Você está na página 1de 2
Resumo Igor ajuíza uma ação de cobrança de indenização contra Bradesco Seguro e Previdência, porque pagou o sinistro as suas irmãs. Como se vê nos termos do acórdão, Igor era filho do falecidas, mas suas irmãs não sabiam da existência deste, motivo pelo qual, apresentada a documentação exigida pelo pagador do sinistro, nada mais certo que pagam a quem de direito, neste caso em conformidade com a lei 11.482/2007 e rateado em 50% herdeiros da vítima e 50% companheira/esposa, mas neste caso o falecido era divorciado. A sentença foi declarada parcialmente procedente, o Bradesco apela para o tribunal que reforma a sentença e declara improcedente a sentença, com base nos documentos juntados os autos, agiu corretamente a seguradora ao pagar, e afastou preliminar suscitado pela apelante, e diz que Líder seguradora é a reguladora dos seguros. Em argumentação os desembargadores disseram que conforme a situação apresentada o autor pode direcionar a ação contra suas irmãs. PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATOLICA DO RIO GRANDE DO SUL Nomes: Ildo Manica, Arthur Meireles, Giulia Galant, Lucas de Oliveira.