Você está na página 1de 71

Introdução

Resumo de Algumas Funções Elementares


Referências Bibliográficas

Matemática I - Cálculo Diferencial

Funções: Um breve Resumo

Gustavo H. O. Salgado

Unifei - Itabira

Aula 01

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Introdução

O objeto fundamental do cálculo é o estudo das funções e suas


caracterı́sticas.

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Introdução

O objeto fundamental do cálculo é o estudo das funções e suas


caracterı́sticas. As funções surgem quando uma quantidade
depende da outra e a usamos para relacionar essas quantidades.

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Definição
Uma função f é uma lei a qual para cada elemento x em um
conjunto 𝒜 faz corresponder exatamente um elemento chamado
f (x), em um conjunto ℬ.

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Definição
Uma função f é uma lei a qual para cada elemento x em um
conjunto 𝒜 faz corresponder exatamente um elemento chamado
f (x), em um conjunto ℬ.

Conceitos
1 O conjunto 𝒜 é chamado de Domı́nio da função f ;

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Definição
Uma função f é uma lei a qual para cada elemento x em um
conjunto 𝒜 faz corresponder exatamente um elemento chamado
f (x), em um conjunto ℬ.

Conceitos
1 O conjunto 𝒜 é chamado de Domı́nio da função f ;

2 O conjunto ℬ é chamado de Contradomı́nio da função f ;

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Definição
Uma função f é uma lei a qual para cada elemento x em um
conjunto 𝒜 faz corresponder exatamente um elemento chamado
f (x), em um conjunto ℬ.

Conceitos
1 O conjunto 𝒜 é chamado de Domı́nio da função f ;

2 O conjunto ℬ é chamado de Contradomı́nio da função f ;


3 O subconjunto 𝒞 = {y ∈ ℬ ∣ y = f (x), x ∈ 𝒜} é chamado de
conjunto Imagem da função f .

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Definição
Uma função f é uma lei a qual para cada elemento x em um
conjunto 𝒜 faz corresponder exatamente um elemento chamado
f (x), em um conjunto ℬ.

Conceitos
1 O conjunto 𝒜 é chamado de Domı́nio da função f ;

2 O conjunto ℬ é chamado de Contradomı́nio da função f ;


3 O subconjunto 𝒞 = {y ∈ ℬ ∣ y = f (x), x ∈ 𝒜} é chamado de
conjunto Imagem da função f .

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Definição
Uma função f é uma lei a qual para cada elemento x em um
conjunto 𝒜 faz corresponder exatamente um elemento chamado
f (x), em um conjunto ℬ.

Conceitos
1 O conjunto 𝒜 é chamado de Domı́nio da função f ;

2 O conjunto ℬ é chamado de Contradomı́nio da função f ;


3 O subconjunto 𝒞 = {y ∈ ℬ ∣ y = f (x), x ∈ 𝒜} é chamado de
conjunto Imagem da função f .

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Representação de Funções

Podemos representar uma função de algumas maneiras

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Representação de Funções

Podemos representar uma função de algumas maneiras, entre as


mais usadas temos:

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Representação de Funções

Podemos representar uma função de algumas maneiras, entre as


mais usadas temos:

Verbalmente

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Representação de Funções

Podemos representar uma função de algumas maneiras, entre as


mais usadas temos:

Verbalmente → Descrevendo-a com palavras;

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Representação de Funções

Podemos representar uma função de algumas maneiras, entre as


mais usadas temos:

Verbalmente → Descrevendo-a com palavras;


Numericamente

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Representação de Funções

Podemos representar uma função de algumas maneiras, entre as


mais usadas temos:

Verbalmente → Descrevendo-a com palavras;


Numericamente → Por meio de tabela de valores;

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Representação de Funções

Podemos representar uma função de algumas maneiras, entre as


mais usadas temos:

Verbalmente → Descrevendo-a com palavras;


Numericamente → Por meio de tabela de valores;
Visualmente

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Representação de Funções

Podemos representar uma função de algumas maneiras, entre as


mais usadas temos:

Verbalmente → Descrevendo-a com palavras;


Numericamente → Por meio de tabela de valores;
Visualmente → Através de gráficos;

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Representação de Funções

Podemos representar uma função de algumas maneiras, entre as


mais usadas temos:

Verbalmente → Descrevendo-a com palavras;


Numericamente → Por meio de tabela de valores;
Visualmente → Através de gráficos;
Algebrimente

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Representação de Funções

Podemos representar uma função de algumas maneiras, entre as


mais usadas temos:

Verbalmente → Descrevendo-a com palavras;


Numericamente → Por meio de tabela de valores;
Visualmente → Através de gráficos;
Algebrimente → Utilizando-se uma fórmula explı́cita;

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Exemplo 01

a) Uma caixa sem tampa tem volume de 10m3 . O comprimento


da base é o dobro da largura. O material da base custa
R$ 10, 00 por metro quadrado, ao passo que o material das
laterais custa R$ 6, 00 por metro quadrado.

