Você está na página 1de 34

QUANDO CRISTO ESTÁ

NO BARCO

Introdução:

1- No momento de
estremo perigo de
angustiosa
necessidade, este é o
momento oportuno
para Deus agir.
Certamente você já ouviu
esta expressão ou algo
semelhante. Mais até que
ponto isso é real? Uma
coisa é expor uma
verdade outra é crer no
poder desta verdade. Não
é a mesma coisa falar da
capacidade de Deus para
guardar-nos da
tempestade, quando
navegamos sobre um mar
calmo. Outra coisa bem
diferente é confiar no
poder de Deus, quando
realmente se está
passando por uma terrível
tempestade.
2- Porque é mais fácil
confiar em Deus
quando tudo parece
bem?

É por que
lamentavelmente nós
somos incrédulos, e esta é
a causa das nossas
fraquezas e quedas. Nós
ficamos perplexos e
agitados, quando
deveríamos estar
tranquilos e confiantes.
Buscamos socorro de
todos os lados, quando
deveríamos confiar em
Deus.

3- O que é confiança?
4- Salmo 125:1-2
5- Batah
6- Pistes

Texto: (Marcos 4:35-38)

Temos aqui neste relato


uma cena interessante e
bastante instrutiva para
nós.
7- Os discípulos estavam
vivendo um momento
de extremo perigo,
estavam no limite de
suas forças, e não
sabiam mais o que
fazer.

Enquanto atravessavam o
mar da galiléia, foram
surpreendidos por uma
forte tempestade, o barco
se revirava de um lado
para o outro, água estava
enchendo todos os
compartimentos do
barco, enquanto Cristo
permanecia dormindo no
porão do Navio. Era
realmente um momento
de prova, e se nos
colocarmos no lugar dos
discípulos, seguramente
estaríamos com medo e a
agitação seria a mesma.

Este relato foi deixado nas


escrituras para nos
ensinar, devemos estuda-
lo e tratar de aprender a
lição que Deus quer nos
ensinar.

8- Não existe nada mais


absurdo e mais
irracional do que a
incredulidade, quando
a consideramos com
calma.
A incredulidade dos
discípulos neste relato é
evidentemente absurda.

9- O que poderia ser


mais absurdo do que
supor que o barco
afundaria com o
próprio filho de Deus a
bordo?
Pois isso era o que eles
temiam. Mais o grande
problema é que
precisamente neste
momento eles não
pensaram no filho de
Deus. Eles pensaram no
barco, na tempestade,
nas ondas e tudo isso
lhes pareceu uma
situação desesperadora.

10- O coração temeroso


raciocina sempre assim.
Olha para as
circunstancias e deixa
Deus de lado.
Mais o que vive pela fé
olha para Deus e deixa as
circunstancias de lado.

11- Qual a diferença?


12- A diferença é a fé. A
fé olha para as
circunstancias como
uma oportunidade para
Se Deus fizer, Ele é Deus! Se não fizer,
continua sendo Deus
Deus agir.
A fé compraz em
concentrar-se em Deus,
para ver as vasilhas vazias
Habacuque!

se encherem de azeite. A
fé deveria ter permitido os
discípulos terem se
aproximado e dormido ao
lado do mestre, mesmo
em meio a tempestade.
Pois aquele que confia a
sombra do onipotente
descansará.

13- Como você reagiria


Como você tem lidado com as crises que são inevitáveis?

se, mesmo sendo fiel


nos dízimos e ofertas,
entrasse numa grave
crise financeira? Você
permaneceria fiel a
Deus, ou iria reclamar
que Ele não estava te
abençoando da
maneira como você
deveria ser abençoado?
14- Você confia em
Deus sob todas as
circunstancias ou você é
fiel apenas porque
espera receber do
Senhor “bênçãos sem
medida” em troca da
sua fidelidade? A falta
de confiança sempre
conduz a infidelidade
financeira.

Jesus estava cansado......


