Você está na página 1de 8

NOVENA DE

SÃO LÁZARO
Principia a 8 de dezembro – Festa em 17 de dezembro
01. INTROITUS

V. Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo.


R. Amém.

02. DIVINA LUZ

A nós descei, divina luz (bis)!


Em nossas almas acendei
O amor, o amor de Jesus (bis)!

1. Sem vós, Espírito divino,


Cegos, só podemos errar,
Depois de um triste desatino (bis),
No mais profundo do abismo,
Sem fim, sem fim, sem finar penar.

2. O negro inferno nos faz guerra


Armando o mundo sedutor
Tudo é perigo nesta terrra (bis),
Sois vós o nosso libertador (bis).

3. De vossos dons dai-nos o gozo


Que em nós apague o vil prazer;
Nossa alma, Espírito formoso (bis),
Alcance o celeste viver (bis).
09. DESPEDIDA 03. ORAÇÃO PREPARATÓRIA

Vamos, vamos, com alegria (bis), Admirável São Lázaro, cuja proteção humildemente

A louvar, a louvar a Jesus, imploro como sólido fundamento da minha esperança, fazei

A louvar a São Lázaro e Maria (bis). com vossa intercessão que eu sinta os amáveis efeitos da

1. Eu já chomei, / tornei a chamar, divina clêmencia no benigno perdão dos meus pecados, e

Mas os preguiçosos / não querem rezar. de todos os erros e culpas da minha vida.

Tomai pois por vossa conta esta minha humilde


2. As portas estão abertas / pra quem quer entrar,
Mas os preguiçosos / não querem rezar. súplica, e consegui-me de meu Redentor, nosso Senhor

Jesus Cristo, o perdão que tanto desejo, assim como todas


3. Louvores divinos / vamos entoar,
as graças de que muito necessito para que nunca em todos
Louvemos a Maria / pra no céu entrar.
os instantes da minha vida mais o ofenda, dando-me uma
4. Vamos companheiros, / vamo-nos embora,
feliz morte e o lugar dos meus escolhidos, e para convosco
Que o belo festejo / acabou-se agora.
louvá-lo por todo o sempre.

V. Louvado seja nosso Senhor Jesus Cristo. R. Amém.


R. Para sempre seja louvado.
03. JACULÁTORIAS R. Ó Maria.
Dirá logo com muito afeto e devoção as jaculátorias seguintes,
rezando no fim de cada uma a Oração do Senhor (Pai nosso) . V. Ó Maria.

I. Ó São Lázaro bendito, V. Virgem prudentíssima.

Bem sabeis desejo amar-vos; R. Mãe clementíssima.


Aqui chego a vossos pés,
V. Rogai por nós.
Humildemente a louvar-vos.
R. Intercedei por nós a nosso Senhor Jesus Cristo.
II. Ó São Lázaro bendito,
Que estais amando ao Senhor, V. Vós fostes, ó Virgem, imaculada em vossa Conceição.

Alcançai-me esta ventura, R. Rogai por nós ao Pai, cujo Filho destes à luz.
De abrasar-me em seu amor.
V. Ó Deus, que pela Imaculada Conceição da Virgem
III. Ó São Lázaro bendito, Maria, dispusestes ao vosso Filho uma digna morada:
De coração a vós clamo; rogamos-vos, que, assim como ela foi por Vós preservada
Valei-me em minhas angústias,
de toda a culpa com a previsão da morte de seu mesmo
Bem sabeis quanto vos amo.
Filho, subamos nós também sem mancha alguma, por
IV. Ó São Lázaro bendito, intercessão da mesma Senhora a gozar da vossa glória.
Alcançai-me do Senhor, Por amor do mesmo Cristo, com que viveis e reinais pelos
Que de todos meus pecados,
séculos dos séculos.
Me dê verdadeira dor.
R. Amém.
Rainha dos Anjos, rogai por nós. V. Ó São Lazáro bendito,

Rainha dos Patriarcas, De vós pretendo alcançar

Rainha dos Profetas, Proteção tão eficaz

Rainha dos Apóstolos, rogai por nós (2×). Que me livre de pecar.

Rainha dos Mártires, rogai por nós. VI. Ó São Lázaro bendito,
Rainha dos Confessores, Atendei ao que padeço;
Rainha das Virgens, Compadecei-vos de mim,
Rainha de todos os Santos, rogai por nós (2×). Ainda que o não mereço.

Rainha sem pecado, rogai por nós. VII. Ó São Lázaro bendito,
Rainha assunta ao céu, Que a Deus tanta glória destes,
Rainha do santo rosário, Fazei que eu também lhe dê,
Rainha da paz, rogai por nós (2×). Assim como vós fizestes.

