Você está na página 1de 5

20/07/2016

20/07/2016 Sistemadeclassificaçãodeesportes Sistemadeclassificaçãodeesportescombasenoscritérios:

Sistemadeclassificaçãodeesportes

20/07/2016 Sistemadeclassificaçãodeesportes Sistemadeclassificaçãodeesportescombasenoscritérios:

Sistemadeclassificaçãodeesportescombasenoscritérios:

cooperação,interaçãocomoadversário,ambiente,

desempenhocomparadoeobjetivostáticosdaação

DepartamentodePedagogia

CursodeEducaçãoFísica

UniversidadeRegionaldoNoroeste

doEstadodoRioGrandedoSul

FernandoJ.Gonzalez

(Brasil)

Resumo

EsteartigoapresentaumSistemadeClassificaçãodeEsportes,desenvolvidocombasenoscritériosdecooperação,relaçãodeoposiçãocomoadversárioetipodeambienteondeserealizaapráticaesportiva.Porsuavezosesportesseminteraçãodireta

comoadversáriosãosubdivididosemcategoriascombasenotipodedesempenhocomparado.Jáosesportescominteraçãodiretacomoadversáriosãosubdivididossegundooobjetivotáticodaação.Estesistemapossibilitamontarumquadroparaclassificar

grandepartedosesportes,permitindoidentificar,combasenessataxionomia,asdemandasdiferenciadasimpostaspelasdistintasmodalidadesaospraticantes.

Unitermos:Classificação.Esportes.Objetivotáticodaação.Taxonomia.

http://www.efdeportes.com/RevistaDigital­BuenosAires­Año10­N°71­Abrilde2004

1/1

Introdução

Asatividadesmotorasemgeraleosesportesemparticulartêmsidoobjetosdediversasclassificações(PARLEBAS,1988;RIERA;1989;WERNER;ALMOND,1990;FAMOSE,1992;RUIZ,1994;

CASTEJÓN,1995,HERNÁNDEZ,1994e1995;HERNÁNDEZet.al,1999,HERNÁNDEZ,2000;RITZDORF,2000;SCHMIND;WRISBERG,2001)comopropósitodeidentificarseuselementosuniversais 1 eentendermelhorsuaslógicasinternas 2 ,particularmentenoquetangeàssolicitaçõescolocadasporessasúltimasaospraticantesdasdiferentesatividades.Estasclassificaçõessãomontadasapartir dediversoscritérios 3 queintentammostraredestacardiferentesaspectosdaestrutura 4 e/oudadinâmica 5 dosesportes.

Nacontinuaçãoapresentaremosumsistemadeclassificaçãoparaoesportedesenvolvidonabasedequatrocritérios,comopropósitodecaracterizardeformaespecíficaasexigênciasque

diferentesgruposoucategoriasdemodalidadesimpõemaosparticipantesdasmesmas.Essesistemadeclassificação,naverdade,reúneumconjuntodecategoriasidentificadasemalgunsdos

trabalhosmencionados,porémcombina­asdeumaformadiferenciadanoquerespeitaàsrelaçõesquepodemserestabelecidasentreelas,entendendoqueomesmotrazumacontribuiçãopara

pensarocampoesportivodesdeumaperspectivaquefacilitaacompreensãodasdemandasdeterminadasparaospraticantesdasdiferentesmodalidades.

ClassificaçãodosEsportes:RelaçãodeCooperaçãoeOposição

Dentrodasclassificaçõespossíveisnestetrabalho,optou­se,inicialmente,poraquelaquepermitedividirosesportesemquatrograndescategoriasapartirdacombinaçãodeoutrasduas

distribuições,oquepermiteconstruirumamatrizdeanáliseque,emboranãoincluatodososesportes,envolveumaimportantepartedouniversodasmodalidades.Deformaresumida,pode­sedizer

queoscritériossão:a)seexisteounãorelaçãocomcompanheirose,b)seexisteounãointeraçãodiretacomoadversário.Combasenessesprincípiosépossívelclassificarasmodalidadesem

individuaisoucoletivas,quandoutilizadoocritériorelaçãocomoscompanheiros,ecomeseminteraçãodiretacomoadversário,quandoocritérioutilizadoéarelaçãocomooponente.

