Você está na página 1de 2

Informativo mensal do Solar Bezerra de Menezes – Junho de 2008

PRINCIPAL DICA DE LEITURA


“Pedi e obtereis. Buscai e achareis. Memórias de um suicida
Yvone A. Pereira
Batei e abrir-se-vos-á” Camilo Castelo Branco (espírito)
Se observarmos bem, veremos que (Feb)
o pedir não está sozinho. Ele está ao Neste livro, o autor Es-
lado do buscar e do bater na porta, piritual – Camilo Castelo
dois verbos que traduzem ações. Ou Branco, sob a orientação
seja: não basta pedir e aguardar. do Espírito Léon Denis
É necessário que queiramos o sufi- – descreve a sua dolorosa
ciente para ir em busca, para nos es- experiência no plano espi-
forçarmos. O primeiro movimento é ritual após a desencarna-
nosso. E é aí que, se tivermos fé em ção resultante de suicídio,
Deus Aguarda nós mesmos e fé em Deus, atingire- transmitindo valiosos ensinamentos, espe-
mos nossos objetivos. cialmente aos que se deixam avassalar pela
Pedi e obtereis. Buscai e achareis. Batei idéia de pôr termo à existência física. Evi-
e abrir-se-vos-á. São afirmações claras, Mas se Deus conhece nossas neces- dencia a grandeza da misericórdia divina em
veementes, inequívocas de Jesus, quan- sidades e se, de qualquer maneira, favor de Espíritos de suicidas arrependidos,
do esteve encarnado entre nós. temos de trabalhar, para que pedir? proporcionando-lhes a oportunidade do
No entanto às vezes, pedimos e não É que pedir significa que aceitamos conhecimento do Universo e da Vida na sua
recebemos. Queremos e não conse- que Ele aja em nossas vidas. Que integral dimensão, por meio de cursos pro-
abrimos nosso coração para as boas porcionados pela Espiritualidade Superior
guimos. Então, o que pode haver de
inspirações. em que são estudados a Gênese planetária,
errado?
Mesmo zelando por seus filhos e por a evolução do Ser, a imortalidade da alma, a
É que pedir é importante, mas não é Moral Cristã, dentre outros temas relevantes
tudo. Pedir, voltar-se para o Pai com toda a Criação, Deus não interfere em
para a compreensão de que “– Nenhuma
humildade e, num ato de submissão, nossa liberdade. Ele nos deu discer-
tentativa para o reerguimento moral será efi-
rogar que ele faça o melhor, que nos dê nimento e inteligência para agirmos
ciente se continuarmos presos à ignorância
forças para agüentar firme, que enca- e sermos responsáveis pelos nossos de nós mesmos.” Recomenda-se não inter-
minhe os problemas para a melhor so- atos. Se atendemos às más inspira- romper a leitura após o impacto inicial pro-
lução, é muito importante. ções, é por que estamos livres para vocado pela descrição das dramáticas cenas
fazê-lo. Porém, se pedimos a Deus expostas, pois o livro também demonstra
Tem pessoas que acham que não foram que afaste de nós as influências infe- que há sempre um caminho de retorno, de
atendidas porque Deus não fez exatinho riores e que nos ilumine o caminho, reconstrução, para os faltosos arrependidos.
do jeito que elas pediram. Aí, entram manifestamos nossa vontade de fazer Há sempre a Esperança, porquanto a reabili-
outros fatores, como se o pedido é o que é bom, e é aí que Ele nos orien- tação é sempre possível.
justo, se é realmente necessário, se é ta, ajuda, fortalece.
o mais adequado para a situação do
momento. Deus pode achar que exis- Ele nos concede os meios de sairmos MINUTO DE SABEDORIA
te algo melhor a ser feito. Então, ele por nós mesmos da dificuldade a par-
tir das sugestões que os bons Espí- Lembre-se de que colheremos, infalivel-
nos auxiliará, porém, à sua maneira, mente, aquilo que houvermos semeado.
dando-nos sempre aquilo de que mais ritos nos dão, sendo que, assim, não
nos tira o mérito pelo que fizemos. Se estamos sofrendo, é porque estamos
necessitamos, que pode não ser aquilo colhendo os frutos amargos das semen-
que nós julgamos mais necessário. O problema é que a maioria das pes- teiras errôneas do passado. Fique alerta
Os Espíritos nos dizem que, daquilo soas prefere não lutar, quer apenas quanto ao momento presente! Plante apenas
que pedimos em prece, existem quatro pedir e ser socorrido por alguma es- sementes de otimismo e de amor, para co-
coisas que sempre serão concedidas: a pécie de “milagre”. Por isso, acredi- lher amanhã os frutos doces da alegria e
resignação, a coragem, a paciência e a tam que suas preces não funcionam. da felicidade. Cada um colhe, exatamente,
inspiração. Rita Foelker aquilo que plantou.
HOMENAGEM DO MÊS Augusto Militão Pacheco
Por Marcus Mazza Outro fato de grande importância também Foi sempre de incomparável bondade
Nosso homenageado veio mudar o rumo de sua vida. Sua no tratamento de todos os seus incon-
do mês nasceu no esposa sofria há alguns anos de pertinaz táveis clientes, retornando ao mundo
dia 13 de Junho de enfermidade e para curá-la havia ele es- espiritual abençoado por milhares de
1866 em São Paulo, gotado todos os recursos que a medicina corações, legando aos homens uma vida
e muito deve o movi- alopática havia lhe proporcionado. que se constituiu em verdadeiro modelo
mento espírita ao Dr. Visitando a família do Juiz de Direito de de virtude, um exemplo incomparável
Augusto Militão Pacheco pelo testemunho Campinas, ela teve ali uma de suas crises. A de beleza moral, emanada de um caráter
que deu da Doutrina dos Espíritos. esposa do juiz pediu-lhe permissão para reto e de uma decisão inquebrantável.
Médico formado pela Faculdade de Me- recomendar-lhe um remédio homeopático. Inúmeras pessoas que não podiam pagar
dicina do Rio de Janeiro em 1904 e logo O remédio foi comprado e o tratamento a consulta eram atendidas com igual
depois de formado foi convidado à traba- iniciado.Após essa ocorrência ela teve dedicação e não raras voltavam com o
lhar no Maranhão com o intuito de ajudar apenas duas ameaças de crise e o mal auxilio financeiro para a aquisição dos
a debelar um surto de febre bubônica e lá desapareceu por completo. Militão Pa- remédios prescritos por aquelas mãos
ficou durante dois anos obtendo significa- checo que vinha exercendo a medicina abençoadas. Tornou-se um dos espíritas
tivos resultados na tarefa abraçada. alopática há 5 anos procurou o único mais respeitados e dignos desse país.
médico homeopata de Campinas, ini-
Em 1902, indo à uma sessão espírita, Médico essencialmente homeopata curou
ciando assim um estudo profundo sobre
lembrou-se de sua filhinha desencarnada muitas vidas em sua proveitosa existência.
a homeopatia, para o que conseguiu al-
com apenas 52 dias de vida e formulou Em 7 de Julho de 1954, aos 88 anos de
guns livros a título de empréstimo. Dali
ardente solicitação mental para que ela idade, desencarna nosso homenageado
por diante deixou por completo de praticar
viesse beijá-lo. Sem que tivesse qualquer do mês na cidade de São Paulo, feliz pela
a medicina alopática.
conhecimento do desejo que alimentava, alegria do dever retamente cumprido.
os médiuns videntes que ali estavam Durante mais de meio século, Militão Pa-
checo exerceu o apostolado da medicina na Que Jesus e os amigos espirituais
presentes, decorridos alguns minutos, abençoem nosso companheiro Militão
descreveram que o espírito da menina capital paulista. Dizemos apostolado por-
que foi um médico voltado para os menos Pacheco pelo grande exemplo que foi
havia se dirigido ao pai e ali estava para tantos de nós.
cobrindo-o de beijos. Esse testemunho favorecidos realizando enorme trabalho de
foi o suficiente para que Militão Pacheco assistência individual e coletiva como pou-
se convertesse ao espiritismo. cos conseguiram realizar na Terra. Paz em Jesus!

