Você está na página 1de 29

EMPRESARIAL I

Aula 2- Evolução da Teoria da Empresa


EMPRESARIAL I

Conteúdo Programático desta aula

 Introdução ao Direito empresarial


 Evolução do Direito Empresarial:
Autonomia . Características . Fontes
 Código Civil Italiano 1942 - Teoria da
Empresa.

EVOLUÇÃO DIREITO EMPRESARIAL – AULA2


EMPRESARIAL I

Teoria da Empresa

Como tudo começou...

EVOLUÇÃO DIREITO EMPRESARIAL – AULA2


EMPRESARIAL I

Teoria da Empresa

Expansão Marítima e as
Fases do Direito Empresarial

EVOLUÇÃO DIREITO EMPRESARIAL – AULA2


EMPRESARIAL I

Evolução Histórica da Teoria de Empresa

FASE FASE FASE


SUBJETIVA OBJETIVA SUBJETIVA
MODERNA

Matrícula Atos de Comércio Teoria da Empresa

EVOLUÇÃO DIREITO EMPRESARIAL – AULA2


Atos de Comércio : Comerciante

Produtor Consumidor

Atos de intermediação
entre produtor e consumidor

Habitualidade

Finalidade de Lucro
EMPRESARIAL I

Atos de Empresa : Empresário

Atividade
Empresário
Fim

Atividade
Produção
Economicamente
Circulação de Bens Organizada

Circulação de Serviços

EVOLUÇÃO DIREITO EMPRESARIAL – AULA2


EMPRESARIAL I

Pergunta que não quer calar....

EVOLUÇÃO DIREITO EMPRESARIAL – AULA2


EMPRESARIAL I

O que é uma atividade


economicamente organizada ?

EVOLUÇÃO DIREITO EMPRESARIAL – AULA2


EMPRESARIAL I

Atividade Economicamente Organizada

EMPRESA

Atividade
Fim no
Mercado
Produção
ou
Circ. Bens
ou
Circ. Serviços
Atividade Economicamente Organizada

EVOLUÇÃO DIREITO EMPRESARIAL – AULA2


EMPRESARIAL I

Evolução da Teoria da Empresa no Direito Brasileiro

Comerciante
Soc. Comercial

As três partes do
Código Comercial 1850 Direito Marítimo

Direito das
Quebras

EVOLUÇÃO DIREITO EMPRESARIAL – AULA2


EMPRESARIAL I

Evolução Histórica da Teoria de Empresa

ARTIGO 4º REG. CÓDIGO


CÓDIGO 737/1850 CIVIL
COMERCIAL LIVRO II

Matrícula Atos de Comércio Teoria da Empresa

EVOLUÇÃO DIREITO EMPRESARIAL – AULA2


EMPRESARIAL I

Conceito de Empresário

Artigo 966 Código Civil

Considera-se empresário quem exerce

profissionalmente atividade econômica

organizada para a produção ou a

circulação de bens ou de serviços.

Obs: Teoria Poliédrica de Alberto Asquini


EVOLUÇÃO DIREITO EMPRESARIAL – AULA2
EMPRESARIAL I

Conceito de Empresário

Examinem com atenção as seguintes

imagens .

EVOLUÇÃO DIREITO EMPRESARIAL – AULA2


EMPRESARIAL I

Conceito de Empresário

O artesão é um empresário?

EVOLUÇÃO DIREITO EMPRESARIAL – AULA2


EMPRESARIAL I

Conceito de Empresário

O dentista é um empresário?

EVOLUÇÃO DIREITO EMPRESARIAL – AULA2


EMPRESARIAL I

Conceito de Empresário

O cantor é um empresário ?

EVOLUÇÃO DIREITO EMPRESARIAL – AULA2


EMPRESARIAL I

Atividades Excluídas do Contexto Empresarial

Algumas atividades foram excluídas


do contexto empresarial.

EVOLUÇÃO DIREITO EMPRESARIAL – AULA2


EMPRESARIAL I

Atividades Excluídas do Contexto Empresarial

Intelectual Artística
Científica Literária

Pessoalidade Impessoalidade

EVOLUÇÃO DIREITO EMPRESARIAL – AULA2


EMPRESARIAL I

Atividades Excluídas do Contexto Empresarial

Art.966 Parágrafo Único Código Civil

“Não se considera empresário quem exerce profissão intelectual de


natureza científica, artística ou literária, ainda com concurso de
auxiliares ou colaboradores SALVO se o exercício da profissão
constituir elemento de empresa”.

