Você está na página 1de 6

Dia do

Amigo
05 de Abril

Por Pr. Israel Rodrigues


MIPES – Associação Pernambucana Central

 “Um irmão pode não ser um amigo, mas um amigo será sempre um irmão”.
(Benjamim Franklin)
 “Um verdadeiro amigo é alguém que pega a sua mão e toca o seu coração.”
(Gabriel Garcia Marques).
 “A amizade é um amor que nunca morre.” (Mário Quintana).
 “A única maneira de ter um amigo é ser um”. (Ralp Waldo Emerson)
 “O homem que tem muitos amigos sai perdendo; mas há amigo mais chegado do que
um irmão”. (Salomão – PV. 18:24)
 “Em todo tempo ama o amigo, e na angústia se faz o irmão”. (Salomão – PV 17:17)

(Estas frases podem ser colocadas na nave da igreja, num cartão de Boas vindas,
projetadas ou recitadas durante o programa)

Programa Sugestivo
 19h15 - Recepção (Entrega dos cartões personalizados)
 19h30 – Louvor Congregacional (Louvores utilizados no PG)
 19h45 – Boas vindas
Oração
Sorteio
Mensagem Musical
Jogral: Bons Amigos
 20h00 – Apresentação dos PG’s
 20h20 – Presente para os “Amigos do PG
 20h30 – Mensagem Bíblica “Amigo Fiel”
 21h00 – Encerramento – Lançamento da Classe Bíblica Permanente – 12 de
Abril.
 21h10 – Lanche
Jogral: Bons Amigos
1. Abençoados os que possuem amigos, o que os têm sem pedir.
2. Porque amigo não se pede, não se compra, nem se vende.

Todos: Amigo a gente sente!

1. Benditos os que sofrem por seus amigos, os que falam com o olhar.
2. Porque amigo não se cala, não questiona, nem se rende.

Todos: Amigos a gente entende!

1. Benditos os que guardam amigos, os que entregam o ombro para chorar.


2. Porque amigo sofre e chora.

Todos: Amigo não tem hora pra consolar!

1. Benditos sejam os amigos que acreditam na tua verdade ou te apontam a verdade.


2. Porque amigo é a direção.

Todos: Amigo é a base quando falta o chão!

1. Benditos sejam todos os amigos de raízes verdadeiras.


2. Porque amigos são herdeiros da real sagacidade.

Todos: Ter amigos é a melhor cumplicidade!

Sermão: Amigo Fiel


Texto: “Há amigo mais chegado que um irmão”. PV. 18:24

Introdução

Que significa a palavra amigo para você? Olhe para a pessoa ao lado e compartilhe sua resposta.
Por certo, cada um tem sua própria definição de amigo ou amizade. Ninguém é uma ilha, todos
precisamos de relacionamentos saudáveis. Deus nos criou assim, para vivermos em
companheirismo uns com os outros.

Quem nunca ofereceu um ombro a um amigo? Ou até mesmo não se apoiou em um?

 Amigos da Bíblia
A bíblia relata varias relações amistosas.
a) Davi e Jonatas
b) Rute e Noemi (Sogra e Nora)
c) Abraão foi chamado amigo de Deus. (Thiago. 4:23) e ( IS 41:8)
d) Enoque e Deus (GN 5: 22-24)

Que solene privilegio.


 Amigos de Deus

Você gostaria de ser reconhecido desta maneira?

O que é preciso?

Gostaria de sugerir:

a) Amigos gostam de conversar... Nós podemos dialogar com Deus através do estudo da
bíblia e da oração.
b) Amigos gostam de ficar juntos... Deus deseja que andemos junto Dele assim como
Enoque e Abraão.
c) Amigos nunca dizem não. Um verdadeiro amigo está disposto a fazer o que for preciso
pelo verdadeiro amigo...

Abraão (GN 22) não negou seu filho.

História de Hans e Alberecht Diirer

No fim do século XV, dois amigos desejavam ser pintores, mas eram pobres e não tinham
condições para custear os estudos. Os dois amigos viviam na mesma pensão. Encontraram no
amor ao próximo, na união dos esforços, o meio para a consecução dos seus objetivos. Diirer
propôs que trabalharia para que seu amigo pudesse estudar pintura e quando o pintor estivesse
em condições, as posições se reverteriam.

Seu amigo, no entanto, não concordou em iniciar os estudos de pintura. Disse: “Não. Eu sou
mais velho e já tenho emprego nas minas de carvão. Você é que começará a estudar”.

Assim, Alberecht Diirer, pôde dar início aos estudos de pintura. Logo que começou os primeiros
quadros, foi possível chegar ao amigo e dizer: “Agora você já pode estudar. É a sua vez”. Devido
ao trabalho árduo e grosseiro, suas mãos ficaram rígidas, endurecidas, articulações grossas e
dedos torcidos pela labuta diária que durante tanto tempo impediram o manejo dos pincéis.
Hans, compreendeu que deveria renunciar ao grande sonho de ser pintor.

