Você está na página 1de 5

UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ

Disciplina de Tecnologia das Fermentações


Câmpus CURITIBA – DAQBI

Aluno: JOHN KOTOWSKI

Estudo Dirigido – Cinética Microbiana


Crescimento celular, formação de produto, consumo de substrato em biorreator
do tipo descontínuo (V= 450 mL)

Tempo(min) X (g/L) S (g/L) P (g/L) Ln X


0 9,40 45,00 0,10 2,24071
10 9,50 44,80 2,00 2,25129
20 9,55 44,50 2,75 2,25654
30 10,40 43,00 3,00 2,34181
60 12,40 33,00 4,00 2,51770
90 14,40 23,00 8,00 2,66723
120 17,50 13,00 12,00 2,86220
150 18,00 4,70 16,00 2,89037
180 18,40 4,00 20,00 2,91235
210 18,80 1,90 21,20 2,93386
240 18,90 0,35 21,40 2,93916
270 19,00 0,50 21,60 2,94444

1. Apresente na forma de gráfico os valores de crescimento celular, do consumo


de substrato e de formação do produto, obtidos no estudo cinético da produção
de álcool pela levedura Saccharomyces Cerevisae a partir da fermentação da
glucose

Parâmetros cinéticos da evolução da biomassa

1. Apresente as fases da evolução da biomassa

Tempo de 0 até 20 minutos representa a Fase Lag


Tempo de 20 até 120 minutos representa a Fase Log (exponencial)
Tempo de 120 até 270 minutos representa a Fase estacionária
Cinética Microbiana
Concusmo de substrato e Produção de álcool (g/L) 25,00 50,00

45,00

20,00 40,00

Crescimento de biomassa (g/L)


35,00

15,00 30,00

25,00

10,00 20,00

15,00

5,00 10,00

5,00

0,00 0,00
0 50 100 150 200 250 300
Tempo (min)

X (g/L) P (g/L) S (g/L)

2. Calcule o µ máximo da biomassa

Por meio da regressão linear da fase exponencial, tem-se que:

Regressão linear
3,50000
3,00000
2,50000
2,00000
Ln X

1,50000
1,00000
0,50000
0,00000
y = 0,0059x + 2,1531
0 20 40 60 80 100 120 140
Tempo (min)

Sendo o coeficiente angular igual a 0,0059, o µ será:

µ = 0,0059 ∗ 60 = 0,354 ℎ−1


3. Calcule a produtividade horária máxima de biomassa (FASE EXPONENCIAL).

∆𝑋 𝑥𝑖 − 𝑥𝑓 17,5 − 9,55
= = = 0,0795 × 60 = 4,77 𝑔 × 𝑙 −1 × ℎ−1
∆𝑡 𝑡𝑖 − 𝑡𝑓 120 − 20

4. Calcule a produtividade horária total de biomassa.

∆𝑋 𝑥𝑖 − 𝑥𝑓 19 − 9,4
= = = 0,0355 × 60 = 2,13 𝑔 × 𝑙 −1 × ℎ−1
∆𝑡 𝑡𝑖 − 𝑡𝑓 270 − 0

5. Calcule a produtividade horária global de biomassa.

∆𝑋 𝑥𝑖 − 𝑥𝑓 19 − 9,4
= = = 0,0355 × 60 = 2,13 𝑔 × 𝑙 −1 × ℎ−1
∆𝑡 𝑡𝑖 − 𝑡𝑓 270 − 0

2,13 × 0,450 𝑙 −1 = 0,958 𝑔 × ℎ−1

6. Calcule o tempo de duplicação ou geração de biomassa.

ln 2
𝑡𝑑 = = 1,95 ℎ
µ máximo

Parâmetros cinéticos da evolução do substrato

1. Calcule a velocidade volumétrica máxima de consumo de glicose.

∆𝑆 𝑠𝑖 − 𝑠𝑓 43 − 4,70
= = = 0,319 × 60 = 19,15 𝑔 × 𝑙 −1 × ℎ−1
∆𝑡 𝑡𝑖 − 𝑡𝑓 150 − 30

2. Calcule a velocidade específica de consumo de glicose.

𝑑𝑠 1 33 − 13 1
𝑄𝑠 = × = × = 0,027 × 60 = 1,61 𝑔 × 𝑙 −1 × ℎ−1
𝑑𝑡 𝑥 120 − 60 12,4

3. Calcule o µ máximo do substrato

Por meio da regressão linear, tem-se que a equação da reta obtida foi de:

y = -0,0179x + 4,5088

µ = −0,0179 ∗ 60 = 1,074 ℎ−1


Parâmetros cinéticos da evolução do produto

1. Calcule a produtividade horária máxima do produto.

∆𝑃 𝑝𝑓 − 𝑝𝑖 20 − 4
= = = 0,133 × 60 = 8 𝑔 × 𝑙 −1 × ℎ−1
∆𝑡 𝑡𝑓 − 𝑡𝑖 180 − 60

2. Calcule a produtividade horária total de produto.

∆𝑃 𝑝𝑓 − 𝑝𝑖 21,6 − 0,10
= = = 0,0796 × 60 = 4,77 𝑔 × 𝑙 −1 × ℎ−1
∆𝑡 𝑡𝑓 − 𝑡𝑖 270 − 0

3. Calcule a produtividade horária global do produto.

∆𝑃 𝑝𝑓 − 𝑝𝑖 21,6 − 0,10
= = = 0,0796 × 60 = 4,77 𝑔 × 𝑙 −1 × ℎ−1
∆𝑡 𝑡𝑓 − 𝑡𝑖 270 − 0
4,77 × 0,450 𝑙 −1 = 2,15 𝑔 × ℎ−1

4. Calcule a velocidade específica de formação do produto

𝑑𝑝 1 20 − 4 1
𝑄𝑝 = × = × = 0,0095 × 60 = 0,57 𝑔 × 𝑙 −1 × ℎ−1
𝑑𝑡 𝑥 180 − 60 14,4

5. Calcule o µ máximo do produto

𝑦 = 0,013𝑥 + 0,779

µ = 0,013 ∗ 60 = 0,78 ℎ−1

Balanços de fermentação

1. Calcule o rendimento global da conversão do substrato em biomassa.

𝑋 19 − 9,4
= = 0,216 𝑔 𝑑𝑒 𝑏𝑖𝑜𝑚𝑎𝑠𝑠𝑎/𝑔 𝑑𝑒 𝑠𝑢𝑏𝑠𝑡𝑟𝑎𝑡𝑜
𝑆 45 − 0,5

= 0,216 × 100 = 21,6 %


2. Calcule o rendimento global da conversão de substrato em produto.

𝑃 21,60 − 0,10
= = 0,48 𝑔 𝑑𝑒 𝑝𝑟𝑜𝑑𝑢𝑡𝑜/𝑔 𝑑𝑒 𝑠𝑢𝑏𝑠𝑡𝑟𝑎𝑡𝑜
𝑆 45 − 0,5

= 0,48 × 100 = 48,0 %