Você está na página 1de 4
BYE-BYE, VELHA ESCOLA Novas tendéncias er implantadas no Brasi CECILIA RITTO usa e giz, aluno sentadi- nho na carteira, mestre desfiando conteiidos me: canicamente. 0 esgotado modelo de ensino do sé- culo XIX, ainda presente no Brasil ¢ em grande rte do mundo, esti pa sando por umaadequagao 20s novos tempos. Na sala de aula moderna, tecnologia € ferramenta, a cerianga é parte ativa do processo ¢ 0 professor, seu guia no mundo do co- nnhecimento. Em escolas dos paises campedes em qualidade de ensino, 0 aprendizado enciclopédico, total- ‘mente ultrapassado, vem sendo tro- cado por métodos inovadores que desenvolvem nos estudantes racio- cinio logico, a capacidade de lidar com imprevistos ede juntaras pecas de problemas que nunca viram antes. Nesse conjunto de boas priticas comnomes em inglés (rea oquadro ao lado), as classes so flipped aula, no ‘computador de casa; oaprofundamen- OGLOSSARIO DA QUALIDADE Prétcas edotadas nae eaclos ‘mais novadoras de mundo vo ser apleadas no Brasil - por fenquanto, em ingles mesmo to,na escola), o alunos sio makers 2) =] a (pBem amiona mass, testam ideiase Projetos) e os professores so tutors (mentores em uma jornada personali ‘zada pelo saber). Os termos so estran- geiros, soam pedantes, mas a étima noticia & que essasinovagdes esto che- gando ao Brasil. Duas escolas que pla- nnejam virar redes, a Concept (em Ri- beirdo Preto e Salvador) ea Eleva (no Riode Janeiro), abremas portasno ano aque ver apresentando em seu curricu- Jotudoo que ha de mais avangado. Si0 Paulo est no radar para 2018, (Que fique bem claro: 0 caminho a inovacao no ensino nao tem nada de alternativo, Diseiplinas, metas, provas, livros e mestres continuam ativos e operantes. A proposta & per- cotter trilhas j& conhecidas de modo ais criative. As duas novas escolas tém claros objetivos de aprendizado, ‘mas no engessam o aluno. © mode- oébilingue e flexivel, mas nio tira os olios do Enem. Com mensalidade rmédia de quase 4000 reais, dirigem- se classe A, interessada em dar aos filhos um ensino fort, integral e me- nos conservador. Financiada pelo fundo Gera Venture Capital, cujo principal investidor € o empresario Jorge Paulo Lemann, a Eleva, que consuimiu 80 mithdes de reais, teve as matriculas para oI" ano do ensino fundamental esgotadas em minutos na internet, O fendmeno se repete nas duas Concept, projeto de 150 mi- Indes de reais do grupo SEB, doem- presario e maior dono de escolas pri- vyadas no Brasil, Chaim Zaher (veja a reportagem na pég. 86). Lea] monteracaknoenqune se recave excites orine em sala deal, prestenco aca no instante om que sree ola divi. Certs prosrames cetectam oestato dcrianca ¢personsizam ogra decide das trafas Flipped ES Velteccwamnonie cemcase:na sla de aula, tempo vsato, para debates etrardividas Fe] Samification: "Fol Seardess ares opens TY qioestmutim oracoone l6o ata hablidodesomacion, camo saber perro arter nina temmoments daisias Maker space: ¢uma SLES otcina dentro ca escola, sotad de frramontas| smodernas - come inprassoras 30 ‘maquina para cortar todo tipo do ‘material -,ondeos alunos constroom ‘emanusolam sous experiments Project-based learning: projetos que interigam vanas dlsiphnas, exgcutados polos aluresindiMdualmonte ouemgrupo we Tutor: cad csudote conta com um professor, ‘ve conhoce sua fama acompanha de perto sua trajetor scademica, mapeando lacuna, incentvande avancos ea ludando nacpgio decerrela Na educagio oferecida em vez, identificard melhor as defi- campedes de qualidade, como Singa- _citncias de cada um, “Esses sistemas pura e Austria, ainternet,umcanal _ tém o mérito de fornecer um relato- natural de massificagao do ensino, € rio detathado sobre as lacunas do es tusada ao contrario: por meio dela, tudante, tornando a intervengio do individualiza-seo estudo, Ao resol- professor muito mais eficaz”, aval ver problemas no computador, no ta- Rafael! Parente, especialista em tec blet ouno celular, aluno, monitora-~ nologias voltadas para a educacio. doem tempo real pelo professor, re- Professor, als, tem papel bem dife- ‘cebe dele ajuda imediata nas dificul- _rente nesse novo mundo escolar. A dades ou incentivo para galgarniveis Concept ea Eleva incorporam ao seu mais altos de