Você está na página 1de 7

PROGRAMA

sExTA-FEirA DIA 18
grANdE AudiTÓriO PEQuENO AudiTÓriO

Para a sua segunda edição, a realizar entre 18 e 20 de Abril, o festival diAs dA mÚsiCA Em atravessa toda a programação do ano corrente. Como 20h > a1 22h > a3
BeeTHoVeN 2008
na primeira edição, também esta manterá uma políti-
bElÉm elegeu como fio condutor duos, Trios, Quartetos e outras boas companhias. OCTETO ibÉriCO
(OCTETO DE VIOlONCElOs)
OCTETO ibÉriCO
ca de preços populares, com todos os concertos
Evolução natural a partir da atenção dada ao piano como instrumento solista na edição (OCTETO DE VIOlONCElOs) Elena gragera MEZZO-sOPRANO
AlBERTO GINAsTERA:
(duração média de 45 a 55 minutos) a 6, e os PhIlIP GlAss:
de 2007, a proposta temática para este ano permitirá reunir em lisboa um conjunto Simphony for eight 5 Canciones populares
Pampeana Nº 2
espectáculos destinados às famílias a 3, identifica- CRIsTÓBAl hAlFFTER:
excepcional de músicos e formações de câmara. Nomes como os violinistas Augustin dumay, Fandango Ballet Estancia
dos com uma barra vertical vermelha. AsTOR PIAZZOllA: 2 Milongas
dmitri makhtin, denis goldfeld e Patrícia Kopatchinskaja, os pianistas Eldar Nebolsin (um dos triunfa- English Chamber Orchestra
Oswald sallaberger
dores da edição de 2007), Francesco Tristano schlimé, david greilsammer, sergio Tiempo e giovanni dirECçãO
sAlA
belucci, os violoncelistas marc Coppey, marie Hallynck, Anssi Kartunen e os cantores sunhae im, João
ACTividAdEs PArA Os mAis NOvOs Karin lechner PIANO luÍs dE FrEiTAs brANCO
dmitri makhtin VIOlINO
diAs 19.20 Abril marc Coppey VIOlONCElO 22h > a4
Fernandes e Anna samuil, alguns deles em estreia absoluta em Portugal, ombreiam com excelentes forma- lUDWIG V. BEEThOVEN:
sAlAs DO CPA | TOdO O PÚbliCO
Abertura Coriolano, op. 62 marie Hallynck VIOlONCElO
ções de câmara, como os quartetos Prazak, New Helsinki Quartet, Tokyo string Quartet, o leipziger
Nestes dias da música, as crianças encontrarão no Triplo Concerto, op. 56 Cédric Tiberghien PIANO
streichquartett ou o extraordinário octeto de violoncelos Octeto ibérico. O Artista Associado da CPA música para muitos gostos em quartos e ClAUDE DEBUssY:
Sonata para Violoncelo e Piano
Temporada, Pedro Carneiro, tocará com o Tokyo string Quartet e dirigirá a Orquestra de Câmara Portuguesa, câmaras de diferentes formatos. 23h30 > a2 BENJAMIN BRITTEN:
sExTETO dE Sonata para Violoncelo e Piano,
de que é um dos fundadores. Duas grandes orquestras de câmara, a English Chamber Orchestra e a Neue Nesta edição dos dias da música pensámos a músi- op. 65
rObY lAKATOs
Hofkapelle de munique, alternam com três formações orquestrais portuguesas, a Orquestra de Câmara ca como uma grande casa cheia de quartos, ou CARTA BRANCA
câmaras, onde os mais novos se poderão instalar
Portuguesa, a metropolitana de lisboa e a divino sospiro, estando presente pela primeira vez a Orquestra sAlA sOPHiA dE mEllO
durante algum tempo, enquanto os pais vão a um brEYNEr
do Algarve, dirigida pelo maestro Cesário Costa. Com um programa alargado em relação à edição passada concerto, ou que poderão visitar acompanhados dos sAlA 22h > a6
(são agora cerca de 70 concertos distribuídos por seis salas), o festival, sendo predominantemente vocacio- adultos. haverá quartos para experimentar paisa- AlmAdA NEgrEirOs
sCHOsTAKOviCH-ENsEmblE
nado para a música erudita, de Bach a John Cage, de Mozart a Thierry Pécou, de Avondano a Nuno Côrte-Real, gens sonoras, câmaras de música electrónica, um 22h > a5 Filipe Pinto-ribeiro PIANO
Tatiana samouil VIOlINO
continuará a acolher outras expressões musicais, como o jazz e a música improvisada, dando ainda amplo quartinho para crianças muito pequenas, um canto ENsEmblE ZEllig Natalia Tchitch VIOlA
para o canto, uma breve lição de violino, caixinhas de AsTOR PIAZZOllA: Pavel gomziakov VIOlONCElO
espaço de expressão aos músicos portugueses, dos pianistas miguel borges Coelho, miguel Henriques, Verano Porteño Tiago Pinto-ribeiro VIOlINO
música para saborear aos pares debaixo de um guarda- ThIERRY PÉCOU: FRANZ sChUBERT:
bernardo sassetti e António Pinho vargas ao quarteto de cordas Artzen, Prémio Jovens Músicos de 2007, Quinteto com Piano, op. 114,
chuva, câmaras onde a pintura se mistura com a música, Danzón | Manoa
Nilu, le nom de la nuit A Truta
que aqui tocará pela primeira vez. Na edição deste ano será dada atenção especial à produção para forma- ou câmaras-de-ar para pulmões vigorosos. hEITOR VIllA-lOBOs:
ções de câmara de Beethoven (duos, quartetos e septeto), no âmbito do projecto BEEThOVEN 2008, que PArA mAis iNFOrmAçÕEs [VER PÁGINAs 8 E 9] Assobio a játo sAlA FErNANdO PEssOA
ThIERRY PÉCOU:
CONTACTE O CENTRO DE PEDAGOGIA E ANIMAÇÃO
Quelqu’un parle au tango
TEl: 21 361 28 99/98 22h > a7

18.19.20 ABRIL
SEXTA-FEIRA A DOMINGO PREÇOS 6 BeeTHoVeN 2008
GRANDE AUDITÓRIO | PEQUENO AUDITÓRIO GALERIAS DO GRANDE AUDITÓRIO 4
QuArTETO PrAZAK
SALA LUÍS DE FREITAS BRANCO ESPECTÁCULOS P/ A FAMÍLIA 3
PROGRAMAÇÃO DIsPONÍVEl NO CCB lUDWIG V. BEEThOVEN:
SALA ALMADA NEGREIROS BILHETE DE RECINTO 3
Quarteto de Cordas
E EM WWW.CCb.PT SALA SOPHIA DE MELLO BREYNER N.º 13, op. 130
SALA FERNANDO PESSOA ilustração Dias da Música em Belém © FlUOR
sábAdO DIA 19 sábAdO DIA 19
grANdE AudiTÓriO PEQuENO AudiTÓriO sAlA luÍs dE FrEiTAs brANCO sAlA AlmAdA NEgrEirOs sAlA sOPHiA dE mEllO brEYNEr sAlA FErNANdO PEssOA
14h b1 b7 b12 14h b17 ENsEmblE AvONdANO b22 | PArA A FAmÍliA b27 BeeTHoVeN 2008
ENglisH CHAmbEr OrCHEsTrA TriO 2 Arnaud Thorette viOlA | Joel Farjot PIANO miguel rocha VIOlONCElO marie Hallynck VIOlONCElO
Adriano Aguiar CONTRABAIXO | João P. Janeiro CRAVO QuArTETO bENAÏm
Oswald sallaberger DIRECÇÃO bernardo sassetti PIANO LISZT, ScHUmANN e BRAHmS: Cédric Tiberghien PIANO
JOÃO B. ANDRÉ AVONDANO: Sonata III de D. sChOsTAKOVICh: Quarteto de Cordas
Karin lechner PIANO Ajda Zupancic VIOlONCElO oS TRÊS RomÂNTIcoS lUDWIG VAN BEEThOVEN: N.º 7, op. 108
GABRIEl FAURÉ: Suite Masques et Jean-François lezé VIBRAFONE FERENC lIsZT: Três Sonetos de Petrarca Quattro sonate e due duetti / A. JOsÉ GOMEs DA Sonata para Violoncelo Nº 3, op. 69 FRANZ sChUBERT: Quarteto de Cordas
Bergamasques, op. 112 Carlos barreto CONTRABAIXO (transcrição) sIlVA: Sonata VI em Ré maior para cravo NICOlAs BACRI: N.º 12, D. 703 Quartettsatz
W. A. MOZART: Alexandre Frazão BATERIA J. BRAhMs: Sonata para Viola, op. 120 N.º 2 GIOVANNI l. lUlIER (Giovannino del violone): Sonata para Violoncelo, op.32
Sonata em Lá menor / l. BOCChERINI: Sonata lUDWIG VAN BEEThOVEN:
Concerto para Piano N.º 21, K. 467 BERNARDO sAssETTI: Ascent R. sChUMANN: Adagio e Allegro em Lá
em Lá maior p/ violoncelo e baixo contínuo G. 4 Quarteto de Cordas op. 18, N.º 6
bemol maior, op. 70

16h b2 b8 b13 16h b18 b23 | PArA A FAmÍliA b28


ENglisH CHAmbEr OrCHEsTrA Alexandre Paley | giovanni bellucci PIANOs João Fernandes bArÍTONO BeeTHoVeN 2008 denis goldfeld VIOlINO BeeTHoVeN 2008
Oswald sallaberger DIRECÇÃO BACh/REGER: Concerto Brandeburguês lada valesova PIANO ENsEmblE dArCOs Wolfgang schmidt VIOlONCElO
QuArTETO PrAZAK
bruno monteiro VIOlINO N.º 3 - versão de max Reger para 4 mãos FRANZ sChUBERT: Viagem de Inverno NUNO CÔRTE-REAl: Sonata Holandesa para Eldar Nebolsin PIANO
lUDWIG VAN BEEThOVEN:
miguel Henriques PIANO FERENC lIsZT: Variações sobre um tema de Bach (excertos) Violino, Violoncelo e Piano, op. 36 WOlFGANG AMADEUs MOZART:
Quarteto de Cordas N.º 14, op. 131
FElIX MENDElssOhN: “Weinen, Klagen, Sorgen, Zagen” lUDWIG VAN BEEThOVEN: Quarteto de Divertimento (Trio N.º 1) em Si bemol maior,
Concerto para Violino e Piano em Ré menor After a Reading of Dante; Fantasia quasi Sonata; Cordas, op. 59 N.º 1, Razumovsky K. 254
Abertura de As Hébridas, op. 26 Concerto Patético p/ dois pianos J. BRAhMs: Trio com Piano N.º 1, op. 8

