Você está na página 1de 12

11/5/2009

Arquitetura Renascentista

… O Renascimento dos valores … Eles, não Deus, tinham nas


clássicos e da arquitetura mãos o compasso para dar
clássica não surgiu forma a seus povoados,
plenamente formado, mas cidades e arquitetura.
lentamente ao longo de um
lentamente, … EEsse novo racionalismo
l foi
f
século ou mais na Itália. combinado a uma
… Pintores, cientistas e redescoberta da arquitetura
arquitetos começaram a ver- romana, um fascínio pelas
HISTÓRIA DA ARQUITETURA E se não como peões a serviço
de um Deus celestial
recentemente estabelecidas
leis da perspectiva e um
URBANISMO implacável, mas como a
medida de todas as coisas.
desejo de recriar as glórias
do mundo antigo.

10. Arquitetura Renascentista

Arquitetura Renascentista Arquitetura Renascentista

… A arquitetura do Renascimento … Através do Classicismo, os … O Humanismo se manisfestou … Um dado importante na


está bastante comprometida com homens do Renascimento como um profundo sentimento definição da espacialidade do
uma visão-de-mundo sobre dois encaravam o mundo greco- comprometido com a valorização Renascimento é a incorporação
pilares essenciais: o Classicismo e romano como um modelo a ser da presença do Homem no da perspectiva como instrumento
o Humanismo. seguido, buscando aplicar na Universo. de projeto e da noção do
… Não surgiu totalmente realidade material cotidiana … O indivíduo humano afirma-se desenho como uma forma de
desvinculada dos valores e aquilo que consideravam perante a Natureza e deixa de conhecimento.
hábitos medievais, mas, os pertencer ao mundo das idéias. apenas observá-la para
conceitos que estão por trás … A arquitetura passou a tentar entendê-la, procurando alterá-la
desta arquitetura são os de uma concretizar conceitos clássicos e buscando aquilo que ele
efetiva e consciente ruptura com como a Beleza, acreditando que considera como o Conhecimento
a produção artística da Idade os elementos e ordens da do mundo (mais do que
Média (em especial com o estilo Antiguidade Clássica constituíam simplesmente o "conhecimento"
gótico). o caminho correto a ser seguido da coisas).
a fim de alcançar este mundo
ideal

Arquitetura
Arquitetura Renascentista
Renascentista

Plano de
Florença

A catedral de Sta. Mª dei Fiori, Florença (Brunelleschi, 1420-1436)

1
11/5/2009

Arquitetura Renascentista Arquitetura Renascentista

… A Basílica di Santa Maria dei Fiore é … Seu nome (cuja tradução é Santa
O Duomo de a catedral , ou Duomo, da Maria da Flor) parece referir-se ao
Florença, como o Arquidiocese de Florença. lilium, símbolo de Florença, mas,
vemos hoje, é o
Notabilizada por seu monumental documento do Século XV, por outro
resultado de um
trabalho que se "domo" (ou cúpula) - obra do lado, informa que “flor”, no caso,
estendeu por seis celebrado arquiteto renascentista refere-se a Cristo.
séculos Seu
séculos. Brunelleschi - e pelo Campanário,
Campanário de
projeto básico Giotto, é uma das obras da arte
foi elaborado
gótica e da primeira renascença
por Arnolfo di
Cambio no final italiana considerada de fundamenal
do século XIII, importância para a História da
sua cúpula é Arquitetura, registro da riqueza e do
obra de Filippo poder da capital da Toscana nos
Brunelleschi, e
séculos XIII e XIV.
sua fachada
teve de esperar
até o século XIX
para ser
concluída.

Arquitetura Renascentista Arquitetura Renascentista

Plano de Florença

A cúpula de Sta. Mª dei Fiori (Brunelleschi, 1420-1436)


A cúpula de Sta. Mª dei Fiori (Filippo Brunelleschi, 1420-1436)

Arquitetura
Arquitetura Renascentista
Renascentista

Interior da
cúpula, com
afresco de
Giorgio
Vasari e
Federico
Zuccari
representando
o Juízo Final

A cúpula de Sta. Mª dei Fiori (Brunelleschi, 1420-1436)

2
11/5/2009

Arquitetura Renascentista Arquitetura Renascentista

Batistério da
basílica de
Sta. Mª dei
Fiori, Florença,
executada
por Giotto,
Giotto de
1334 até 37,
ano em que
morreu.

