Você está na página 1de 2

DECRETO Nº 21208

De 26 de março de 2001

O PREFEITO MUNICIPAL DE GUARULHOS, ELÓI PIETA, usando


das prerrogativas legais e, em especial com fundamento no Artigo 63, Inciso XIV da Lei
Orgânica do Município e, considerando:
a) o que preceitua o Artigo 4º da Lei 9.394/96, Lei de Diretrizes e
Bases da Educação, no caput e em seu inciso I, textualmente:
“O dever do Estado com a educação escolar pública será efetivado
mediante a garantia de : ensino fundamental obrigatório e gratuito, inclusive para os que a
ele não tiveram acesso na idade própria.”
b) o que propõe o Artigo 5º da mesma Lei, como desdobramento da
igualdade de todos quanto ao acesso ao ensino:
“§ 1º - Compete aos Estados e Municípios, em regime de colaboração
e, com a assistência da União: I – recensear a população em idade escolar para o ensino
fundamental, e os jovens e adultos que a ele não tiveram acesso;
II – fazer-lhes a chamada pública.”
c) o que determinam o § 3º do Artigo 87 da Lei 9.394/96 quanto à
provisão pelos Municípios de cursos presenciais ou à distância aos jovens e adultos
insuficientemente escolarizados e as Diretrizes do Plano Nacional de Educação – Lei
10.172/00;
d) o Veto do Presidente da República ao Inciso II do § 1º do Artigo2º da
Lei 9.424/96 que considerava os alunos de suplência como matrículas para o FUNDEF;
e) a necessidade premente de a Prefeitura Municipal de Guarulhos
atender à demanda de jovens e adultos que procuram completar sua escolarização
fundamental e para tanto contar com recursos financeiros, além de espaços físicos
atualmente ociosos no período noturno e dos que futuramente serão disponibilizados pela
construção de novas Escolas Municipais; e,
f) finalmente, com observância ao princípio de gestão democrática,
ouvidos os jovens e adultos, alunos da atual modalidade supletiva, garantindo-lhes o
direito de opção e, após a realização de estudos no âmbito da Secretaria de Educação;

DECRETA:

Artigo 1º - Fica a Secretaria de Educação autorizada a implantar no


presente ano letivo de 2001, de acordo com os Artigos 23, 24, e 37 da Lei 9.394/96,
oportunidade de ensino fundamental apropriada, consideradas as características do
alunado, seus interesses, condições de trabalho, com estrutura curricular flexível,
integralizando um mínimo de duzentos dias letivos anuais e numa jornada escolar que
resguarde a ressalva dos cursos noturnos quanto à obrigatoriedade de quatro horas
diárias, segundo o parágrafo 1º do Artigo 34 da mesma Lei.
Artigo 2º - Esta proposta de ensino fundamental para jovens e adultos,
a ser oferecida preferencialmente no período noturno para trabalhadores se comporá de
três ciclos, os dois primeiros correspondentes as I – IV séries e o terceiro
correspondentes V – VIII séries, para efeitos curriculares e administrativos, inclusive para
classificação no Censo Escolar do MEC que fundamenta a distribuição de matrículas e
recursos do FUNDEF.
Artigo 3º - O tempo de integralização do ensino fundamental e as
formas de avaliação se pautarão pela concepção de avanços progressivos e aceleração
da aprendizagem, sem sacrifício da qualidade de ensino e a proposta curricular integrará,
quanto possível, na parte diversificada, de decisão autônoma do sistema e da escola,
conteúdos de preparação para o trabalho produtivo.
Artigo 4º - Fica a Secretaria de Educação autorizada a coordenar e
executar – com outros órgãos públicos municipais e estaduais assim como através de
parcerias com entidades da sociedade de Guarulhos – as ações necessárias à
implantação do maior número de classe e matrículas de jovens e adultos, imediatamente
após a publicação deste Decreto, com o objetivo de diminuir o déficit de escolaridade
desta população, assegurando-lhes o direito constitucional de concluir o ensino
fundamental, ao tempo que se reduz a dívida social.
Artigo 5º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação.

Guarulhos, 26 de março de 2001.

ELÓI PIETÁ
Prefeito Municipal

ENEIDE MARIA MOREIRA DE LIMA


Secretária de Educação

Registrado no Departamento de Relações Administrativas - Secretaria do Governo


Municipal da Prefeitura do Município de Guarulhos e afixado no lugar público de costume
aos vinte e seis dias do mês de março de dois mil e um.

TANIA FERNANDES
Resp. p/ DRA

Publicado no Diário Oficial do Município em 27 de março de 2001.