18h b3 b9 b14 18h b19 ENsEmblE ZEllig b24 b29 | PArA A FAmÍliA
OrQuEsTrA dE CÂmArA POrTuguEsA Francesco Tristano schlimé | António Pinho vargas PIANO D. sChOsTAKOVICh: Valsas para Flauta, sCHOsTAKOviCH-ENsEmblE QuArTETO rOssiNi
Pedro Neves e Pedro Amaral DIRECÇÃO rami Khalifé PIANOs Zé Nogueira sAXOFONE Clarinete e Piano N.os 1 e 2 / ThIERRY PÉCOU: Filipe Pinto-ribeiro PIANO luís Pacheco Cunha VIOlINO
JOsEPh hAYDN: Sinfonia Nº 6, Hob.1.6, OBRAs COMPOsTAs PElO DUETO CARTA BRANCA Étoile du Baïkal para piano; Eleousa (extraído Tatiana samouil VIOlINO Anne victorino d’Almeida VIOlINO
Le Matin TRIsTANO/KhAlIFÉ de "Trois icônes") para violoncelo solo Pavel gomziakov VIOlONCElO Catherine strynckx VIOlONCElO
BENJAMIN BRITTEN: Sinfonietta, op. 1 Pop-Art: D.sChOsTAKOVICh: Valsas para Flauta, F. MENDElssOhN: Trio com Piano N.º 1, op. 49 Alejandro Erlich Oliva CONTRABAIXO
(versão para pequena orquestra) Monument; Drift; Haiku; Pop-Art; Detroit Clarinete e Piano N.os 3 e 4 / T. PÉCOU: Poème D. sChOsTAKOVICh: Trio com Piano N.º 2, op. 67 GIOAChINO ROssINI:
ARNOlD sChOENBERG: Kammersymphonie Preludes; Jeita du temps et de l'éther p/ violoncelo, flauta, Sonate a Quattro, N.os 1, 2 e 3
Nº 1, op. 9 clarinete e piano

20h b4 b10 b15 | JAZZ 20h b20 b25 b30


diviNO sOsPirO dimitri makhtin VIOlINO scott Fields GUITARRA ACúsTICA NEW HElsiNKi QuArTET QuArTETO lACErdA QuArTETO bENAÏm
WOlFGANG AMADEUs MOZART: Alexandre Paley PIANO Elliot sharp GUITARRA ACúsTICA Anssi Karttunen VIOlONCElO JOsEPh hAYDN: JOhANNEs BRAhMs:
Concerto para Trompa Nº 1, K.412 BAcH–BeeTHoVeN e o eNcoNTRo FRANZ sChUBERT: Quarteto de cordas, Nº 3, op.67 Quarteto de Cordas N.º 3, op. 67
lUIGI BOCChERINI: De DoIS mÚSIcoS Quinteto de Cordas em Dó maior, D. 956 BElA BARTOK:
La Ritirata di Madrid, G. 453 JOhANN s. BACh: Partita N.º 1 em Si bemol Quarteto de Cordas N.º 3, Sz 85
maior para piano solo, BWV 825; Partita N.º 1
em Si bemol menor para violino solo, BWV 1002
lUDWIG VAN BEEThOVEN: Sonata para
Violino N.º 5 em Fá maior, op. 24, A Primavera
22h b5 b16 22h b21 | JAZZ b26 b31 BeeTHoVeN 2008
NEuE HOFKAPEllE mÜNCHEN b11 TriO AmEriCANO sten sandell PIANO Etienne lamaison ClARINETE QuArTETO PrAZAK
marc Coppey VIOlONCElO sergio Tiempo PIANO rosa maria barrantes PIANO mattias stahl VIBRAFONE Arnaud Thorette VIOlA lUDWIG VAN BEEThOVEN:
JOsEPh hAYDN: Karin lechner PIANO José despujols VIOlINO Joel Farjot PIANO Quarteto de Cordas N.º 15, op. 132
Concerto para Violoncelo em Ré maior, CARTA BRANCA vicente Chuaqui VIOlONCElO WOlFGANG A. MOZART: Trio para Clarinete,
Hob.VIIb2 AsTOR PIAZZOllA: Primavera Porteña Viola e Piano em Mi bemol maior, K. 498,
CARl PhIlIPP EMANUEl BACh: ChARlEs IVEs: Trio com Piano Kegelstatt
Sinfonia N.º 3, Wq. 183/3 Hamburgo lEONARD BERNsTEIN: Trio com Piano R. sChUMANN: Fairy Tales, op. 132
CElsO GARRIDO-lECCA: BRUCh: N.OS 1, 5, 8 das "8 peças", op. 83
Trío para un Nuevo Tiempo
23h30 b6 | JAZZ

