Você está na página 1de 8

Informe Comercial 1

Informe Comercial
Sexta-feira, 28 de Janeiro de 2011
28 de Janeiro de 2011 • Edição 215
Foto Maiquel Rosauro

A história
através das
fotografias
Página 3

Receita Artigo Festival Beleza


Aprenda a fazer Veja como proteger Curso ensinou Garota Balneário
Pão Colonial os anfíbios a fazer cucas e Verão em Agudo
Página 2 Página 6 Página 7 Contracapa

○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○
2 Informe Comercial
Sexta-feira, 28 de Janeiro de 2011
Da Redação

Nova Palma
Foto Cristina Belochio de Abreu / Arquivo Pessoal

Te vejo no Drews

Q
uer um bom motivo para visitar o Balneário Drews neste domingo?
Eu apresento dois: Garota Balneário e Garota Verão. O primeiro con-
curso inicia às 14h e o segundo às 17h. E para fechar o dia,
ainda haverá show com a banda Estela Musical (leia mais na contracapa
desta edição).
Nós já confirmamos presença e vamos levar o SiteZoom para regis-
trar em fotos o pessoal que estiver por lá. Apareça você também, te
vejo no Drews!
Maiquel Rosauro, jornalista

Restinga Sêca

Por 30 Dinheiros A leitora Cristina Belochio de


Abreu, de Santa Maria, enviou a foto
ma Cristina.
Mande você também a sua imagem
Por 30 Dinheiros conta a história do um Nordeste globalizado com for- ao lado. A imagem foi registrada no dos belos lugares da Quarta Colônia.
de um circo de periferia que apresenta tes raízes culturais. Direção de Vania caminho de acesso à Vila Cruz, em Envie a fotografia para o e-mail
a peça “A Paixão de Cristo”. Acontece Perazzo e Ivan Hlebarov. Nova Palma. “Numa manhã de pri- “4colonia@gmail.com” com seu nome
que Zé (que faz o papel do Cristo na O filme será exibido no Cineclube mavera os vales desta imensidão nos completo, número de identidade, cida-
peça) e Lula (que representa São Orion, na próxima quinta-feira, 3 de fazem sentir que não há nada melhor de em que reside, telefone para contato
Pedro) que fogem com o dinheiro da fevereiro, às 19h. A sessão faz parte do que apreciar uma bela paisagem”, afir- e uma breve descrição da foto.
bilheteria, numa certa noite. Os dois ciclo Gargalhada. O cineclube está lo-
passam a ser perseguidos pelo diretor calizado na Avenida Júlio de Castilhos,
da peça, Biu (o “Judas”) e essa perse- 676, sala 2, em Restinga Sêca. A sessão
guição gera cenas de comédia, drama é gratuita. Mais informações no site

Pão Colonial
e tragédia, que têm como pano de fun- www.cineclubeorion.com.
Foto Reprodução
Foto Maiquel Rosauro

Ingredientes
5 kg de farinha
8 ovos
8 colheres de açúcar
2 colheres de sopa de sal
2 xícaras de banha
1 pote de fermento de farinha
2,5 litros de água morna
Modo de preparo
- Amasse e divida a massa em 12 te 45 minutos. A temperatura do
partes. Sove cada parte separa- forno deve ser de aproximada-
damente; mente 140ºC.
- Enrole e coloque em uma forma un- Rendimento: 12 pães grandes
tada, deixe crescer e logo que a
massa estiver dobrada de volume Esta receita foi enviada pela leitora
leve ao forno por aproximadamen- Leonice Dalmolin, de Pinhal Grande.

Participe você também. Envie sua receita


Expediente para o e-mail “4colonia@gmail.com”.

