Você está na página 1de 11

Endereço da página:

https://novaescola.org.br/plano-de-aula/2974/o-emprego-da-virgula-efeitos-de-sentido-nas-enumeracoes

Planos de aula / Língua Portuguesa / 5º ano / Análise linguística/Semiótica

O emprego da vírgula: efeitos de sentido nas enumerações


Por: Katiuscia Macêdo Cardoso Brandão / 26 de Novembro de 2018

Código: LPO5_06ATS01

Sobre o Plano

Este plano de aula foi produzido pelo Time de Autores NOVA ESCOLA
Professor-autor: Katiúscia Macêdo Cardoso Brandão
Mentor: Eliana Albuquerque
Especialista: Heloísa Jordão

Título da aula: O emprego da vírgula: efeitos de sentido nas enumerações

Finalidade da aula: Reconhecer a importância da vírgula nas enumerações de termos para a compreensão do texto, por meio de observação das regularidades.

Ano: 5º ano do Ensino Fundamental

Objeto(s) do conhecimento: Adequação do texto às normas de escrita.

Prática de linguagem: Análise linguística e semiótica

Habilidade(s) da BNCC: EF05LP26

Sobre esta aula: Esta é primeira aula de um conjunto de 3 planos de aula com foco em análise linguística e semiótica. A finalidade desse conjunto de planos é reconhecer a importância da vírgula nas enumerações de termos para a
compreensão do texto, por meio de observação de regularidades em textos de divulgação científica.

Materiais necessários: Mapa estatístico de casos de dengue no Brasil em 2017 em slide ou cartaz, texto impresso de divulgação científica - CHC das crianças - seção Curiosidades.

Dificuldades antecipadas: Desconhecimento do uso da vírgulas nas enumerações de termos.

Referências sobre o assunto :

BECHARA, Evanildo. Gramática Escolar da Língua Portuguesa . 2ª. edição. RJ: Nova Fronteira, 2010.

JÚNIOR, Celso Ferrarezi. Guia de acentuação e pontuação em português brasileiro . São Paulo: Contexto, 2018.

Você sabia que cachorros e gatos não pegam dengue, chikungunya ou zika? Revista Eletrônica Ciência Hoje das Crianças disponível em: http://chc.org.br/voce-sabia-4/. Acesso em: 30 de julho de 2018

Associação Nova Escola © - Todos os direitos reservados.


Plano de aula

O emprego da vírgula: efeitos de sentido nas enumerações

Materiais complementares

Documento
Atividade para impressão - Mapa
Atividade para impressão - Mapa
https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/JmPN9apeGg4cYbvbzHVn9PX26xeDk2jxuHz9GgYEPUHwy7meJ2Th4upvDD6U/atividade-para-impressao-mapa-lp05-06ats01.pdf

Documento
Texto para impressão - Você sabia?
Texto para impressão - Você sabia?
https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/eAwMmbzWRyNEFyC7yYBWsDpdgYtv8yj6nS9rarsqneznGGapv5FvZ2epB667/texto-para-impressao-voce-sabia-lp05-06ats01.pdf

Associação Nova Escola © - Todos os direitos reservados.


Plano de aula

O emprego da vírgula: efeitos de sentido nas enumerações

Slide 1 Sobre este plano


Este slide não deve ser apresentado para os alunos,
ele apenas resume o conteúdo da aula para que
você, professor, possa se planejar.
Sobre esta aula: Esta é primeira aula de um
conjunto de 3 planos de aula com foco em análise
linguística e semiótica. A finalidade desse conjunto
de planos é reconhecer a importância da vírgula
nas enumerações de termos para a compreensão
do texto, por meio de observação de regularidades
em textos de divulgação científica.
Materiais necessários: Mapa estatístico de casos de
dengue no Brasil em 2017 em slide ou cartaz, texto
impresso de divulgação científica - CHC das
crianças - seção Curiosidades.
Dificuldades antecipadas : Desconhecimento do
uso da vírgulas nas enumerações de termos.
Referências sobre o assunto:
BECHARA, Evanildo. Gramática Escolar da Língua
Portuguesa. 2ª. edição. RJ: Nova Fronteira, 2010.
JÚNIOR, Celso Ferrarezi. Guia de acentuação e
pontuação em português brasileiro. São Paulo:
Contexto, 2018.
Você sabia que cachorros e gatos não pegam
dengue, chikungunya ou zika ? Revista Eletrônica
Ciência Hoje das Crianças disponível em:
http://chc.org.br/voce-sabia-4/. Acesso em: 30 de
julho de 2018

Associação Nova Escola © - Todos os direitos reservados.