19 ABRIL
bErNArdO sAssETTi + Will HOlsHOusEr TriO
Will Holshouser ACORDEÃO | ron Horton TROMPETE
david Phillips CONTRABAIXO | bernardo sassetti PIANO
dOmiNgO DIA 20 dOmiNgO DIA 20
grANdE AudiTÓriO PEQuENO AudiTÓriO sAlA luÍs dE FrEiTAs brANCO sAlA AlmAdA NEgrEirOs sAlA sOPHiA dE mEllO brEYNEr sAlA FErNANdO PEssOA
11h c1| PArA A FAmÍliA c7 c12 11h c17
OrQuEsTrA dO AlgArvE miguel Henriques e Olga Prats denis goldfeld VIOlINO
c22 | JAZZ c27
BeeTHoVeN 2008 BeeTHoVeN 2008
Cesário Costa DIRECÇÃO PIANO A 4 MÃOs Wolfgang schmidt VIOlONCElO Wilbert de Joode CONTRABAIXO
Patricia Kopatchinskaja VIOlINO IGOR sTRAVINsKY: Petrushka – cenas Eldar Nebolsin PIANO diviNO sOsPirO Carlos Zíngaro VIOlINO lEiPZigEr sTrEiCHQuArTETT
gonçalo Pescada ACORDEÃO Burlescas em Quatro Quadros PIOTR IlITCh TChAIKOVsKY: lUDWIG VAN BEEThOVEN: Septeto, op.20 dominique regef sANFONA ThEODOR W. ADORNO: Seis Estudos para
ANTONIO VIVAlDI: As Quatro Estações AsTOR PIAZZOllA: Libertango Trio com Piano, op. 50 Quarteto de Cordas (1920)
AsTOR PIAZZOllA: Las Quatro Estaciones lUDWIG VAN BEEThOVEN:
Porteñas Quarteto de cordas, N.º 11, op. 95,
“Quartetto serioso”

13h c2 BeeTHoVeN 2008 c8 | PArA A FAmÍliA c13 13h


Francesco Tristano schlimé PIANO Anna samuil MEZZO-sOPRANO
c18 c23 c28 QuArTETO ArTZEN
OrQuEsTrA mETrOPOliTANA dE lisbOA TOKYO sTriNg QuArTET QuArTETO rOssiNi (VeNceDoR Do PRÉmIo JoVeNS mÚSIcoS 2007)
michael Zilm DIRECÇÃO rami Khalifé PIANO rosa maria barrantes PIANO Ana Cristina Pereira 1º VIOlINO
Pedro Carneiro MARIMBA luis Pacheco Cunha VIOlINO
david greilsammer PIANO WOlFGANG A. MOZART: Sonata para 2 pianos canções de P. I. Tchaikovsky e Ana Filipa serrão 2º VIOlINO
FERNANDO AlTUBE: Cantos Tonales Anne victorino d’Almeida VIOlINO
sTRAVINsKI: Danças concertantes em Ré maior, KV 448 - Improvisação - S. Rachmaninov Joana Cipriano VIOlA
FRANZ sChUBERT: Quarteto de cordas N.º 13, Catherine strynckx VIOlONCElO
lUDWIG VAN BEEThOVEN: ClAUDE DEBUssY (arranjos maurice Ravel): Carolina matos VIOlONCElO
D. 804, Rosamunde Alejandro Erlich Oliva CONTRABAIXO
Concerto para Piano N.º 2, op. 19 Nuages; Fêtes; Sirènes sMETANA: Quarteto nº 1
GIOAChINO ROssINI:
- Improvisação - / WITOlD lUTOslAWsKY: AlEXANDRE DElGADO: Pequena Suite Laurissilva
Sonate a Quattro, N.os 4 e 6
Variações sobre um tema de Paganini DVORÁK: Quarteto nº 6 op. 96 (Americano)
15h c3 c9| JAZZ c14 | PArA A FAmÍliA 15h c19 c24 QuArTETO lOPEs-grAçA c29
NEuE HOFKAPEllE mÜNCHEN máriO lAgiNHA TriO Tatiana samouil VIOlINO lE JE-NE-sCAY-QuOY: luis Pacheco Cunha VIOlINO
Oswald sallaberger DIRECÇÃO Filipe Pinto-ribeiro PIANO QuArTETO lACErdA
mário laginha PIANO António Carrilho FlAUTAs DE BIsEl Anne victorino d’Almeida VIOlINO
sunhae im sOPRANO FRANZ sChUBERT: Sonatina para Violino JOsEPh hAYDN:
bernardo moreira CONTRABAIXO Javier Aguirre VIOlA DA GAMBA isabel Pimentel VIOlETA
GEORGE FRIDERICh hANDEl: Water Music e Piano N.º 2, D.385 Quartetos de Cordas, op. 20 N.os 4 e 6
Alexandre Frazão BATERIA mafalda Nejmeddine CRAVO Catherine strynckx VIOlONCElO
(Música Aquática): Suite Nº 1 em Fá maior, convidado especial: CEsAR FRANCK: M. MARAIs / AsTOR PIAZZOllA F. lOPEs-GRAÇA: Anotações
HWV 348 Julien Argüelles sAXOFONE Sonata para Violino e Piano J. Ph. RAMEAU / CARlOs PAREDEs JOAQUIN TURINA: Oración del Torero, op. 34
Árias de Messias, Alcina, e Giulio Cesare D. sChOsTAKOVICh: Quarteto de Cordas N.º 4,
op. 83
17h c4 c10 c15 c20 | JAZZ | PArA A FAmÍliA c25 c30
david greilsammer E Wilhem latchoumia 17h
OrQuEsTrA mETrOPOliTANA dE lisbOA Anna samuil MEZZO-sOPRANO BeeTHoVeN 2008 BeeTHoVeN 2008
PIANO A 4 MÃOs Will Holshouser ACORDEÃO
michael Zilm DIRECÇÃO rosa maria barrantes PIANO
FRANZ sChUBERT: Rondó para dueto de ron Horton TROMPETE lEiPZigEr sTrEiCHQuArTETT QuArTETO PrAZAK
Augustin dumay VIOlINO canções e Árias de P. I. Tchaikovsky,
Piano, D. 608; Três marchas militares para david Phillips CONTRABAIXO ThEODOR W. ADORNO: lUDWIG VAN BEEThOVEN:
JOhANNEs BRAhMs: S. Rachmaninov, A. Dvorák, c. Gounod
dueto de Piano, D. 733 ; Fantasia em Fá menor, Quarteto de Cordas (1921) Quarteto de cordas, op.133, Grande Fuga
Concerto para Violino, op. 77 e G. Rossini
D. 940 lUDWIG VAN BEEThOVEN: Quarteto de cordas Nº 16, op.135
Quarteto de cordas, op. 59 N.º 3, Razumovsky