Combasenoprimeirocritérioosesportespodemserclassificadoscomoindividuais,segundoseupróprionomeindica,quandoosujeitoparticipasozinhoduranteaaçãoesportivatotal(duraçãoda

prova,dojogo),semaparticipaçãocolaborativadeumcolega,eemesportescoletivos,quandoasmodalidadesexigem,pelasuaestruturaedinâmica,acoordenaçãodasaçõesdeduasoumais

pessoasparaodesenvolvimentodaatuaçãoesportiva.

Jáquandoconsideradaarelaçãocomorivalcomocritériodeclassificação,ainteraçãocomoadversáriopodeseridentificadacomoacaracterísticacentraldosesportescomoposiçãodireta.Essa

condiçãoexigedosparticipantesadaptaçõesemudançasconstantesnaatuaçãomotoraemfunçãodaaçãoedaantecipaçãodaatuaçãodoadversário.

Estesesportestambémpodem,deformamaisampla,serdenominadosdeatividadesmotorasdesituação,definidascomo"atividadesludomotorasqueexigemdossujeitosparticipantesantecipar

asaçõesdo/sadversário/s(ecolega/sseaatividadeforemgrupo)paraorganizarsuasprópriasaçõesorientadasaalcançaro/sobjetivo/sdasatividadeslúdicas"(GONZALEZ,1999,p.4).Outros

20/07/2016

Sistemadeclassificaçãodeesportes

autoresdenominamacondiçãodeinteraçãocomoadversáriodeoposiçãodireta(RIERA,1989),damesmaformaqueacategoriacominteraçãosupõeapresençadoadversárioqueseenfrenta

diretamente,oqualprocuraatodomomentoneutralizaraatuaçãodorival.

Combinandoestasduasclassificaçõesteremosasseguintescategorias:

Esportesindividuaisemquenãoháinteraçãocomooponente:sãoatividadesmotorasemqueaatuaçãodosujeitonãoécondicionadadiretamentepelanecessidadedecolaboraçãodocolega

nempelaaçãodiretadooponente.

Esportescoletivosemquenãoháinteraçãocomooponente:sãoatividadesquerequeremacolaboraçãodedoisoumaisatletas,masquenãoimplicamainterferênciadoadversáriona

atuaçãomotora.

Esportesindividuaisemqueháinteraçãocomooponente:sãoaquelesemqueossujeitosseenfrentamdiretamente,tentandoemcadaatoalcançarosobjetivosdojogoevitando

concomitantementequeoadversárioofaça,porémsemacolaboraçãodeumcompanheiro.

Esportescoletivosemqueháinteraçãocomooponente:sãoatividadesnasquaisossujeitos,colaborandocomseuscompanheirosdeequipedeformacombinada,seenfrentamdiretamente

comaequipeadversária,tentandoemcadaatoatingirosobjetivosdojogo,evitandoaomesmotempoqueosadversáriosofaçam.

OQuadro1mostraalgunsexemplos:

Quadro1­Classificaçãoemfunçãodarelaçãodecooperaçãoeoposição

ClassificaçãodosEsportes:emfunçãodascaracterísticasdoambientefísicoondeserealizaapraticaesportiva.

Quandoseobservaoambientefísiconoqualserealizaapráticaesportiva,pode­seperceberqueaatuaçãodospraticanteséafetadadeformadiferenteporele.Estasformasdiferenciadasdeo

ambientefísicoafetaraspráticasmotoraspermitemclassificarosesportesnomínimoemduascategorias.Umareúneoconjuntodeesportesqueserealizamemambientesquenãosofrem

modificações,istoé,nãocriamincertezasparaopraticantenomomentoemqueeleoconhece.Umasegundacategoriaagrupaoconjuntodeesportesemqueoambienteproduzincertezasparao

praticante,combasenasmudançaspermanentesdoambientefísicoondesepraticaamodalidadeouquandoomesmoédesconhecidopeloatleta.Assim,nestalógica,aspráticasmotoras

institucionalizadasclassificam­seem:

Esportessemestabilidadeambientaloupraticadosemespaçosnão­padronizados:Sãoaquelesqueserealizamemespaçosmutáveiseque,conseqüentemente,apresentamincertezasparao

praticante,exigindodeleapermanenteadaptaçãodesuaaçãomotoraàsvariaçõesdoambiente.