Sua planta é basilical, com três naves, divididas por


grandes arcos suportados por colunas monumentais.
Tem 153m de comprido por 38m de largura, e 90m
no transepto. Seus arcos se elevam até a 23 m de
altura, e o cume da cúpula, a 90 m.

Arquitetura Renascentista Arquitetura Renascentista

Interior da cúpula do batistério da Porta da igreja Santa Maria dei


igreja Santa Maria dei Fiori Fiori, executada por Andrea
Pisano.

Igreja do Santo Spirito (Brunelleschi) 1434 a 1482


Batistério da basílica de Sta. Mª dei Fiori, Florença

Arquitetura Renascentista Arquitetura Renascentista

Interior de
São Lourenzo
Brunelleschi,
1420-1447

Igreja de São Lourenzo Brunelleschi, 1420-1447

3
11/5/2009

Arquitetura Renascentista Arquitetura Renascentista

Capela dos
Pazzi
(Brunelleschi,
1429-1444)

Capela dos Pazzi (Brunelleschi, 1429-1444)

Arquitetura Renascentista Arquitetura Renascentista

Capela dos Pazzi (Brunelleschi, 1429-1444) Capela dos Pazzi (Brunelleschi, 1429-1444)

Arquitetura Renascentista Arquitetura Renascentista

Hospital dos
Inocentes
Brunelleschi
1420

Capela dos Pazzi (Brunelleschi, 1429-1444)

4
11/5/2009

Arquitetura Renascentista Arquitetura Renascentista

Brunelleschi
Palazzo Pitti

Brunelleschi Palazzo Pitti

Arquitetura Renascentista Arquitetura Renascentista

S. Andrés de Mantua (Alberti, 1470) S. Andrés de Mantua (Alberti, 1470)

Arquitetura
Arquitetura Renascentista
Renascentista

S. Andrés de
Mantua
Leon Battista
Alberti,
1470

S. Andrés de Mantua (Alberti, 1470)

5
11/5/2009

Arquitetura
Arquitetura Renascentista
Renascentista

Templo de Alberti
Malatesta em Santa Maria
Rimini Novella

Alberti, Florença

1447-1450 1458-1470

Arquitetura
Arquitetura Renascentista
Renascentista

Alberti - Sta. Mª Novella Florença (1458-1470) Pazo Rucellai (Alberti, ca. 1450)

Arquitetura Renascentista Arquitetura Renascentista

Palácio Palácio
Medici-Ricardi Strozzi

Michelozzo, Benedetto da
Maiano,
1444 1464
1444-1464
1489-1533

6
11/5/2009

Arquitetura
Arquitetura Renascentista
Renascentista

Palazzo Planta do
Farnese Palácio
Farnese
Sangallo,
Sangallo,
1517 1546
1517-1546
1517-1546

Arquitetura Renascentista Arquitetura Renascentista

Andrea
Palladio: Villa
Rotonda
(Vicenza)

Palladio: Villa Rotonda (Vicenza)

Arquitetura
Arquitetura Renascentista
Renascentista

Palladio: Villa Palladio: Villa


Rotonda Rotonda
(Vicenza) (Vicenza)

Cúpula central Planta

7
11/5/2009

Arquitetura Renascentista Arquitetura Renascentista

Palladio:

Palazzo
Chiericati –

Vicenza

Palladio: Villa Rotonda (Vicenza)

Arquitetura
Arquitetura Renascentista
Renascentista

Palladio: Villa Foscari – Malcontenta – 1550-1560


Andrea Palladio – Villa Bárbaro - 1560 a 1570

Arquitetura Renascentista Arquitetura Renascentista

Palladio:

San Giorgio
Maggiore –
Veneza

1566

Palladio: San Giorgio Maggiore -Veneza

8
11/5/2009

Arquitetura
Arquitetura Renascentista
Renascentista

Donato
Bramante:

Tempietto
San Pietro in
Montorio
Roma
1502-1510

Donato Bramante: Tempietto San Pietro in Montorio Roma - 1502-1510

Arquitetura Renascentista Arquitetura Renascentista

Donato Bramante: Igreja São Sátiro – Milão Donato Bramante: Igreja Santa Maria das Graças - Milão