complexidade. A Eleva método a figura do docente que serve desenvolveu um siteem que as-crian- de guia um determinado mimero de ‘cas so testadas continuamente. Er alunosao longodesua vida escolar, Ele Tos condutzirao a mais exercicios e conhece seus pontos fracos ¢ fortes, videos explicativos;omestre, porsua ajuda a montar 0 curriculo, conversa ween HTL _—_———aal INOVADORES Aturma que comanda a Eleva, no Rio: entre as matérias opcionais, publle speaking e design thinking ‘com os pais, esta par dos problem familiares e os encaminha para uma futura carreira. Enfatiza Parente: “O ‘mestre deixa de ser 0 detentor do co- inhecimento para se tornar 0 arquiteto da aprendizagem. & uma mudanga ra- dical de cultura, que exige muito tret- ‘namento eoutra mentalidade” (Oensino em periodo integral (oito horas na escola) permite que os alu- nos usem parte da carga horaria para se aprofundar nos temas com que tem mais afinidade e aprendam, in clusive, o que no esté na grade obri ‘gatéria, A reforma do ensino médio recém-instituida pelo Ministerio da Educagio vai, de certa forma, nessa direcd0, mas no curricuto das insti- tuigdes de ponta as opgdes comecam mais cedo e vao se sofisticando, A Eleva oferecerd, a partir do 1*ano do censino médio, cursos de public spea- king, assim mesmo, em ing como falar para plateias, Tem tam. bém design thinking (dividir um pro- biema em partes, criar o protétipo, testar), justice (inspirada nas aulas, de Michael Sandel, professor da Har- vard que debate dilemas éticos sob os ‘mais variados e polémicos pontos de vista) e negotiation (a arte de vender seu peixe). Tudo em inglés. Progra- magio de computador, a segunda lin- gua do século XXI, sera para todos, A liberdade de escolha do aluno da-se o nome de “protagonismo jo- — surpreendentemente, em Portugués. “A crianga tem a chance deescolher e também de aprender a lidar com as consequéncias' Mircio Cohen, formado em adn tragdo no MIT, um dos vice-presi- dentes da Eleva.“ uma maneira de preparar os jovens para daqui a vinte anos, para as necessidades do futuro para empregos que ainda nem exis- tem’, concorda Thamila Zaher, filha de Chaim e diretora executiva do grupo SEB. Nenhum desses concei- tos é inédito. A novidade das duas escolas é p6-los em pritica, todos ao mesmo tempo, subvertendo métodos antigos e arraigados. Parte desses métodos vem sendo implantada ha mais dedez anosnases- [AMECA High Tech High, na California: énfase em projetos e mao na massa colas estaduais de Pernambuco, dentro do chamado “projeto de vida" —o ali- ‘no, em hora integral, ¢incentivadoa desenvolver trabalhos que combinem com suas aptiddes e interesses. Essa {niciativa tem dado certo: a evasiocaiu ara menos de 1%. “A escola privada ‘no Brasil s6 tem por objetivo colocar 0 aluno na universidade. & preciso ofere- cer novos caminhos”, prega Marcos ‘Magalhies, presidente do Instituto de Co-Responsabilidade pela Educacioe fealizador do modo. Mesmo com toda sorte de teeno- logia disponivel, os professores con- tinuam a ser a esséncia da escola inovadora —a tnica via possivel pa- ra a qualidade. Muitas experiéncias ue se pretendiam inovadoras aca- Ao resolver problemas no computador, no tablet e no celular, o aluno é Mmonitorado em tempo real pelo professor, e dele recebe ajuda imediata baram caindo no vazio ao creditar 0 milagre da exceléncia académica a0 computador. “Nao raro, 0 investi- ‘mento em tecnologia é pura perda de dinheiro”,afirma o i Andreas Schleicher, diretor da érea de educagio da OCDE, a organiza- 20 dos paises mais desenvolvidos, Completa ele: “Sé um bom professor Pode fazer dela uma ferramenta ver- dadeiramente eficiente”, Para aprenderem o beabé da ino- vagdo, representantes das duas esco- las visitaram instituigdes de ponta n todo o mundo. A Concept trouxe dois educadores da Finlandia, meca do ensino, para treinar seus professo- es, Os da Eleva sorveram a expe- riéneia de um dos colégios mais ino- vadores do mundo, 0 High Tech High, na Califérnia, O que ja se sabe exitoso precisa agora ser replicado no Brasil sem cair na tentagao dos ‘modismos que se pretendem moder ‘nos. Fica 0 conselho dado aos direto- res da Eleva por Lemann, que se de: bruga ha décadas sobre a educacao: “Nao inventem a rod: