Você está na página 1de 20

Comunicações Unificadas e Convergentes

TRC2NA-2010
Luiz Fernando P. S. G. Santos
Joelma Matos Farias
Rafael Amiralhe Neto
Henrique Ortiz Mendes
Sumário

1.0 Tarefas de Pré-instalação............................................................................................1


1.1 Exigências de hardware mínimas ou recomendadas...................................................1

1.3 Configurar seu roteador/firewall para que o Trixbox possa comunicar-se com a
qualquer terminal via SIP através de NAT........................................................................2
...........................................................................................................................................2
1.4 Configuração para mudança de endereço de IP (dinâmico) .......................................2
1.5 Considerações acerca do Roteador/Firewall................................................................2
2.0 Instalação....................................................................................................................3
2.1 Instalação de uma ISO.................................................................................................3
3.0 Segurança do seu servidor Trixbox...........................................................................4
3.1 Configure seu servidor Trixbox com um endereço de IP estático...............................4
3.2 Modificação da senha padrão da interface Web.........................................................4
4.0 Utilização de FREEPBX para configurar seu servidor Trixbox..................................4
4.1 O que é FreePBX?.......................................................................................................4
4.2 Configuração de um ramal..........................................................................................6
4.3 Configuração de tronco para envio e recebimento de chamadas ...............................7
4.4 Configuração de Rotas de saída...................................................................................9
4.5 Configuração de Rotas de Recebimento....................................................................10
4.7 IVR (Recepcionista Digital) ....................................................................................14
5.0 Outras Tarefas...........................................................................................................15
5.1 Instalação de codecs de largura de banda baixos.....................................................15
5.2 Restringir o Asterisk para usar codecs de largura de banda baixos em ramais
remotos............................................................................................................................16
6.0 Roteamento e gerenciamento de múltiplos DIDs ....................................................17
7.0 Resolução de Problemas............................................................................................18
O objetivo deste documento é fornecer um passo a passo para a instalação do Trixbox.

Quem pode usar Trixbox?

O Trixbox pode ser configurado de diferentes maneiras de acordo com as suas necessidades.

1. Escritórios
2. Call Centers
3. Cyber Cafes
4. Call shops
5. Residência

O que é Asterisk?

O Asterisk é um PBX (sigla em inglês de Private Branch Exchange ou ainda PABX para Private
Automatic Branch Exchange, cuja tradução seria Troca automática de ramais privados) que
permite que telefones analógicos e SIP se comuniquem um com o outro. Cada telefone é
configurado como uma extensão no PBX, mas a maior vantagem do Asterisk é que a extensão
não tem de estar na mesma posição física. Isto significa que você pode ter extensões em todo
o mundo enquanto eles estão conectados à Internet e propriamente configurados com as
informações do seu servidor.

Como qualquer sistema PBX, o Asterisk tem características como: Secretária Eletrônica,
Conferências, Distribuição de Chamadas. Uma das maiores vantagens do Asterisk é que ele o
deixará configurar seu Dial Plan e código de acordo com suas necessidades.

O que é Trixbox?

O Trixbox é uma imagem ISO de um servidor Asterisk pré-configurado que facilita a instalação
e o uso. O Trixbox contém uma versão completa do Asterisk e outras aplicações extras pré-
configuradas.

Depois de instalar o Trixbox, você terá um PBX funcional que poderá ser totalmente
customizado de acordo com suas necessidades.

Atualmente, a Fonality (Detentora do Trixbox) administra duas versões do software: TrixboxCE


e TrixboxPRO. A versão CE e a PRO são idênticas, o que as diferencia é que na versão PRO,
há o suporte e monitoramento 24x7 pela equipe da Fonality ajudando o consumidor com todos
os detalhes desde o planejamento até a implementação, enquanto a versão CE é gratuita e não
possui suporte comercial. No entanto a Fonality disponibiliza manuais e um fórum gratuito
totalmente voltado à solução CE.