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Exemplo 01

a) Uma caixa sem tampa tem volume de 10m3 . O comprimento


da base é o dobro da largura. O material da base custa
R$ 10, 00 por metro quadrado, ao passo que o material das
laterais custa R$ 6, 00 por metro quadrado. Expresse o custo
total do material em função do comprimento da base.

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Exemplo 01

a) Uma caixa sem tampa tem volume de 10m3 . O comprimento


da base é o dobro da largura. O material da base custa
R$ 10, 00 por metro quadrado, ao passo que o material das
laterais custa R$ 6, 00 por metro quadrado. Expresse o custo
total do material em função do comprimento da base.
b) Uma estimativa anual do número N, em milhares, de
assinantes de telefones celulares na Malásia é mostrado na
tabela abaixo:

t 1991 1993 1995 1997

N 132 304 873 2.461

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Exemplo 01

c) O gráfico da função f (x) : IR → IR é representada no plano


cartesiano pelo conjunto de pontos dados pelos pares
ordenados (x, y )

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Exemplo 01

c) O gráfico da função f (x) : IR → IR é representada no plano


cartesiano pelo conjunto de pontos dados pelos pares
ordenados (x, y ) = (x, f (x)) considerando y = f (x)

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Exemplo 01

c) O gráfico da função f (x) : IR → IR é representada no plano


cartesiano pelo conjunto de pontos dados pelos pares
ordenados (x, y ) = (x, f (x)) considerando y = f (x), ou seja,

gráfico(f ) = {(x, f (x)) ∣ x ∈ IR}

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Exemplo 01

c) O gráfico da função f (x) : IR → IR é representada no plano


cartesiano pelo conjunto de pontos dados pelos pares
ordenados (x, y ) = (x, f (x)) considerando y = f (x), ou seja,

gráfico(f ) = {(x, f (x)) ∣ x ∈ IR}

d) A função f (x) = ln(x) + sen(x).

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Observções

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Observções
A disciplina de cálculo diferencial será focada, inicialmente,
em funções f (x) : 𝒜 ⊂ IR → IR;

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Observções
A disciplina de cálculo diferencial será focada, inicialmente,
em funções f (x) : 𝒜 ⊂ IR → IR;
É importante compreender algumas funções expressas
algebricamente e seus gráficos;

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Observções
A disciplina de cálculo diferencial será focada, inicialmente,
em funções f (x) : 𝒜 ⊂ IR → IR;
É importante compreender algumas funções expressas
algebricamente e seus gráficos;
Através de algumas funções previamente conhecidas
agregadas com algumas ferramentas que serão aprendidas
poderemos compreender e esboçar o gráfico de funções pouco
mais complicadas expressas algebricamente.

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Observções
A disciplina de cálculo diferencial será focada, inicialmente,
em funções f (x) : 𝒜 ⊂ IR → IR;
É importante compreender algumas funções expressas
algebricamente e seus gráficos;
Através de algumas funções previamente conhecidas
agregadas com algumas ferramentas que serão aprendidas
poderemos compreender e esboçar o gráfico de funções pouco
mais complicadas expressas algebricamente.

Sob essa ótica temos dois questionamentos

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Observções
A disciplina de cálculo diferencial será focada, inicialmente,
em funções f (x) : 𝒜 ⊂ IR → IR;
É importante compreender algumas funções expressas
algebricamente e seus gráficos;
Através de algumas funções previamente conhecidas
agregadas com algumas ferramentas que serão aprendidas
poderemos compreender e esboçar o gráfico de funções pouco
mais complicadas expressas algebricamente.

Sob essa ótica temos dois questionamentos


Toda função pode ser expressa em termos de funções
elementares?

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Observções
A disciplina de cálculo diferencial será focada, inicialmente,
em funções f (x) : 𝒜 ⊂ IR → IR;
É importante compreender algumas funções expressas
algebricamente e seus gráficos;
Através de algumas funções previamente conhecidas
agregadas com algumas ferramentas que serão aprendidas
poderemos compreender e esboçar o gráfico de funções pouco
mais complicadas expressas algebricamente.

