Você está na página 1de 7

TREINAMENTO DE SEGURANÇA PARA

ATIVIDADE ESPECÍFICA - TAE

COD/TAE-01 FORMULÁRIOS SMS REVISÃO 0001 14/DEZEMBRO/2010

Atividade
Modelo Carga Horária: 2 horas Data:
PRINCIPAIS RISCOS
ITEM ETAPA DA ATIVIDADE POSSIVEIS DANOS MEDIDAS DE SEGURANÇA PROCEDIMENTOS APLICÁVEIS
ASSOCIADOS
1/8 Escavação Mecânica - Contato do braço - Choque elétrico - Desenergizar as fontes de - A operação de máquinas e equipamentos que
mecânico da máquina nas (queimaduras), lesão energias adjacentes, exponham o operador ou terceiros a riscos só pode
fontes de energias corporal, danos materiais compactar e nivelar o solo ser feita por trabalhador qualificado e identificado por
adjacentes , e envenenamento. antes de entrar na área de crachá.
tombamento,Colisão e/ou - Danos materiais. trabalho, sinalização, cabina - O abastecimento de máquinas e equipamentos com
batida do braço mecânico - Danos materiais e lesão fechada. motor a explosão deve ser realizado por trabalhador
contra obstáculos e corporal. - Compactar e nivelar o solo qualificado, em local apropriado, utilizando-se de
pessoas adjacentes, antes de entrar na área de técnicas e equipamentos que garantam a segurança
projeção de objetos trabalho, sempre manter o da operação.
diversos na cabina, cilindro hidráulico com nível de - Toda máquina deve possuir dispositivo de bloqueio
agentes biológicos e/ou graxa regular para gerar para impedir seu acionamento por pessoa não
animais peçonhentos. tensão na esteira e evitar autorizada.
- Atolamento, tombamento trabalho sob chuva (solo - As inspeções de máquinas e equipamentos devem
e descarrilamento da lameado). ser registradas em documento específico, constando
esteira metálica na - Não exceder a carga máxima as datas e falhas observadas, as medidas corretivas
respectiva catraca . permitida pelo equipamento e adotadas e a indicação de pessoa, técnico ou
- Tombamento por carga sinalização. empresa habilitada que as realizou.
excessiva no braço - Os equipamentos que operam em marcha a ré
mecânico, Colisão e/ou devem possuir alarme sonoro acoplado ao sistema de
batida do braço mecânico câmbio e retrovisores em bom estado.
contra obstáculos e
pessoas adjacentes,
colisão veicular e/ou
atropelamento de pessoas
envolvidas no trabalho nas
vias de circulação de
veículos pesados e
colocação de carga
excessiva na concha das
ENG. RESPONSÁVEL ENCARREGADO DA ÁREA TÉC. DE SEGURANÇA OPERÁRIO

Nome Douglas Miranda Nivaldo Ramos Devide Lima de Jesus

Assinatura

EVITE ACIDENTES. TRABALHE COM SEGURANÇA.


