Você está na página 1de 34

Jean Berg

MICROBIOLOGIA GERAL

1
Microbiologia:
Mikros (= pequeno) + Bio (= vida) + logos (= ciência)

2
A Microbiologia é classicamente definida
como a área da ciência que dedica-
dedica-se ao
estudo de organismos que somente
podem ser visualizados ao microscópio

3
4
Esquema do microscópio construído por Robert Hooke e um esquema de um
fungo observado por este pesquisador.
5
Antony van Leeuwenhoek
(1632-1723) - Delft,
Holanda

6
7
8
BACTÉRIAS

9
VÍRUS

10
FUNGOS

11
12
culturas puras
x
Biofilmes

13
TAXONOMIA

14
Linnaeus (séc. XVIII)
• “pai" da taxonomia moderna
• Animal e Vegetal

Whittaker (1969)
• Monera:
Monera Procariotos
Protista:
Protista Eucariotos unicelulares - Protozoários
(sem parede celular) e Algas (com parede celular)
Fungi:
Fungi Eucariotos aclorofilados
Plantae:
Plantae Vegetais
Animalia:
Animalia Animais

Woese (1977)
• Archaea:
Archaea Composto por procariotos
Bacteria:
Bacteria Composto por procariotos
Eukarya:
Eukarya Composto por eucariotos
15
 Archaea:
 são organismos procariotos, anteriormente denominados
arqueobactérias, porque foram incialmente isolados de
ambientes inóspitos, considerados semelhantes ao ambiente
existente quando a vida surgiu na Terra. Por esta razão, as
archaeas foram durante muito tempo consideradas "fósseis
vivos", como se fossem as formas ancestrais das bactérias
existentes atualmente. Posteriormente, verificou-se que, embora
vários membros deste grupo sejam, de fato, encontrados em
ambientes extremos, muitos são isolados a partir de ambientes
considerados "amenos", tais como solos, oceanos, trato intestinal
de mamíferos, etc.

16
 Bacteria: Corresponde a um enorme grupo de
procariotos, anteriormente classificados como
eubactérias, representadas pelos organismos
que compõem a microbiota normal e invasora
do homem e outros animais, e bactérias
encontradas nas águas, solos, vegetais, ar e
ambientes em geral.

17
 Eukarya: No âmbito microbiológico, compreende
as algas, protozoários e fungos (os animais e
vegetais também pertencem ao domínio Eukarya).
As algas caracterizam-se por apresentarem
clorofila (além de outros pigmentos), sendo
encontradas basicamente nos solos e águas.
Os protozoários correspondem a células
eucarióticas, não pigmentados, geralmente
móveis e sem parede celular, nutrindo-se por
ingestão e podendo ser saprófitas ou parasitas.

18
 Os fungos são também células sem clorofila,
que apresentam parede celular, realizam
metabolismo heterotrófico, e nutrem-se por
absorção.

19
 omo mencionado anteriormente, os vírus são
também abordados pela microbiologia, embora
sejam entidades acelulares, que não
apresentam metabolismo próprio, sendo
dependentes de uma célula hospedeira.

20
INTRODUÇÃO

 Pro que estudar microbiologia?

21
CAMPOS DE AÇÃO DA MICROBIOLOGIA

22
PRINCIPAIS FUNÇÕES DOS MICRORGANISMOS NA NATUREZA

 componentes da microbiota residente de animais


e plantas
 produtos microbiológicos “naturais”:
 Vinho, cerveja, queijo, picles, vinagre, antibióticos,
pães, etc.

 Geoquímicos  ciclo do carbono e do nitrogênio,

23
24
CICLO DO NITROGÊNIO

25
Microbiota Ruminal

26
 Introdução de genes bacterianos em outros
organismos
 Plantas

 Transgênicas

 Resistentes a pesticidas ou
ao ataque de insetos.

27
 Processos biotecnológicos,
 Envolvendo engenharia genética,
 Novos microrganismos  mais diversas capacidades
metabólicas.

28
(Adaptado do livro Brock Biology of Microorganisms, 10 Ed., 2003)

MICROBIOLOGIA X DOENÇAS

29
IMPORTÂNCIA DA MICROBIOLOGIA

 Básica
 Estudos fisiológicos, bioquímicos e moleculares
 Microbiologia Molecular

 Aplicada
 Processos industriais, controle de doenças, de
pragas, produção de alimentos, etc.

30
ÁREAS DE ESTUDO DA MICROBIOLOGIA

 Odontologia: Estudo de microrganismos


associados à placa dental, cárie dental e
doenças periodontais. Estudos com abordagem
preventiva.
 Medicina e Enfermagem: - Doenças infecciosas
e infecções hospitalares.

31
ÁREAS DE ESTUDO DA MICROBIOLOGIA
 Nutrição: - Doenças transmitidas por alimentos,
Controle de qualidade de alimentos, Produção
de alimentos (queijos, bebidas).
 Biologia: - Aspectos básicos e biotecnológicos.
Produção de antibióticos, hormônios (insulina,
GH), enzimas (lipases, celulases), insumos
(ácidos, álcool), Despoluição (Herbicidas -
Pseudomonas, Petróleo), Bio-filme
(Acinetobacter), etc.

32
ÁREAS DE ESTUDO DA MICROBIOLOGIA

 BIOTECNOLOGIA - Uso de microrganismos com


finalidades industriais, como agentes de
biodegradação, de limpeza ambiental, etc.

33
BOA PÁSCOA E VÃO COM DEUS

34