Costa Lobo Ladies Open, o torneio interna- Portimão em 2007, quer ser a Munique.
para as meias-finais da Taça das do Marfim, de Drogba, reeditando-se cional a contar para o ranking primeira portuguesa a vencer o Vale
Nações Africanas (CAN2008) em fute- a final da última CAN, enquanto que mundial do WTA Tour, cujo quadro do Lobo Ladies Open. COMO MATAR ESTE JORNAL DE FORMA INTELIGENTE
bol, formando com Gana e Costa do os Camarões vão disputar a presença principal arrancou ontem na acade- Neuza Silva, que vai jogar hoje
Marfim um quarteto de semifinalis- na final frente o anfitrião Gana. O mia de Vale do Lobo no Algarve. frente à espanhola Melia Cabrera-
tas de luxo. facto de os Camarões terem des- A bicampeã nacional não tinha Handt, é uma das três lusas no Utilize-o para acondicional
O sonho angolano nesta CAN que cansado menos um dia reforça previsto participar neste torneio que quadro principal junto com Catarina objectos frágeis
se está a disputar no Gana terminou ligeiramente o favoritismo ganês. abre a época internacional feminina Ferreira e Joana Pangaio.

PUB