TAE-01 - Página 1 de 7
TREINAMENTO DE SEGURANÇA PARA
ATIVIDADE ESPECÍFICA - TAE

COD/TAE-01 FORMULÁRIOS SMS REVISÃO 0001 14/DEZEMBRO/2010

Atividade
Modelo Carga Horária: 2 horas Data:
PRINCIPAIS RISCOS
ITEM ETAPA DA ATIVIDADE POSSIVEIS DANOS MEDIDAS DE SEGURANÇA PROCEDIMENTOS APLICÁVEIS
ASSOCIADOS
caçambas, podendo,
assim, comprometer a
frenagem deste.
2/8 Montagem de andaime - Queda de montantes - Lesão corporal. - Alinhamento dos andaimes. - O dimensionamento dos andaimes, sua estrutura de
- Queda em altura de - Perda de membros -Amarração entre andaime. sustentação e fixação, deve ser realizado por
pessoas. superiores / inferiores -Sapatas ,regularização das profissional legalmente habilitado.
- Acesso perigoso. devido a queda. sapatas. - O piso de trabalho dos andaimes deve ter forração
- Choque elétrico. -Lesão na coluna -Escoramento. completa, antiderrapante, ser nivelado e fixado de
- Choque elétrico -O pessoal envolvidos, usar modo seguro e resistente.
(queimaduras), lesão os EPIs: Cinto de A madeira para confecção de andaimes deve ser de
corporal. segurança,corda,capacete boa qualidade, seca, sem apresentar nós e
com jugular, linha de vida na rachaduras que comprometam a sua resistência,
vertical. sendo proibido o uso de pintura que encubra
– Os montantes dos imperfeições.
andaimes metálicos devem - Os andaimes devem dispor de sistema guarda-
ser providos de travamentos corpo e rodapé, inclusive nas cabeceiras, em todo o
contra o desencaixe acidental. perímetro.
-Garantir um fácil acesso. - O acesso aos andaimes deve ser feito de maneira
segura.
- Os andaimes cujos pisos de trabalho estejam
situados a mais de 1,50m (um metro e cinqüenta
centímetros) de altura devem ser providos de
escadas ou rampas.
- A estrutura dos andaimes deve ser fixada à
construção por meio de amarração e entroncamento,
de modo a resistir aos esforços a que estará sujeita.
3/8 Escavação Manual. - Lesões no transporte e - Arranhão, perfuração e - Inspeção diária antes de - O local deve ser inspecionado, a fim de avaliação de
colocação manual da tela. corte. iniciar as atividades. risco.
- Queda em altura. - Fraturas múltiplas - Possuir quantidade suficiente - Em caso de acidente de trabalho o funcionário deve
ENG. RESPONSÁVEL ENCARREGADO DA ÁREA TÉC. DE SEGURANÇA OPERÁRIO

Nome Douglas Miranda Nivaldo Ramos Devide Lima de Jesus

Assinatura

EVITE ACIDENTES. TRABALHE COM SEGURANÇA.


TAE-01 - Página 2 de 7
TREINAMENTO DE SEGURANÇA PARA
ATIVIDADE ESPECÍFICA - TAE

COD/TAE-01 FORMULÁRIOS SMS REVISÃO 0001 14/DEZEMBRO/2010

Atividade
Modelo Carga Horária: 2 horas Data:
PRINCIPAIS RISCOS
ITEM ETAPA DA ATIVIDADE POSSIVEIS DANOS MEDIDAS DE SEGURANÇA PROCEDIMENTOS APLICÁVEIS
ASSOCIADOS
de pessoas e ferramentas comunicar de imediato ao responsável pela área e/
(quando necessário) para ou setor de trabalho.
realizar o transporte manual - Os trabalhadores deve interromper suas tarefas,
do equipamento, bem como quando suas atividade for envolvendo grave e
ao transportar de um patamar eminente risco.
para o outro (diferença de - Verificar os cintos de segurança se está em perfeito
nível) no andaime ou estado de conservação.
plataforma retirar as pessoas
que exercem atividades
abaixo e verificar as condições
das madeiras para confecção
e assoalhamento do piso de
andaimes e/ou plataformas
que devem ser de boa
qualidade, seca, fixa, sem
apresentar nós e rachaduras
que comprometam a sua
resistência, sendo proibido o
uso de pintura que encubra
imperfeições.
- Aterramento na fonte de
energia do equipamento,
manter chave de ignição
trancada com cadeado e/ou o
quadro alimentação.
- Somente pessoas
autorizadas em crachá e
treinadas pela equipe de
segurança do trabalho podem
ENG. RESPONSÁVEL ENCARREGADO DA ÁREA TÉC. DE SEGURANÇA OPERÁRIO

Nome Douglas Miranda Nivaldo Ramos Devide Lima de Jesus

Assinatura

EVITE ACIDENTES. TRABALHE COM SEGURANÇA.