Diário de Santa Maria e Zero


Este informe comercial circula encartado nos jornais
Hora em 37 cidades do Centro de Distribuição de Santa Maria e Centro de Porto
Alegre.
Escritório RBS Jornais Santa Maria
Avenida Maurício Sirotsky Sobrinho, 25, Bairro Patronato. Telefone (55) 3220-1844.
Santa Maria-RS
Gerente comercial: Ronaldo Carvalho - e-mail: ronaldo.carvalho@diariosm.com.br
Produção: Plano Comunicação Ltda e departamento comercial dos jornais Diário de Santa
Maria e Zero Hora
Planejamento e marketing: Angélica Pereira
Contato Comercial: (55) 3220-1824
Jornalista responsável: Maiquel Rosauro (MTb/RS 13334)
Projeto gráfico/diagramação/arte final: André Machado Fortes
Foto da Capa: Maiquel Rosauro

Fale conosco! Mande suas críticas e sugestões de


matérias para o e-mail: 4colonia@gmail.com
○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○
Notícias Informe Comercial 3
Sexta-feira, 28 de Janeiro de 2011

O passado contado por fotos


Fotos Maiquel Rosauro
> Maiquel Rosauro de qualidade. Muitas vezes, esperava-
se o ano inteiro para adquirir uma rou-

R
oupa nova, cabelo impecável e pa de festa.
uma pose calculada. As fotos da - Essa roupa não era lavada sempre,
década de 40 e 50, as mais anti- pois se não desbotava. Depois da festa,
gas em exposição no Museu Fotográfico ela ficava em um varal para não engo-
de Faxinal do Soturno, não revelam ape- mar - relata Carmen.
nas a história do município, mas tam- Esta viagem no tempo é proporcio-
bém a adaptação da cultura nada no Museu Fotográfico
italiana na região Central do que expõe em ordem crono-
Estado. A boa aparência não lógica a história de Faxinal
era pré-requisito apenas para do Soturno. Através dos pai-
posar em frente a uma néis também é possível
câmera. As festividades e, so- acompanhar os avanços da
bretudo, a missa, exigiam a fotografia, atravessando a era
presença da melhor roupa do preto e branco para as
dos descendentes. imagens coloridas e das má-
- As pessoas tinham rou- quinas analógicas às digitais.
pa própria para a missa, era Conforme Carmen, o di-
a roupa de domingo - expli- Carmen Marzari é a gital tirou a criatividade da
ca a fotógrafa Carmen principal doadora de fotografia. Há alguns anos Museu Fotográfico possui cerca de 2.600 fotografias
Dellamea Marzari. negativos ao museu era preciso saber montar o
Também era comum em ambiente ideal e posicionar
meados do século passado corretamente a pose das pes-
as pessoas irem à igreja de chinelos e soas para produzir uma boa foto. Atual-
ao chegar perto do templo colocarem mente, com uma boa câmera é possível
um tamanco. Tanto afinco devia-se ao bater milhares de fotos e por fim esco-
respeito ao local sagrado e as dificul- lher a melhor.
dades em se comprar uma vestimenta - Antes se batia 100 fotos de um ca-
samento e se revelavam 200, pois as fa-
mílias queriam fotos repetidas para dar
de presente. Hoje se fazem mil fotos e
se revelam 100 - compara Carmen. Imagens
A fotógrafa é a principal doadora de
relatam os
material para o museu, para o qual des-
tinou 12.351 negativos. Conforme o costumes dos
responsável pela entidade, Paulo Ricardo antigos
Marzari, o museu tem ainda 6,5 mil moradores de
negativos de Amir Trevisan (Cacique) e Faxinal
5 mil negativos do irmão Ademar Ro-
cha, que originou a exposição.
O Museu Fotográfico está localizado
no Centro de Faxinal do Soturno. A
visitação é gratuita e ocorre de segunda
à sexta-feira, das 8h ao meio-dia e das Visitação ao
13h às 17h30min. Visitas aos finais de museu é gratuita
Paulo Ricardo Marzari é o semana devem ser agendadas pelo fone
responsável pelo acervo (55) 3263-3700. e ocorre de
segunda à sexta-
feira. Aos finais
de semana, é
possível agendar
horário

Imagens de
diversas
famílias são
encontradas
no local

○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○
4 Informe Comercial
Sexta-feira, 28 de Janeiro de 2011
Em Foco

Júlio de Castilhos
Em 9 de janeiro, ocorreu a festa em honra aos Fotos Maiquel Rosauro

Três Mártires, no distrito de Três Mártires, em Jú-


lio de Castilhos. A comunidade do local faz parte
da paróquia de Ivorá.

> Solange Granzotto Dellamea e


Agostinho Dellamea

> Tainandra Nunes, Letícia Canabarro Scariotti, Taiane > José Albino Vedovoto
Anversa, Renata Pivotto e Dielen Nunes

> Lourenço Piccissin e Willian Pivotto

> Neiva Stradioto e Leda Soprano Rigo

> Paulo Scheffer


> Rubens Rigo e Osvaldo Minello Stradioto
> Patric Weber,
Natan Venturini,
Thailor Avozani e
Dionata Vestena

> Letícia Boligon e


Flávia Tomazetti

Envie sua foto!


○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○

○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○

Se você mora na Quarta Colônia, envie também uma foto para a coluna
Em Foco através do e-mail “4colonia@gmail.com”. Não deixe de citar o
nome e sobrenome das pessoas que aparecem na fotografia. Envie também
seu nome completo, número de identidade e telefone de contato.

○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○
Na Balada Informe Comercial 5
Sexta-feira, 28 de Janeiro de 2011

São João do Polêsine Fotos Vagner Martins / www


.sitezoom.net

Veja mais fotos em www.sitezoom.net

○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○
○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○

○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○
Luciano Bisognin e
Elisangela Fagundes
Aline Melo, Luiza Stieler e Gabriela Jovanoviches

Tanise V. Dalmolin e Naia Helena Boeck


○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○

○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○
Taiana Secretti Missau e
Ivan Antonello Milanesi
Marina Pilecco e João Arthur Trevisan Arnuti

○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○
○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○

Emilyn Borba da
Silva, Kamila
Casola e Juliana
Ferigolo

Danielle Dias, Clarisse Brilhante,


Manuela Felice e Luana Ceolin

○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○
6 Informe Comercial
Sexta-feira, 28 de Janeiro de 2011
Condesus

Unidades de Conservação: uma


forma de proteger os anfíbios
Foto Vinícius Matheus Caldart / Arquivo pessoal
Samanta Iop
Bióloga - Mestre em Biodiversidade Animal -
PPGBA UFSM