Esportescomestabilidadeambientaloupraticadosemespaçospadronizados:Sãoosqueserealizamemespaçosestandardizadosequenãooferecemincertezasparaopraticante.

OQuadro2mostraalgunsexemplos.

Quadro2­Classificaçãoemfunçãodascaracterísticasdoambientefísicoondeserealizaapráticaesportiva.

20/07/2016

Sistemadeclassificaçãodeesportes

20/07/2016 Sistemadeclassificaçãodeesportes

ClassificaçãodosEsportes:emfunçãodalógicadacomparaçãodedesempenhoeprincípiostáticos

Esteprocessodeanálisedascaracterísticasesportivaspermiteidentificardentrodascategoriasdeesportescomeseminteraçãodiretacomoadversáriosubcategoriasquesevinculamadiferentes critérios.Paraosesportesseminteraçãoocritérioutilizadoéotipodedesempenhomotor 8 comparadoparadesignarovencedornasdiferentesmodalidades.Jáparaosesportesemqueháinteração ocritériodeclassificaçãoliga­seaoobjetivotáticodaação,ouseja,aexigênciaqueécolocadaaosparticipantespelasmodalidadesparaconseguiropropósitodoconfrontodeportivo.

Assim,observamosquenosesportesseminteraçãocomoadversáriotem­sediferentestiposderesultadoscomoelementodecomparaçãodedesempenho,permitindoclassificar 9 asmodalidades em:

Esportesde"marca":sãoaquelesnosquaisoresultadodaaçãomotoracomparadoéumregistroquantitativodetempo,distânciaoupeso.

Esportes"estéticos":sãoaquelesnosquaisoresultadodaaçãomotoracomparadoéaqualidadedomovimentosegundopadrõestécnico­combinatórios.

Esportesdeprecisão:sãoaquelesnosquaisoresultadodaaçãomotoracomparadoéaeficiênciaeeficáciadeaproximarumobjetoouatingirumalvo.

Jáosesportescominteraçãocomoadversário,adaptandoaclassificaçãodeAlmond(citadoemDEVISePEIRÓ,1992)edandoênfaseaosprincípiostáticosdojogo,podemserdivididosemquatro

categorias:

Esportesdecombateouluta:sãoaquelescaracterizadoscomodisputasemqueo(s)oponente(s)deve(m)sersubjugado(s),comtécnicas,táticaseestratégiasdedesequilíbrio,contusão,

imobilizaçãoouexclusãodeumdeterminadoespaçonacombinaçãodeaçõesdeataqueedefesa(BRASIL,1998,p.70).

Campoetaco:compreendemaquelesquetêmcomoobjetivocolocarabolalongedosjogadoresdocampoafimderecorrerespaçosdeterminadosparaconseguirmaiscorridasqueos

adversários.

Esportesderede/quadradivididaoumuro:sãoosquetêmcomoobjetivocolocararremessar/lançarummóvelemsetoresondeo(s)adversário(s)seja(m)incapaz(es)dealcançá­loouforçá­

lo(s)paraquecometa/mumerro,servindosomenteotempoqueoobjetoestáemmovimento.

Esportesdeinvasãoouterritoriais:constituemaquelesquetêmcomoobjetivoinvadirasetordefendidopeloadversárioprocurandoatingindoametacontrariaparapontuar,protegendo

simultaneamenteasuaprópriameta.

