Você está na página 1de 1

Newsletter

epic e n t r o car
Número 1 - Março de 2010

a pena apli
Publicação mensal dirigida para os
participantes do Evento. Elaborada
a lem
Ideias que v
por Dermeval Franco - Diretor da
D’Franco Consultoria Organizacional.

1° EPICENTRO ocorreu no dia 9 de março Próximo Epicentro - Abril de 2010


dom seg ter qua qui sex sáb

C om a participação de empresários e executivos teve início, na Saraiva MegaStore de


Fortaleza, a série de palestras sobre Gestão Empresarial. Com duração de uma hora
e meia, este primeiro encontro teve como objetivo apresentar o projeto e criar o contex- 4 5 6 7
1 2

A8ge 9 10
3

to para os próximos temas do Epicentro. Alguns depoimentos de participantes: 11 12 13 14 15


n16
dar! 17
18 19 20 21 22 23 24
“Fiquei surpreso pelo nível do evento. Sou formado em Administração e muitas vezes
são esquecidos certos princípios e práticas de gestão. O Epicentro resgata isso com 25 26 27 28 29 30
bastante propriedade”. Osvaldo Alencar

“O pioneirismo merece nosso respeito e atenção. Aqueles que souberem tirar provei- Próxima palestra
to do momento e da oportunidade estarão à frente do mercado”. Henrique Carvalho.
Liderança:
“Achei muito interessante! Não só pelo conteúdo, mas também pela possibilidade de
networking e troca de idéias com empresas que fazem parte da nossa mesma reali- O grande desafio
dade aqui no Ceará”. David Silveira do mundo
corporativo?
Repensando o Presente Élcio Antônio Zaperlon
Formado em Direito, Professor e
110 Anos de Gestão... E de indigestão Diretor da Dale Carnegie Training - NE.

A primeira palestra abordou a comple-


xidade do ambiente empresarial e o
aniversário de 110 anos das práticas de
Epicentro. O núcleo onde encontram-se
os valores mais autênticos de pessoas e
organizações. É este núcleo que determi-
Talvez alguns participantes do Epicentro
possam pensar: - Isso não cabe na minha
empresa. É pequena! Reflitam sobre esse
gestão empresarial. Iniciada em 1910 com na o sucesso ou o fracasso dos empreen- paradigma. O que existe em comum nas
Taylor e Fayol (pais da administração cien- dimentos. O ambiente externo influencia, empresas de todos os tamanhos? Pessoas.
tífica), evoluímos nos 60 anos seguintes sem dúvida, mas não é determinante. A inovação vem da criatividade. Máquinas
com as práticas burocráticas de organiza- Fatores determinantes são competências, não criam, executam aquilo que determi-
ções mundiais como, por exemplo, a IBM, inteligência, talentos, qualidade de vida, namos.
GM e Ford Motor Company. Nas décadas valores humanos e organizacionais.
de 70 e 80, ocorreu o boom da Qualidade Repensar o presente em bases reais é o
com os japoneses e, nos anos 90, iniciou- Na década de 30, o pai da Administração, primeiro passo para acompanhar as trans-
se a era dos gurus do pop management. Peter F. Drucker estabeleceu as bases da formações em curso e evitar indigestões.
Neste período, surgiu a reengenharia pa- gestão que permanece imutável até hoje. A cadeia produtiva dos negócios, em qual-
ra, posteriormente, entramos na era da Administração como a ciência e a arte de quer Setor da economia, está se transfor-
informação, do conhecimento. planejar, organizar, dirigir e controlar. mando rapidamente. Reflita!
Sem modismos ou caminhos alternativos
Apresentamos, a seguir, o resultado da pesqui-
Estamos em 2010. Uma nova década se que podem levar a confusão, perda de
sa com os maiores índices de freqüência de
inicia e um convite foi feito aos participan- tempo e desconfiança. respostas.
tes do Epicentro - A volta às origens da
Administração - Talvez seja uma resposta Incrementamos, às quatro funções da PESQUISA - DESAFIOS 2010/2011
à complexidade do ambiente empresarial. Administração, uma não menos importan-
Mais competitivo, mais global, mais local, te: Execução. A capacidade de fazer acon-
mais exigente, menos paciente aos erros e tecer, de executar com disciplina aquilo Aumento da lucratividade e
aos modismos que consome a energia de que foi planejado; alcançar as metas com redução de custos 54%
tudo e de todos. A volta às origens da excelência. Exemplo? Coca Cola e seu mo-
Administração significa ir em busca da delo de execução de vendas. Um dos me- Qualificação Profissional 40%
essência, do que faz sentido num período lhores do mundo. A AmBev não fica atrás.
Atração de novos clientes 33%
de excesso de ofertas e tirania da deman- Segredo do sucesso: Estratégia, liderança
da, personificada na figura do consumidor e gestão de pessoas. Combate à concorrência 33%
que escolhe e espreme o lucro. Por isto,
Expansão do negócio 27%

Interesses relacionados