Você está na página 1de 12

A Banda Desenhada, BD ou Histórias aos Quadradinhos é uma

forma de arte sequencial que conjuga texto e imagens com o


objectivo de narrar histórias dos mais variados géneros e estilos.
São, em geral, publicadas no formato de revistas, livros ou em tiras
publicadas em jornais e revistas.
Como se faz uma banda desenhada
Em 1º lugar é necessário haver uma história para contar

Precisas de um guião escrito

Precisas de conhecer a estrutura básica da banda desenhada


• O tipo de planos e ângulos de visão
• Códigos de comunicação
• E muita imaginação…
• Linguagem da Banda Desenhada

Guião Vinheta
É a história escrita, com É o espaço onde se
todos os elementos que a desenrola uma cena.
integram: personagens e Tem geralmente a
suas características, forma de um
diálogos e sequências de rectângulo ou de um
imagens. quadrado e as suas
dimensões podem ser
muito variadas. A
Tira ordem de leitura das
É um conjunto de vinhetas dispostas vinhetas é sempre, da
na horizontal e ocupando toda a esquerda para a
largura da folha. direita e de cima para
baixo.

Prancha
É a folha completa de várias tiras.
• O texto

O Balão
Pode ter formas variadas e contem os textos correspondentes aos
diálogos ou pensamentos das personagens, apontando a personagem
emissora.
Balão de
Balão de pensament
Balão de
fala em o
fala normal
voz baixa

Balão de
fala em voz
Balão de ruído alta
• Códigos de comunicação

Metáfora
Signo cinético Sinal gráfico, que substitui
Traço ou linha que
palavras, expressando
representa o
estados de alma da
movimento das
personagem.
personagens ou
objectos.

Onomatopeia
Representação
de ruídos ou sons
por palavras
convencionais.

Legenda
Representa as falas do narrador.
As personagens
necessitam de ter uma
expressividade muito
especial para acompanhar
as situações e os textos.
A expressão dos rostos e a
posição do corpo são
essenciais.

As expressões
fundamentais de um
personagem são de:
alegria, tristeza, Os elementos gráficos essenciais
aborrecimento, medo, são: a forma da cara, as orelhas, o nariz,
malícia, espanto… os olhos, as sobrancelhas e a boca.
• Planos e ângulos de visão

Os planos enquadram as personagens e os objectos na vinheta


referem-se à distância, dando a sensação de afastamento ou
aproximação.
Plano médio
Plano geral
Enquadra a
descreve o ambiente onde se
personagem no
desenrola a história
quadro

Plano de
conjunto
enquadra a
personagem no
cenário
• Planos e ângulos de visão

Plano
aproximado Primeiro plano
As personagens As personagens
aparecem aparecem
Plano americano cortadas pela cortadas pelos
As personagens cintura ombros
aparecem cortadas
pelos joelhos

Plano de
pormenor
Coloca
personagens em
grande evidência,
com grande
aproximação
• Planos e ângulos de visão

Os ângulos dão-nos a posição em relação ao observador,


situando a imagem acima, abaixo ou ao nível dos olhos deste.

Picado
A cena é vista de cima para
baixo.

Contrapicado
A cena é vista de
baixo para cima.
• Estilos gráficos

Linear Realista
Os contornos das Os traços do desenho
figuras são bem procuram uma
recortados e a semelhança com o
espessura da linha é real, uma figuração de
regular e constante carácter fotográfico,
uma aproximação à
Expressionista realidade
As figuras e os
espaços podem ser
sujeitos a todas as
espécies de Gestual
deformações Ao contornos das figuras
visuais, exageros, apresentam uma linha
na expressão das com espessura variável,
linhas, das de acordo com as
manchas e das manchas provocadas pelo
cores pincel, expressão
espontânea e rápida
Educação Visual
Profª Fátima Bessa - Projecto navegaR – 2007
ESCOLA BÁSICA 2/3 PENAFIEL Nº2