Você está na página 1de 11

Operations Research

Serviços de Redes

3º Ano / 1º Semestre
2017
lvilanculos@up.ac.mz
Curso de Informática

Docente: Luís Vilanculos 1


Operations Research
Virtualização

Para entender perfeitamente o conceito da tecnologia, deve-se traçar


um paralelo entre o que é real e o que é virtual. Seguindo essa linha
de raciocínio, algo real teria características físicas, concretas; já o
virtual está associado àquilo que é simulado, abstrato.

Abstração de uma camada fisíca para múltiplas camadas lógicas

Dessa forma a virtualização pode ser definida como a criação de um


ambiente virtual que simula um ambiente real, propiciando a
utilização de diversos sistemas e aplicativos sem a necessidade de
acesso físico à máquina na qual estão hospedados.

2
Operations Research
Virtualização

Essa técnica, muito empregada em servidores, ainda tem como


vantagem oferecer uma camada de abstração dos verdadeiros
recursos de uma máquina, provendo um hardware virtual para
cada sistema, tornando-se também uma excelente alternativa para
migração de sistemas.

Isso acaba reduzindo a relação de dependência que os recursos de


Hardware exercem entre si, pois possibilita, por exemplo, a
dissociação entre um aplicativo e o sistema operacional que ele
utiliza (já imaginou acessar o Microsoft Word através do
Linux?).

3
Operations Research
Ferramentas de Virtualização
Actualmente as ferramentas para virtualização são inúmeras,dentre
elas as mais comuns são para a virtualização de desktops,
podemos citar as mais conhecidas como o Microsoft Virtual PC,
programa gratuito e de fácil uso, outro programa de uso
extremamente fácil e gratuito é o Virtual Box, com sua licença
GNU, e o Vmware que usa o conceito da virtualização completa

 Vmware
É um software que cria máquinas virtuais que simulam um PC
completo dentro de uma janela (ou em tela cheia), permitindo
instalar praticamente qualquer sistema operacional para a
plataforma x86. A página oficial é a: http://www.vmware.com
4
Operations Research
Ferramentas de Virtualização

 VirtualBox
Ele permite a instalação e utilização de um um sistema dentro de
outro, assim como seus respectivos softwares, como dois ou mais
computadores independentes, mas compartilhando fisicamente o
mesmo hardware.

O VirtualBox tem um desenho extremamente modular com


interfaces de programa interna bem definidas e um
desenho cliente/servidor. Isso torna fácil o controle de várias
interfaces de uma só vez.

5
Operations Research
Firewall
Firewall é uma solução de segurança baseada em hardware ou
software (mais comum) que, a partir de um conjunto de regras ou
instruções, analisa o tráfego de rede para determinar quais
operações de transmissão ou recepção de dados podem ser
executadas.

“Parede de fogo”, a tradução literal do nome, já deixa claro que o


firewall se enquadra em uma espécie de barreira de defesa. A sua
missão, por assim dizer, consiste basicamente em bloquear
tráfego de dados indesejado e liberar acessos bem-vindos.

6
Operations Research

7
Operations Research
DHCP

DHCP (Dynamic Host Configuration Protocol) é uma sigla usada


no meio informático que significa Protocolo de Configuração
Dinâmica de Endereços de Rede.

Através do DHCP é possível fazer uma configuração automática


e dinâmica de computadores que estejam ligados a uma rede
TCP/IP.

8
Operations Research
DHCP

• O DHCP utiliza um modelo cliente-servidor, sendo que o


servidor DHCP faz gestão centralizada (servido central) dos
endereços IP que são usados na rede.

• O cliente DHCP consiste em um dispositivo de rede que tenha


a capacidade de adquirir as configurações do TCP/IP de um
servidor DHCP. Esse cliente tenta encontrar um ou mais
servidores DHCP que ofereçam os padrões desejados para que
o seu computador possa ser configurado de forma automática.

• O pacote enviado pelo servidor DHCP contém especificações


do endereço IP, máscara, gateway e servidores DNS.
9
Operations Research
DHCP

• Graças ao DHCP, os dispositivos da rede recebem as


configurações do servidor central, sendo que dessa forma, o
utilizador não precisa configurar os endereços manualmente.

• O DHCP consiste em um protocolo que é recomendado,


porque auxilia e torna viável a gestão de grandes redes de IPs,
e facilita a vida de utilizadores que se desloquem muito com
seus computadores portáteis.

10
Operations Research
Configuração

Tutorial em Anexo

11