Você está na página 1de 31

Prof.

Marcelo Gandolfi da Silva

Multimídia em aulas de História

História Geral
8ª Edição – 2012

www.historiageral.net
História Geral
Revolução Russa
Mencheviques
X
Bolcheviques
Czar
Nicolau II
Revolução Russa
A Revolução Russa de 1917 ocorreu durante a Primeira Guerra Mundial. O
imenso e arcaico império russo não suportou o peso de uma guerra
moderna. Em 1917, a burguesia russa tomou o poder durante alguns
meses. No mesmo ano, o movimento da burguesia cedeu terreno para a
primeira revolução socialista da história contemporânea.

A Revolução Russa foi a primeira vitória do socialismo


revolucionário.
A partir de então, a possibilidade de ruptura dos padrões da
sociedade burguesa e liberal tornou-se uma realidade no mundo em que
vivemos.
As conseqüências da revolução foram:
- a criação do primeiro Estado socialista, baseado nas doutrinas de Marx e
Lenin;
- a independência da Polônia, da Finlândia e dos países bálticos;
- a Rússia se afastou das pertencias européias, permitindo que a Alemanha
concentrasse seus esforços bélicos na frente ocidental;
- a revolução repercutiu profundamente no plano internacional: a União
Soviética se tornou o foco dos movimentos revolucionários comunistas
na Europa;
- a partir de então, ficou nítida a diferença entre os socialistas e os
comunistas.
Questões de Vestibular
01- (UNESP 1994) Leon Trotski argumentava em 1904 que a tese política
defenda por Lênin poderia "conduzir a organização do partido a substituir o
partido, o Comitê central a substituir a organização do partido, e finalmente um
'ditador' a substituir o Comitê central".
(Trotski, "NOSSAS TAREFAS POLÍTICA", Brochura redigida e publicada em
1904, em Genebra).

Assinale a alternativa com o nome do responsável pelo regime que, na prática,


confirmou a previsão de Trotski.

a) Bukharin.
b) Stalin.
c) Kalinin.
d) Brejnev.
e) Molotov.
Resposta

B
02- (FATEC 1995) "Os sofrimentos dos combatentes e da retaguarda levaram-nos a
associar espontaneamente o regime capitalista e a guerra, a considerar que esta guerra
não era a "sua guerra"; o prestígio das classes dirigentes, que não souberam evitar o
conflito, nem abreviá-lo ou poupar as vidas humanas, debilitou-se tanto mais quanto o
enriquecimento rápido e espetacular de toda uma parte dessas classes contrastava com o
luto e a aflição das massas. Por um momento submergidos, no início das hostilidades, pela
vaga nacionalista, os conflitos de classe reaparecem, mais vigorosos e exacerbados por
quatro anos de miséria. As classes dirigentes têm consciência do fato, e o medo do
contágio revolucionário cria em seu meio um intenso terror que se manifesta na vontade de
destruir este novo Estado, onde, pela primeira vez, o socialismo transporta-se do terreno da
teoria para o das realidades. A união do mundo branco está rompida; doravante não haverá
mais neutros; conscientemente ou não, é em relação à Revolução Russa - objeto de
receios e repulsa para uns, de esperança para outros - que se classificarão governos,
partidos e simples particulares."
(CROUZET, M. - HISTÓRIA GERAL DAS CIVILIZAÇÕES 15 - A ÉPOCA
CONTEMPORÂNEA)

A partir da descrição do Autor, é correto afirmar que

a) o socialismo seria a única solução para evitar uma luta de classes.


b) o medo do socialismo levaria o empresariado a apoiar ações contrárias, e isso provocou,
mais tarde, o estabelecimento do fascismo e do nazismo.
c) a passagem das idéias do socialismo à prática levou toda a Europa a se conscientizar do
perigo comum.
d) a união do mundo branco rompeu-se, e, após a Revolução Russa provocou reflexos
imediatos na libertação dos povos coloniais.
e) a Europa saiu da guerra mais nivelada politicamente, pois a guerra acabou com as grandes
fortunas, dando chances para uma estabilização sócio-econômica.
Resposta

B
03- (Puccamp 1995) "... derrota na guerra, deserções, motins militares
contra os superiores, greves nas fábricas, falta de gêneros alimentícios
e combustíveis nas principais cidades, queda na produção, aviltamento
dos salários, incapacidade governamental e crescente miséria das
massas."

