Você está na página 1de 10

6/5/2009

Pesquisa Operacional na Tomada de Decisões

2ª Edição

Problemas de Rede

Capítulo 5

© Gerson Lachtermacher,2005

Problema de Transporte Caso LCL Bicicletas

A LCL Bicicletas possui 3 fábricas localizadas no Rio, São Paulo e Belo Horizonte. A produção deve ser entregue em Recife, Salvador e Manaus. Considerando os custos de transporte unitários, as capacidades de produção das fábricas e as demandas dos centros consumidores que estão especificados na tabela a seguir, determine quanto deve ser produzido e entregue por cada fábrica em cada centro consumidor de forma a minimizar os custos de transporte.

 

Centro Consumidor

 

Fábrica

Recife

Salvador

Manaus

Capacidade

Rio

25

20

30

2000

São Paulo

30

25

25

1500

B.Horizonte

20

15

23

1500

Demanda

2000

2000

1000

 

Capítulo 5

Problema de Transporte: Variáveis de Decisão x 11 REC Centro RIO x 12 x Consumidor
Problema de Transporte:
Variáveis de Decisão
x
11
REC
Centro
RIO
x
12
x
Consumidor
13
x
21
Fábrica
REC
SSA
MAN
x
22
SP
SSA
x
Rio
x
x
23
x 11
12
13
x
31
SP
x
x
x
21
22
23
x
32
MAN
BH
x
x
x
BHZ
31
32
33
x
33
Capítulo 5

Conteúdos do Capítulo

Problema de Transporte

Caso LCL Bicicletas Sem/Com Dummy Como Modelos de Rede Caso LCL Fórmula 1 Ltda. Caso LCL Construções S.A.

Problemas de Rede de Distribuição;

Caso Frod Brasil

Caso LCL Eletrodomésticos

Problemas do Menor Caminho; Problemas de Fluxo Máximo;

Capítulo 5

Problema de Transporte:

Modelo Tradicional

Existem 9 variáveis para expressar a quantidade transportada em cada uma das possíveis vias.

x ij = Quantidade transportada da fábrica i para o centro consumidor j.

i

1

=

Rio

j

1

=

Recife

2

São Paulo

2

Salvador

3

Belo Horizonte

3

Manaus

Capítulo 5

Problema de Transporte: Modelo Tradicional Min 25 x 20 x + 30 x + 30
Problema de Transporte:
Modelo Tradicional
Min
25 x
20
x
+
30
x
+
30
x
+
25
x
+
25
x
11 +
12
13
21
22
23
+
20 x
15
x
+
23
x
31 +
32
33
s.t.
x
+ x
+
x
= 2000
x
+ x
x
= 2000
11
12
13
11 +
21
31
x
+ x
+
x
= 1500
x
+ x
+
= 2000
21
22
23
12 x
22
32
x
+ x
+
x
= 1500
x
+ x
+
= 1000
31
32
33
13 x
23
33
Capítulo 5

x

ij

0

6/5/2009

Problemas de Transporte:

Propriedades

Soluções Inteiras:

Para problemas de transporte onde os valores das ofertas, o i e demandas d j , sejam números inteiros, todos os valores das variáveis das soluções básicas viáveis, incluindo a solução ótima, também serão inteiros.

Capítulo 5

Problema de Transporte

Oferta Diferente da Demanda

A regra das variáveis fantasma (Dummy):

No caso de Oferta Demanda devemos introduzir um destino fantasma; No caso de Demanda Oferta devemos introduzir uma oferta fantasma; Todos os custos relacionados às variáveis fantasma serão nulos;

pela

A

a diferença entre o total ofertado e total demandado.

ou

oferta

demanda

fantasma

será

dada

Capítulo 5

Problema de Transporte

Caso LCL Bicicletas

Cria-se um consumidor Dummy:

   

Centro Consumidor

   

Fábrica

Recife

Salvador

Manaus

Dummy

Capacidade

Rio

25

20

30

0

2000

São Paulo

30

25

25

0

3000

B.Horizonte

20

15

23

0

1500

Demanda

2000

2000

1000

1500

 

Capítulo 5

Problemas de Transporte:

Propriedades

A condição necessária e suficiente para um problema de transporte com n fábricas e m centros consumidores tenha solução é dada por:

Total da Capacidade = Total da demanda

n

m

f

i

====

d

j

i ====

1

j ====

1

Capítulo 5

Problema de Transporte

Caso LCL Bicicletas

Modificando a oferta de São Paulo de 1500 para 3000

 

Centro Consumidor

Capacidade

Fábrica

Recife

Salvador

Manaus

(oferta)

Rio

25

20

30

2000

São Paulo

30

25

25

3000

B.Horizonte

20

15

23

1500

Demanda

2000

2000

1000

 

Demanda total menor que a Oferta total!