Mais a incredulidade dos
discípulos fez Jesus sair do
seu sono. (Marc 4:38).
Mestre não te importas
que morramos?

15- Jesus havia sido


deixado em segundo
plano, em segundo
lugar. E o segundo
lugar, não é lugar para
Deus.

Como poderiam pensar


que Jesus era indiferente
a sua angustia em meio ao
perigo? Queridos irmãos
esta cena é um espelho
que reflete a nossa
própria miséria. Quantas
vezes nos momentos de
dificuldades e provas, esta
pergunta se apresenta em
nossos corações e a
formulamos com os
lábios. Senhor não se
importa comigo? O
senhor não ouve minhas
orações? Quantas vezes
atravessamos por águas
profundas, tempestuosas,
chegamos ao limite dos
nossos recursos, e não
sabemos mais o que fazer,
nossos corações prestes a
dirigir ao senhor a terrível
pergunta. Não te
importas?
A simples ideia de
pensarmos isso sobre
Jesus, mostra a nossa
necessidade de
exercitamos a fé, e revela
a incredulidade do nosso
coração, e isso deveria
produzir a mais profunda
contrição.
16- A verdadeira
confiança é resultado
da certeza de termos a
presença de Deus em
sua vida. A nossa
fidelidade na guarda do
sábado, no estilo de
vida saudável, na
dedicação de nossos
dons e talentos para o
Senhor e também na
devolução dos dízimos
e ofertas deve ser
resultado da confiança
Nele e uma resposta de
amor pelas bênçãos
que o Senhor já nos
proporcionou.
17- Salmos 37:5 -
Entregue o seu caminho
ao Senhor; confie nele,
e ele agirá:

Jesus deu a sua vida por


nós, deixou a sua gloria e
desceu a este mundo,
sofreu a morte
vergonhosa para nos livrar
da ira eterna. Poderia
alguma vez este Jesus ter
deixado de cuidar de nós?
Os discípulos não estavam
sozinhos, vc não está
desamparado. (Marcos
4:39).

Jesus está Sempre


disposto a responder as
necessidades dos seus
filhos, acalmar as suas
ansiedades e aliviar os
seus temores. Jesus está
no barco, e isto deve
sempre nos satisfazer.
Nem sempre o mar será
calmo, mais vc sempre
poderá desfrutar de uma
calma profunda
proveniente da
verdadeira confiança em
Deus, naquele que o
vento e o mar lhe
obedecem! Jesus Cristo.

18- Antes de “ver a


tempestade se
acalmar”, é necessário
voltar-se para Cristo .”

A biblia diz em Hebreus


13:8, que o Senhor é
mesmo. Ele é o mesmo na
calma ou na tempestade,
na saúde ou na doença,
nas circunstancias
favoráveis mais também
nas difíceis, na pobreza e
na abundancia.

19- Jesus se importa


com vc.
20- Todo dia Deus pensa
em vc, toda hora Deus
cuida de vc, a cada
minuto deus se importa
com vc, porque a cada
segundo Deus te ama.
21- Se Deus está no
barco da sua vida,
porque ter medo da
tempestade?
22- Seja fiel ao Senhor
em todos os momentos
e sob todas as
circunstâncias. Deus
quer RESTAURAR a
plenitude da confiança
em sua vida e na vida de
sua família.
23- Confiar em Deus é
ter a certeza de que
quando nós mais
precisarmos, Ele irá nos
surpreender.

Pr. Elias Lourenço


A bigorna, o fogo e o martelo servem para
dar-nos forma.”
(Charles Haddon Spurgeon)

O SENHOR NAO DISSE PARA OS DISCIPULOS QUE A TRAVESSIA SERIA


FÁCIL....MAS, GARANTIU QUE chegariam AO OUTRO LADO.

DEUS NAO DISSE QUE O CAMINHO DE NOSSA VIDA SERIA FACIL. NO


ENTANTO, PROMETEU QUE ESTARIA CONOSCO TODOS OS DIAS.