uitos já ouviram falar ou já vi-

M sitaram Unidades de Conser-


vação (UC), mas será que com-
preendemos a real importân-
cia dessas áreas? E qual a situ-
ação delas no Brasil e no estado? As UCs tam-
bém conhecidas como parques e reservas são
áreas geográficas com limite definido que
apresentam características naturais relevan-
tes para sua conservação, localizadas em áre-
as terrestres ou marítimas. O Brasil é o quinto
país em extensão territorial, possuindo cerca
de 74 milhões de hectares protegidos distri-
buídos em 706 UCs de diferentes categorias
de conservação. Existem ainda, as terras in-
dígenas, as Reservas Particulares do
Patrimônio Natural (RPPNs) e as áreas de
Reserva Legal das propriedades rurais que
não foram contabilizadas. O Rio Grande do
Rãzinha-das-pedras (Crossodactylus schmidti), espécie que habita os riachos do Parque Estadual do Turvo/RS
Sul (RS) é o nono estado brasileiro em ex-
tensão territorial, mas apenas 1,9% da su- A pele dos anfíbios é muito permeável, fazendo com ocorrem naturalmente no local), além de
perfície de seu território encontram-se pro- que às alterações físicas e químicas dos ambientes sejam outros fatores que ainda não estão bem escla-
tegido em 122 UCs, sendo que o ideal seria sentidas com mais facilidade. Por isso, são ótimos recidos.
10% por Bioma. Dado preocupante, levan- bioindicadores da qualidade dos ambientes, isto é, de- No Brasil, 48 espécies estão ameaçadas e
do-se em conta que áreas naturais florestais e pendendo das espécies que ocorrem em determinado uma é considerada extinta. O Livro Verme-
campestres encontram-se ameaçadas, pelo ambiente, é possível saber se ele está preservado ou não. lho da Fauna Ameaçada de Extinção do Rio
desmatamento e substituição por áreas agrí- Os anfíbios possuem diferentes compostos quími- Grande do Sul, publicado no ano de 2003
colas, para criação de gado e silvicultura. cos em sua pele. Esses compostos naturais incluem as considerou 10 espécies como ameaçadas. É
Os anfíbios correspondem aos animais co- toxinas que são utilizadas para proteção contra ataques de nesse sentido que as UCs constituem um ins-
nhecidos como salamandras, cobras-cegas, predadores. Embora os anfíbios tenham venenos na pele, trumento legal para a conservação dos anfí-
sapos, rãs e pererecas. A maioria das estes não são inoculados (injetados), é necessário apertar bios, pois representam os últimos refúgios
salamandras ocorre em regiões temperadas, as glândulas para entrar em contato com o veneno. No para espécies ameaçadas. No RS até o mo-
no entanto, na Bacia Amazônica já foi regis- entanto, o veneno só é perigoso para humanos quando mento, algumas espécies de anuros só foram
trada uma espécie. As cobras-cegas, em vir- entra em contato com a mucosa, ou em feridas expostas. registradas em UC, como é o caso do sapo-
tude de seus hábitos discretos (vivem em Muitas dessas substâncias vêm sendo estudadas e apre- de-chifre (Proceratophrys avelinoi) e da rãzinha-
galerias subterrâneas) são pouco conhecidas. sentam grande potencial para o desenvolvimento de me- das-pedras (Crossodactylus schmidti). O sapo-
No RS, ocorrem três espécies de cobras-ce- dicamentos para o tratamento de diferentes doenças. Já untanha (Ceratophrys ornata) é outro exem-
gas. O Brasil é o país com maior diversidade foram desenvolvidos analgésicos, cicatrizantes, fungicidas plo de como é necessário manter as UCs para
de espécies de sapos, rãs e pererecas (857 e remédios contra parasitas protozoários a partir dos com- a conservação dos anfíbios. Essa espécie está
espécies) do planeta, das quais 106 ocorrem postos encontrados na pele de anfíbios. ameaçada no RS, foi registrada pela ultima
no RS. Devido a sua diversidade, e por se- Apesar do grande número de espécies de anfíbios vez no estado, na Estação Ecológica do Taim,
rem encontrados em todos os continentes, conhecidos, muitas espécies ainda não conhecidas pela em dezembro de 1979.
os sapos, rãs e pererecas, despertam muita ciência são encontradas todos os anos, principalmente Os anfíbios estão entre os grupos animais
curiosidade em adultos e crianças, sendo al- em regiões tropicais. Nas últimas décadas, os pesqui- mais ameaçados, pois são dependentes de um
vos de muitas lendas e crenças populares. sadores de diversos países têm intensificado os esforços ambiente preservado. A extinção desses ani-
Os anfíbios possuem um ciclo de vida di- a procura de novas espécies, devido ao declínio de po- mais terá forte influência ecológica, pois al-
ferente dos outros grupos de vertebrados, de- pulações de várias espécies de anfíbios, em várias par- terará toda a cadeia alimentar, além de gerar
vido ao fato de sofrerem metamorfose. Quan- tes do mundo. Atualmente, aproximadamente duas perda econômica e científica. E é por isso que
do jovens, na fase de larva, vivem em ambien- mil espécies de anfíbios estão globalmente ameaçadas, as UCs são tão importantes para a conserva-
tes aquáticos, de água doce como poças, açu- e pelo menos 120 já estão extintas. As causas que le- ção dessas espécies, além de conservar muitas
des e riachos. Quando adultos passam a viver vam ao declínio desses animais são principalmente a outras espécies de animais e plantas, pois há
em ambiente terrestre, apesar de não abando- destruição dos ambientes naturais, alterações climáti- uma garantia de que os hábitat não sejam
narem definitivamente o ambiente aquático. cas, introdução de espécies exóticas (espécies que não modificados.
○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○
Notícias Informe Comercial 7
Sexta-feira, 28 de Janeiro de 2011

No Festival da Uva, cucas se destacaram


Fotos Maiquel Rosauro
> Maiquel Rosauro cucas no Clube Recreativo Esportivo e
Assistencial São João (CREA) Val de

O
Festival era da Uva e das Águas, Buia e atraiu alunos de Santa Maria, Foz
mas no dia 19 de janeiro o cen- do Iguaçu, Rio de Janeiro, Brasília e
tro das atenções em Silveira Mato Grosso do Sul.
Martins foram as cucas preparadas pela Zuleika apresentou cucas que são fei-
merendeira da Escola Municipal João tas rapidamente, como a de uva e tam-
Frederico Savegnago, Zuleika Todolo bém o pão de ló. Suas receitas são base-
Dellamea. Ele proferiu um curso de adas em uma massa básica que ela de-
senvolveu durante os 20 anos em que
atua como merendeira. Durante o ano
letivo, ela é a responsável pelas refeições
diárias de 250 alunos.
- Eu faço a massa básica e depois vou
colando as coberturas - explicou Zuleika.
Cada cuca retirada do forno era rapida-
mente levada à mesa e compartilhada en-
tre os alunos. Todos ganharam receitas para
levar para casa, além de dicas de Zuleika.
- É preciso conhecer bem o forno que
se está utilizando. Eu asso as cucas em
no mínimo 250ºC - informa.
Mais de 30 pessoas, muitas de outros estados, foram ao CREA Val de Buia aprender a fazer cucas
Quem promete aproveitar as dicas é a
doméstica Edina do Nascimeto, de
A merendeira Zuleika Dellamea Corumbá, Mato Grosso do Sul. Ela ficou receitas para fazer em Corumbá - afirma. necidos pela Prefeitura Municipal de
ministrou o curso impressionada com a culinária italiana. O curso era gratuito e todos os ingre- Silveira Martins. Veja abaixo, três recei-
- Pra mim é tudo novidade, vou levar as dientes utilizados nas receitas foram for- tas que Zuleika ensinou aos alunos.

As receitas de Zuleika Dellamea


Cuca de Uva tar os ingredientes Pão de Ló
Ingredientes Deixar todos os ingredientes prontos Ingredientes
1 ovo 10 ovos
1 e ½ xícara de açúcar Cuca 3 xícaras de açúcar
1 e ½ xícara de farinha de trigo Massa Básica 3 xícaras de farinha
2 colheres de margarina 2 ovos Modo de fazer
1 xícara de leite 1 colher de Royal Bater as claras em neve, açúcar até o ponto
Modo de Preparo ½ xícara de leite firme, desligar a batedeira e misturar as
Bater no liquidificador o ovo, o açúcar e ½ xícara de água gemas após a farinha.
margarina (pouco) e ir colocando os de- 1 xícara de nata Opcional
mais ingredientes: leite, farinha e royal. Farinha ao ponto Coco granulado ou chocolate.
Despejar em forma untada por cima, lar- Açúcar de baunilha opcional Caramelizar a forma, forrar de uva, bana-
gar mais ou menos 20 grãos de uva 1 xícara de açúcar na, abacaxi, etc.
Farofa: Açúcar, farinha, margarina (ba- Bater: Claras em neve, ovos, natas e açúcar. Colocar o pão de ló por cima, após asado,
nha e nata) e canela. Colocar o leite e a farinha e por último o Royal. virar quente.
Tempo de cozimento: Mais ou menos 30 Por cima as frutas: Uva, banana, maçã, abaca-
minutos, temperatura do forno a 250 ºC. xi e frutas passas.
Observação Farofa: Farinha, margarina (banha, nata), ca- A cada nova fornada, os alunos
Ligar o forno quando começar a apron- nela e raspa de limão opcional. Açúcar. Fonte: Prefeitura de Silveira Martins apreciavam as saborosas cucas

○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○
8 Informe Comercial
Sexta-feira, 28 de Janeiro de 2011
Notícias

Calendário
Garota Balneário e de Eventos

Garota Verão neste domingo Pinhal Grande

Foto Prefeitura de Agudo


Festa em honra a Santo Antão

A Quando: Domingo (30 de janeiro)