 

Capítulo 5

Caso LCL Bicicletas Resolvendo no Excel

Caso LCL Bicicletas Resolvendo no Excel Capítulo 5

Capítulo 5

6/5/2009

Caso LCL Bicicletas Parâmetros e Opções do Solver

Caso LCL Bicicletas Parâmetros e Opções do Solver Capítulo 5

Capítulo 5

Problemas de Transporte

Solução Alternativa

As Variáveis Dummy não são obrigatórias, apenas facilitam a interpretação do resultado da otimização.

Capacidade > Demanda:

Criação de consumidor dummy Interpretação: capacidade ociosa Alternativa: restrições de oferta com sinal

Demanda > Capacidade:

Criação de fábrica dummy Interpretação: demanda não atendida; Alternativa: restrições de demanda com sinal

Capítulo 5

Caso LCL Bicicletas Modelo sem Fantasma no Excel

As restrições de oferta estão com sinal ≤
As restrições de oferta
estão com sinal ≤

Capítulo 5

Caso LCL Bicicletas Resolvendo no Excel

Caso LCL Bicicletas Resolvendo no Excel Capítulo 5

Capítulo 5

Caso LCL Bicicletas Modelo sem Fantasma no Excel

Todas as fórmulas são idênticas

Caso LCL Bicicletas Modelo sem Fantasma no Excel Todas as fórmulas são idênticas Capítulo 5

Capítulo 5

Caso LCL Bicicletas Modelo sem Fantasma no Excel

Caso LCL Bicicletas Modelo sem Fantasma no Excel Capítulo 5

Capítulo 5

6/5/2009

Modelos em Rede

Modelos de rede podem ser utilizados em diversas áreas tais como transportes, energia e comunicações para modelagem de diversos tipos de problemas. Uma rede é um conjunto de vértices ou nós ligados entre si por um conjunto de arcos.

arcos Nós Capítulo 5
arcos
Nós
Capítulo 5

Caso LCL Bicicletas

Representação Como Problema de Rede

Com Utilização de Variáveis Dummy

Caso LCL Bicicletas Representação Como Problema de Rede Com Utilização de Variáveis Dummy Capítulo 5

Capítulo 5

Regra de Fluxo Balanceado Caso a Oferta Total > Demanda Total  total de entradas
Regra de Fluxo Balanceado
Caso a Oferta Total > Demanda Total
 total de entradas 
 total de
saídas 
 Oferta/Demanda 
− 
 no nó
no nó
do nó
Caso a Oferta Total < Demanda Total
 total de entradas 
 total de
saídas 
 Oferta/Demanda 
− 
no nó
no nó
≤ 
do nó
Capítulo 5

Caso LCL Bicicletas

Representação Como Problema de Rede

Sem Utilização de Variáveis Dummy

Caso LCL Bicicletas Representação Como Problema de Rede Sem Utilização de Variáveis Dummy Capítulo 5

Capítulo 5

Regra de Fluxo Balanceado Uma maneira de modelar um problema de rede é seguir a
Regra de Fluxo Balanceado
Uma maneira de modelar um problema de rede é seguir
a Regra Fluxo Balanceado para cada nó.
No Caso de Oferta Total = Demanda Total
 total de entradas 
 total de
saídas 
=
− 
 Oferta/Demanda 
no nó
no nó
 do nó
Capítulo 5

Caso LCL Bicicletas

Representação Como Problema de Rede

=SOMASE($C$4:$C$15;H4;$F$4:$F$15) -SOMASE($A$4:$A$15;H4;$F$4:$F$15)
=SOMASE($C$4:$C$15;H4;$F$4:$F$15)
-SOMASE($A$4:$A$15;H4;$F$4:$F$15)

Capítulo 5

6/5/2009

Caso LCL Bicicletas

Representação Como Problema de Rede

Caso LCL Bicicletas Representação Como Problema de Rede Capítulo 5

Capítulo 5

Problema de Transporte

Aplicações

O problema de transporte não é aplicado apenas a problemas de distribuição de mercadorias das fábricas para centros distribuidores;

O mesmo tipo de formulação pode ser aplicado a outros tipos de problema, tais como:

Problemas de Escalas de Produção; Problemas de Lay-out de fábricas;

Capítulo 5

Caso LCL Fórmula 1 Ltda.