Sob essa ótica temos dois questionamentos


Toda função pode ser expressa em termos de funções
elementares? O que são funções elementares?

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Funções
Resumo de Algumas Funções Elementares
Definições sobre funcões
Referências Bibliográficas

Observções
A disciplina de cálculo diferencial será focada, inicialmente,
em funções f (x) : 𝒜 ⊂ IR → IR;
É importante compreender algumas funções expressas
algebricamente e seus gráficos;
Através de algumas funções previamente conhecidas
agregadas com algumas ferramentas que serão aprendidas
poderemos compreender e esboçar o gráfico de funções pouco
mais complicadas expressas algebricamente.

Sob essa ótica temos dois questionamentos


Toda função pode ser expressa em termos de funções
elementares? O que são funções elementares?
Todo desenho no plano cartesiano representa uma função?

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

A função do 1o Grau
Seja f : IR → IR definida por f (x) = ax + b em que a e b são
constantes reais.

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

A função do 1o Grau
Seja f : IR → IR definida por f (x) = ax + b em que a e b são
constantes reais.
Qual o gráfico tı́pico de f (x) = ax + b?

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

A função do 1o Grau
Seja f : IR → IR definida por f (x) = ax + b em que a e b são
constantes reais.
Qual o gráfico tı́pico de f (x) = ax + b?
O que a constante a determina no gráfico?

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

A função do 1o Grau
Seja f : IR → IR definida por f (x) = ax + b em que a e b são
constantes reais.
Qual o gráfico tı́pico de f (x) = ax + b?
O que a constante a determina no gráfico?
O que a constante b determina no gráfico?

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

A função do 1o Grau
Seja f : IR → IR definida por f (x) = ax + b em que a e b são
constantes reais.
Qual o gráfico tı́pico de f (x) = ax + b?
O que a constante a determina no gráfico?
O que a constante b determina no gráfico?
Qual é o ponto de interseção no eixo OX ?

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

A função do 1o Grau
Seja f : IR → IR definida por f (x) = ax + b em que a e b são
constantes reais.
Qual o gráfico tı́pico de f (x) = ax + b?
O que a constante a determina no gráfico?
O que a constante b determina no gráfico?
Qual é o ponto de interseção no eixo OX ?
Qual é o ponto de interseção no eixo OY ?

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

A função do 1o Grau
Seja f : IR → IR definida por f (x) = ax + b em que a e b são
constantes reais.
Qual o gráfico tı́pico de f (x) = ax + b?
O que a constante a determina no gráfico?
O que a constante b determina no gráfico?
Qual é o ponto de interseção no eixo OX ?
Qual é o ponto de interseção no eixo OY ?
Qual o domı́nio e a imagem da função f (x)?

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

A função do 1o Grau
Seja f : IR → IR definida por f (x) = ax + b em que a e b são
constantes reais.
Qual o gráfico tı́pico de f (x) = ax + b?
O que a constante a determina no gráfico?
O que a constante b determina no gráfico?
Qual é o ponto de interseção no eixo OX ?
Qual é o ponto de interseção no eixo OY ?
Qual o domı́nio e a imagem da função f (x)?

Esboce o gráfico das funções de primero grau:

a) f (x) = 3x + 6

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

A função do 1o Grau
Seja f : IR → IR definida por f (x) = ax + b em que a e b são
constantes reais.
Qual o gráfico tı́pico de f (x) = ax + b?
O que a constante a determina no gráfico?
O que a constante b determina no gráfico?
Qual é o ponto de interseção no eixo OX ?
Qual é o ponto de interseção no eixo OY ?
Qual o domı́nio e a imagem da função f (x)?

Esboce o gráfico das funções de primero grau:

a) f (x) = 3x + 6 b) y = −x + 4

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

A função do 2o Grau
Seja f : IR → IR definida por f (x) = ax 2 + bx + c em que a, b e c
são constantes reais.

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

A função do 2o Grau
Seja f : IR → IR definida por f (x) = ax 2 + bx + c em que a, b e c
são constantes reais.
Qual o gráfico tı́pico de f (x) = ax 2 + bx + c?

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

A função do 2o Grau
Seja f : IR → IR definida por f (x) = ax 2 + bx + c em que a, b e c
são constantes reais.
Qual o gráfico tı́pico de f (x) = ax 2 + bx + c?
O que a constante a determina no gráfico?