O Enunciado 54 do CJF preceitua “é caracterizador do


elemento de empresa a declaração da atividade-fim,
assim como a prática de atos empresariais
EVOLUÇÃO DIREITO EMPRESARIAL – AULA2
EMPRESARIAL I

Atividades Excluídas do Contexto Empresarial

PORÉM... CUIDADO !!!!

EVOLUÇÃO DIREITO EMPRESARIAL – AULA2


EMPRESARIAL I

Lei Especial

Artigo 16 Lei 8.906/94

Não são admitidas a registro, nem podem funcionar, as sociedades

de advogados que apresentem forma ou características mercantis,

que adotem denominação de fantasia, que realizem atividades

estranhas à advocacia, que incluam sócio não inscrito como

advogado ou totalmente proibido de advogar.

Lei 8.906/94 – Estatuto dos Advogados


EVOLUÇÃO DIREITO EMPRESARIAL – AULA2
EMPRESARIAL I

Coletânea dos Casos Concretos SEMANA 01


Caso Concreto

“Em vários países influenciados pelo Código francês, os códigos primitivos


foram grandemente modificados e alguns, mesmo, substituídos por outros,
contendo normas mais atualizadas para a solução das questões comerciais. A
Espanha substituiu o Código de 1829 pelo de 1885; em Portugal, o de 1833
foi substituído pelo de 1888. Na Itália, o Código de 1865 foi revogado, em
1882, por um outro, e este, em 1942, substituído pelo Código Civil. Em
muitos outros países também os códigos foram revogados ou alterados de tal
modo que dos primitivos pouco resta.” (MARTINS, 2001, p. 09).
Estabeleça a evolução do Direito Comercial, ressaltando a Influência do
Código Civil Francês de 1807 e do Código Civil Italiano de 1942.
EVOLUÇÃO DIREITO EMPRESARIAL – AULA2
EMPRESARIAL I

Coletânea dos Casos Concretos SEMANA 01


Questão Objetiva

Considerando os perfis da Empresa de Asquini, introduzidos no Código Civil


Italiano de 1942, é incorreto afirmar:

A) o perfil objetivo liga-se a aglutinação de bens necessários ao exercício


da atividade empresarial
B) o caráter subjetivo da empresa diz respeito a figura dos sócios, quem
efetivamente exerce a atividade empresarial
C) a organização dos fatores de produção, ligada a atividade empresarial
nos dá o perfil funcional da empresa
D) o perfil corporativo relaciona-se com o patrimônio da empresa e da
contribuição dos sócios ou acionistas.

EVOLUÇÃO DIREITO EMPRESARIAL – AULA2


EMPRESARIAL I

Coletânea dos Casos Concretos SEMANA 02


Caso Concreto

Considerando que o novo Código Civil afasta do direito comercial a


antiga figura do comerciante, que se caracterizava pela prática
habitual de atos de comércio e que sob o enfoque da teoria da empresa
o enigmático e impreciso conceito de ato de comércio é esquecido,
surgindo a empresa como o novo núcleo do direito comercial atual, diga
qual o conceito de empresa e empresário.

EVOLUÇÃO DIREITO EMPRESARIAL – AULA2


EMPRESARIAL I

Coletânea dos Casos Concretos SEMANA 02


Questão Objetiva

Questão Objetiva:
O Código Civil de 2002 incorpora a Teoria de Empresa ao ordenamento
jurídico Brasileiro e vincula o conceito de empresa:
a) ao valor do faturamento anual e porte da empresa
b) ao estabelecimento
c) à organização dos fatores da produção.
d) à espécie de atividade econômica realizada
e) ao objeto social da empresa

EVOLUÇÃO DIREITO EMPRESARIAL – AULA2


EMPRESARIAL I

Cenas dos próximos capítulos...

Empresário Individual :
Pressupostos para exercício da
atividade empresarial.

Ah! Não se esqueçam de trazer o caso concreto aula 03


EVOLUÇÃO DIREITO EMPRESARIAL – AULA2
EMPRESARIAL I

ACABOU, ACABOU, ACABOU.... ACABOU...

“Tudo acaba mas o que te escrevo continua. O melhor está


nas entrelinhas.” Clarice Lispector
EVOLUÇÃO DIREITO EMPRESARIAL – AULA2
EMPRESARIAL I

EVOLUÇÃO DIREITO EMPRESARIAL – AULA2