1.0 Tarefas de Pré-instalação

1.1 Exigências de hardware mínimas ou recomendadas

Quanto mais rápido for o sistema usado para administrar o Asterisk, mais chamadas
simultâneas ele será capaz de administrar. Um 500MHz PIII com 128 Megas da memória RAM
atende facilmente as necessidades de um usuário residencial. Disco Rígido de 2GB no mínimo.

Obs: Estas são as exigências mínimas. Caso haja a instalação de secretária eletrônica e
monitoramento de chamadas, sugerimos a utilização de uma CPU PIV, com pelo menos 512
MB de memória RAM e um disco rígido de pelo menos 40GB.

1
1.2 Download da imagem ISO

Faça o download da última .ISO no endereço


http://voxel.dl.sourceforge.net/sourceforge/asteriskathome/trixbox-2.6.1-i386.iso e grave em um
CD.

1.3 Configurar seu roteador/firewall para que o Trixbox possa comunicar-se com a
qualquer terminal via SIP através de NAT.

Para o Trixbox comunicar-se com sucesso com qualquer terminal* usando SIP através de NAT,
certifique-se que seu router/firewall encaminhe as seguintes portas para seu endereço de IP
Privado/LAN destinado ao servidor Trixbox. Assegure-se de que o endereço de IP Privado/LAN
esteja estaticamente destinado ao servidor Trixbox e não destinado dinamicamente via DHCP.

*Os terminais SIP trabalham normalmente com a mesma porta, mas para cada terminal deve-
se observar a devida porta de comuncação.

Na configuração do seu firewall, encaminhe as seguintes portas para o endereço de IP de seu


Trixbox:

Nome Porta Tipo


SIP 5060 UDP / TCP
IAX2 4569 UDP
IAX 5036 UDP
WEB 80 TCP
MGCP 5036 UDP
RTP 10000 – 20000 UDP

1.4 Configuração para mudança de endereço de IP (dinâmico)

A maior parte dos provedores de internet não fornece “um endereço de IP estático privado”, o
que é recomendado para o Trixbox. Alguns provedores de internet fornecem endereços de IP
dinâmico, dificultando o uso do Trixbox. O trabalho em volta deste problema chama “DNS
Dinâmico”.

1.5 Considerações acerca do Roteador/Firewall

Em nosso projeto, utilizamos o roteador Linksys WRT610n, pois não são todos os roteadores
de pequeno porte que fazerm Port Range Forward. Além disso, após diversos testes, em
ambientes virtualizados, chegamos a conclusão de que devido aos protocolos de segurança
dos modelos 802.11a/b/g/n, não recomendamos o uso do Trixbox em máquinas virtuais com
conexão Wireless. O roteador irá detectar os pacotes originados do trixbox virtualizado como
ipspoofing e bloqueará o acesso do servidor à LAN, o que significa que os terminais não
poderão conectar-se ao servidor.

O que é DNS dinâmico?

O DNS dinâmico permite que um domínio de Internet seja destinado a um endereço de IP


dinâmico. Isto é, a solução pode ser usada para servidores com conexão discada ou ADSL,
pois o endereço de IP é mudado periodicamente.

2
Alguns provedores de DNS dinâmico fornecem um software que pode ser instalado no servidor.
Este software rastreia qualquer modificação no endereço de IP e envia essas modificações ao
seu banco de dados. Assim, o domínio sempre será atualizado com o endereço de IP correto
assim que modificado.

Há alguns routers no mercado com essas características, tornando desnecessário a instalação


de qualquer software no servidor. Para isso, criamos uma conta no domínio no-ip.com e a
configuramos no roteador.

Como uso DNS Dinâmico com Trixbox?