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

A função do 2o Grau
Seja f : IR → IR definida por f (x) = ax 2 + bx + c em que a, b e c
são constantes reais.
Qual o gráfico tı́pico de f (x) = ax 2 + bx + c?
O que a constante a determina no gráfico?
O que a constante c determina no gráfico?

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

A função do 2o Grau
Seja f : IR → IR definida por f (x) = ax 2 + bx + c em que a, b e c
são constantes reais.
Qual o gráfico tı́pico de f (x) = ax 2 + bx + c?
O que a constante a determina no gráfico?
O que a constante c determina no gráfico?
Quais são os pontos de interseção no eixo OX ?

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

A função do 2o Grau
Seja f : IR → IR definida por f (x) = ax 2 + bx + c em que a, b e c
são constantes reais.
Qual o gráfico tı́pico de f (x) = ax 2 + bx + c?
O que a constante a determina no gráfico?
O que a constante c determina no gráfico?
Quais são os pontos de interseção no eixo OX ?
Qual é o ponto de interseção no eixo OY ?

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

A função do 2o Grau
Seja f : IR → IR definida por f (x) = ax 2 + bx + c em que a, b e c
são constantes reais.
Qual o gráfico tı́pico de f (x) = ax 2 + bx + c?
O que a constante a determina no gráfico?
O que a constante c determina no gráfico?
Quais são os pontos de interseção no eixo OX ?
Qual é o ponto de interseção no eixo OY ?
Qual o valor das coordenadas do vértice do gráfico?

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

A função do 2o Grau
Seja f : IR → IR definida por f (x) = ax 2 + bx + c em que a, b e c
são constantes reais.
Qual o gráfico tı́pico de f (x) = ax 2 + bx + c?
O que a constante a determina no gráfico?
O que a constante c determina no gráfico?
Quais são os pontos de interseção no eixo OX ?
Qual é o ponto de interseção no eixo OY ?
Qual o valor das coordenadas do vértice do gráfico?
Qual o domı́nio e a imagem da função f (x)?

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

A função do 2o Grau
Seja f : IR → IR definida por f (x) = ax 2 + bx + c em que a, b e c
são constantes reais.
Qual o gráfico tı́pico de f (x) = ax 2 + bx + c?
O que a constante a determina no gráfico?
O que a constante c determina no gráfico?
Quais são os pontos de interseção no eixo OX ?
Qual é o ponto de interseção no eixo OY ?
Qual o valor das coordenadas do vértice do gráfico?
Qual o domı́nio e a imagem da função f (x)?

Esboce o gráfico das funções de segundo grau:

a) y = x 2 − 4x + 3

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

A função do 2o Grau
Seja f : IR → IR definida por f (x) = ax 2 + bx + c em que a, b e c
são constantes reais.
Qual o gráfico tı́pico de f (x) = ax 2 + bx + c?
O que a constante a determina no gráfico?
O que a constante c determina no gráfico?
Quais são os pontos de interseção no eixo OX ?
Qual é o ponto de interseção no eixo OY ?
Qual o valor das coordenadas do vértice do gráfico?
Qual o domı́nio e a imagem da função f (x)?

Esboce o gráfico das funções de segundo grau:

a) y = x 2 − 4x + 3 b) g (x) = 3x 2 − 12

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

Funções Polinomiais

Uma função P é denominada polinômio se

P(x) = an x n + an−1 x n−1 + ⋅ ⋅ ⋅ + a1 x + a0

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

Funções Polinomiais

Uma função P é denominada polinômio se

P(x) = an x n + an−1 x n−1 + ⋅ ⋅ ⋅ + a1 x + a0

em que n é um número inteiro positivo, e os números


a0 , a1 , ⋅ ⋅ ⋅ , an−1 , an são constantes reais chamadas coeficientes do
polinômio.

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

Funções Polinomiais

Uma função P é denominada polinômio se

P(x) = an x n + an−1 x n−1 + ⋅ ⋅ ⋅ + a1 x + a0

em que n é um número inteiro positivo, e os números


a0 , a1 , ⋅ ⋅ ⋅ , an−1 , an são constantes reais chamadas coeficientes do
polinômio.
O domı́nio de qualquer polinômio é IR;

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

Funções Polinomiais

Uma função P é denominada polinômio se

P(x) = an x n + an−1 x n−1 + ⋅ ⋅ ⋅ + a1 x + a0

em que n é um número inteiro positivo, e os números


a0 , a1 , ⋅ ⋅ ⋅ , an−1 , an são constantes reais chamadas coeficientes do
polinômio.
O domı́nio de qualquer polinômio é IR;
O grau do polinômio é o valor de maior expoente da variável
x com coeficiente não nulo.