s moças mais belas da região esta-
rão no Balneário Drews, em Agu- Onde: Passo do Jacuí
do, neste domingo. Às 14h, será
realizado o concurso que escolherá a Horário: 10h - missa; 12h - almo-
Garota Balneário e Simpatia nas catego- ço festivo
rias infantil, juvenil e adulta. Já às 17h,
será eleita a Garota Verão do municí- Ivorá
pio. Após o evento, haverá show com a
banda Estrela Musical.
O concurso Garota Balneário iniciou Copa Zemmac de Veloterra
em 9 de janeiro com a escolha das re- Quando: Sábado e domingo (29 e
presentantes do Balneário Friedrich. Em 30 de janeiro)
16 de janeiro, foram eleitas as candidatas
do Balneário Hoffmann. A grande final, Onde: Balneário Recanto do Moi-
que irá escolher a Rainha dos Balneári- nho
os, irá ocorrer no dia 20 de fevereiro, Ingressos: R$ 3,00 por pessoa
também no Drews. Informações: (55) 9961-4006 ou
Para participar do concurso as moças
(55) 9976-6798, com Solon
precisam ter idade de 5 a 10 anos para Eleitas do Balneário Friedrich estão classificadas para final do Rainha dos Balneários
concorrer a categoria infantil, de 11 a 13 Realização: Zemmac, com apoio
anos na juvenil e 14 a 25 anos na catego- mércio e Turismo ou no balneário. Areias Brancas, em Rosário do Sul, no da Prefeitura Municipal de Ivorá
ria adulta. Para participar da etapa do Já o Garota Verão irá indicar a repre- dia 12 de fevereiro. A final estadual do
Drews, é preciso se inscrever até hoje na sentante de Agudo para participar da evento ocorrerá entre os dias 24 e 26 de
Programação:
Secretaria Municipal da Indústria, Co- etapa regional do concurso, na Praia das fevereiro, em Capão da Canoa.
Sábado
15h - treino livre com reconheci-
mento da pista
Domingo
Definidas as bandas do Carnaval da Avajaces 10h - inicia a fase classificatória
13h30min - reinicia a competição
Foto Carmen Fotos
Os clubes que formam a com os classificados
Associação Vale do Jacuí
Centro de Entidades Sociais
(Avajaces) já definiram quais
Restinga Sêca
serão as bandas que irão to-
car em seus bailes de Carna- Interseleção Regional de
val (veja quadro). O evento Futebol de Areia
iniciará em 28 de fevereiro
Quando: Sábado (29 de janeiro)
com o Pré-Carnaval na SACE
em Vale Vêneto, distrito de Onde: Balneário das Tunas
São João do Polêsine. Os bai- Horários: Durante todo o dia
les seguem até o dia 12 de Informações: (55) 9997-6565,
março, quando será realiza-
com Helemilton
do o tradicional Enterro dos
Ossos, no Clube Cruzeiro,
em Faxinal do Soturno.
Agenda Atrações: Banda Novo Rumo; Rambo
Sonorizações/Conteiner Sonorização e Som Show com a
Além das bandas, tam- • 28 de fevereiro Automotivo - Quatro Ambientes banda Sentido Único
bém estão definidas as equi- Pré-Carnaval em Vale Vêneto, Quando: Sábado (29 de janeiro)
pes de sonorização mecâni- São João do Polêsine • 07 de março
ca e eletrônica. Alguns clu- Local: SACE Baile em Ivorá Onde: Balneário das Tunas
bes irão oferecer entre dois e Atração: Banda Projeção Nacional Local: SACE Ivorense Horário: 23h30min
quatro ambientes. Atrações: Banda Arte Livre e Motivasom - Dois Entrada franca
Para os integrantes de blo- • 04 de março Ambientes
cos da Avajaces o ingresso Baile em Dona Francisca
custará R$ 10,00 por pes-
Local: Sociedade Franciscana • 11 de março São João do Polêsine
Atrações: Banda Santa Mônica e Motivação - Pré-Enterro dos Ossos em Agudo
soa. Para os blocos visitantes Dois Ambientes Local: Clube Centenário
o ingresso custará R$ 15,00 Atrações: Banda Novo Rumo e Conteiner Feira de Frutas
por pessoa. O valor avulso • 05 de março Sonorizações - Dois Ambientes Quando: Sábado (29 de janeiro)
para quem não participa de Baile em Nova Palma
nenhum bloco será de R$ Local: Clube Guarani • 12 de março Onde: Praça Central
20,00. Não são aceitos blo- Atrações: Banda Arte Bis e Motivasom - Dois Enterro dos Ossos em Faxinal do Soturno Horário: 7h
cos visitantes com menos de Ambientes Local: Clube Cruzeiro
20 integrantes e todos os Atrações: Banda Charm’s e Rack Som Show / ••••••••••••••••••
participantes devem estar • 06 de março Motivasom - Três ambientes A programação é fornecida pelas prefeitu-
vestidos com o mesmo Baile em São João do Polêsine ras municipais e instituições promotoras.
Local: SACE Polesinense Fonte: Avajaces Qualquer alteração não é de responsabili-
abadá.
dade do Caderno Quarta Colônia.
○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○ ○