Você está na página 1de 4

COLÉGIO ESTADUAL DOM PEDRO I

PLANEJAMENTO 2018

PROFESSORES: Marcela Avila e José Carlos. DISCIPLINA: Química


SÉRIE: 1ª TURMAS: Manhã e Tarde

Objetivo Geral: Promover a autonomia em relação ao aprendizado, tendo como ponto de partida a reflexão, o raciocínio, a organização e a
consolidação de hábitos de estudo; recorrendo a conhecimentos desenvolvidos para a elaboração de propostas de intervenção solidária na sua
realidade social e sendo capaz de relacionar o desenvolvimento científico com a transformação da sociedade.

BIMES- CONTEÚDOS OBJETIVOS ESPECÍFICOS METODOLOGIA/ AVALIAÇÃO


TRE SIGNIFICATIVOS ESTRATÉGIA
- Compreender a Química como uma ciência construída
1° - Introdução ao estudo da Química. pelo ser humano e sua importância para a tecnologia e Exposição oral. Trabalhos de pesquisa.
sociedade.
- A matéria, suas propriedades e - Caracterizar diferentes sistemas materiais, assim como Debate entre os alunos. Testes e Provas.
transformações. as relações possíveis entre elas, a fim de conceituar
matéria, fenômenos, misturas e fases, destacando-se as Leitura de textos. Participação do aluno em
- Estados físicos e suas mudanças. evidências que significam a ocorrência de reação química. aula.
- Distinguir substâncias puras e misturas, reconhecendo
- Fenômenos físicos e químicos. que as substâncias puras são caracterizadas por suas
propriedades específicas.
- Interpretar graficamente a mudança de estado físico das
- Substâncias puras e misturas. substâncias puras e das misturas.
- Reconhecer os processos adequados à separação de
- Densidade. misturas homogêneas e heterogêneas mais usuais.
- Compreender as leis ponderais de Lavoisier e de Proust.
2° - Estrutura atômica: - Reconhecer a natureza elétrica da matéria como ponto Leitura de textos. Trabalhos de pesquisa
de partida para a formulação de modelos atômicos. individuais e de grupo.
- Identificar os constituintes fundamentais do átomo. Exposição oral.
● Evolução dos modelos atômicos. Testes e Provas.
● Partículas fundamentais do átomo.
- Compreender os modelos atômicos de Thomson,
Resolução de exercícios.
● Íons: cátions e ânions. Rutherford e Bohr. Participação do aluno em
● Distribuição eletrônica em níveis e - Definir elemento químico, reconhecendo a existência de aula .
subníveis. isótopos.
- Compreender os conceitos de número atômico e número
de massa.
- Identificar, através da notação de um átomo, o número
de prótons, elétrons e nêutrons.
- Compreender a diferença entre os íons.
- Conhecer e aplicar a distribuição eletrônica usando o
diagrama de Linus Pauling para átomos e íons

-Classificação Periódica dos Elementos: - Compreender os critérios utilizados na organização da Exposição oral. Trabalhos de pesquisa.
3° tabela periódica e reconhecer metais e não metais, suas
● Tabela periódica atual. Leitura de Textos. Testes e Provas.
aplicações e características.
● Diferenciar família de período.
● Principais famílias.
- Conhecer a estrutura da tabela periódica e a localização Resolução de exercícios. Participação do aluno em
● Diferenças entre metais e não-metais.
dos elementos representativos e de transição. Aula.
- Diferenciar grupo de período. Jogos envolvendo a
- Caracterizar metais e não metais, suas principais classificação periódica
aplicações, evidenciando as particularidades dos gases dos elementos.
nobres e do hidrogênio.

- Conceituar eletronegatividade, raio atômico e potencial


de ionização e compreender a variação dessas
- Tabela e as suas Propriedades Periódicas: propriedades ao longo de um período e/ou grupo da tabela
periódica.
•Eletronegatividade, raio atômico e
potencial de ionização.

4° - Ligações Químicas: - Compreender que os átomos nos agregados atômicos Informática. Dinâmica de grupo.
mantêm-se unidos por forças atrativas, denominadas de
Modelo do octeto. Datashow. Testes e Provas.
● Ligações: iônica, covalente e metálica ligações.
e suas propriedades. - Conceituar a teoria do octeto e os modelos das ligações
Resolução de exercícios. Participação do aluno em
iônicas, moleculares e metálicas. Aula.
- Representar (fórmulas eletrônicas e estruturais) das
ligações iônicas e covalentes, incluindo compostos
orgânicos, ressaltando a característica do carbono em
formação de cadeias.

- Polaridade das Moléculas. - Perceber que as transformações químicas das


substâncias são causadas pelo favorecimento de novas
interações entre as partículas constituintes dessas
substâncias, nas mais diversas situações.
- Interações Intermoleculares. - Distinguir, a partir do conceito de escala de
eletronegatividade de Pauling, o caráter iônico e o caráter
covalente de uma ligação.
- Compreender as interações intermoleculares, a fim de
estudar o comportamento físico e químico da água e o
estado de agregação de algumas substâncias.
- Relacionar a solubilidade de compostos orgânicos e
inorgânicos em água, enfatizando o papel dos tensoativos.
Bibliografia:
FELTRE, Ricardo. Química. 6. ed., volume 1. São Paulo: Moderna, 2004.
PERUZZO, Tito Mairagaia & CANTO, Eduardo Leite do. Química. Volume 1. São Paulo: Moderna, 2006.
FONSECA, Martha Reis Marques da. Química Integral. Volume 1 . São Paulo: Ática, 2017.
CURRÍCULO MÍNIMO, Química. Governo do Estado do Rio de Janeiro. Secretaria de Estado de Educação. 2012.