Nessesentido,combasenascategoriasdescritas,podesermontadoumsistemaquereúneoconjuntodeclassificaçõesepermitelocalizarosdiferentestiposdeesportes(Quadro3).Épossível

realizaressaclassificaçãoemfunçãodasquatrocategoriasdescritas:a)arelaçãocomoadversário,b)alógicadecomparaçãodedesempenho,c)aspossibilidadesdecooperaçãoe,d)as

característicasdoambientefísicoondeserealizaapráticaesportiva.

Osistemadeclassificaçãoapresentadonãoécompleto,existemesportesquenelenãoestãocontemplados(porexemplo,okabaddi,esportenacionaldaÍndia,aquiclassificadocomoesportede

lutaecoletivo,poderiaentender­sequenãoécompatívelcomestaclassificação).Estaestrutura,contudo,possibilitaaclassificaçãodamaioriadasmodalidadesesportivasconhecidas,habilitandouma

análisecriteriosadoselementosparticularesdouniversoesportivoepermitindomapearoselementoscomunsentrediversasmodalidades.

Ascaracterísticasdalógicainternadosesportescondicionamdecisivamenteosprocedimentosdeensinoetreinamento.Dessaforma,esteconhecimentoéfundamentalparaoprofissionalque

pretendamediarentreasmanifestaçõesesportivaseossujeitos,hajavistaqueoreconhecimentodasespecificidadesdamodalidadepermitiráhierarquizarosconteúdos(oqueensinamos)e

selecionardeformaadequadaosprocedimentosdeensino(comoensinamos).

20/07/2016

Sistemadeclassificaçãodeesportes

20/07/2016 Sistemadeclassificaçãodeesportes Quadro3.

Quadro3.Sistemadeclassificaçãodosesportesemfunção:darelaçãocomoadversário,

lógicadecomparaçãodedesempenho,aspossibilidadesdecooperaçãoe

ascaracterísticasdoambientefísicoondeserealizaapráticaesportiva.

Notas

1.DefinidosporParlebas(2001,p.463)como"modelosoperativosquerepresentamasestruturasbásicasdofuncionamentodojogoesportivoequecontêmsualógicainterna".

2.SeguindoParlebas(2001,p.302),define­selógicainternacomo"osistemadascaracterísticaspertinentesdeumasituaçãomotoraeasconseqüênciasqueentranhaparaarealizaçãodaaçãomotoracorrespondente".

3.Caráter,normaoumodeloqueserveparaaapreciaçãodeumobjeto(coisa,idéia,acontecimento).

4.Sistemaderelaçõesabstratasqueformaumtodocoerente,quesubjazàvariedadeevariabilidadedosfenômenosempíricos.

5.Relaçõesestabelecidaspelosparticipantesapartirdasregrasqueregulamoesporte,jogoouatividademotora.

6.Esporteentendidoaquinumsentidorestritocomo"umaaçãosocialinstitucionalizada,convencionalmenteregrada,quesedesenvolve,combaselúdica,emformadecompetiçãoentreduasoumaispartesoponentesouemcontraanatureza,cujoobjetivo

é,porumacomparaçãodedesempenhos,designarovencedorouregistrarorecorde,sendoseuresultadodeterminadopelahabilidadeeestratégiadoparticipante,eégratificantetantointrínseca(prazer,auto­realização,etc.)comoextrinsecamente"

(BETTI,1997,p.35).

7.Muitosdosesportesaquimencionadospodemserpraticadosemduplas,alterandoconseqüentementeacategoria.

8.Aquidesempenhomotoréentendidocomodesempenhoesportivo,definidocomo:"produtoavaliadodaatividademotoranumcontextoinstitucionalizadodecomparaçãosocial"(FAMOSE,1999,p.36).

9.NestaclassificaçãoutilizamosduascategoriaspropostasporDudley(apudCASTEJÓN,1995)(MarcaouDesempenhoeEstético)eumapropostaporAlmod(apudDEVÍSePEIRÓ,1992)(Alvo).

10.Esportesdetranslação:sãoaquelesquetêmcomoobjetivodeslocar­sedeumladoaooutroantesdeseusadversárioseemquesãopermitidas(diferentedosesportesdemarca)interferênciasintencionaisediretasdosatletassobreasaçõesdeseus

adversários.

