Você está na página 1de 5

Tabela matriz a utilizar para a realização da 1ª parte da tarefa, conforme indicações do Guia da Sessão

Conhecimento na área Biblioteca escolar

Aspectos críticos que a Desafios.


Domínio Literatura identifica Pontos fortes Fraquezas Oportunidades Ameaças Acções a
implementar
Competências do Promover múltiplas formações, Atendimento personalizado; Dificuldades na aceitação Pertencer ao Conselho Realizar tarefas Colaborar e
ao nível de literacias e da colaboração do Pedagógico actual inerentes à cooperar com
professor pedagogias, para o público Partilha de saberes e sessões Bibliotecário na possibilita discussão funcionária e a departamentos
bibliotecário docente e discente (algo muito individuais de formação de preparação de actividades de assuntos e colaboradores curriculares,
absorvente e abrangente). docentes e alunos; de sala de aula ou de situações pontuais que professores
pesquisa no espaço da necessitam de rapidez Dificuldade no curriculares e
Difundir informação ao nível Orientação de pesquisa e BECRE; na resolução; desempenho de Director
diferentes níveis de ensino e construção de metodologias Dificuldade na funções de gestão
áreas curriculares que a de aprendizagem e racionalização e devido a constante
escola/agrupamento abrange transformação de saberes. optimização do tempo; Disponibilidade de requisição para outros Investimento
(dominar minimamente o alunos monitores em trabalhos. insuficiente na
currículo escolar ou desenho Promoção de leituras e Dificuldade na definição aprender e dominar divulgação/marketin
curricular de diferentes literacias, aquisições de de prioridades, por conhecimentos Fraca produção de g dos recursos
disciplinas) saberes e posturas que levam confronto constante com tecnológicos materiais orientadores existentes
à partilha de experiências solicitações diversas, transmitidos pela – jings, tutoriais,
Gerir o acervo em suporte de entre os utilizadores. diárias. coordenadora, para guiões, fichas – que
papel e informático, atendendo aplicação na promovam literacias e
agora mais à produção de Dificuldade em divulgação de autonomia nas
informação (estar actualizado no exemplificar a informação. aprendizagens, devido
que concerne as literacias e necessidade de alteração à falta de
domínio de saberes de práticas pedagógicas, tempo/disponibilidade
tecnológicos) nomeadamente na constante solicitação
situação de pesquisa na para resolução de
Trabalhar em rede com os BE; Dificuldades na problemas, a nível de
estabelecimentos do utilização do computadores,
agrupamento, de outros espaço/recursos. Carece orientação de,
agrupamentos e bibliotecas de domínio das normas e pesquisa…
municipais do conceito actual de BE,
por parte de docentes
Recolher evidências e promover ainda em nº considerável
Conhecimento na área Biblioteca escolar

e difícil de atingir numa


a mudança sempre que a mesma situação de articulação
vise a promoção de aquisições pouco significativa entre
de competências diversificadas órgão de gestão e
e provoquem a transformação de professor bibliotecário;
conhecimento e auto formação

Má limpeza por parte da


empresa que procede a Através de promoções
este trabalho. e divulgações de
Catalogação e tratamento órgãos exteriores à
Enfoque na importância dos documental de fundo escola,
Espaço amplo, renovado,
suportes e informações estarem (indexação) não realizado. nomeadamente Desarticulação com a
equipamento e mobiliário
em constante disponibilidade e Membros da equipa não editoras, BMM, gestão, que leva a
novos.
Organização e transição, promotores de saber e possuem formação na plataformas de e- desencontros e
provocadores de interesse por área de bibliotecas. learning estrangeiras, desinformação.
Gestão da BE Separadas as zonas de
mais e aprofundado saber a Docentes colaboradores a professora
diferentes serviços que a BE
recolher pelos alunos. são grupo flutuante, bibliotecária procede
proporciona aos utilizadores
depende de ano para ano. a formações e/ou
promoção de
actividades conjuntas
na escola ou no
espaço Internet.

A professora bibliotecária gere a Acervo documental A colecção não está Falta de orçamento
colecção tendo em conta as reforçado, com cerca de 3800 catalogada, necessita de definido para a
Gestão da Colecção opiniões e sugestões, as livros. Documentos ser etiquetada com o BECRE
requisições e procuras de registados, cotados e material identificador e
colegas e alunos da escola, bem etiquetados. siglas correctas. Deverá
como as directrizes ser objecto de abate, em
estabelecidas pela RBE e pelo algumas situações de
PNL ofertas aceites em tempos.
O reforço documental
depende muito da RBE e
do PNL por não haver
orçamento de BECRE
ainda definido pela gestão
da escola.
Conhecimento na área Biblioteca escolar