19h c5 c11 c16 19h c21 c26 c31


OrQuEsTrA dE CÂmArA POrTuguEsA Alexandre Paley PIANO Augustin dumay VIOlINO NEW HElsiNKi QuArTET michal Kanka VIOlONCElO
Pedro Carneiro DIRECÇÃO TOKYO sTriNg QuArTET
giovanni bellucci PIANO dana Protopopescu PIANO miguel borges Coelho PIANO
luis André Ferreira VIOlONCElO Anssi Karttunen VIOlONCElO ANTON WEBERN: Quarteto de
MAURICE RAVEl: Rapsódia Espanhola para GRIEG: Sonata para Violino Nº1 em Fá Maior, op. 8 sERGEI RAChMANINOV: Sonata para
dmitri makhtin VIOlINO JOhANNEs BRAhMs: Cordas, op. 28
dois pianos DEBUssY: Sonata para Violino em Sol menor violoncelo e piano op. 19, em Sol menor
Arnaud Thorette VIOlA Quinteto op. 34 Rondó para Quarteto de Cordas
lIsZT: Réminiscences de Norma BRAhMs: Danças Húngaras ANTONÍN DVORÁK: Rondo op. 94 para
ANTONÍN DVORAK: Klid (Calma da Floresta), (versão para quinteto de cordas) BEDRICh sMETANA: Quarteto de Cordas
MUssORGsKY: Night on Bald Mountain N.º 5 em Sol menor - Allegro Violoncelo e Piano
op. 68 N.º 5 / W. A.MOZART: Sinfonia N.º 1, Da minha vida
MAURICE RAVEl: A Valsa N.º 2 em Ré menor - Allegro non assai
Concertante, K. 364