O quadro descrito no texto conduziu à


a) derrota dos franceses no Vietnã em 1954.
b) descolonização Afro-Asiática em 1945.
c) rebelião Boxer na China em 1900.
d) Segunda Guerra Mundial em 1939.
e) Revolução Russa em 1917.
Resposta

E
04- (FGV 1996) A abolição do princípio da propriedade privada, a
estatização dos meios de produção e a assinatura de um tratado de
paz com a Alemanha, marcando a saída do país da guerra, foram as
principais medidas adotadas na Rússia por:

a) Stálin, em agosto de 1929.


b) Lênin, em outubro de 1917.
c) Trotsky, em abril de 1924.
d) Kerensky, em fevereiro de 1917.
e) Kornilov, em setembro de 1921.
Resposta

B
05- (Puccamp 1993) No contexto da Revolução Russa (1917), os
Bolcheviques

a) uniram-se numa organização contra-revolucionária para derrubar o


poder conquistado pelos Mencheviques.
b) defendiam a conquista do poder pelos trabalhadores participando
normalmente de eleições.
c) defendiam a posição segundo a qual os trabalhadores só chegariam ao
poder pela luta revolucionária com a formação de uma ditadura do
proletariado.
d) formaram o "Exército Vermelho" liderado pelos antigos militares.
e) alteraram sua denominação para Partido da Ditadura proibindo toda
oposição ao Regime Socialista.
Resposta

C
06- (UFMG 1995) Analise os textos.

"O que conta é que tenham a certeza de que não existirão mais
proprietários fundiários no campo, e que serão eles, camponeses, que
decidirão suas coisas, que organizarão a sua própria existência."

"O que se produziu é uma insurreição e não uma composição. A


insurreição das massas populares não precisa de justificação. Nós
demos têmpera à energia revolucionária dos operários e dos soldados.
Nós forjamos abertamente a vontade das massas para a insurreição.
Nosso levante alcançou a vitória."

Esses textos expressam o sentimento de vitória

a) dos comunards, em 1871.


b) dos democratas russos, em 1905.
c) dos espartaquistas, em 1919.
d) dos líderes do Contestado, em 1912.
e) dos líderes da Revolução Russa, em 1917.
Resposta

E
07- "O êxito da Revolução Russa - (de fevereiro, ou março segundo o
calendário ocidental) foi tão inesperado quanto sua eclosão (...) Nas
províncias, o antigo poder governamental desapareceu de uma vez.
Sem esperar por orientação, o povo instalou imediatamente NOVAS
AUTORIDADES"

AS NOVAS AUTORIDADES NA REVOLUÇÃO RUSSA, CITADAS NO


TEXTO FORAM:

a) a Duma - o parlamento russo.


b) o sindicato dos operários industriais.
c) os soviets - conselho de representantes de operários, camponeses e
soldados.
d) os interventores imperiais formado pela aristocracia rural.
e) os governadores nomeados pelo imperados.
Resposta

C
08- "Quando a terra pertencer aos camponeses e as fábricas aos
operários e o poder aos sovietes, aí teremos a certeza de possuir
alguma coisa pela qual lutar e por ela lutaremos!"
(HILL, Christopher, "Lenin e a Revolução Russa". Rio de Janeiro,
Zahar, 1967.)

Com essas palavras de ordem, o socialismo tinha por meta:

a) abolir a propriedade privada, a luta de classes e a dominação do


homem pelo homem.
b) extinguir as relações religiosas, familiares e filantrópicas, instituindo
formas comunitárias de convivência.
c) promover o desenvolvimento por meio da distribuição da renda e da
consolidação de um Estado assistencial.
d) instaurar uma sociedade organizada em associações profissionais, com
base na competência.
e) garantir a presença do Estado, que funcionaria como mediador das
relações interclasses sociais.
Resposta

A
 09- (UDESC 2007/2) Em 2007 faz 90 anos do início da Revolução
Russa. Sobre esse conflito do século XX é correto afirmar:

 a) A Nova Política Econômica (NEP) tentava recuperar a economia já


soviética, adotando inicialmente uma economia mista, com alguns
elementos capitalistas, mas Trotski, contrário a ela, exilou Stalin no
México e acabou com a NEP.

 b) No início do século XX, a Rússia era um país bastante


industrializado; daí uma Revolução feita por operários.

 c) Os sovietes – conselhos de operários e camponeses, sob inspiração


socialista – encaminharam à Rússia a Revolução que transformaria o
ordenamento político e social daquele país e, posteriormente,
inspirariam outras tantas nações à formação socialista.

 d) Os bolcheviques foram desde cedo contrários à revolução, lutando


para a manutenção da ordem agrária.

 e) Durante o processo revolucionário, os burgueses conseguiram


manter a propriedade privada; a monarquia, embora extinta, não foi
perseguida.
Resposta
 Resposta: C

 Comentário
 Quando ocorreu a Revolução Russa há noventa anos, a Rússia ainda era
um país predominantemente agrário, que ensaiava sua industrialização.
Após derrubarem o czarismo em fevereiro de 1917, a Duma (Parlamento)
assumiu o poder, o qual ficou nas mãos dos mencheviques ou
capitalistas liberais. Em outubro do mesmo ano, os mencheviques
perderam o controle para os bolcheviques ou socialistas marxistas, que
tinham sua base de apoio nos soviets. Os soviets eram comitês formados
por camponeses, operários e soldados; defendiam o lema paz, pão e
terra, ou seja, a saída imediata da Rússia da Primeira Guerra, a
resolução do problema da fome e a realização de uma reforma agrária.
Em 1918, os bolcheviques executaram toda a família do czar Nicolau II.