A professora bibliotecária
articula com alguns docentes, Articulo actualmente
sugerindo e procurando facilitar com 6º A PCA, 8º F
a realização de tarefas, PCA, 7º F,
promovendo leituras e literacias, plataformas
no âmbito de pesquisas de Etwinning com dois
A BE como espaço informação, divulgação de projectos e formação
informação e articulação entre a em seminários online.
de conhecimento e BE e os departamentos.
Os professores colaboradores Formar e orientar os
aprendizagem. vêm, desde há um ano, a alunos monitores que
promover as “pontes” entre a
Trabalho Optou por estabelecer laços e
BECRE e os departamentos,
acompanham o
espaços de trabalho e partilha crescimento da BE
colaborativo e com alguns elementos que
sendo uma mais valia enorme desde há três anos.
articulado com no sentido em que há ainda
mostraram a receptividade
muitas mentalidades a
Departamentos e necessária para o trabalho
orientar, renitentes no que A decisão de
docentes. conjunto. Esses elementos são elaboração de plano
concerne a articulação e entre
por mim considerados de anual de actividades
ajuda.
cruciais para o estabelecimento conjunto para o
das pontes entre órgãos. agrupamento, vem
permitir uma maior
O acompanhamento curricular é articulação com a BE
ponto fulcral para que a e um registo destas
abrangência de apoio, por parte articulações mais
do professor bibliotecário possa detalhado/exaustivo.
ser efectivo.
Fundamental o domínio de
Formação para a tecnologias de informação, bem Para além da coordenadora
como as diferentes literacias, da BECRE um aluno monitor
leitura e para as vão ao encontro de necessidades ou dois, realizam já as suas
literacias de alunos e docentes e vêm primeiras formações neste
servindo de aliciante à pesquisa âmbito, sendo que um se
e à leitura para produção de propôs já a organizar sessões
informação, junto de alunos e de escrita criativa na BECRE
docentes colaboradores da BE
BE e os novos A BE está hoje equipada com Mais comodidade e maior Indefinição de Limitações externas à
cerca de 22 computadores, abrangência de público a responsabilidades e gestão da BE e da
ambientes digitais. wireless, instável, e incapaz de poder usufruir deste distribuição de Coordenação têm
Conhecimento na área Biblioteca escolar

vindo sucessivamente
a marcar o arranque
em pleno deste
espaço/produção/utili
material/equipamento, o que competências no grupo
ter as impressoras ligadas em zação – (PT não
sugere um maior vulto de PTE impede agilização de
rede, ao fim de dois meses, por termina ajustes nas
elaboração de trabalhos, é o actividades e preparação
depender da PT. ligações em rede,
expectável. de formações
orçamento para
material de desgaste
reduzido, encomenda
de materiais lenta.
Registo:
- de ocupação de sala; Falta de registo na leitura
- de material requisitado informal, nomeadamente
(fundo documental) para uso levantamento de leitura de
em sala de aula. jornais e revistas lidos.
Indispensável recolha de Tem sido por estimativa.
Gestão de indicadores que demonstrem Registo diário de utilizadores
necessidade de reformulação, em zona: Falta de registo de
evidências/ mudança ou maior investimento utilizações por parte de
- multimédia;
avaliação. de tempo ou dinheiro. - requisições domiciliárias; docentes, a título
- visionamento de filmes; individual, que
actualmente se tenta pôr
em prática.

Gestão da
mudança
Factores de sucesso Obstáculos a vencer Acções prioritárias
SÍNTESE

Aprimorar o registo de Recurso a alunos monitores que vão desenvolvendo as suas Postura e entendimento de pares que ainda não Formação de docentes em sessões na BE.
Conhecimento na área Biblioteca escolar

utilizações, recolha de
evidências e articulação
com departamentos.
visualizam a situação à luz de teorias como as
Promover a leitura e defendidas por Ross Todd.
competências e se vão mantendo ao longo dos anos na BE. É
literacias, com recurso a
importante começar com alunos de 5º/6º anos, de modo a
guiões de exploração e Domínio de saberes ao nível tecnológico que deve
assegurar que, pelo menos, até ao 8º/9º anos se mantenham e vão
pesquisa. ser direccionado para todos, abrangendo todos os Divulgação de tutoriais e promoção de
partilhando com quem vem de novo.
docentes, dando competências e promovendo a trabalho articulado, que reforce a necessidade
Realização de actividades autonomia de todos os intervenientes. de partilha.
promotoras de
Leitura domiciliária no 2º ciclo bastante significativa.
interiorização de Entendimento e apropriação, por parte do órgão de Divulgação de resultados e de acções
aprendizagens, gestão, da importância deste recurso, aliás, sendo dinamizadas na BECRE ( nº de docentes e
Domínio de aptidões no âmbito e-literacias que possibilitam à
transformação de saberes e uma plataforma de trocas simbióticas de saberes, turmas que utilizam os recursos mensalmente)
coordenadora chegar mais perto do público alvo e colocá-los, por
aplicação em situações trata-se de um promotor de sucesso educativo por
assim dizer, à-vontade nas mais diversas situações de
diferentes. excelência e não sendo valorizado, através da Formação de docentes colaboradores com o
experimentação/criação.
promoção, através do encaminhamento de docentes intuito de promover autonomia na utilização
Delegar em colaboradores para hábitos de utilização, orientações de gestão, os dos recursos e registo de actividades.
Promoção de necessidade junto dos docentes, solicitando a sua
as tarefas que exijam resultados de melhoria levarão mais tempo,
participação nas escolhas de fundo documental a ter na escola.
menos domínio de obviamente.
aptidões ainda não
desenvolvidas pelos
colegas.

Cabanas, 04 de Novembro de 2009


Maria Cristina Rocha