Você está na página 1de 21

EXERCÍCIO:

16
Calcula a massa de um átomo de Oxigénio O
8

Partícula Massa (g) m = 8 x 1,675 x 10-24 + 8 x 1,673 x 10-24 =

= 2,678 x 10-24 g
Electrão 9,11 x 10-28

Protão 1,673 x 10-24

Neutrão 1,675 x 10-24

Não Esquecer: A massa dos átomos está concentrada no núcleo!


Balança Imaginária

16
O
8

H
H H H H
16 átomos de HH H H H O
HH H H H H
hidrogénio – 1

A massa atómica relativa (Ar) de um elemento indica o


número de vezes que a massa média dos átomos desse
elemento é maior do que a massa do padrão escolhido.
Exemplos:
A massa atómica relativa do hidrogénio é 1,0
H Ar (H) = 1,0
A massa atómica relativa do oxigénio é 16,0
O Ar (O) = 16,0

Significa que a massa média dos átomos de oxigénio é 16,0 vezes


maior do que a massa do átomo de hidrogénio.
O tamanho dos átomos á praticamente o
da sua nuvem electrónica!

O tamanho dos átomos depende dos níveis


de energia que os seus electrões ocupam
Aos electrões no átomo está associada uma dada energia.

Electrão menos energético

Electrão mais energético


Os electrões no átomo distribuem-se por níveis de energia.
Os níveis de energia são caracterizados por um número n.

n=4
n=3
n=2

n=1

Núcleo
Os níveis de energia também podem ser designados por camadas,
associadas a uma letra.

Nível Camada
1 K
2 L
3 M
... ...
O número máximo de electrões num determinado nível de energia é
dado pela expressão:

Nível de Número máximo de


Energia electrões
n 2n2
1 2 x 12 = 2

2 2 x 22 = 8

3 2 x 32 = 18

4 2 x 42 = 32
1 – Os electrões distribuem-se nos níveis de energia, por ordem
crescente de energia
2 - Cada nível pode conter no máximo 2n2 electrões
3 - O último nível de energia, qualquer que seja, designa-se por nível
de valência e pode ter no máximo 8 electrões, os electrões de valência.

Um átomo está no estado fundamental


quando os seus electrões têm o mínimo de energia possível.
EXERCÍCIO:
Sabendo que o número atómico do Enxofre (S) é dezasseis, fazer a sua
distribuição electrónica.

16
S
n=1 2 electrões
n=2 8 electrões
n=3 6 electrões

(2, 8, 6)
Resolver o exercício 15 do Caderno de Actividades.
Completar o quadro:

Estrutura electrónica do
Representação
átomo no estado Nº de Protões Nº de Neutrões
Simbólica
fundamental

19X 2, 7

8Y 9

Z 2, 8, 8, 2 20
Indica o excesso de

23 23 + um protão
Na Na (deficiência de um
11 11
(átomo de sódio) (ião sódio) electrão)

11 PROTÕES 11 PROTÕES
12 NEUTRÕES 12 NEUTRÕES
11 ELECTRÕES 10 ELECTRÕES
Indica o excesso de

35 35 - um electrão
Cl Cl (deficiência de um
17 17
(átomo de cloro) (ião cloreto) protão)

17 PROTÕES 17 PROTÕES
18 NEUTRÕES 18 NEUTRÕES
17 ELECTRÕES 18 ELECTRÕES
Um átomo é electricamente NEUTRO. Mas pode ganhar ou
perder electrões, transformando-se num IÃO.

- ANIÃO (Ião Negativo): Se um átomo ganhar electrões

- CATIÃO (Ião Positivo): Se um átomo perder electrões

Quando se forma um ião:

- Apenas varia o número de electrões

- Número de protões e neutrões mantém-se


19 -
9
F
n=1 2 electrões
9 PROTÕES
n=2 8 electrões
10 NEUTRÕES
10 ELECTRÕES
(2, 8)

23 +
11
Na
n=1 2 electrões
11 PROTÕES
n=2 8 electrões
12 NEUTRÕES
10 ELECTRÕES
(2, 8)

Iões com a mesma estrutura electrónica são


designados por ISOELECTRÓNICOS.
Resolver o exercício 13 do Caderno de Actividades.

Número
Representação Número de Número de Estrutura
atómico do
do ião protões neutrões Electrónica
elemento

24Mg2+ 12

32S2- 16

23Na+ 11

27Al3+ 13
Átomos com poucos electrões de valência

– perdem electrões

– formam iões positivos

Átomos com muitos electrões de valência

– ganham electrões

– formam iões negativos