Você está na página 1de 2

EXCELENTSSIMO (A) SENHOR (A) DOUTOR (A) JUIZ (A)

DE DIREITO DA - VARA CVEL DA COMARCA


..

Por fora de escritura pblica de divrcio, ttulo executivo


extrajudicial, Exequente ingressa com Ao de Execuo
de Alimentos contra Executado, com fulcro nos artigos 911
e 528, 2 a 7, do NCPC.

Nome Completo da Exequente, nacionalidade, divorciada,


profisso, portadora da Cdula de Identidade RG n,
inscrita no CPF sob o n, residente e domiciliada na
endereo completo, por seu advogado que esta subscreve,
vem, respeitosamente, perante Vossa Excelncia, propor,
em face de Nome Completo do Executado, nacionalidade,
estado civil, profisso, portador da Cdula de Identidade
RG n, inscrito no CPF sob o n, residente e domiciliado na
endereo completo, a competente

AO DE EXECUO DE ALIMENTOS

com fulcro nos artigos 911 e 528, 2 a 7, do Novo


Cdigo de Processo Civil e pelos fatos e de direito a seguir
expostas.

Por fora de escritura pblica de divrcio, ttulo executivo


extrajudicial nos termos do artigo 784, II do Novo Cdigo
de Processo Civil, a Exequente tornou-se credora do
Executado pela quantia de R$ valor (valor expresso),
conforme clculo em anexo (doc. N), que se encontra
devidamente atualizado at a presente data nos moldes
estabelecidos no referido ttulo.

Dessa forma, o Executado deve Exequente a quantia de


R$ valor (valor expresso).

Isto posto, na forma do artigo 911, pargrafo nico, do


Novo Cdigo de Processo Civil, requer-se a citao do
Executado, por intermdio de oficial de justia, para
efetuar o pagamento do quantum demonstrado no prazo de
3 (trs) dias sob pena de priso nos termos do 3 do
artigo 528 do Novo Cdigo de Processo Civil.

No efetuado o pagamento requer-se desde j,


independentemente da priso ou de novo pedido, ato
contnuo, nos termos do artigo 528, 5, do Novo Cdigo
de Processo Civil, a expedio de mandado de penhora e
avaliao.

Protesta por provar o alegado atravs do ttulo que enseja


a vertente execuo.

D-se causa o valor de R$ valor (valor expresso).

Requer, ainda, os benefcios da GRATUIDADE DA


JUSTIA, uma vez que o REQUERENTE pessoa pobre e,
atualmente, no tem condies de arcar com as custas
processuais ou extraprocessuais; Protesta, ainda, provar o
alegado, por todos os meios de prova em direito permitido,
e, em especial, por juntada de documentos, depoimentos
de testemunhas que sero arroladas, percias, vistorias e
demais meios que se fizerem necessrios.

Termos em que,

Pede Deferimento.