Plano de aula

O emprego da vírgula: efeitos de sentido nas enumerações

Slide 2 Tema da aula


Tempo sugerido : 2 minutos
Orientações: Leia o título para a turma e peça que
os alunos criem hipóteses sobre o conteúdo da
aula:
Sobre o que falaremos hoje?
Que palavras da frase sugerem o assunto da aula?
Quais sinais de pontuação vocês conhecem?
Sobre a vírgula, o que sabem sobre esse sinal? Já
perceberam a função da vírgula?
Na leitura de textos ou em conversas orais, como a
representamos?
Ainda não é o momento de responder e nem
direcioná-los, deixe-os livres para formularem
hipóteses.

Associação Nova Escola © - Todos os direitos reservados.


Plano de aula

O emprego da vírgula: efeitos de sentido nas enumerações

Slide 3 Introdução
Tempo sugerido : 15 minutos
Orientações:
A manchete pode causar estranhamento pela
presença de palavras desconhecidas do vocabulário
da turma. No entanto, incita a curiosidade. Por
exemplo, a sigla LIRAa (Levantamento de Índice
Rápido do Aedes aegypti).
Questione acerca do conhecimento da turma sobre
casos da dengue, zika ou chicungunya na sua
região.
As respostas serão organizadas por meio do
combinado de falar um por vez: Construa um
objeto de tecido (pode ser uma boca, uma boneca
ou uma peteca) que simbolize o uso da palavra. O
aluno que estiver em posse do objeto, responde
oralmente e passa adiante para o próximo que
requisitar.
LIRAa - Levantamento de Índice Rápido do Aedes
Aegypti é uma metodologia para avaliação dos
índices da doença de forma mais rápida.
2. Oriente-os a serem sucintos para que todos
possam contribuir. Caso muitos queiram falar,
peça que o monitor do dia anote os alunos que
responderam para que na próxima atividade possa
haver rodízio de falas.
A atividades acima durarão 5 minutos.
Material complementar:
Para maiores esclarecimentos, acessar
http://combateaedes.saude.gov.br/pt/plano-
nacional/
http://combateaedes.saude.gov.br/pt/noticias/919-
liraa-aponta-357-municipios-em-situacao-de-
risco-para-dengue-zika-e-chikungunya/

Associação Nova Escola © - Todos os direitos reservados.


Plano de aula

O emprego da vírgula: efeitos de sentido nas enumerações

Slide 4 Introdução
Orientações:
As atividades abaixo durarão 10 minutos.
Apresente o mapa para os alunos e localize a região
em que vocês se encontram. Verifique, junto com
eles, a ocorrência dessas doenças na região.
Observe a legenda e promova a relação entre ela e
o mapa.
Como está o nosso Estado em relação a casos da
dengue?
b) Ao percebermos a situação do nosso Estado, o
que podemos fazer?
c) A partir da pesquisa, quais medidas são cabíveis
às autoridades?
Crie oralmente e, junto aos alunos, hipóteses para
a quantidade de casos encontrados em algumas
regiões a mais que em outras.
Falta de informação, falta de acesso a redes de
tratamento de águas e esgotos, quantidade de
vegetação, etc. (possíveis respostas)
3. Explique aos alunos que a partir de pesquisas
como essa, são produzidos textos para divulgação
(textos de divulgação científica).
Textos de divulgação científica são textos sobre
pesquisas científicas ou iniciativas em áreas
relevantes de ciência, tecnologia e inovação no
país, os quais respondem a três perguntas básicas
(o que é a pesquisa, como é feita e qual a sua
importância), e recebem a aprovação do
pesquisador antes de serem publicados. A
descrição adota linguagem de divulgação
científica, "traduzida" ou reescrita em linguagem
mais simplificada, por meio da qual se busca
explicar o processo de fazer ciência com clareza, e
sempre que possível apresenta glossários e
imagens que ilustram a pesquisa. Nome,
instituição e e-mail do responsável pela pesquisa
são divulgados no texto, para que o público possa
interagir com o pesquisador.
Materiais complementares:
Para acesso ao mapa, clique aqui:
https://noticias.uol.com.br/saude/ultimas-
noticias/redacao/2017/11/28/infestacao-do-
aedes-aegypti.htm?cmpid=copiaecola
Para mais informações sobre o gênero Divulgação
Científica, clique aqui:
http://www.canalciencia.ibict.br/pesquisa/pesquisascompletas.html

Associação Nova Escola © - Todos os direitos reservados.


Plano de aula

O emprego da vírgula: efeitos de sentido nas enumerações

Slide 5 Desenvolvimento

Tempo sugerido : 25 minutos


Orientações:
1. Leia em voz alta o texto "Você sabia que
cachorros e gatos não pegam dengue,
chikungunya ou zika ? (Ciência Hoje das
Crianças)" realizando as pausas previstas pela
pontuação.
2. Distribua o texto para os alunos.