V. Toda sois formosa, ó Maria. VIII. Ó São Lázaro bendito,


R. E mácula original não há em vós. Tende-me da vossa mão,
Ajudando-me a vencer,
V. Vós sois a glória de Jerusalém.
Tudo o que for tentação.
R. Vós, a alegria de Israel.
IX. Ó São Lázaro bendito,
V. Vós, a honra de nosso povo. Valei-me na minha morte,
R. Vós, a advogada dos pecadores. Para que por este meio
Alcance eu ditosa sorte.
04. PAI NOSSO (CANTADO) Virgem poderosa, rogai por nós.
Virgem clemente,
Pai nosso, / que estás no céu,
Virgem fiel,
Santificado seja o vosso nome.
Espelho de justiça, rogai por nós (2×).
Venha a nós o vosso reino
Seja feita vossa vontade, / assim na terra como no céu. Sede da sabedoria, rogai por nós.
Seja feita vossa vontade, / assim na terra como no céu. Causa da nossa alegria,
Vaso espiritual,
O pão nosso de cada dia, / nos dai hoje e perdoai.
Vaso honorável, rogai por nós (2×).
Perdoai as nossas ofensas, / perdoai as nossas ofensas,
Assim como nós perdoamos / a quem nos tiver ofendido. Vaso insigne de devoção, rogai por nós.
E não nos deixeis cair, / cair em tentação, Rosa mística,
Mas livrai-nos do mal, / livrai-nos do mal. Torre de David,
Torre de marfim, rogai por nós (2×).
05. OFERECIMENTO
Casa de ouro, rogai por nós.
Aceita, Lázaro bendito, / estas minhas orações, Arca da aliança,
Toda fiz com muitas faltas / e também imperfeições (bis). Porta do Céu,
Estrela da manhã, rogai por nós (2×).
Mas pela vossa bondade, / vos peço me perdoeis,
E com toda a minha vida / com cuidado me guardeis (bis). Saúde dos enfermos, rogai por nós.
Refúgio dos pecadores,
Para que assim protegido / com vosso auxílio e favor,
Consoladora dos aflitos,
Vá depois deste desterro / louvar ao meu Criador (bis).
Auxílio dos cristãos, rogai por nós (2×).
08. LADAINHA 06. BENDITO

Santa Maria, rogai por nós. 1. Bendito, louvado seja, / louvado seja meu Deus;
Santa Mãe de Deus, Vou contar a vida de São Lázaro / quando no mundo viveu.
Santa Virgem das virgens, 2. São Lázaro sempre seguia / os mandamentos de Deus,
Mãe de Jesus Cristo, rogai por nós (2×). Tudo que ele fazia / era a vontade de Deus.

Mãe da divina graça, rogai por nós. 3. Uma doença de chagas / sobre o seu corpo tomou,
Mãe puríssima, Mãe castíssima, Ele chorava e gemia, / clamava à Nosso Senhor.
Mãe imaculada, rogai por nós (2×).
4. Aquele mesmo era o caminho / que São Lázaro andava;
Mãe intemerata, rogai por nós.
Pra ele tomar um descanso / nas pedras se assentava.
Mãe amável, rogai por nós.
5. Todo ferido e chagado, / ele naquela agonia,
Mãe admirável
Pra aliviar sua dores seus cachorros lhe lambia.
Mãe do bom conselho,
Mãe do Criador, rogai por nós (2×). 6. Até que chegou o dia / que o senhor São Lázaro morreu,
Mas antes ele dizia: / seja a vontade de Deus.
Mãe do Salvador, rogai por nós.
7. Marta chorando dizia: / se foi o meu irmão querido,
Virgem prudentíssima,
Se o Mestre estivesse aqui / ele não tinha morrido
Virgem venerável,
Virgem louvável, rogai por nós (2×). 8. Marta naquela agonia, / Jesus Cristo apareceu,
Marta disse: faz quatro dias / que o meu irmão morreu.

9. O teu irmão não morreu, / Jesus Cristo disse rindo,


O Lázaro não está morto, / ele apenas está dormindo.
10. Ô Marta, onde está Lázaro? / Jesus Cristo perguntou. 4. Neste desterro, por ti chamamos,
Naquele túmulo de pedra; / com o dedo ela apontou. Para ser salvos, a ti bradamos.

11. Retira as pedras, meu filho, / Jesus Cristo ordenou 5. Ampara todos que estão em trevas,
E disse: levanta Lázaro, / e ele se levantou. Os degradados filhos de Eva.

12. E o povo se admirou / daquele momento lindo, 6. No escuro vale em que moramos
De ver tão grande milagre / de nosso Jesus divino. A ti chamamos, tristes, chorando.

13. Ofereço este bendito / à Jesus sacramentado, 7. Salva teus filhos na eterna hora,
E ao São Lázaro que morreu, / depois foi ressuscitado. Pia Senhora, advogada nossa.

8. Os vossos olhos para nós volta,


07. SALVE RAINHA
E não nos deixa, Senhora nossa.

A teus pés venho, / Senhora minha, 9. Leva a todos a eterna luz,


Ouve meus rogos, / salve Rainha. Ó Mãe propícia, mostrai Jesus.
1. Dá-nos auxílio, paz e concórdia,
10. Bendito o fruto do vosso ventre,
Oh! Mãe amável de misericórdia.
Ó Mãe piedosa, Virgem clemente.
2. As nossas almas, Mãe de ternura,
11. Rogai por nós, Mãe de Jesus,
De ti esperam vida e doçura.
Por nosso Amor morto na cruz.
3. Virgem sem culpa, nossa esperança,
12. Jesus gozemos por ti, Maria,
O paraíso de Deus alcança.
Nossa alegria no céu, amém.
.