Você está na página 1de 31
Universidade Federal do Paraná Curso de Engenharia Industrial Madeireira

Universidade Federal do Paraná Curso de Engenharia Industrial Madeireira

Universidade Federal do Paraná Curso de Engenharia Industrial Madeireira
ELEMENTOS ORGÂNICOS DE MÁQUINAS II AT-102 Dr. Alan Sulato de Andrade alansulato@ufpr.br
ELEMENTOS ORGÂNICOS DE MÁQUINAS II
AT-102
Dr. Alan Sulato de Andrade
alansulato@ufpr.br
Industrial Madeireira ELEMENTOS ORGÂNICOS DE MÁQUINAS II AT-102 Dr. Alan Sulato de Andrade alansulato@ufpr.br
RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()
RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()
RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()
RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()
RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()
RENDIMENTO DAS
TRANSMISSÕES ()
RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) INTRODUÇÃO:  Em qualquer tipo de transmissão, é inevitável

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()

INTRODUÇÃO:

Em qualquer tipo de transmissão, é inevitável a perda de potência. O sistema de transmissão inclui os eixos,

mancais, rodas de atrito, correias de transmissão,

correntes, e engrenagens que devem ser adequadamente instaladas e sujeitas a intervenções de manutenção regulares. As perdas são originada pelo atrito entre as superfícies, agitação do óleo lubrificante, escorregamento entre correias e polia entre outras situações.

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) INTRODUÇÃO:  A dimensão destas perdas é muito variável,

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()

INTRODUÇÃO:

A dimensão destas perdas é muito variável, entre 0% e

45%.

Unidade

Motora

Transmissão

Unidade

Consumidora

Perdas

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) INTRODUÇÃO:

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()

INTRODUÇÃO:

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) INTRODUÇÃO:
RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) INTRODUÇÃO:

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()

INTRODUÇÃO:

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) INTRODUÇÃO:
RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) INTRODUÇÃO:

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()

INTRODUÇÃO:

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) INTRODUÇÃO:
RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) INTRODUÇÃO:
RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) INTRODUÇÃO:
RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) INTRODUÇÃO:
RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) INTRODUÇÃO:  Desta forma, consta-se que a potência de

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()

INTRODUÇÃO:

Desta forma, consta-se que a potência de entrada da transmissão é dissipada em parte sob a forma de

energia, transformada em calor e ruído, resultando a

outra parte em potência útil geradora de trabalho. Pe=Pu+Pd

Onde:

Pe=Pot. de entrada (W) Pu=Pot. útil (W)

Pd=Pot. dissipada (W)

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) RENDIMENTOS:  Valores normais transmissão: de Tipo  em

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()

RENDIMENTOS:

Valores

normais

transmissão:

de

Tipo

em

Correias planas

Correias em V

Correntes silenciosas

Correntes Renold Rodas de atrito Engrenagens fundidas Engrenagens usinadas

função

do

0,96-0,97

0,97-0,98

0,97-0,99

0,95-0,97

0,95-0,98

0,92-0,93

0,96-0,98

tipo

de

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) RENDIMENTOS:  Valores normais transmissão: de  em função

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()

RENDIMENTOS:

Valores

normais

transmissão:

de

em

função

do

Tipo

Rosca sem fim 1 entrada

Rosca sem fim 2 entrada

Rosca sem fim 3 entrada

Mancais Rolamento Mancais - Deslizamento

0,45-0,60

0,70-0,80

0,85-0,80

0,98-0,99

0,96-0,98

tipo

de

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) RELAÇÃO DE TRANSMISSÃO:  A relação de transmissão (i)

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()

RELAÇÃO DE TRANSMISSÃO:

A relação de transmissão (i) muitas vezes é utilizada para se avaliar as propriedades dos eixos.

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) RELAÇÃO DE TRANSMISSÃO:  Polias, Discos, Rodas de transmissão:

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()

RELAÇÃO DE TRANSMISSÃO:

Polias, Discos, Rodas de transmissão:

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) RELAÇÃO DE TRANSMISSÃO:  Polias, Discos, Rodas de transmissão:
RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) RELAÇÃO DE TRANSMISSÃO:  Polias, Discos, Rodas de transmissão:

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()

RELAÇÃO DE TRANSMISSÃO:

Polias, Discos, Rodas de transmissão:

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) RELAÇÃO DE TRANSMISSÃO:  Polias, Discos, Rodas de transmissão:
RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) RELAÇÃO DE TRANSMISSÃO:  Engrenagens:

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()

RELAÇÃO DE TRANSMISSÃO:

Engrenagens:

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) RELAÇÃO DE TRANSMISSÃO:  Engrenagens:
RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) RELAÇÃO DE TRANSMISSÃO:  Engrenagens:

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()

RELAÇÃO DE TRANSMISSÃO:

Engrenagens:

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) RELAÇÃO DE TRANSMISSÃO:  Engrenagens:
RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) EXERCÍCIO 1:  Avalie o sistema de transmissão: Motor

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()

EXERCÍCIO 1:

Avalie o sistema de transmissão:

Motor

z1 d2 1 z3 2 z2 d1 3 z4
z1
d2
1
z3
2
z2
d1
3
z4

Disco

Mancal

Engrenagem

Saída

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) EXERCÍCIO 1:  Motor com 5,5kW e rotração de

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()

EXERCÍCIO 1:

Motor com 5,5kW e rotração de 1740 rpm.

d1=120mm

d2=280mm

z1=23 dentes z2=49 dentes

z3=27 dentes

z4=59 dentes

c=0,97

e=0,98

m=0,99 (par de mancais)

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) EXERCÍCIO 1:  Determinar na transmissão: A potencia útil

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()

EXERCÍCIO 1:

Determinar na transmissão:

A potencia útil nas arvores 1, 2 e 3. Potência dissipada por estágio. Rotação das árvores 1, 2 e 3. Torque nas arvores 1, 2 e 3.