TAE-01 - Página 3 de 7
TREINAMENTO DE SEGURANÇA PARA
ATIVIDADE ESPECÍFICA - TAE

COD/TAE-01 FORMULÁRIOS SMS REVISÃO 0001 14/DEZEMBRO/2010

Atividade
Modelo Carga Horária: 2 horas Data:
PRINCIPAIS RISCOS
ITEM ETAPA DA ATIVIDADE POSSIVEIS DANOS MEDIDAS DE SEGURANÇA PROCEDIMENTOS APLICÁVEIS
ASSOCIADOS
operar o equipamento, sendo
de obrigatoriedade a utilização
dos EPI's - óculos de
segurança contra impactos,
luva de segurança contra
agentes mecânicos, proteção
respiratoria contra poeiras e
proteção auditiva com
atenuação de acordo ao
PPRA e/ou PCMAT da
empresa executante. Em caso
de projeção de partículas
sólidas (solo) gerada na
perfuração do solo, deve-se
colocar uma barrreira de
proteção acoplada ao
equipamento na saída da
perfuração, evitando, assim,
projeção de partículas contra o
operador.
- Só higienizar após conferir o
desligamento da máquina e
atenção no manuseio.
4/8 Perfuração Horizontal. - Imprevistos acidentais - Fraturas múltiplas. - Realizar inspeção diária com - A operação de máquinas e equipamentos que
por irregularidades. - Perda dos membros equipamento desernegizado exponham o operador ou terceiros a riscos só pode
- Tombamento do superiores / inferiores. . Em caso de trabalho em ser feita por trabalhador qualificado e identificado por
equipamento, queda de - Choque elétrico . altura usar cinto de segurança crachá.
objetos e pessoas em (queimaduras), lesão pára-quedista preso a corda - As máquinas e os equipamentos que ofereçam risco
diferença de nível corporal, danos guia. de ruptura de suas partes móveis, projeção de peças
ENG. RESPONSÁVEL ENCARREGADO DA ÁREA TÉC. DE SEGURANÇA OPERÁRIO

Nome Douglas Miranda Nivaldo Ramos Devide Lima de Jesus

Assinatura

EVITE ACIDENTES. TRABALHE COM SEGURANÇA.


TAE-01 - Página 4 de 7
TREINAMENTO DE SEGURANÇA PARA
ATIVIDADE ESPECÍFICA - TAE

COD/TAE-01 FORMULÁRIOS SMS REVISÃO 0001 14/DEZEMBRO/2010

Atividade
Modelo Carga Horária: 2 horas Data:
PRINCIPAIS RISCOS
ITEM ETAPA DA ATIVIDADE POSSIVEIS DANOS MEDIDAS DE SEGURANÇA PROCEDIMENTOS APLICÁVEIS
ASSOCIADOS
- Choque elétrico, materiais. - Atenção, uso do EPI"s bota ou de partículas de materiais devem ser providos de
utilização do equipamento - Morte. luva, óculos contra impactos. proteção adequada.
por pessoas não
autorizadas.
- Prensamento dos
membros superiores,
projeção de partículas
sólida (solo, rocha entre
outros), poeiras e ruído
contínuo.
- Prensamento dos
membros superiores e
tombamento.
5/8 Introdução de Estacas - Postura inadequada. -Problemas ergonômicos -Manter a postura correta (NR - Arrumar os vergalhões de forma correta.
Raiz. -Queda do mesmo nível. -Faturas dos membros 17). -Avaliação da área de trabalho para evitar acidentes
-Movimentos repetitivos. superiores, além disso -Possui quantidade de pessoas na passagem de funcionários.
pode afetar músculos, e suficiente para realização dos -Os transporte dos vergalhões quando manual, deve
vasos sanguíneos e transportes manuais de ser feito de modo que o esforço físico realizado pelo
nervos. vergalhões. trabalhador seja compatível com a sua capacidade de
-Utilização de EPI”s”: luvas, Força e não comprometa sua saúde e/ou segurança.
capacete com jugular, bota ,
óculos contra impactos.

ENG. RESPONSÁVEL ENCARREGADO DA ÁREA TÉC. DE SEGURANÇA OPERÁRIO

Nome Douglas Miranda Nivaldo Ramos Devide Lima de Jesus

Assinatura

EVITE ACIDENTES. TRABALHE COM SEGURANÇA.


TAE-01 - Página 5 de 7
TREINAMENTO DE SEGURANÇA PARA
ATIVIDADE ESPECÍFICA - TAE

COD/TAE-01 FORMULÁRIOS SMS REVISÃO 0001 14/DEZEMBRO/2010

Atividade
Modelo Carga Horária: 2 horas Data:
PRINCIPAIS RISCOS
ITEM ETAPA DA ATIVIDADE POSSIVEIS DANOS MEDIDAS DE SEGURANÇA PROCEDIMENTOS APLICÁVEIS
ASSOCIADOS
6/8 - Introdução Interna - Nata -Ruídos - Projeção de nata de -utilização de EPI”s” :Capacete, - Treinamento de funcionários envolvidos
de Cimento. -Respingo de nata de cimento (respingos nos Protetor auricular, óculos contra -Não se localizar na zona perigosa da maquina ou do
cimento. olhos). impactos, cinto de segurança equipamento .
-Queda em altura -Perda auditiva. tipo para- que dista, luva -Não possa ser acionado ou desligado
-Postura inadequada. -Perda da visão, irritação. impermeável. involuntariamente, pelo operador ou por qualquer outra
-Faturas exposta, Morte. -Eliminar o ruído na fonte forma acidental.
- Isolamento da área no - As maquinas não deve ser operadas em posição que
momento do desprendimento comprometa sua estabilidade.
da mangueira -Deve ser tomada precauções especais quando da
-Lavar os olhos com água movimentação de maquinas e equipamentos próximo
correte. a rede elétrica.