21h c6
NEuE HOFKAPEllE mÜNCHEN | Oswald sallaberger DIRECÇÃO | Patricia Kopatchinskaja VIOlINO | david greilsammer PIANO
JOhANN s. BACh: Concerto Brandeburguês N.º 3, BWV 1048; Concerto para Violino, BWV 1041 (Solista: rüdiger lotter)
sANChEZ ChIONG: Crin (para Patricia Kopatchinskaja) / JOhN CAGE: Sonatas para piano preparado: Nº 5, Nº 12 e Nº 13, Variações para violino
e piano (1958) / JOhANN sEBAsTIAN BACh: Suite Orquestral N.º 1, BWV 1066
20 ABRIL
Quartos de Música E se servisse para escavar um buraco na terra?
Para que serve uma flor? Não temos respostas.
um pouco mais acerca do violino e todos juntos tocar
numa pequena orquestra improvisada.
CENTRO DE PEDAGOGIA E ANIMAÇÃO 19 E 20 Abril 2008 ‹ CPA ‹ Jardim das Oliveiras Por isso, fazemos perguntas. HORAS 13h
HORAS 11h / 13h30 / 16h30 / 18h Público-Alvo a partir dos 5 anos
Público-Alvo a partir dos 6 anos
O QUARTO QUE ENCAIXA
QUARTO PARA ACORDAR passado longínquo guardados por mãos anónimas e,
Um quarto que guarda uma colecção de caixinhas de
De / com Paulo Rodrigues e Luís Godinho entretanto, esquecidos. Assim, renascem sons que
Um quarto sem sono onde os mais pequeninos ecoam das gaitas-de-foles de ontem e de hoje, de
QUARTO DOS SONS E DOS ECOS música, à espera de meninos que tenham vontade de
sempre. Partir à descoberta destes instrumentos
1. ALTO E FALANTE as descobrir. Caixinhas dentro de caixas, de gavetas,
podem espreitar para dentro dos mistérios da música.
DE / COM Simão Costa de armários, prestes a sair e a ressoar em vários sítios:
De olhos bem abertos para objectos com som. musicais antigos, mas actuais, é a proposta desta
Com um microfone, altifalante e um computador, debaixo da mesa, ao pé do ouvido, na palma da mão.
De ouvidos bem dispertos para a música que surge oficina musical: um momento pleno de interactividade
uma experiência singular de contacto com as novas Um quarto silencioso, com recantos e segredos, onde
de caixas surpresa, de vozes embaladas, de chapéus- onde somos envolvidos por sonoridades enigmáticas
tecnologias na área da música. De “olhos fechados”, encontrar é tão importante como tocar. Caixinhas de
-de-chuva sem chuva. Uma aventura ao colo dos pais e surpreendentes que também falam português.
as crianças aprendem a “ouver”: ver com os ouvidos música preparadas para fazer concertos a toda a hora,
ou em tapetes que convidam a sonhar. Paulo Rodrigues Em torno das gaitas-de-foles iremos cheirar, sentir,
uma história de sons. A voz de um menino transfor- dependendo das mãos que as conseguirem acordar e
ouvir...e criar Música. Sons da tradição que nos
ma-se em passarinho... outra em dinossauro... e pôr a cantar.
HORAS 10h / 11h / 12h / 14h30/ 15h30 / 16h30 chegam de longe e de perto pela voz das gaitas-de-
assim começa a nossa história. As crianças ouvem HORAS das 10h às 19h
Público-Alvo bebés e crianças até aos 3 anos fole dos nossos antepassados!
a sua voz gravada e depois transformada nos vários Público-Alvo a partir dos 3 anos
HORAS 10h / 11h30 / 15h15 / 17h
personagens; ouvem, reconhecem, imaginam... são
QUARTO DO ANDRÉ Público-Alvo a partir dos 6 anos
De Maria Rita Alessandri / Itália
os sons que contam uma história, sugerindo todo o canto do canto
imaginário: espaços acções e personagens. COM gabriel cipriano
Um quarto para ouvir e ver a história de André, um UM QUARTO DE FLOR
HORAS 10h30 / 12h / 15h / 16h30 Um espaço para distinguir sons que saem da nossa
menino pintado por Paul Klee, que viaja ao som do De / com Fernando Mota
Público-Alvo a partir dos 6 anos garganta. As várias vozes que há no mundo musical
piano, a caminho de uma ilha que não existe. “Para que serve uma flor?” é uma performance
Um quarto também para descobrir onde está a ilha e no mundo em geral serão o espaço de pesquisa
musical e visual, que utiliza elementos naturais
misteriosa de cada criança: estará na Fonte dos e objectos do quotidiano como material de uma
2. RODA DE VIOLINOS para a composição de curtíssimas peças vocais
Desejos? Estará na Terra dos Sonhos e dos Pesadelos? DE / COM Rita Mendes criadas pelas crianças.
partitura sonora e gestual. Entre os materiais utiliza-
No Remoinho do Medo, no Cemitério das Más Acções? Qual é a primeira coisa em que se pensa, quando se HORAS
dos estão a água, o ar, a terra, areia, arroz, folhas e
Ou no Poço das Perguntas? fala em tocar violino? Sons arranhados, muitas horas 10h30 (dos 5 aos 7 anos)
ramos de árvores, canas, objectos como mangueiras,
HORAS 11h30 / 13h / 14h30 / 16h / 17h30
de estudo, uma tarefa extremamente difícil, reservada 11h45 (dos 8 aos 12 anos)
copos, garrafas, chaleiras, regadores e bacias de
Público-Alvo a partir dos 5 anos
a pessoas de invulgar talento... O instrumento em si 14h (dos 5 aos 7 anos)
metal, vasos, cabaças e outros recipientes. Dispostos
esse só para ver, nada de mexer, porque é tão frágil 15h15 (dos 8 aos 12 anos)
pela sala como um jardim de tesouros roubados ao