Potência útil do sistema.

Potência dissipada do sistema. Rendimento da transmissão.

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) EXERCÍCIO 1:  A potencia útil nas arvores 1,

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()

EXERCÍCIO 1:

A potencia útil nas arvores 1, 2 e 3. (W) Eixo 1 Pu1=Pmotor.c. m Eixo 2 Pu2=Pmotor.c. e .

Eixo 3

Pu3=Pmotor.c. e² .

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) EXERCÍCIO 1:  Potência dissipada por estágio. (W) Eixo

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()

EXERCÍCIO 1:

Potência dissipada por estágio. (W) Eixo 1 Motor/árvore

Pd1=Pmotor-Pu1

Eixo 2 Árvore 1/ Árvore 2

Pd2=Pmotor-Pu2

Eixo 3 Árvore 2/ Árvore 3

Pd3=Pmotor-Pu3

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) EXERCÍCIO 1:  Rotação das árvores 1, 2 e

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()

EXERCÍCIO 1:

Rotação das árvores 1, 2 e 3. (rpm) Eixo 1

N1=(Nmotor.d1)/d2

Eixo 2

N2=(Nmotor.d1.z1)/(d2.z2)

Eixo 3

N2=(Nmotor.d1.z1.z3)/(d2.z2.z4)

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) EXERCÍCIO 1:  Torque nas arvores 1, 2 e

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()

EXERCÍCIO 1:

Torque nas arvores 1, 2 e 3. (N.m) Eixo 1

T1=(30.Pu1)/(.N1)

Eixo 2

T2=(30.Pu2)/(.N2)

Eixo 3

T3=(30.Pu3)/(.N3)

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) EXERCÍCIO 1:  Potência útil do sistema. (W) Pu=Pu3=Psaída=

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()

EXERCÍCIO 1:

Potência útil do sistema. (W)

Pu=Pu3=Psaída=

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) EXERCÍCIO 1:  Potência dissipada do sistema. (W) Pdsistema=Pmotor-Psaída

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()

EXERCÍCIO 1:

Potência dissipada do sistema. (W) Pdsistema=Pmotor-Psaída

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) EXERCÍCIO 1:  Rendimento da transmissão. (%)  =(Pútil/Pmotor)*100

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()

EXERCÍCIO 1:

Rendimento da transmissão. (%)

=(Pútil/Pmotor)*100

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) EXERCÍCIO 2:  Avalie o sistema de transmissão: d4

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()

EXERCÍCIO 2:

Avalie o sistema de transmissão:

d4

Disco

Mancal

Engrenagem

d1 Motor d3 d2 1 z1 2 z2 3 - Saída
d1
Motor
d3
d2
1
z1
2
z2
3 - Saída
RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) EXERCÍCIO 2:  Motor com 2,3kW e rotração de

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()

EXERCÍCIO 2:

Motor com 2,3kW e rotração de 1300 rpm.

d1=40mm

d2=80mm

d3=120mm

d4=180mm

z1=37 dentes

z2=69 dentes

c=0,96

e=0,96

m=0,99 (par de mancais)

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) EXERCÍCIO 2:  Determinar na transmissão: A potencia útil

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()

EXERCÍCIO 2:

Determinar na transmissão:

A potencia útil nas arvores 1, 2 e 3.

Potência dissipada por estágio.

Rotação das árvores 1, 2 e 3. Torque nas arvores 1, 2 e 3.

Potência útil do sistema.

Potência dissipada do sistema. Rendimento da transmissão.

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) EXERCÍCIO 3:  Avalie o sistema de transmissão: Co1

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()

EXERCÍCIO 3:

Avalie o sistema de transmissão:

Co1

Co2

1

Saída
Saída

Ca1

Ca2

Ca3

Ca4

Ca5

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) EXERCÍCIO 3:  Uma pessoa mantendo 15W de potência

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()

EXERCÍCIO 3:

Uma pessoa mantendo 15W de potência a 180rpm.

dCo1=120mm

dCo2=180mm

dCa1=120mm

dCa2=100mm

dCa3=80mm

dCa4=60mm

dCa5=40mm

c=0,97

m=0,99 (par de mancal)

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES (  ) EXERCÍCIO 3:  Determinar na transmissão: O torque na

RENDIMENTO DAS TRANSMISSÕES ()

EXERCÍCIO 3:

Determinar na transmissão:

O torque na arvore de saída para cada configuração de coroa e catraca.