Você está na página 1de 8
Aula 5
Aula 5
Proventos Descontos Salário INSS Hora Extra I.R.R.F Adicional Noturno Vale Transporte Insalubridade Vale
Proventos
Descontos
Salário
INSS
Hora Extra
I.R.R.F
Adicional Noturno
Vale Transporte
Insalubridade
Vale Refeição
Periculosidade
Faltas e Atrasos
Comissão
Salário Família
Bacharel em Ciências Contábeis Especialista em Direito Empresariall comm ênfase em Direito Tributário
Bacharel em Ciências Contábeis
Especialista em Direito Empresariall comm ênfase em Direito
Tributário
Innsalubridade: Art.192 da CLT, percentuais de 10%, 20% ou de 40%, dependendo do grau de
Innsalubridade: Art.192 da CLT, percentuais de
10%, 20% ou de 40%, dependendo do grau de
risco a saúde do trabalhador;
Periculosidade: Conforme dispõe o § 1º do art.
193 da CLT, o trabalho realizado em ambientes
perículosos, adicional de 30%.
Innsalubridade: R$ 724,00 x 40% = R$ 289,60 (Base Salário Mínimo); Periculosidade: Base - Salário
Innsalubridade:
R$ 724,00 x 40% = R$ 289,60 (Base Salário
Mínimo);
Periculosidade:
Base - Salário do Funcionário
R$ 2.000,00 x 30% = R$ 600,00
Caso a perícia defina que na atividade exista
perigo e seja insalubre, o funcionário tem que
optar pelo valor que lhe for mais lucrativo.
De acordo com a Lei, considera se noturno para os trabalhadores urbanos: O trabalho executado
De acordo com a Lei, considera se noturno para
os trabalhadores urbanos:
O trabalho executado entre as vinte e duas horas
de um dia até as cinco horas do dia seguinte;
Além do benefício do adicional, a hora noturna
tem sua duração reduzida: 52 minutos e 30
segundos.
O percentual de Adicional Noturno é de no
mínimo de 20%.
Periculosidade Fonte: https://www.youtube.com/watch?v=wOChErDbZv4
Periculosidade
Fonte: https://www.youtube.com/watch?v=wOChErDbZv4
7 horas x 60 minutos = 420 minutos; 420 minutos/ 52,50 = 8 horas noturnas.
7 horas x 60 minutos = 420 minutos;
420 minutos/ 52,50 = 8 horas noturnas.
R$ 2.600,00 / 220 horas/mês = R$ 11,82
h/trabalhada;
R$ 11,82 x 20 % = R$ 2,36 de adicional/hora
noturna
R$ 2,36 x 8h = R$ 18,91 de adicional noturno/
dia;
R$ 18,91 / 25 x 6 = R$ 4,54 de RSR s/ Adicional
Noturno.
O Art. 67 da CLT, diz que todo empregado tem direito a um dia de
O Art. 67 da CLT, diz que todo empregado tem direito a
um dia de descanso semanal que deverá ser
preferencialmente aos domingos. A lei 605 de 5 de
janeiro de 1949, diz que as horas extras habitualmente
prestadas devem ser computadas no cálculo do Repouso
Semanal Remunerado (RSR).
