Você está na página 1de 5

FACULDADE INTEGRADA DA BAHIA

DISCIPLINA: ÉTICA

DOCENTE: LUCIANA

DICENTE: NORMA SUELY XAVIER

TRABALHO SOBRE ÉTICA E VALORES

SALVADOR - BA

2019.2
Ética é o nome dado ao ramo da filosofia dedicado aos assuntos morais. A palavra ética
é derivada do grego, e significa aquilo que pertence ao caráter. Ética segundo dicionário
significa:
 parte da filosofia responsável pela investigação dos princípios que motivam,
distorcem, disciplinam ou orientam o comportamento humano, refletindo a
respeito da essência das normas, valores, prescrições e exortações presentes em
qualquer realidade social.
 conjunto de regras e preceitos de ordem valorativa e moral de um indivíduo, de
um grupo social ou de uma sociedade.

Ética possui certos princípios que a definem, estes são:


 Igualdade:
Igualdade é a ausência de diferença. A igualdade ocorre quando todas as partes estão nas
mesmas condições, possuem o mesmo valor ou são interpretadas a partir do mesmo
ponto de vista, seja na comparação entre coisas ou pessoas.
 Liberdade:
Liberdade significa o direito de agir segundo o seu livre arbítrio, de acordo com a
própria vontade, desde que não prejudique outra pessoa, é a sensação de estar livre e
não depender de ninguém. Liberdade é também um conjunto de ideias liberais e dos
direitos de cada cidadão.
 Solidariedade
Solidariedade é o substantivo feminino que indica a qualidade de solidário e um
sentimento de identificação em relação ao sofrimento dos outros.
 Honestidade
Honestidade é a palavra que indica a qualidade de ser verdadeiro: não mentir, não
fraudar, não enganar. Quanto à etimologia, a palavra honestidade tem origem no latim
honos, que remete para dignidade e honra. A honestidade pode ser uma característica de
uma pessoa ou instituição, significa falar a verdade, não omitir, não dissimular. O
indivíduo que é honesto repudia a malandragem e a esperteza de querer levar vantagem
em tudo.
 Justiça
Justiça é a particularidade do que é justo e correto, como o respeito à igualdade de todos
os cidadãos, por exemplo. Etimologicamente, este é um termo que vem do latim justitia.
É o princípio básico que mantém a ordem social através da preservação dos direitos em
sua forma legal.
 Responsabilidade
Responsabilidade é um substantivo feminino com origem no latim e que demonstra a
qualidade do que é responsável, ou obrigação de responder por atos próprios ou alheios,
ou por uma coisa confiada. A palavra responsabilidade está relacionada com a palavra
em latim respondere, que significa “responder, prometer em troca”.
 Respeito
Respeito é um substantivo masculino oriundo do latim respectus que é um sentimento
positivo e significa ação ou efeito de respeitar, apreço, consideração, deferência. 
 Confiança
A confiança é o sentimento de segurança ou a firme convicção (a fé) que alguém tem
relativamente a outra pessoa ou a algo. Também se trata da presunção de si próprio e de
uma característica que permite levar a cabo coisas ou situações por norma difíceis. 
 Disciplina
Disciplina é a obediência ao conjunto de regras e normas que são estabelecidos por
determinado grupo. Também pode se referir ao cumprimento de responsabilidades
específicas de cada pessoa.

Valores: São o conjunto de características de uma determinada pessoa ou organização,


que determinam a forma como estas se comportam e interagem com outros indivíduos e
com o meio ambiente.

 Valores humanos
Os valores chamados de humanos são valores e princípios baseados nos conceitos
morais e éticos.

 Valores de uma empresa


Cada empresa tem uma motivação e uma identidade específica

Filosofia dos valores


A filosofia dos valores consiste em uma teoria dos valores desenvolvida, entre outros,
por Hermann Lotze, Franz Brentano, Alexius von Meinong e Heinrich Rickert entre o
final do século XIX e o princípio do XX.
 Teoria idealista: denominada também como "Teoria platônica do valor", que
concebe os valores como entidades absolutas, que são independentes dos
homens e da realidade.
 Teoria realista: nesta consideração os valores são características "do e no" real.
 Perspectiva relativista: este entendimento só conhece os valores na sua relação
com o homem e os considera entidades correlativas de uma apreciação e de um
juízo subjetivos.

Conclusão:
Observei então que conota-se à atitude de um grupo de pessoas dentro de um
movimento político, religioso, econômico, entre outros e que dizem basear-se num
conjunto próprio de diretrizes tradicionais, ditos fundamentos, defendendo-as de forma
absoluta. O que importa é qual o fundamento usado e a intensidade da influência que ele
tem sobre a sociedade, pois um fundamento radical e totalitário tem consequências
correspondentes.
Referencias Bibliográficas

 www.todamateria.com.br/ Acesso em: 01/10/19

 www.infoescola.com / Acesso em: 01/10/19