Você está na página 1de 4

CURSO LIVRE DE BACHAREL EM TEOLOGIA RHEMA

ALEXANDRE SANT’ANNA

EDMILSON DOS SANTOS

LISÂNIA RODRIGUES DA SILVA FERREIRA

ROSANGELA JACINTHO GUIMARÃES

ROSIMERI JACINTHO GUIMARÃES

QUANDO SINTO QUE JÁ SEI

Nova Iguaçu/ Rio de Janeiro

Abril/2018

ALEXANDRE SANT’ANNA
EDMILSON DOS SANTOS

LISÂNIA RODRIGUES DA SILVA FERREIRA

ROSANGELA JACINTHO GUIMARÃES

ROSIMERI JACINTHO GUIMARÃES

QUANDO SINTO QUE JÁ SEI

Trabalho de conclusão de curso


apresentado a curso livre de Bacharel em
Teologia Rhema, como exigência parcial
para obtenção de titulo de Bacharel em
Teologia.

Disciplina: Educação cristã

Orientador(a): Rosane

Nova Iguaçu/ Rio de Janeiro


Abril/2018
SUMÁRIO

1.0 Introdução 5

2.0 Escola da ponte 6

2.1 Contexto histórico da Escola da Ponte 7

2.2 Corpo Docente 7

2.3 Os orientadores educacionais 7

2.4 Estrutura de funcionamento e ensino. 8

3.0 Iniciativas baseados no “Projeto Âncora” 12

3.1 As origens do Projeto Âncora 13

3.2 Engajamento social e educacional 13

3.3 Estrutura de funcionamento e ensino. 14

4.0 Iniciativas baseados no “Projeto Âncora” 15

4.1 Ser democrática – Autonomia 16

4.2 Ser potencializadora - Incentivo 17

4.3 Ser autônoma - Libertadora 18

4.4 Ser socializadora - Grupal 18

4.5 Ser modernizadora – Tecnológica 20

4.6 Ser inclusiva - Facilitadora 21

4.7 Ser sagrada - Humanizadora 22

4.8 Ser integralizadora – autonomia 23

4.9 Ser aberta – diversificada e integral 24

5.0 Os quatro pilares da educação 25

6.0 Educação Cristã no contexto do século XXI 26

6.1 Capacitação dos ensinadores/trabalhadores da igreja 28

6.2 Mudança de eixo e perspectiva 29


6.3 Ensino voltado ás necessidades do grupo (Igreja), 30
respeitando suas diversidades

Preparo de materiais com temas de interesse e


6.4 31
necessidades locais
31
6.4.1 Conhecer o público alvo
32
6.4.2 Identificara metodologia adequada
33
6.4.3 Planejar a aula
33
6.4.4 Usar das tecnologias tornando a aula produtiva
34
6.4.5 Ação contínua: avaliar e reavaliar os resultados
35
6.4.6 Algumas considerações

7.0 Conclusão 38

8.0 Referências bibliográficas 39

9.0 ANEXO 42