CCálculo:
R$ 531,82 / 25 = R$ 21,27
R$ 21,27 x 6 = R$ 127,64
SALARIO BASE 30 2.500,00 PERICULOSIDADE 30% 20 HORAS EXT COM 50% 25/6 DSR S/ H.EXT
SALARIO BASE 30
2.500,00
PERICULOSIDADE 30%
20 HORAS EXT COM 50%
25/6 DSR S/ H.EXT COM 50%
FALTA INJUSTIFICADA 1
DESCONT DSR 1
INSS
IRPF
TABELA IRPF Até 1.787,77 Isento Alíquota P. a Deduzir De 1.787,77 Até 2679.29 7,50% 134,08
TABELA IRPF
Até
1.787,77
Isento
Alíquota
P. a Deduzir
De
1.787,77
Até
2679.29
7,50%
134,08
De
2.679,29
Até
3.572,43
15,0%
335,03
De
3.572,43
Até
4.463,81
22,50%
602,96
Acima
de
4.463,81
27,50%
826,15
TABELA DE INSS
Até
1.399,12
8%
De
1.399,12
Até
2.331,88
9%
De
2.331,88
Até
4.463,75
11%
Salário Família
Salário Mínimo
725,02
37,18
1.089,72
26,20
788,00
Recibo de Pagamento de Salário EMPREGADOR Nome CIA LTDA Referente ao Mês / Ano Endereço
Recibo de Pagamento de Salário
EMPREGADOR
Nome CIA LTDA
Referente ao Mês / Ano
Endereço SEMPE 100
março-15
CNPJ 00.123.456/0001-02
CÓDIGO
NOME DO FUNCIONÁRIO
CBO
FUNÇÃO
00078
QUASE SEMPRE
521110
VENDEDOR(A)
Cód.
Descrição
Referência
Proventos
Descontos
1
SALARIO BASE
2
PERICULOSIDADE
3
HORAS EXT COM 50%
4
DSR S/ H.EXT COM 50%
5
FALTA INJUSTIFICADA
6
DESCONT DSR
30 INSS
31 IRPF
Total dos
MENSAGENS
Vencimentos
Total dos Descontos
Base Cálc.
Base
Salário Base
INSS
Cálc.FGTS
FGTS do Mês
Base Cálc. IRRF
Faixa IRRF
DECLARO TER RECEBIDO A IMPORTÂNCIA LÍQUIDA DISCRIMINADA NESTE RECIBO.
/
ASSINATURA DO FUNCIONÁRIO
EMPREGADOR Recibo de Pagamento de Salário Nome CIA LTDA Referente ao Mês / Ano Endereço
EMPREGADOR
Recibo de Pagamento de
Salário
Nome CIA LTDA
Referente ao Mês /
Ano
Endereço SEMPE 100
junho-15
CNPJ 00.123.456/0001-02
CÓDIGO
NOME DO FUNCIONÁRIO
CBO
FUNÇÃO
00078
QUASE SEMPRE
521110
VENDEDOR(A)
Cód.
Descrição
Referência
Proventos
Descontos
1
SALARIO BASE
220:00
2.500,00
2
PERICULOSIDADE
30,00
750,00
3
HORAS EXT COM 50%
20,00
443,18
4
DSR S/ H.EXT COM 50%
26/5
85,23
5
FALTA INJUSTIFICADA
1,00
83,33
6
DESCONT DSR
1,00
83,33
30
INSS
0,11
397,29
31
IRPF
0,15
147,14
MENSAGEN
Total dos
S
Vencimentos
Total dos Descontos
3.778,41
711,10
3.067,31
Base Cálc.
Base
Salário Base
INSS
Cálc.FGTS
FGTS do Mês
Base Cálc. IRRF
Faixa IRRF
2.500,00
3.611,74
3.611,74
288,94
3.214,45
147,14
DECLARO TER RECEBIDO A IMPORTÂNCIA LÍQUIDA DISCRIMINADA NESTE RECIBO.
/
ASSINATURA DO FUNCIONÁRIO
Leei Nº 4.090, de 13 de Julho de 1962 - Institui a Gratificação de Natal
Leei Nº 4.090, de 13 de Julho de 1962 - Institui a
Gratificação de Natal para os Trabalhadores.
Ao pagamento do 13º salário faz jus o
trabalhador urbano ou rural, o trabalhador
avulso e o doméstico.
Para os funcionários que optarem pela utilização do vale transporte, a empresa poderá descontar na
Para os funcionários que optarem pela utilização
do vale transporte, a empresa poderá descontar
na sua folha de pagamento até 6% do salário do
funcionário, desde que este não supere o valor do
Vale Transporte entregue ao funcionário.