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

Funções Polinomiais

Uma função P é denominada polinômio se

P(x) = an x n + an−1 x n−1 + ⋅ ⋅ ⋅ + a1 x + a0

em que n é um número inteiro positivo, e os números


a0 , a1 , ⋅ ⋅ ⋅ , an−1 , an são constantes reais chamadas coeficientes do
polinômio.
O domı́nio de qualquer polinômio é IR;
O grau do polinômio é o valor de maior expoente da variável
x com coeficiente não nulo.

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

Funções Racionais

Uma função racional f (x) é a razão de dois polinômios P(x) e


Q(x)

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

Funções Racionais

Uma função racional f (x) é a razão de dois polinômios P(x) e


Q(x), ou seja,
P(x)
f (x) = .
Q(x)

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

Funções Racionais

Uma função racional f (x) é a razão de dois polinômios P(x) e


Q(x), ou seja,
P(x)
f (x) = .
Q(x)

Qual o domı́nio da função f (x)?

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

Funções Racionais

Uma função racional f (x) é a razão de dois polinômios P(x) e


Q(x), ou seja,
P(x)
f (x) = .
Q(x)

Qual o domı́nio da função f (x)?

Determine o domı́nio e o sinal das funções racionais:


3x + 6
a) f (x) =
x2 − 4x + 3

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

Funções Racionais

Uma função racional f (x) é a razão de dois polinômios P(x) e


Q(x), ou seja,
P(x)
f (x) = .
Q(x)

Qual o domı́nio da função f (x)?

Determine o domı́nio e o sinal das funções racionais:


3x + 6 3x 2 − 12
a) f (x) = 2
b) g (x) =
x − 4x + 3 x −4

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

Funções Exponenciais

As funções exponenciais são da forma f (x) = ax , em que


a ∈ IR∗+ − {1}.
Qual o gráfico tı́pico de f (x) = ax ?

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

Funções Exponenciais

As funções exponenciais são da forma f (x) = ax , em que


a ∈ IR∗+ − {1}.
Qual o gráfico tı́pico de f (x) = ax ?
O que a constante a determina no gráfico?

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

Funções Exponenciais

As funções exponenciais são da forma f (x) = ax , em que


a ∈ IR∗+ − {1}.
Qual o gráfico tı́pico de f (x) = ax ?
O que a constante a determina no gráfico?
Quais são os pontos de interseção no eixo OX ?

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

Funções Exponenciais

As funções exponenciais são da forma f (x) = ax , em que


a ∈ IR∗+ − {1}.
Qual o gráfico tı́pico de f (x) = ax ?
O que a constante a determina no gráfico?
Quais são os pontos de interseção no eixo OX ?
Qual é o ponto de interseção no eixo OY ?

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

Funções Exponenciais

As funções exponenciais são da forma f (x) = ax , em que


a ∈ IR∗+ − {1}.
Qual o gráfico tı́pico de f (x) = ax ?
O que a constante a determina no gráfico?
Quais são os pontos de interseção no eixo OX ?
Qual é o ponto de interseção no eixo OY ?
Qual o domı́nio e a imagem da função f (x)?

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

Funções Exponenciais

As funções exponenciais são da forma f (x) = ax , em que


a ∈ IR∗+ − {1}.
Qual o gráfico tı́pico de f (x) = ax ?
O que a constante a determina no gráfico?
Quais são os pontos de interseção no eixo OX ?
Qual é o ponto de interseção no eixo OY ?
Qual o domı́nio e a imagem da função f (x)?

Esboce o gráfico das funções exponenciais:

a) y = 2x

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

Funções Exponenciais

As funções exponenciais são da forma f (x) = ax , em que


a ∈ IR∗+ − {1}.
Qual o gráfico tı́pico de f (x) = ax ?
O que a constante a determina no gráfico?
Quais são os pontos de interseção no eixo OX ?
Qual é o ponto de interseção no eixo OY ?
Qual o domı́nio e a imagem da função f (x)?

Esboce o gráfico das funções exponenciais:


( )x
x 1
a) y = 2 b) f (x) =
2

Prof. Gustavo Salgado Funções


Introdução
Resumo de Algumas Funções Elementares
Referências Bibliográficas

Referências Bibliográficas

Stewart, J., Cálculo, vol. 01, 5a edição. Editora Cengage


Learning. 2006.

Prof. Gustavo Salgado Funções