7/8 -Colocação de Tela de - Postura inadequadas -Problemas ergonômicos. - Manter a postura correta (NR - Arrumação das telas de formas correta
Aço na Fachada do -Queda de material em -Imprevisto acidentais . 17) - Cuidado nos transporte para evitar escorregamentos
Talude. altura. -Sinalização EPC”s” -O transporte dos vergalhões quando manual deve ser
- Perfuração . -Utilização de EPI”s” : Luva de feito de modo que o esforço físico realizado pelo
- Movimentos repetitivos. raspa, capacete com trabalhador seja compatível com sua capacidade de
jugular,bota de segurança, força e não comprometa a saúde /ou segurança.
óculos contra impactos.

8/8 Jateamento de Concreto. - Imprevisto por - Lesões corporais. - Inspeção diária antes de - A operação de máquinas e equipamentos que
irregularidade. - Choque elétrico começar as atividades. exponham o operador ou terceiros a riscos só pode
- Choque elétrico por falta (queimaduras). - Aterramento do fio terra, ser feita por trabalhador qualificado e identificado por
de inspeção. - Doenças respiratórias, inspeção. crachá.
- Poeira, prensamento dos perda de membros - Procedimento individual e - É necessário que os equipamentos estejam em
membros superiores, no superiores, perda ou coletivo EPI"s obrigatório, perfeitas condições de trabalho; as peças de

ENG. RESPONSÁVEL ENCARREGADO DA ÁREA TÉC. DE SEGURANÇA OPERÁRIO

Nome Douglas Miranda Nivaldo Ramos Devide Lima de Jesus

Assinatura

EVITE ACIDENTES. TRABALHE COM SEGURANÇA.


TAE-01 - Página 6 de 7
TREINAMENTO DE SEGURANÇA PARA
ATIVIDADE ESPECÍFICA - TAE

COD/TAE-01 FORMULÁRIOS SMS REVISÃO 0001 14/DEZEMBRO/2010

Atividade
Modelo Carga Horária: 2 horas Data:
PRINCIPAIS RISCOS
ITEM ETAPA DA ATIVIDADE POSSIVEIS DANOS MEDIDAS DE SEGURANÇA PROCEDIMENTOS APLICÁVEIS
ASSOCIADOS
abastecimento da bomba irritação ocular. óculos proteção respiratória, consumo devem estar com desgaste aceitável e a
de projeção de partícula. - desregulamento do luvas e bota permeável, máquina sempre bem ajustada.
- Vibração, movimento organismo, LER/DORT. proteção auditiva. - As máquinas e os equipamentos que ofereçam risco
repetitivo com as mãos. - Fraturas múltiplas. - Usar camisa manga longa e de ruptura de suas partes móveis, projeção de peças
- Queda de funcionários e aventais impermeável quando ou de partículas de materiais devem ser providos de
batidas contras, lesões. houver contato direto do proteção adequada.
- Acidente de queda, cimento com a pele, pois pode
prensamento dos membros causar dermatite por contato.
inferiores e superiores . - Revezamento e/ou pausa
para descanso.
- Afastamento no raio de
movimentação da mangueira
de conexão em do seu
desprendimento. Desligar de
imediato o compressor. Em
caso de trabalho em altura
usar cinto de segurança pára-
quedista preso a corda guia.
- Atenção, uso do EPI"s bota e
luva impermeável, óculos
contra impactos.
Trabalhadores suficiente para
o transporte das peças.

ENG. RESPONSÁVEL ENCARREGADO DA ÁREA TÉC. DE SEGURANÇA OPERÁRIO

Nome Douglas Miranda Nivaldo Ramos Devide Lima de Jesus

Assinatura

EVITE ACIDENTES. TRABALHE COM SEGURANÇA.


TAE-01 - Página 7 de 7