Edite o arquivo sip.conf dentro do FREEPBX, clique em Manutenção---->Editar Config---->


sip_nat.conf. Dentro de sip_nat.conf acrescente o seguinte e clique em "Atualizar":

• externip = home.mydomain.com (Introduza o nome de domínio do serviço de DDNS


• localnet = internal.network.address.0/255.255.255.0 (Inserir o endereço LAN/Rede
Privada do seu servidor Trixbox)

Para o uso de NAT introduza o seguinte parametro:

• nat=yes

O contexto [geral] do seu arquivo sip.conf será similiar ao texto abaixo:

• [general]
bindport=5060 ; Porta UDP para ligar a (Porta SIP padrão é 5060)
bindaddr=0.0.0.0 ; Endereços IP para associar a (0.0.0.0 associa a todos )
disallow=all
allow=ulaw
allow=alaw
allow=gsm
allow=ilbc
allow=g723
allow=g729
externip = home.mydomain.com
localnet = Endereço de rede (xxx.xxx.xxx.xxx)
nat=yes

2.0 Instalação

2.1 Instalação de uma ISO

Insira o CD com a imagem ISO e certifique-se que sua Bios é configurada para inicializar com
CD-ROM ou DVD-ROM.

Obs: Ao instalar o Trixbox, todas as unidades de disco conectadas ao equipamento serão


apagadas.

Após o boot inicial, a tela de instalação do trixbox será exibida. Dê inicio à instalação.

Assim que o servidor Trixbox for instalado, ele terá todas as aplicações e o próprio sistema
operacional com senhas padrão.

Após a instalação, o CD será ejetado. Aguardar a reicicialização do sistema. A inicialização do


sistema pode demorar, dependendo da velocidade do seu computador. Quando este processo

3
estiver completo, faça o login no sistema Trixbox com o usuário = root e a senha criada durante
a instalação.

3.0 Segurança do seu servidor Trixbox

3.1 Configure seu servidor Trixbox com um endereço de IP estático

Para modificar as senhas padrão, é necessário destinar ao seu Trixbox um endereço IP


estático.

Na CLI do Trixbox digite:

netconfig

Um assistente de configuração semi-grafico será exibido. Introduza toda a informação


solicitada e clique em OK. Ao retornar a CLI do Trixbox reinicie o servidor com o comando:

reboot

3.2 Modificação da senha padrão da interface Web

A senha padrão do Painel de Controle é:

Password: passw0rd

Observe que 0 é o algarismo "zero".

Para modificar esta senha, faça o login em seu servidor Trixbox via CLI com seu usuário e
senha e digite no diretório.

/var/www/html/panel

Usando um editor de texto, abra o arquivo de configuração op_server.cfg

Navegue até a linha security code=passw0rd. Substitua o "passw0rd" pela senha da sua
escolha.

Após atroca da senha, reinicie o serviço do painel.

amportal restart

4.0 Utilização de FREEPBX para configurar seu servidor Trixbox

4.1 O que é FreePBX?

O Portal de Administração do Asterisk torna a configuração mais fácil fornecendo um método


gráfico (por navegador). O FREEPBX permite que você configure os arquivos de configuração
textuais que o Asterisk utiliza.

O FREEPBX pode configurar os seguintes serviços no Asterisk:

Incoming calls — Determina para onde enviar as chamadas recebidas


Extensions — Acrescenta ramais e cria secretária eletrônica

4
Ring groups — Grupo de ramais que devem tocar simultaneamente
Queues — Organiza as chamadas em filas e permite que sejam atendidas em ordem
Digital Receptionist — Cria menus de voz para os ligadores
Trunks — Estabelecem troncos para a realização de chamadas
Outbound Routing — Administram quais troncos realizam chamadas
DID routes — Especificam o destino das chamadas caso o tronco suporte o recebimento de
ligações
On hold music — Transfere arquivos MP3 para que os usuários escutem enquanto estão em
modo de espera.
System recordings — Grava mensagens para ramais específicos
Backup and restore — Cria, faz backup e restaura perfis do seu sistema
General settings — Configura plano de discagem básico, diretório da empresa e
configurações de fax

Acessando a interface Web:

1. Abra seu navegador e digite HTTP: //EndereçoIPDoSeuAsterisk


2. Altere para Modo Admin. (clique no link de alteração no topo superior direito)
3. Digite usuário e senha (o usuário= maint e password conforme alteração do item 3.2)

5
4.2 Configuração de um ramal

1. Abra seu navegador e digite HTTP: //EndereçoIPDoSeuAsterisk


2. Altere para Modo Admin. (clique no link de alteração no topo superior direito)
3. Clique no Menu do Asterisk
4. No Menu PBX selecione PBX settings
5. clique no menu extensions na coluna da esquerda

6. No menu extensions selecione “Generic SIP device” e clique ‘submit’.

Exemplo

1. Crie um ramal de sua escolha¹ e digite uma senha para registro² . Escreva o nome da
pessoa que usa esta extensão.

6
2. Configure seu ramal em um telefone e teste. No projeto foi utilizado o Xlite como
ferramenta de testes. Lembre-se de usar seu ramal e sua senha no Xlite. Use o
endereço IP privado Trixbox como sip proxy.

3. Faça uma ligação do seu telefone. Tente *43. Este é o teste de eco.

A cada modificação de configuração clique "Submit" para ver um botão LARANJA na tela
“Apply Configuration Changes”. Este botão recarregará os arquivos .conf. Clique na barra para
atualizar as modificações.

4.3 Configuração de tronco para envio e recebimento de chamadas

1. Conecte ao seu Trixbox digitando HTTP: // EndereçoIPDoSeuAstetisk.


2. Selecione PBX no Menu do TrixBox
3. Clique em Troncos e “Add SIP Trunk”.
4. Introduza somente a seguinte informação:
Outgoing Settings
Trunk Name = <nome do provedor voip>

PEER Details
username=xxxxxxx (Substitua xxxxxxx pelo seu número virtual)
type=peer
secret=senha do numero virtual
host=endereço canônico do provedor voip
fromuser=xxxxxxx (Substitua xxxxxxx pelo seu número virtual)
fromdomain= endereço canônico do provedor voip
context=informação fornecida pelo provedor voip.
canreinvite=no

Incoming Settings
User Context = endereço canônico do provedor voip

PEER Details
username=xxxxxxx (Substitua xxxxxxx pelo seu número virtual)
user=xxxxxxx (Substitua xxxxxxx pelo seu número virtual)
type=friend
insecure=very
host= endereço canônico do provedor voip
fromdomain= endereço canônico do provedor voip
context=from-pstn

7
³Registration String = A inserção de dados nesta linha varia de acordo com a
operadora voip.

5. Clique em “Submit Changes”

6. Após Configurado Clique em “Apply Configuration Changes” no topo da página.

8
4.4 Configuração de Rotas de saída

Você deverá permitir que as ligações dos seus telefones saiam de um tronco específico. Tendo
mais de um tronco, você deverá configurar regras de discagem (padrão de discagem) para
especificar quais ligações devem sair de quais troncos.

1. Selecione Setup
2. Clique em Outbound Routes.
3. Crie um nome para a rota
4. Coloque a seguinte Informação::
Dial Patterns
NXXXXXX
NXXXXXX
NXXNXXXXXX
1800NXXXXXX
1888NXXXXXX
1877NXXXXXX
1866NXXXXXX
1NXXNXXXXXX
011.

Trunk Sequence

9
4.5 Configuração de Rotas de Recebimento.

A configuração das rotas de recebimento permitirá que as ligações do seu provedor Voip
cheguem no seu PBX.

1. Selecione Setup
2. Selecione Inbound Routes.
3. Deixe os campos DID number e Caller ID number vazios
4. No campo “set destination” selecione um ramal para transforma-lo em uma linha direta
ou selecione IVR para a linha tocar sempre na Recepcionista Digital.

5. Clique “Submit”

10
11
12
4.6 Registros do Sistema

O Registro do Sistema permite que você crie seus próprios comandos de voz ou selecione
vários arquivos prontos para criar o comando desejado.

Para este exemplo gravamos um arquivo de som com os menus do IVR.