CÂMARA DE AR que se parte ao menor toque... Foi o desejo de desdra- 16h30 (dos 5 aos 7 anos)
mundo dos crescidos, as suas funções originais são
matizar este generalizado mito, proporcionando um Público-Alvo a partir dos 5 anos
De Associação Portuguesa para o Estudo muitas vezes esquecidas. Servem agora de pretexto
contacto directo com o instrumento, que está na
e Desenvolvimento da Gaita-de-Foles para brincar. Sugerem-nos melodias, espaços, ritmos,
Do fundo de uma caixa grande e antiga surgem origem deste atelier, no qual, através de jogos e activi-
vozes. Temos ferramentas que nos dão para a mão.
antiguidades, coisas fora de moda, tesouros de um dades diversas os participantes poderão ficar a saber
E dizem-nos: “O lápis serve para desenhar.”
19 . 20 ABRIL
LISTA DE INTÉRPRETES E RESPECTIVOS CONCERTOS FLAUTA TRANSVERSAL
Anne-Cécile Cuniot A5.B19
TROMPA
Paulo Guerreiro B4
Patricia Kopatchinskaja C1.C6
Petri Aarnio B20.C21
GUITARRA TROMPETE
Regina Aires B25.C29
ORQUESTRAS ENSEMBLES JAZZ Attila Rontó A2 Reyes Gallardo B18
Ron Horton B6.C20
DIVINO SOSPIRO B4.C17 BERNARDO SASSETTI + WILL HOLSHOUSER TRIO B6 Scott Fields B15 Stefan Arzberger C25.C27
Massimo Mazzeo direcção JOODE-ZÍNGARO-REGEF C22 Elliot Sharp B15
VIBRAFONE Sébastien Surel A5
MÁRIO LAGINHA TRIO C9 Jean-François Lezé B7 Taija Kilpio B20.C21
ENGLISH CHAMBER ORCHESTRA A1.B1.B2 SCOTT FIELds & ELLIOT SHARP B15 MARIMBA Mattias Stahl B21 Tatiana Samouil A6.B24.C14
SEXTETO DE ROBY LAKATOS A2 Pedro Carneiro C18
NEUE HOFKAPELLE MÜNCHEN B5.C3.C6 VIOLA Tiago Pinto-Ribeiro A6
Oswald Sallaberger direcção STEN SANDELL & MATTIAS STAHL B21 PIANO Alexandre Delgado B25.C29 Tilman Büning C25.C27
TRIO ² B7 Alexandre Paley B8.B10.C11 Arnaud Thorette B12.B26.C5 Vaclav Remes A7.B28.B31.C30
ORQUESTRA DE CÂMARA PORTUGUESA B3.C5 WILL HOLSHOUSER TRIO C20 António Pinho Vargas B14 Ilari Angervo B20.C21 Vlastimil Holek A7.B28.B31.C30
Pedro Neves e Pedro Amaral direcção Bernardo Sassetti B6.B7
ACORDEÃO Isabel Pimentel C24 Yaïr Benaïm B27.B30
Pedro Carneiro direcção Cédric Tiberghien A4.B22
Gonçalo Pescada C1 Ivo Bauer C25.C27 VIOLONCELO
ORQUESTRA DO ALGARVE C1 Will Holshouser B6.C20 Dana Protopopescu C16 Jadenir Lacorte B18 Ajda Zupancic B7
Cesário Costa direcção David Greilsammer C2.C6.C10 Jano Lisboa B27.B30
BATERIA Anssi Karttunen B20.C21
Eldar Nebolsin B23.C12 Joana Ramos Cipriano C28
ORQUESTRA METROPOLITANA DE LISBOA C2.C4 Alexandre Frazão B7.C9 Catherine Strynckx B29.C23.C24
Filipe Pinto-Ribeiro A6.B24.C14 Josef Kluson A7.B28. B31.C30
Michael Zilm direcção Carolina Morais Matos C28
CANTO Francesco Tristano Schlimé B9.C8 Kazuhide Isomura C18.C31 Cédric Conchon B27.B30
Anna Samuil mezzo-soprano C13.C15 Giovanni Bellucci B8.C11 Natalia Tchitch A6 Clive Greensmith C18.C31
Elena Gragera mezzo-soprano A3 Hélder Marques B18
ENSEMBLES VIOLA DA GAMBA Filipe Quaresma B18
João Fernandes barítono B13 Joel Farjot B12.B26
ENSEMBLE AVONDANO B17 Javier Aguirre C19 Guenrikh Elessine B25.C29
Sunhae Im soprano C3 Kálmán Cséki A2
ENSEMBLE DARCOS B18 Joel Laakso B20.C21
Karin Lechner A1.B1.B11 VIOLINO
ENSEMBLE ZELLIG A5.B19
CLARINETE
Ana Cristina Fernandes Pereira C28 Luis André Ferreira C5
Etienne Lamaison A5.B19.B26 Lada Valesova B13
GOLDFELD-SCHMIDT-NEBOLSIN TRIO B23.C12 Ana Filipa Rodrigues Serrão C28 Marc Coppey A1.B5
Mário Laginha C9
LE JE NE SCAY QUOY C19 CONTRABAIXO Anne Victorino d’Almeida Marie Hallynck A4.B22
Miguel Henriques B2.C7
LEIPZIGER STREICH QUARTETT C25.C27 Adriano Aguiar B17 B29.C23.C24 Matthias Moosdorf C25.C27
Miguel Borges Coelho C26
NEW HELSINKI QUARTET B20.C21 Alejandro Erlich Oliva B29.C23 Alexandra Greffin B27.B30 Michal Kanka A7.B28.B31.C26. C30
Olga Prats C7
OCTETO IBÉRICO octeto de violoncelos A1.A3 Bernardo Moreira C9 Alexander Stewart B25.C29 Miguel Rocha B17
Rami Khalifé B9.C8
QUARTETO ARTZEN C28 Carlos Barreto B7 Augustin Dumay C4.C16 Pavel Gomziakov A6.B24
Rosa Maria Barrantes B16.C13.C15
QUARTETO LACERDA B25.C29 David Phillips B6.C20 Bruno Monteiro B2 Silvia Lenzi A5.B19
Sergio Tiempo B11
QUARTETO LOPES-GRAÇA C24 Oszkár Németh A2 Carlos Zíngaro C22 Vicente Chuaqui B16
Sten Sandell B21
QUARTETO PRAZAK A7.B28.B31.C30 Wilbert de Joode C22 Denis Goldfeld B23.C12 Wolfgang Schmidt B23.C12
Thierry Pécou A5.B19
QUARTETO ROSSINI B29.C23 CRAVO Wilhem Latchoumia C10 Dmitri Makhtin A1.B10.C5 ZIMBALÃO
QUATUOR BENAÏM B27.B30 João Paulo Janeiro B17 Giulio Plotino B18 Ernest Bangó A2
SANFONA
SCHOSTAKOVICH-ENSEMBLE A6.B24 Mafalda Nejmeddine C19 José Despujols B16
Dominique Regef C22
TOKYO STRING QUARTET C18.C31 Kikuei Ikeda C18.C31
FLAUTAS DE BISEL
TRIO AMERICANO B16 SAXOFONE László Bóni A2
António Carrilho C19 Julian Argüelles C9
TRIO DE CLARINETE Luís Pacheco Cunha B29.C23.C24
com E. LAMAISON, A. Thorette e J. FARJOT B26 Zé Nogueira B14 Martin Beaver C18.C31
Informações Gerais
Dias da Música em Belém — Duos, Trios, Quartetos e outras boas companhias 18.19.20 Abril 2008