Fonte i = Produção de motores no trimestre i (i=1, ,4)

Destino

j=

entrega

dos

motores

às

equipes

no

trimestre j (j=1, ,4) = nº de motores produzidos

no trimestre i para entrega no trimestre j

x

ij

c ij = custo associado ao motor

x

i

D j = nº de pedidos contratados F i = capacidade de produção no mês i

 

Entrega dos Motores (trimestre)

 
 

1

2

3

4

5(D)

Oferta

Produção

1 1,080

1,095

1,110

1,125

0

25

no

2 1,110

 

1,125

1,140

0

35

Trimestre

3 1,10

   

1,115

0

30

 

4 1,130

     

0

10

Demanda

10

15

25

20

30

 

Capítulo 5

Caso LCL Bicicletas

Representação Como Problema de Rede

Caso LCL Bicicletas Representação Como Problema de Rede Capítulo 5

Capítulo 5

Caso LCL Fórmula 1 Ltda.

A LCL Fórmula 1 Ltda. fornece motores para um grande nº de equipes de fórmula 1. A companhia detém uma série de contratos de entregas futuras programadas para o próximo ano. As entregas deverão ocorrer trimestralmente de acordo com as necessidades das equipes. A tabela resume as entregas programadas, a capacidade máxima de produção, o custo de produção por trimestre e o custo de armazenamento. Formule o problema para achar o número de motores que devem ser fabricados em cada trimestre de maneira a atender os pedidos contratados.

que devem ser fabricados em cada trimestre de maneira a atender os pedidos contratados. * em

* em milhões de reais

Capítulo 5

Caso LCL Fórmula 1 Ltda.

Caso LCL Fórmula 1 Ltda. Capítulo 5

Capítulo 5

6/5/2009

Caso LCL Fórmula 1 Ltda.

Caso LCL Fórmula 1 Ltda. Capítulo 5

Capítulo 5

Problemas de Rede de Distribuição Caso Frod Brasil

A Frod Brasil terá duas fábricas no Brasil, uma na Bahia e outra em São Paulo, e está estudando a forma de distribuição de seus carros para as diversas revendas de Minas Gerais.

A seguir é apresentada a possível rede de distribuição dos veículos, seus custos de transporte unitários, demandas por revenda e as capacidades das fábricas.

Formule o Problema de LP que resolva as rotas que devem ser seguidas a partir das fábricas para atender as diversas revendas.

Capítulo 5

Problemas de Rede de Distribuição Caso Frod Brasil Variáveis de Decisão x ij – Nº
Problemas de Rede de Distribuição
Caso Frod Brasil
Variáveis de Decisão
x ij – Nº de Carro remetidos de i para j
Exemplo:
x 14 – Nº de Carro remetidos de 1 para 4
Função-Objetivo = Minimizar o Custo de Distribuição
Min
10
X
+
20
X
+
40
X
+
10
X
+
20
X
+
40
X
14
13
15
23
24
27
+
25
X
+
35
X
+
25
X
+
15
X
+
10
X
+
10
X
36
45
47
56
67
65
+ 10 X
76
Capítulo 5

Caso LCL Fórmula 1 Ltda.

Caso LCL Fórmula 1 Ltda. Capítulo 5

Capítulo 5

Problemas de Rede de Distribuição Caso Frod Brasil +250 40 5 SP 20 +200 -500
Problemas de Rede de Distribuição
Caso Frod Brasil
+250
40 5
SP
20
+200
-500
1
3 10
15
25
10
35
6
demanda
+350
oferta
10
+300
20
4 10
10
BA
25
-600
2
40 7
+350

Capítulo 5

Problemas de Rede de Distribuição Caso Frod Brasil

Como a oferta total é menor que a demanda total devemos utilizar a seguinte restrição em todos os nós:

Entradas – Saídas < Oferta / Demanda no nó

Capítulo 5

6/5/2009

Problemas de Rede de Distribuição Caso Frod Brasil

Problemas de Rede de Distribuição Caso Frod Brasil Capítulo 5

Capítulo 5

Problemas de Rede de Distribuição Caso Frod Brasil

Problemas de Rede de Distribuição Caso Frod Brasil Capítulo 5

Capítulo 5

Caso LCL Eletrodomésticos Ltda.

A LCL Eletrodomésticos Ltda. deseja realizar o escalonamento de sua produção para os próximos 4 meses. Sua fábrica pode produzir mensalmente em horário normal 150 ferros de passar a um custo de R$5, e em horário extra, 50 unidades a um custo de R$ 7. Considere que é possível armazenar durante um mês a um custo unitário de R$1. Suponha que as demandas para os próximos quatro meses são de 120, 200,120 e

180.

Capítulo 5

Problemas de Rede de Distribuição Caso Frod Brasil

Problemas de Rede de Distribuição Caso Frod Brasil Capítulo 5

Capítulo 5

Problemas de Rede de Distribuição Caso Frod Brasil

Problemas de Rede de Distribuição Caso Frod Brasil Capítulo 5

Capítulo 5

Caso LCL Eletrodomésticos Ltda.