MENSAGEM DE CONFORTO CALENDÁRIO DAS


Quando você se observar, à beira do Visite um enfermo, buscando reconforto REUNIÕES PÚBLICAS
desânimo, acelere o passo para frente, naqueles que atravessam dificuldades
proibindo-se parar. maiores que as suas. Quarta-Feira – 20 hs
Ore, pedindo a Deus mais luz para Atenda às tarefas imediatas que espe-
vencer as sombras. ram por você e que lhe impeçam qual- 04/06 – O Evangelho Segundo o Espiritismo
Faça algo de bom, além do cansaço quer demora nas nuvens do desalento. Palestrante: Sandra Lemos Azeredo
em que se veja. Guarde a convicção de que todos esta- 11/06 – Boa Nova
Leia uma página edificante, que lhe mos caminhando para adiante, através Palestrante: Inês Catarina

auxilie o raciocínio na mudança de problemas e lutas, na aquisição de 18/06 – Nosso Lar (parte 6)
construtiva de idéias. experiência, e de que a vida concor- Palestrantes: Sônia Amâncio e Rosângela
da com as pausas de refazimento das Mariano
Tente contato de pessoas, cuja conver-
nossas forças, mas não se acomoda 25/06 – Páginas do Espiritismo Cristão
sação lhe melhore o clima espiritual.
com a inércia em momento algum. Palestrante: Marcus Mazza
Procure um ambiente, no qual lhe seja
possível ouvir palavras e instruções Francisco Cândido Xavier.
que lhe enobreçam os pensamentos. Da obra: Busca e Acharás. Sexta-Feira – 15 hs
Preste um favor, especialmente aquele Ditado pelo Espírito André Luiz.
favor que você esteja adiando. 06/06 – Os Elementais
Palestrante: Luis Fernando Paulo

EXPEDIENTE 13/06 – Jesus e o Centurião


Palestrante: Telma Simões Cerqueira
Informativo do Solar Bezerra de Menezes|Campo de São Cristóvão, 402 | (21) 2580-4445/2580-8478
20/06 – Brasil, Coração do Mundo
Vice-Presidente: Fernando Pires da Silva
Diagramação: Camila Simas Palestrante: Luis Fernando Paulo
Aceitamos contribuições compatíveis com a doutrina espírita 27/06 – O Livro dos Espíritos – Q. 918
Palestrante: Rosana Cruz
Entre em contato, dê sua opinião!|amigo.espirita@yahoo.com.br