N.º de concertos e preços São 69 concertos em 6 salas e por 6 por concerto (no Grande Auditório as Galerias
são a 4) e concertos PARA AS FAMÍLIAS a 3 | Bilhete entrada no recinto 3, com acesso exclusivamente às
actividades paralelas: concertos informais, encontros com os artistas “Aqui há conversas...” na Sala de Leitura,
venda de livros e CD e nas zonas de restauração. Não há descontos no Festival Dias da Música.
Horários Sexta-feira dia 18 – abertura às 18H – concertos têm início às 20H | Sábado dia 19 – abertura às 12H
– concertos têm início às 14H | Domingo 20 de Abril – abertura às 10H – concertos têm início às 11H.
Numeração dos concertos A numeração dos concertos é sempre antecedida de uma letra: a letra A corresponde
aos concertos de sexta-feira; a letra B aos concertos de sábado; e a letra C aos de domingo. Não há lugares mar-
cados, excepto no Grande Auditório. Os lugares são ocupados por ordem de chegada. Faça a sua escolha com
antecedência e leve a numeração dos concertos já preparada para ser mais fácil e rápida a compra dos bilhetes.
Reservas Não é possível fazer reservas de bilhetes. A programação pode ser alterada por motivos imprevistos.
ACTIVIDADES para os mais novos Nos dias 19 e 20 de Abril no Centro de Pedagogia e Animação (Jardim das
Oliveiras) foi pensada uma programação especialmente para os mais novos: as crianças encontrarão no CPA música
para muitos gostos em quartos, câmaras de diferentes formatos. O horário de sábado e domingo é das 10H às 19H.
Pode fazer as inscrições na bilheteira do CCB ou nas Salas do CPA durante os dias do Festival. A entrada é sujeita à
capacidade das salas para quem possua um bilhete para os concertos ou para o recinto dos Dias da Música.
OUTROS ESPAÇOS
Música Livre — Nos espaços de circulação decorrem concertos e recitais por alguns dos intérpretes presentes,
assim como por alunos e professores de música convidados. Pianos avulso — Uma série de pianos estão instalados
no CCB, de forma a que o público possa dar pequenos concertos ou descobrir este instrumento. Aqui há conversas
com... — na Sala de Leitura, encontros informais entre o público e artistas moderados por um convidado. Espaço de venda
de CD, livros e outros objectos alusivos ao Festival.
Linha de Informação a partir de dia 28 de Fevereiro – 213 612 777 todos os dias das 10H às 19H.
Bilhetes à venda NOVA BILHETEIRA ON-LINE WWW.CCB.PT e ainda nas bilheteiras do CCB, nas Lojas FNAC (Chiado,
Colombo, CascaiShopping, Almada Fórum, GaiaShopping, Braga Parque NorteShopping, Santa Catarina, Atrium Saldanha,
Centro Vasco da Gama, AlgarveShopping, Fórum Coimbra e MadeiraShopping), Lojas Bliss e Livraria Bulhosa do Oeiras
Parque, www.ticketline.pt, Lojas Worten, www.plateia.iol; Media Markt, El Corte Inglês, Agência ABEP e Agência Alvalade.

PARCEIRO
INSTITUCIONAL PATROCINADORES

APOIOS