A Lei não estipula distância;
Para ter direito o empregado deve assinar
declaração de necessidade do mesmo;
Na primeira parcela não há o desconto do INSS sobre o valor recebido a título
Na primeira parcela não há o desconto do INSS
sobre o valor recebido a título de 13.° salário do
colaborador;
Deverá ser efetuado o depósito do FGTS da
primeira parcela do 13.° salário, juntamente com
o depósito normal do mês de novembro da Folha
de Pagamento;
A empresa não está obrigada a pagar o 13.º
salário a todos os empregados no mesmo mês,
mas deverá respeitar os prazos.
Funcionário A Admissão 1/04/2013 Salário R$ 4.000,00 Não possui dependente. 1/12 Mês 1ª 50% 1ª
Funcionário A
Admissão 1/04/2013 Salário R$ 4.000,00
Não possui dependente.
1/12
Mês 1ª
50% 1ª
FGTS 1ª
1ª Parcela
Salário
Meses
avos
Parcela
30/nov
Parcela
Parcela
INSS
4.000,00
12
333,33
12
4.000,00
2.000,00
160,00
-
Parcela
Aliq
B.C.
Aliq.
Parcela
IRRFa
Incidência
Salário
INSS
INSS
IRRF
IRRF
Valor
Deduzir
Recolher
Deduções
4.000,00
11%
440,00
3.560,00
15%
534,00
335,03
198,97
Vlr.aRec
FGTS 2ª
Salário
INSS
IRRF
Parcela
2ªP
Parcela
Vlr.a
Receber
4.000,00
440,00
198,97
2.000,00
1.361,03
160,00
Emprego dos sonhos Fonte: https://www.youtube.com/watch?v=TPbuKa81_BI
Emprego dos sonhos
Fonte: https://www.youtube.com/watch?v=TPbuKa81_BI
Exemplo – 13.º salário – Com 1.ª parcela -2014 Funcionário B Admissão 14/06/2014 Salário R$
Exemplo – 13.º salário – Com 1.ª parcela -2014
Funcionário B
Admissão 14/06/2014 Salário R$ 4.000,00- Não possui dependente
Mês trab
50%1ª
FGTS1ª
Parcela
Salário
Meses
1/12avos
30/11
6meses
Parc
PParc
INSS
4.000,00
12
333,33
6
2.000,00
1.000,00
80,00
0
Mêstrab
Parcela
Salário
Meses
1/12avos
20/12
7meses
Parcela
Parcela
4.000,00
12
333,33
7
2.333,33
Parc.
IRRFa
Parcela
Salário
AliqINSS
INSS
B.C.IRRF
Aliq.IRRF
Valor
Deduzir
Rec
Calculo
2.333,33
11%
256,67
2.076,66
7,50%
155,75
134,08
21,67
Salário7
BASE
FGTS2ª
meses
INSS
IRRF
1ª Parcela
Vlr.ARec
FGTS
PRC
Vlr.A
Receb
2.333,33
256,67
21,67
1.000,00
1.054,99
1.333,33
106,67
Todos os empregados após 30 dias de trabalho tem direito a 2,5 dias, após trabalhar
Todos os empregados após 30 dias de
trabalho tem direito a 2,5 dias, após
trabalhar 12 meses este adquire o direito a
30 dias de férias, Ex. 12 x 2,5= 30
Período aquisitivo: 01/06/2013 à
31/05/2014 Sem faltas injustificadas, com
remuneração atual de R$ 900,00 + 1/3 = R$
300,00 = R$ 1.200,00
Aviso prévio de férias: Deverá ser notificado
com antecedência mínima de 30 dias;
Pagamento das férias: deverá ser efetuado
no mínimo com 2 dias de antecedência do
início do gozo das férias.
TABELA DE FÉRIAS DO Art. 130 Até – injustificadas Direito a Férias 5 – faltas
TABELA DE FÉRIAS DO Art. 130
Até – injustificadas
Direito a Férias
5 – faltas
30
De 6 a 14 – faltas
24
De 15 a 23 – faltas
18
De 24 a 32 – faltas
12
SALÁRIO
FALTA
DIREITO
VALOR
1/3 DE FER
FÉRIAS
SALÁRIO
4.000,00
-
30 DIAS
4.000,00
1.333,33
5.333,33
POR
BS INSS
ALIQUOTA
INSS- TETO
DEPEND
3 DEPEND
B. CALC. IR.
SALÁRIO
4.663,75
11%
513,01
179,71
539,13
4.281,19
PARC.