Para resolver este problema, criaremos uma rede onde:

Cada nó representará uma unidade produtora ou unidade receptora. São 8 unidades produtoras (2 por mês), e 5 unidades receptoras (4 meses mais o Dummy – visto que a capacidade produtiva é maior que a demanda);

Cada arco está relacionado ao custo de produção ou armazenagem.

Capítulo 5

6/5/2009

Caso LCL Eletrodomésticos Ltda.

-150 5 1 A +120 -50 0 7 2 1 0 -150 +800-620= 5 3
-150
5
1
A
+120
-50
0
7
2
1
0
-150
+800-620=
5
3
+180
0
B
+200
-50
7
0
4
1
0
-150
E
5
5
0
C
+120
-50
7
6
Dummy
0
1
0
-150
5
7
D
+180
-50
7
8

Capítulo 5

Caso LCL Eletrodomésticos Ltda.

Caso LCL Eletrodomésticos Ltda. Capítulo 5

Capítulo 5

Problemas de Menor Caminho Exemplo

Considere a rede abaixo que representa a ligação rodoviária entre duas cidades (A e B). O tamanho dos arcos representa a distância entre pontos da malha rodoviária entre as cidades.

30 1 3 20 40 20 A B 30 20 2 4 30
30
1 3
20
40
20
A
B
30
20
2 4
30

Capítulo 5

Caso LCL Eletrodomésticos Ltda.

=somarproduto(D3:D21;E3:E21) =SOMASE($C$3:$C$21;F15;$E$3:$E$21) -SOMASE($B$3:$B$21;F15;$E$3:$E$21)
=somarproduto(D3:D21;E3:E21)
=SOMASE($C$3:$C$21;F15;$E$3:$E$21)
-SOMASE($B$3:$B$21;F15;$E$3:$E$21)

Capítulo 5

Problemas de Menor Caminho

Se considerarmos uma rede na qual o arco signifique a

distância entre dois pontos (nós) e desejarmos achar a

rota que une estes pontos com distância mínima,

teremos um problema do tipo do Menor caminho.

Este tipo de problema pode ser generalizado e aplicado

a distribuição de produtos, entre outros.

Capítulo 5

Problemas de Menor Caminho Exemplo

Este problema pode ser visto como um problema de rede de distribuição com um ponto de oferta de um

caminhão (A=-1) e ponto de demanda de um caminhão (B=+1) e os demais pontos da malha sem demanda ou

oferta (=0) 30 1 3 20 40 20 [-1] A B [+1] 30 20 2
oferta (=0)
30
1 3
20
40
20
[-1]
A
B
[+1]
30
20
2 4
30
Capítulo 5

6/5/2009

Problemas de Menor Caminho Exemplo

Problemas de Menor Caminho Exemplo Capítulo 5

Capítulo 5

Problemas de Menor Caminho Solução

Problemas de Menor Caminho Solução Capítulo 5

Capítulo 5

Problemas de Rede Problema do Fluxo Máximo

Como resolver o problema?

Adicionar um arco artificial ligando o ponto de saída (A) ao ponto de chegada (B).

Maximizar o fluxo no arco artificial criado (fluxo grande).

Utilizar a regra de balanceamento de redes.

As grandezas associadas aos arcos são o fluxo máximo em cada trecho da rede, portanto restrições no modelo.

O Valor de Oferta/Demanda em cada nó é igual a zero.

Capítulo 5

Problemas de Menor Caminho Exemplo

Problemas de Menor Caminho Exemplo Capítulo 5

Capítulo 5

Problema do Fluxo Máximo

Nesse tipo de problema temos uma rede de nós e arcos, e desejamos que o maior fluxo de uma grandeza possa fluir de um determinado nó para outro.

Nesse tipo de problema mais de um caminho pode ser utilizado simultaneamente.

Aplicações

Rede de distribuição de água, luz, gás e tráfego na internet.

Capítulo 5

Problemas de Rede Problema do Fluxo Máximo

30 30 3 3 1 1 40 40 20 20 20 20 A A B
30 30
3 3
1 1
40 40
20 20
20 20
A A
B B
30 30
40 40
30 30
2 2
4 4

Capítulo 5

6/5/2009

Problemas de Rede Problema do Fluxo Máximo

Problemas de Rede Problema do Fluxo Máximo Capítulo 5

Capítulo 5

Problemas de Rede Problema do Fluxo Máximo

Problemas de Rede Problema do Fluxo Máximo Capítulo 5

Capítulo 5

Problemas de Rede Problema do Fluxo Máximo

Problemas de Rede Problema do Fluxo Máximo Capítulo 5

Capítulo 5

Problemas de Rede Problema do Fluxo Máximo

Problemas de Rede Problema do Fluxo Máximo Capítulo 5

Capítulo 5