11.KabaddiéumesporteasiáticointensamentepraticadonaÍndiaeoutrospaísestaiscomo:Paquistão,Bangladesh,SriLanka,NepaleJapão.Trata­sedeumesportedeequipequetemcomoobjetivotocarecapturarosjogadoresdaequipeadversária.É

jogadonumespaçode12,5mx10m,divididoemduasmetades.Informaçõesdisponíveisemhttp://www.alldesi.net/fun/sports/kabaddi.htm.

Referências

BETTI,M.ViolênciaemCampo:Dinheiro,mídiaetransgressãoàsregrasnofutebolespetáculo.Ijuí:Unijuí,1997.

BRASIL.SecretariadeEducaçãoFundamental.Parâmetroscurricularesnacionais.Brasília:MEC/SEF,1998.

CASTEJÓN,F.J.O.FundamentosdeIniciaciónDeportivayActividadesFísicasOrganizadas.Madrid:Dykinson,1995.

20/07/2016

Sistemadeclassificaçãodeesportes

DEVIS,J.D.;PEIRÓ,C.V.Nuevasperspectivascurriculareseneducaciónfísica:lasaludylosjuegosmodificados.Barcelona:Inde,1992.

FAMOSE,P.Aprendizajemotorydificultaddelatarea.Barcelona:Paidotribo,1992.

FAMOSE,P.Rendimentomotor:unintentodedefinición.InFAMOSE,P.(org.)Cognicióyrendimientomotor.Barcelona:Paidotribo,1999.

GONZALEZ,F.J.Influênciadoníveldedesenvolvimentocognitivonatomadadedecisãodurantejogosmotoresdesituação.RevistaMovimento,PortoAlegre,v.10,n.1,p.3­14,1999

HERNÁNDEZ,J.(Org.)Lainiciaciónalosdeportesdesdesuestructuraedinámica.Barcelona:Inde,2000.

HERNÁNDEZ,J.et.all.¿Taxonomíadelasactividadesodelassituacionesmotrices?.Lecturas:EducaciónFísicayDeportes.http://www.efdeportes.com/RevistaDigitalAño4.Nº13.Buenos

Aires,Marzo1999.

HERNÁNDEZ,J.Fundamentosdeldeporte.Análisisdelasestructurasdelosjuegosdeportivos.Barcelona:INDE,1994.

HERNÁNDEZ,J.Ladiversidaddeprácticasanálisisdelaestructuradelosdeportesparasuaplicaciónalainiciacióndeportiva.InBLÁZQUEZ,D.Lainiciacióndeportivayeldeporteescolar.

Barcelona:Inde,1995.

PARLEBAS,P.Elementosdesociologíadeldeporte.Andalucia:JuntadeAndalucia,1988.

PARLEBAS,P.Juegodeporteysociedad.Léxicodepraxiologíamotriz.Barcelona:Paidotribo,2001.

RIERA,J.Fundamentosdelaprendizajedeportivo.Barcelona:INDE,1989.

RITZDORF,W.Treinamentodaforçaedapotênciamuscularnoesporte.InELLIOTT,B.;MESTER,J.TreinamentonoEsporte.Guarulhos,SãoPaulo:Phorte,2000.

RUIZ,L.M.Deporteyaprendizaje:procesosdeaplicaciónydesarrollodehabilidades.Barcelona:Visor,1994.

SCHMIND,R.;WRISBERG,C.Aprendizagemeperformancemotora.SP:Artmed,2001.

WERNER,P.ALMOND,L.Modelofgameseducation.JournalofPhysicalEducation,RecreationandDance,41(4),1990,p.23­27.

OutroartigosemPortugués

Recomiendaestesitio
Recomiendaestesitio
Outroartigos emPortugués Recomiendaestesitio http://www.efdeportes.com/ · FreeFind Buscar
Buscar
Buscar

revistadigital·Año10·N°71|BuenosAires,Abril2004

©1997­2004Derechosreservados