B.CALC.IRRF
ALIQUOTA
IRRF
DEDUZ.
IRRF A REC
LQ FÉRIAS
IRRF
4.281,19
22%
941,86
602,96
338,90
4.481,42
Demissão por justa causa: Sem aviso Pedido de demissão: Aviso trabalhado Aviso descontado Demissão sem
Demissão por justa causa:
Sem aviso
Pedido de demissão:
Aviso trabalhado
Aviso descontado
Demissão sem justa causa:
Aviso Trabalhado
Aviso indenizado
Pedido de demissão: Aviso trabalhado Aviso descontado Demissão sem justa causa: Aviso Trabalhado Aviso indenizado
Pedido de demissão: Aviso trabalhado Aviso descontado Demissão sem justa causa: Aviso Trabalhado Aviso indenizado
No pedido de demissão, o empregado tem direito basicamente, aos seguintes proventos: Saldo de salários
No pedido de demissão, o empregado tem direito
basicamente, aos seguintes proventos:
Saldo de salários (dias trabalhados até o
momento da rescisão);
13.º salário proporcional;
Férias Vencidas, se houver;
Férias Proporcionais.
O empregado que for demitido sem justa causa terá direito a multa do FGTS. Essa
O empregado que for demitido sem justa causa
terá direito a multa do FGTS.
Essa multa é calculada sobre o saldo do FGTS + o
FGTS da rescisão.
Calcula-se 50% sobre o valor encontrado sendo
que:
10% Fundo do FGTS e
40% Empregado.
Além dos proventos, devem ser calculados os descontos respectivos, que comumente são os seguintes: INSS
Além dos proventos, devem ser calculados os
descontos respectivos, que comumente são os
seguintes:
INSS s/ salários;
INSS s/ 13º salário;
IRRF s/ salários;
IRRF s/ 13º salário
Empregado admitido em 02/01/2014, com salário, R$ 4.000,00 – Foi demitido em - Cumpriu aviso
Empregado admitido em 02/01/2014, com salário, R$
4.000,00 – Foi demitido em - Cumpriu aviso prévio até
05/01/2015, no dia 04/02/2015 foi homologado a rescisão
Não tem dependentes ou filhos menores de 14 anos;
Não gozou férias do período aquisitivo 2014/2015;
Tem saldo do FGTS no valor de R$ 4.000,00
Direito a 33 d de Aviso – V.
Transp. Não
Multa 50% FGTS
SALÁRIO 4.000,00 VERBAS PORVENTOS DEDUÇÕES SALDO DE SALÁRIO 4 DIAS 533,33 INSS 8% 42,67 13º
SALÁRIO
4.000,00
VERBAS
PORVENTOS
DEDUÇÕES
SALDO DE SALÁRIO
4
DIAS
533,33
INSS 8%
42,67
13º SALÁRIO
1M 1 AV
666,67
INSS 13º
53,33
FÉRIAS VENCIDAS
12 MESES
4.000,00
FÉRIAS
PROPORCIONAL
1 MESES
333,33
ADICIONAL DE
FÉRIAS
33,33%
1.444,44
AV IND. LEI 12.506
3
DIAS
400,00
TOTAL BRUTO
7.377,78
96,00
LIQUIDO A RECEBER
7.281,78
A tartaruga e o leão Fonte: https://www.youtube.com/watch?v=92r4CSt8txw
A tartaruga e o leão
Fonte: https://www.youtube.com/watch?v=92r4CSt8txw
CADASTRO GERAL DE EMPREGADOS E DESEMPREGADOS: As empresas estão obrigadas a enviar, mensalmente ao Ministério
CADASTRO GERAL DE EMPREGADOS E
DESEMPREGADOS:
As empresas estão obrigadas a enviar, mensalmente ao
Ministério do Trabalho e Emprego, a relação de
admissões e desligamentos de
empregados, relativamente ao
mês anterior, até o dia 7 do mês
seguinte.