1. Clique em Systen Recordings


2. Selecione Procurar.
3. No menu selecione o arquivo gravado e clique em abrir.
4. Continue selecionando o resto dos arquivos como mostrado no gráfico. Clique em
‘Save’ após selecionar cada arquivo.

6. Após salvar todos os arquivos, seu registro será criado com o nome do primeiro arquivo
selecionado.

13
4.7 IVR (Recepcionista Digital)

Você pode usar a Recepcionista Digital para fazer IVR's, sistemas de Resposta de Voz
Interativa. Criando um menu, além das opções padrões de 0-9, * e #, você também pode usar
as teclas 'i' e 't'. O ‘i’ é usado quando quem liga aperta um botão inválido, e o 't' é usado quando
não há resposta. Se essas opções não forem fornecidas, o padrão 't’ deve repetir o menu três
vezes e desligar, e o padrão ‘i’ significa ‘opção inválida, por favor tente novamente' e o menu é
repetido. Depois de três tentativas inválidas, a ligação é desconectada.

1. Clique em “Unnamed IVR”


2. No campo "Announcement" selecione a gravação desejada, neste exemplo “Welcome”

3. Não crie nenhuma opção e clique em ‘Save’

Para terminar a configuração básica do seu servidor Trixbox, direcione todas as chamadas
recebidas para o novo sistema de gravação ‘Bem-vindo’.

Utilização do FreePBX

1. Clique em Setup
2. Selecione Inbound routes
3. Clique na rota criada anteriormente direcionada para o ramal 200 (qualquer DID /
qualquer CID)
4. Altere a seção “sip destination” selecionando "Recordings" e "Welcome" do menu,
como mostrado no gráfico

5. Clique em ‘Submit’.

Todas as ligações recebidas serão direcionadas para o IVR ‘Unnamed’ permitindo a escolha do
ramal desejado.

14
5.0 Outras Tarefas

Até este ponto, executamos instalação e configuração básicas do Trixbox.


Para otimizar seu desempenho e utilizar largura de banda limitada para fazer e receber
ligações, faça a seguinte configuração:

o Instale os codecs de largura de banda baixos como G723 e G729.


o Restrinja o tronco InPhonex para usar codecs de largura de banda baixos.
o Restrinja o Asterisk para usar codecs de largura de banda baixos em ramais
remotos.

OBSERVAÇÃO: A INSTALAÇÃO PADRÃO do TRIXBOX não VEM com os codecs


G723 E G729. SE VOCÊ RESTRINGIR O SEU TRONCO PARA USAR SOMENTE
ESSES CODECS E OS MESMOS NÃO ESTIVERM INSTALADOS, VOCÊ NÃO SERÁ
CAPAZ DE FAZER LIGAÇÕES.

5.1 Instalação de codecs de largura de banda baixos

Você pode encontrar os códigos específicos do seu computador em:

http://asterisk.hosting.lv/

AVISO: É preciso pagar royalties para os portadores da patente G.729/723.

Para instalar o codec coloque o arquivo .so em /usr/lib/asterisk/modules no diretório do seu


servidor de Asterisk.

É muito importante que você escolha o codec de acordo com o computador e servidor que você
tem. Caso escolha o codec errado, o Asterisk não carregará e lhe dará uma mensagem de
erro. Retire o arquivo e reinicie o servidor.

Segue comando para remover arquivos do CentOS (Linux):

rm filename (substitua "filename" pelo nome do arquivo)


Assim que você esolher o arquivo correto no servidor, introduza as seguintes ordens no
servidor e clique ‘enter’.

