Você está na página 1de 4

Capítulo II – Circuitos Transitórios

Circuitos RL e RC

Nesta parte estudaremos circuitos que só contenham elementos


passivos (R, L e C) e nenhuma fonte. Admite-se apenas a presença de energia
armazenada em indutores ou capacitores partindo das equações integrais
diferenciais que caracterizam um circuito RL ou RC. Obtêm-se uma solução
para a variável dependente que satisfaça a equação diferencial e a
distribuição de energia num determinado instante (geralmente t=0).
Esta solução é conhecida por vários nomes: resposta livre, resposta
natural (pois depende da natureza da rede), resposta transitória (pois como
não há fontes, as resistências consumirão toda a energia do sistema com o
passar do tempo.

Circuito RL Simples

No circuito abaixo, designa-se i(t = 0) = I0.

Pela lei das malhas:


v R +v L=0
di di R di −R
Ri+L =0 ⇒  i=0 ⇒ = dt
dt dt L i L
i t  t
di −R −R
∫ =∫
i t =0 L
dt ⇒ln  i −ln  I0  =
L
t
i t= 0  0

Sendo assim:
−R
t
L
i  t  =I 0 e

Potência dissipada no resistor:


−2R
t
2
P R =Ri  t  ⇒ P R =I0 R L
2

A energia total dissipada no resistor, sob a forma de calor será:


∞ ∞ −2R −2R
t t
L −L −1 2
W R =∫ P R dt ⇒ I0 R∫ e =I 20 R∣ e L
∣⇒W R= LI  0−1 
0 0 2R 2 0
1
W R= LI 02
2
Vê-se que,com o passar do tempo, R dissipará toda a energia inicial
armazenada em L ( sob a forma de corrente I0).

 Propriedade da Resposta Exponencial

−R
t
L
i  t  =I 0 e
−R
t L
t
i =e
I0

A derivada de i(t)/I0 para t=0 define a tangente .

⌉ ⌈ ⌉
−R

⌈ d −R t −R
L
i / I0  = e = =−tg 
dt t =0 L t =0 L

Sendo assim, a equação da reta pontilhada é:

R L
1=tg . = ⇒=
L R
onde :  é a constante de tempo
Quando t =  = L/R

−R L
i L R
t
t==e =e−1=0,368
I0

 é o tempo gasto para a resposta decair a 36,8% de seu valor inicial. A


equação do circuito pode então ser escrita sob a forma:

−t
i t =I0 e 

onde  = L/R (s).


Obs.: Nota-se que quanto maior for , mais lentamente decai i(t). 
aumenta com um aumento de L ou diminuição de R. Se L aumenta, há
possibilidade de armazenar mais energia no indutor, se R diminui, a energia
se dissipa mais lentamente.

Circuito RL Geral

Deve-se transformar o circuito até se obter Leq em série com Req. Deste
modo:

Leq
=
R eq

Costuma-se subdividir um tempo t em duas partes, uma a esquerda e


outra a direita de zero. (t = 0+, t = 0-).
Como L se opõe a variações bruscas em sua corrente, teremos a relação
iL(0+) = iL(0-), a menos que em t = 0 apareça um impulso de amplitude infinita
entre os terminais do indutor.

Circuito RC Simples

No circuito abaixo, designa-se v(t=0) = V0.

v t  t
dv 1 dv −1 dv −1
C  v=0⇒ = dt ⇒ ∫ = ∫ dt
dt R v RC v t =0 v RC t0 =0

−1
v t 
⌊ lnv ⌋ V = t
0
RC

−t
RC
v t =V 0 e

● Propriedades Exponenciais
Do mesmo modo que nos circuitos RL, define-se para os circuitos RC
uma constante de tempo  = RC. A constante de tempo  é o tempo gasto para
v(t) atingir 36,8% de seu valor inicial V0.
Circuito RC mais geral

Associam-se os elementos de modo que a associação final seja descrita


com um Req em série com um Ceq, onde  = Req.Ceq .
−t
Assim: v t =V 0 e 