Associação Nova Escola © - Todos os direitos reservados.


Plano de aula

O emprego da vírgula: efeitos de sentido nas enumerações

Slide 6 Desenvolvimento

Orientações:
Em seguida, realize a leitura compartilhada,
dividindo os parágrafos e distribuindo-os em
grupos de três alunos (coral de vozes). Peça que
leiam juntos para que treinem bem a leitura
compassada e aprendam a respeitar a voz do outro.
Nesse momento, desperte-os para a percepção da
entonação como recurso de fala, como também a
expressão facial, gestos, postura corporal e,
muitas vezes, até a roupa que estamos vestindo ou
algo que está acontecendo ao nosso redor são
elementos que utilizamos para construir a
interpretação do que foi dito.
No entanto, na escrita, não há esses recursos, mas
indicações, como a pontuação (diacrítico) servem
para a organização do texto.
2. Apresente os trechos destacados e incite que,
ainda em grupos, percebam as singularidades do
uso da vírgula presente em todos eles.
3. Questione:
O que percebemos de comum nos trechos
destacados em relação ao uso da vírgula?
Que grupo maior (família semântica) faz parte cada
um desses trechos?
4. Copiar, no quadro, os trechos pontuados com
vírgula. Pedir que os grupos discutam e elaborem a
regra anotando-a para posterior verificação.
Participe das discussões passando pelos grupos e
intervindo, quando necessário.
Material Complementar:
Para acessar o texto, clique aqui:
http://chc.org.br/voce-sabia-4/

Associação Nova Escola © - Todos os direitos reservados.


Plano de aula

O emprego da vírgula: efeitos de sentido nas enumerações

Slide 7 Fechamento

Tempo sugerido : 10 minutos


Orientações:
Socialize a leitura das anotações individuais,
escrevendo-as no quadro. Realize as intervenções
necessárias, sempre buscando a discussão coletiva.
Em seguida, apresente o slide e verifique as
constatações em confronto com a regra aqui
descrita.
Oriente-os a transcreverem o resultado
encontrado no Caderno de descobertas (caderno de
anotações).

Associação Nova Escola © - Todos os direitos reservados.


Mapa da Dengue no Brasil em 2017 

 
Você sabia... 
... que cachorros e gatos não pegam dengue, 
chikungunya o ​ u ​zika​? 
 
Ufa!  Pelo  menos  nossos  bichos  de  estimação  estão  livres  de  contrair  essas  três 
doenças  transmitidas  pelo  mosquito  ​Aedes  aegypti​.  Por  quê?  Bem,  ao  que  tudo 
indica,  os  vírus  da  ​dengue,  chikungunya  ​e  zika  infectam  exclusivamente  os 
primatas,  grupo  ao  qual  pertencem,  por  exemplo,  ​os  gorilas,  os  micos,  os 
chimpanzés e os humanos, como eu e você. 
  É bem verdade que o mosquito – ou melhor, a fêmea do ​Aedes aegypti​, que 
necessita  de  sangue  para  nutrir  seus  ovos  –  pode  picar  ​cachorros,  gatos,  aves 
e  outros  bichos.  Mas  os  vírus  da  ​dengue,  chikungunya  e  zika  ​que  ela  pode 
transmitir  nessa  picada só encontram organismos propícios para se desenvolver 
nos primatas. 
Por  outro  lado,  há  outros  mosquitos  que  podem,  sim,  transmitir  parasitas  que 
causam  doenças  ao  seu  cão  ou  gato  de  estimação.  O  mosquito-palha,  por 
exemplo,  pode  transmitir  com  sua  picada  um  micro-organismo  chamado 
Leishmania​,  causador  da  leishmaniose, doença grave que provoca lesões na pele 
e nos órgãos. 
  Há ainda outros mosquitos que podem ser vetores da ​Dirofilaria​, um verme 
que causa a dirofilariose – também conhecida como “doença do coração”. 
  A  leishmaniose  e  a  dirofilariose  são  mais  comuns  em  cães,  mas  podem 
também  afetar  gatos. Aliás, em ambientes com muitos mosquitos e pernilongos, 
os  gatos  podem  desenvolver  uma  espécie  de  alergia  às  picadas  desses  insetos, 
que precisa ser tratada. 
  Para  prevenir  essas  e  outras  doenças  e  manter  seu  cachorro  ou  gato 
saudável,  é  importante  levá-lo  a  um  médico  veterinário  periodicamente  e  estar 
com  a  vacinação  sempre  em dia. Junte isso a uma ​boa alimentação, passeios e 
brincadeiras​, e seu bichinho terá uma vida tranquila e saudável! 
 
​ HC das Crianças. Matéria publicada em 31.08.2016 
C