Assumindo que o arquivo correto é codec_g729-gcc-pentium4-no-sse.so

Introduza a ordem:
wget http://asterisk.hosting.lv/built-for-asterisk-1.2/ codec_g729-gcc-pentium4-no-sse.so
Assumindo que o arquivo correto é /codec_g723-gcc-pentium4-no-sse.so
wget http://asterisk.hosting.lv/built-for-asterisk-1.2/ codec_g723-gcc-pentium4-no-sse.so

Para confirmar se o arquivo correto foi carregado, digite:

asterisk –r
restart now
asterisk –r
show translation

15
Se o arquivo foi carregado corretamente, você verá as traduções do codec G729.

Siga os mesmos procedimentos para instalar o codec G723

5.2 Restringir o Asterisk para usar codecs de largura de banda baixos em ramais
remotos

Use um computador com navegador e conecte ao Trixbox através do endereço


HTTP: // ColoqueoEndereçoIPdoTrixboxAqui.

1. Clique no menu do Asterik.


2. Clique em Config Edit
3. Clique em sip.conf
4. Faça as seguintes modificações:
#include sip_custom_post.conf
disallow=all
allow=g729
allow=g723
allow=gsm

16
context=from-pstn
srvlookup=Yes
session-timers=refuse
session-expires=3600
session-refresher=uas

; nat=yes , externip= , localhost= , and optionally fromdomain= .

5. Clique em UPDATE
6. Clique re-Read Configs no topo da tela

6.0 Roteamento e gerenciamento de múltiplos DIDs

Haverá momentos que pode ser necessários direcionar DIDs diferentes a IVRs ou extensões
diferentes para atender ao seu caso específico. Por exemplo, pode ser necessário
disponibilizar dois números diferentes para seus clientes; um em Português e outro em Inglês.

Você pode configurar um DID como o número principal mas disponibilizar cada extensão no
seu Trixbox com um DID próprio que funciona como um número direto. Você pode inclusive
configurar duas empresas diferentes no mesmo Trixbox e oferecer um DID para cada uma.

Segue informação para configurar DIDs da Varphonex:

Nota: Se o DID que você quer configurar está associado a um número virtual que já possui um
string de registro no arquivo sip_nat.conf; será necessário deletá-lo, salvar as alterações e
aguardar até o registro expirar no nosso servidor.

Você pode ver esse registro no Painel de Controle na seção “Virtual Phone Numbers”.

O procedimento abaixo assume que o seu número virtual não está registrado no nosso
servidor.

1. No FreePBX, edite o arquivo de config


2. Edite o arquivo sip_nat.conf
3. Adicione o seguinte string de registro:
register=VN:password@sip.inphonex.com/DID

Onde VN = número virtual


Password = senha
DID = DID a ser roteado

Exemplo:
register:1234567:password@sip.inphonex.com/3057256200

Verifique se o VN está registrado no painel de controle e configure uma rota de recebimento


baseada no DID.

1. Abra o FreePBX
2. Selecione a configuração
3. Selecione Inbound Routes

17
4. Coloque o número DID como mostra a figura:

Substitua o xxxxxxx pelo seu número DID.

5. Estabeleça o destino. Por exemplo:

7.0 Resolução de Problemas

Não recebo ligações.

• Certifique-se que você configurou uma rota de recebimento.


• Certiique-se que o número virtual configurado no seu Trixbox está registrado no nosso
servidor proxy. Você pode verificar isto do seu painel de controle
• Verifique se todas as portas necessárias estão abertas ou encaminhadas no seu
firewall.
• Se você está restringindo o seu tronco para usar só g729 ou g723; certifique-se que
eles são instalados corretamente.

Recebo ligações, mas não consigo fazer.

• Certifique-se que uma rota de saída esteja configurada para usar o tronco InPhonex.
• Verifique se o número que você está discando está de acordo com o padrão de
discagem configurado na seção 4.4.
• Se você está restringindo o seu tronco para usar só g729 ou g723; certifique-se que
eles são instalados corretamente.

As minhas ligações não têm boa qualidade.

• Restrinja os troncos de envio e recebimento para usar os codecs g729. G723 e gsm.
• Certifique-se que você tem largura de banda suficiente.
• Indentifique se você tem o mesmo problema quando liga para outros números virtuais
InPhonex ou se somente ligando para números PSTN.

18