Você está na página 1de 1

Lógica? É lógico - 2012

Lógica? É lógico - 2012 AULA 03 – PRESENCIAL – PRESENCIAL AGENTE DA PF Questões extras

AULA 03 PRESENCIAL PRESENCIAL AGENTE DA PF Questões extras

25. (UnB/Analista/TRT-1ªR./2008) Tendo em vista as

informações do texto I, considere que sejam verdadeiras as proposições:

(I) Todos advogados ingressam no tribunal por

concurso público; (II) José ingressou no tribunal por concurso público;

e (III) João não é advogado ou João não ingressou no tribunal por concurso público. Nesse caso, também é verdadeira a proposição

a) José é advogado.

b) João não é advogado.

c) Se José não ingressou no tribunal por concurso

público, então José é advogado.*

d) João não ingressou no tribunal por concurso público.

e) José ingressou no tribunal por concurso público e João

é advogado.

26.Se Fuinha é culpado, então Beraldo é culpado. Se Fuinha é inocente, então ou Beraldo é culpado, ou Rapadura é culpado, ou ambos, Beraldo e Rapadura, são culpados. Se Rapadura é inocente, então Beraldo é inocente. Se Rapadura é culpado, então Fuinha é culpado. Logo,

a) Fuinha é culpado, e Beraldo é culpado, e Rapadura é

culpado.*

b) Fuinha é culpado, e Beraldo é culpado, e Rapadura é

inocente.

c) Fuinha é inocente, e Beraldo é culpado, e Rapadura é

culpado.

d) Fuinha é culpado, e Beraldo é inocente, e Rapadura é

inocente.

e) Fuinha é inocente, e Beraldo é inocente, e Rapadura é

inocente

28. Se todos os nossos atos têm causa, então não há atos

livres. Se não há atos livres, então todos os nossos atos têm causa. Logo,

a) todos os nossos atos não têm causa se e somente se

não há atos livres.

b) alguns atos são livres se e somente se todos os nossos

atos têm causa.

c) alguns atos não têm causa se não há atos livres.

d) todos os nossos atos têm causa se não há atos livres.

e) todos os nossos atos têm causa se e somente se não

há atos livres.

30. Sabe-se que a ocorrência de B é condição necessária

para a ocorrência de C e condição suficiente para a

ocorrência de D. Sabe-se, também, que a ocorrência de

D é condição necessária e

suficiente para a ocorrência de A. Assim, quando C ocorre,

a) D ocorre e B não ocorre.

b) D não ocorre ou A não ocorre.

c) B e A ocorrem.

d) nem B nem D ocorrem.

e) B não ocorre ou A não ocorre.

49.A proposição

A) p e q são verdadeiras e r é falsa.

B) p,q e r são verdadeiras.

C) p e q são falsas e r é verdadeira.

D) p,q e r são falsas.

E) p e r são verdadeiras e q é falsa.

p,q e r são falsas. E) p e r são verdadeiras e q é falsa. (p

(p

são falsas. E) p e r são verdadeiras e q é falsa. (p → r) →

r) q

E) p e r são verdadeiras e q é falsa. (p → r) → q r

r é falsa , se:

50.No último domingo, Dorneles não saiu para ir à missa. Ora, sabe-se que sempre que Davidson dança, o grupo de Davidson é aplaudido de pé. Sabe - se, também, que, aos domingos, ou Diofanto vai ao parque ou vai pescar na praia. Sempre que Diofanto vai pescar na praia, Dorneles sai para ir à missa, e sempre que Diofanto vai ao parque, Davidson dança. Então, no último domingo,

a) Diofanto não foi ao parque e o grupo de Davidson foi

aplaudido de pé.

b) o grupo de Davidson não foi aplaudido de pé e

Diofanto não foi pescar na praia.

c) Davidson não dançou e o grupo de Davidson foi

aplaudido de pé.

d) Davidson dançou e seu grupo foi aplaudido de pé.*

e) Diofanto não foi ao parque e o grupo de Davidson não

foi aplaudido de pé.

51.Ou Lógica é fácil, ou Aramis não gosta de Lógica. Por outro lado, se Direito não é difícil, então Lógica é difícil. Daí segue-se que, se Aramis gosta de Lógica, então:

a) Se Direito é difícil, então Lógica é difícil.

b) Lógica é fácil e Direito é difícil.*

c) Lógica é fácil e Direito é fácil.

d) Lógica é difícil e Direito é difícil.

e) Lógica é difícil ou Direito é fácil.

60.Chama-se tautologia à proposição composta que possui valor lógico verdadeiro, quaisquer que sejam os valores lógicos das proposições que a compõem. Sejam p e q proposições simples e ~p e ~q as suas respectivas negações. Em cada uma das alternativas abaixo, há uma proposição composta, formada por p e q. Qual corresponde a uma tautologia?

(A) p

(B) p

(C) (p

(D) (p

(E) (p

q q q) ( p q) q) (p q) q) (p q)*
q
q
q)
(
p
q)
q)
(p
q)
q)
(p
q)*

Valéria Lanna

logicaetudo@gmail.com (31) 9149 1462

1