Arquitetura Renascentista Arquitetura Renascentista

… O edifício atual, com estrutura … Muitas vezes alterado e restaurado,


renascentista e barroca, foi erguido o edifício de Constantino, conhecido
sobre outro edifício levantado por como velha igreja de São Pedro,
ordem do imperador Constantino em sobreviveu até o início do século XVI.
319, sobre o túmulo do apóstolo Pedro,
como um memorial.
… A escolha do sítio e a inclusão do túmulo
não só exigiu que o edifício fosse
orientado para oeste, mas também que
a necrópole antiga fosse aterrada,
sendo construídas muralhas de suporte
para criar uma enorme base que
servisse como alicerce. Na plataforma,
construiu-se então a basílica, com nave
central e quatro naves laterais,
ricamente adornada com afrescos e
mosaicos e um grande átrio dianteiro, Aspecto do interior da basílica de Constantino
Basílica de São Pedro, Vaticano, Roma. Iniciada em 1506, no com colunas.
estilo renascentista, e concluída em 1626, já no estilo barroco.

9
11/5/2009

Arquitetura Renascentista Arquitetura Renascentista

A planta de Bramante … No pontificado de Júlio II (1503 a … A Bramante sucederam, como


1513) decidiu-se afinal derrubar a arquitetos, Rafael, Fra Giocondo,
igreja velha e, em 18 de abril de Giuliano da Sangallo, Baldassare
1506, Bramante recebeu o encargo Peruzzi, Antonio da Sangallo,
de desenhar a nova. Michelangelo, Vignola, Pirro Ligorio,
… Seus planos eram de um edifício Giacomo della Porta.
centralmente planificado,
planificado com um … Mudanças na liturgia,
liturgia introduzidas
domo colocado sobre o centro de pelo Concílio de Trento, fizeram
uma cruz grega (com braços de necessárias outras mudanças sob o
idêntico tamanho), forma que pontificado do Papa Paulo V (1605
correspondia aos ideais da a 1621), que encarregou Carlo
Renascença, por copiar a de um Maderno de aumentar para o leste
mausoléu da antiguidade. o edifício, aumentando a nave e
… Um século mais tarde o edifício criando assim uma cruz latina.
ainda não estava completado. Completou também em 1614 a
famosa fachada.
Donato Bramante: projeto inicial para
Basílica de São Pedro no Vaticano

Arquitetura
Renascentista

São Pedro, Roma,


1506-1626.
Inicialmente
planejada por
Bramante e depois
revista por
Sangallo. Foi
posteriormente
confiada a
Miguelângelo, que
retornou à planta
centralizada
original de
Bramante. A cúpula,
o elemento
unificador no
projeto de
Miguelângelo, foi
executada por
Della Porta.

Arquitetura
Arquitetura Renascentista
Renascentista

São Pedro, Roma, 1506-1626.


Cúpula da basílica de São Pedro, Roma, (exterior e interior) Projeto de Michelangelo.

10
11/5/2009

Arquitetura Renascentista

… O Papa Paulo III (pontificado de 1534- … O modelo segue o da famosa


1549) em 1546 entregou a direção cúpula que Brunelleschi ergueu na
dos trabalhos a Michelangelo. Este, aos catedral de Florença e cria
72 anos, deixou-se fascinar pela impressão de grande imponência.
cúpula, concentrando nela os seus … A diferença é que, ao contrário do
esforços, mas não conseguiu completá- que Michelangelo planejou, não se
lo antes de sua morte em 1564
1564. trata de uma cúpula semicircular mas
… O zimbório é visível de toda a cidade afunilada, criando um movimento de
de Roma, dominando seus céus, tem impulso para cima até culminar na
diâmetro de 42 m, ligeiramente menor lanterna cujas janelas, inseridas em
ao domo do Panteão, mas é mais fendas entre duas colunas, deixam a
imponente por ser muito mais alto, com luz inundar o interior.
132,5 m. … Terminada em 1590, ainda é uma
… Graças a seus planos e a um modelo das maravilhas da arquitetura
em madeira, seu sucessor, Giacomo ocidental.
della Porta foi capaz de terminá-lo
com ligeiras modificações, apenas.

Arquitetura
Arquitetura Renascentista
Renascentista

Vista da nave a partir da cúpula. São Pedro, Roma, 1506-1626. A cúpula de São Pedro do Vaticano

Arquitetura Renascentista Arquitetura Renascentista

Giacomo
Vignola - Villa
Farnese em
Caprarola
(1559-1573

11
11/5/2009

Arquitetura
Arquitetura Renascentista Michelangelo – Piazza di Campidoglio
Renascentista

Giacomo Vignola - Villa Farnese em Caprarola (1559-1573)

12