Certo dia, Alberecht Diirer regressava do estudo, quando ouviu a voz do amigo que estava
ajoelhado, de mãos postas; orava para ele, Alberecht, que tivesse pleno êxito na carreira de
pintor. Profundamente comovido, o artista pensou consigo mesmo: jamais poderei devolver a
essas mãos a agilidade que perderam, mas posso demostrar ao mundo a gratidão que sinto pelo
que meu amigo fez por mim: pintarei essas mãos tais como as vejo agora. Pode ser que ao vê-
las o mundo aprecie o que elas fizeram. Talvez essas mãos cheguem a servir de inspiração a
outros, para que realizem atos de generosidade e desprendimento.”

Alberecht Diirer então reproduziu as mãos do amigo, dando assim uma das mais belas obras de
arte: “Die Betenolen Hande” (as mãos que oram). Mão de quem ama e soube sacrificar-se pelo
amigo.

 Jesus é o amigo mais fiel. (Jo 15: 13,14)

Na cruz, Jesus demostrou o quanto somos valiosos para Ele. Ele é o melhor e o maior amigo. Ele
deu Sua vida por nós.
Seus pés, suas mãos, o seu corpo, leva as marcas do grande sacrifício feito para nos salvar. Ele
deu a sua vida por você. Você é a paixão de Cristo! Ele levará por toda a eternidade as marcas
do Amor por nós, os seus amigos.

Ele demostrou Seu sincero amor e Amizade quando ainda éramos seus inimigos. Que Amor!

Será que vamos continuar indiferentes ao Seu amor? O que você pretende fazer?

Os amigos de Jesus ficam juntos dEle, gostam de conversar, nunca dizem não. Você quer ser
amigo de Jesus?

Encenação
 Música de Fundo (Rude Cruz)
Voz oculta: “Por que Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu filho unigênito
para todo que nEle crê não pereça, mas viva eternamente.
 Centurião
 Pecadora
 Jovem
 Criança
 Um cenário com a cruz
 Na medida em que cada participante entrar, vai ficando ao lado da cruz, igual à imagem
do convite de Semana Santa 2015.

Jovem
 Eu não estava lá, há mais de 2.000 mil anos. Eu era um pobre perdido sem esperança,
sem ninguém, minha vida era vazia, estava sem rumo. Até que um dia, em meio ao
desespero, fui convidado à assistir durante alguns dias, a última semana de Cristo.
Entendi que aquela semana não mudou somente o mundo, mas a mim. Fui tocado,
transformado quando compreendi Seu amor por mim.

Nicodemos
 Numa noite fria. Fui até o lugar em que costumeiramente Ele ficava a sós para orar.
Encontrei-o e começamos a dialogar. Na verdade, eu estava cheio de tradições, o
preconceito, a insegurança e o medo de ser descoberto falando em particular com Ele
me levou a agir com certa indiferença mas, curioso para saber o que Ele diria. Quando
afirmou que deveria nascer de novo, aquilo me tocou profundamente. Naquela sexta-
feira quando Ele deu o último suspiro resolvi sair do anonimato. Compreendi Suas
palavras e Seu incomparável amor.

Centurião
 Sempre fui acostumado a ver execuções de escravos, traidores e inimigos de César. Mas,
naquela sexta-feira, vi algo muito diferente. Um homem de porte solene, que estava
silente o tempo todo, chamou minha atenção. Não só isto, a própria natureza se
manifestava de forma estranha. Não pude ficar indiferente diante daquela cena. Ao Ele
dar o último suspiro só pude exclamar: “Verdadeiramente este era o filho de Deus”.
Comecei a entender que sou a paixão de Cristo.

Pecadora
 Todos fugiram! Mas, como poderia me ausentar? Como poderia ficar distante daquele
que um dia ficou tão próximo a mim; a ponto de impedir que fosse apedrejada? A cena
era de dor e tristeza. Lágrimas rolavam dos olhos. Contemplando aquele quadro,
entendi como ninguém, o Seu grande amor por mim. Por amor, Ele tomou o meu lugar.

Mulher
 Não queria saber nada sobre Deus. Se Ele existe por que sofria tanto? Alias, se ele é
amor por que existe a dor e o sofrimento? Um dia, porém, compreendi que Ele sabe o
que é padecer, Ele sabe o que é sentir dor, solidão, desprezo e angústia. Deus sabe. Pois
na pessoa de Jesus, Ele passou por tudo isso. Entendi que Seu amor por mim, levou-o a
tomar o meu lugar.

Paulo
 Eu não podia aceitar que um homem crucificado poderia levar o título de Rei dos Judeus.
Aquilo me incomodava, me indignava. Zeloso das tradições e da lei, resolvi perseguir
aquela seita de loucos e fanáticos. Indo para Damasco, tive um encontro que mudou
completamente a minha vida. Ele disse: “Saulo, Saulo por que me persegues”? Aquele
impacto mudou minha vida. Depois daquele encontro, Seu amor me constrangeu a sair
por todos os lugares e anunciar Seu amor, Sua paixão por toda a humanidade.

Encerramento
Todos que entraram, olham para a congregação e declaram: A paixão de Cristo é Você!

O pregador entra e faz o apelo. Você quer ser amigo de Jesus?

(Convidar os membros e amigos para aceitarem a Jesus como Salvador e Senhor).