Você está na página 1de 26

A qualidade do leite com base na contagem de células

somáticas
|   
 
 

m  
 
 
  


? Alisson Pereira da Silva


? Carlos Henrique de Carvalho

? Mateus Pereira Guimarães



 

? Ministério da Agricultura, Pecuária e


Abastecimento, por meio da Instrução
Normativa nº 51, que entrou em vigor em julho
de 2005, fixa requisitos mínimos de qualidade
do leite, quanto as suas características físicas,
químicas, microbiológicas, de residuais
químicos e de contagem de    
 
? Células somáticas são todas as células presentes no leite, que
incluem as células originárias da corrente sangüínea como
leucócitos e células de descamação do epitélio glandular
secretor. Na secreção láctea de vacas com infecção
intramamária, ocorre um aumento no número de células de
defesa.
? A CCS no leite de animais individuais ou de tanque é uma
ferramenta valiosa na avaliação do nível de mastite subclínica
no rebanho, na estimativa das perdas quantitativas e
qualitativas de produção do leite e derivados, como indicativo
da qualidade do leite produzido na propriedade e para
estabelecer medidas de prevenção e controle da mastite.
  
 
 
 
        



    


? sistema agro-industrial do leite é um dos mais
importantes do país.
? gera acima de três milhões de empregos e agrega mais de
seis bilhões ao valor da produção agropecuária nacional.
? Brasil é o sexto maior produtor de leite do mundo e cresce
a uma taxa anual de 4%, superior à de todos os países que
ocupam os primeiros lugares.
? Em 2002, o Valor Bruto da Produção Agropecuária foi de 91
bilhões de reais.
? Exportações.
? Produtividade.
? Leite é garantia de uma 3ª idade mais saudável.
 
? corre diminuição na secreção e qualidade do leite;
? Necessidade de reposição de animais.
? Gastos com prevenção, tratamento e controle ²o custo
de um caso clínico é de US$ 120.
? Aumento de tempo extra com o manejo.
? Queda significativa na produção de leite ² corre
danificação do tecido secretor, obstrução dos dutos .
? Redução na qualidade do leite ² corre menor
rendimento industrial na produção de queijos e outros
derivados.
? Redução no tempo de prateleira do produto.
 


 

 
? Alteração da composição;
? Redução na característica do leite ²menor;
tempo de prateleira;
? Indicativa de higiene;

? Barreira sanitária para comércio internacional;


 
    

? rabalho tem como objetivo verificar se os
produtores que fornecem leite para a indústria, estão
em conformidade com os requisitos de contagem de
células somáticas, determinadas pela norma 51.
? Estudo de caso verificou os produtores da indústria
LAC B M na unidade de ponta Grossa-PR, com a
análise da contagem de células somáticas, efetuadas
de forma quinzenal nos meses de janeiro, fevereiro e
março de 2005.
m  

 

? Excel
? Minitab

? 5S

? Gráficos para demais análises


 
  ? A Lactobom, Indústria e Comércio de
Produtos de Leite Bombardelli Ltda, atua
com o processamento e distribuição de
laticínios. Possui duas unidades de
processamento no estado do Paraná, sendo
uma em oledo, desde 1993 e outra em
Ponta Grossa, instalada em 2003.
? presente estudo foi realizado na unidade
de Ponta Grossa que beneficia em média
30.000 litros de leite pasteurizado por dia,
sendo abastecida de matéria-prima por meio
de 28 produtores regionais. Estes produzem
desde 100 até 3.000 litros/dia.
? Referente a CCS, as análises são efetuadas
de forma quinzenal, em laboratório
terceirizado, com as amostras de leite
coletadas na propriedade de cada
fornecedor.
? No Brasil, a partir dos anos 90, gradativamente,
algumas cooperativas de laticínios iniciaram a
implantação de programas de pagamento do leite por
qualidade
? A qualidade do leite in natura é influenciada por muitas
variáveis .
? Atualmente não existe regulamentação para a CCS no
leite
? Programa Nacional de Melhoria da Qualidade do Leite
estabelece o limite de 1 milhão de células/mL para
2002, reduzindo para 750 mil, em 2005 e para 400 mil
em 2008
Para o estudo foram utilizadas as CCS dos 28 produtores, através dos laudos laboratoriais
referentes aos meses de janeiro, fevereiro e março de 2005 respectivamente, totalizando 06
análises quinzenais, conforme estão dispostos os dados na tabela :
     
 


 
  
 !"  

#
   "$$$ # "$%   &
  '
m
  
? ‘e acordo com as analises realizadas pode-se concluir
que trata-se de um processo fora de controle, ou seja
não consegue atender satisfatoriamente as
especificações determinadas a priori, tão pouco
atenderá as futuras especificações que limitam ainda
mais o processo.
? As amostras que demonstram maior inconformidade
são as 26 e 27, excluindo-as do processo teríamos a
principio um processo capaz mas ainda sim colocando-
se especificações mais severas ele se demonstraria
incapaz.
? A causa raiz do aumento da CCS no leite é a
Mastite.
? A Mastite causa muitos prejuízos como:

? ‘


  

? 




?   


 
    

Perdas

Redução da Produção do
leite - 65%
Serviços Extras - 8%

Medicamentos - 12%

‘escarte de Leite
impróprio 35%
 ( 
? A principal solução para aumentar a qualidade
do leite da empresa Lactobom tendo como
meta os parâmetros internacionais seria a
exigência de um padrão de qualidade dos seus
28 fornecedores de descarte daqueles que
persistissem em manter baixos padrões.
? Através de Várias ferramentas pode-se
combater o problema de forma tal que consiga
atingir os parâmetros exigidos.

? Existe hoje falhas no que se refere à educação
formal e noções de qualidade .
? Senso de utilização (SEIRI): só os necessários
ao local de trabalho: ferramentas; utensílios;
medicamentos;
? Senso de ordenação (SEI N): forma rápida e
eficiente de achar as coisas : etiquetas e
rotulagem eficientes; padronização de algumas
atividades.
? senso de limpeza (SEIS N ): ausência de
sujidades: banheiros; sala de ordenha;
? senso de saúde (SEIK SU): condições de
trabalho favoráveis: contaminantes do meio
ambiente ou do leite; prevenções de doenças;
? Senso de auto disciplina (SHI SUKE):
comprometimento com padrões e metas.
melhoria continua;
 
? A implantação de normas como a IN 51 faz com
que gradativamente ramos da economia brasileira
adquiram padrões internacionais levando ao
reconhecimento da qualidade dos nossos
produtos e conseguinte, dos nossos sistemas de
produção.
? Alcançar tais padrões não requer tão somente
critérios de inspeção e vigilância, mas de
disseminação de uma política de qualidade que
envolva todos os participantes do processo.


 m

? C S A, E. . Importância da mastite na produção
leiteira do país. Educação Continuada, CRMV-
SP, v.1, n.1, 1998.
? http://sistemasdeproducao.cnptia.embrapa.br/FontesH
ML/Leite/GadoLeiteiroZonaBragantina/paginas/qualid
ade.htm
? Palestra ministrada no II Workshop sobre Produção e
Qualidade do Leite. Universidade Estadual de
Maringá, de 12 a 13 de maio de 2000. Anais, p. 39-4
? M N G MERY, ‘.C. Introdução ao Controle Estatístico
da Qualidade .Rio de Janeiro: L C, 2004, 513p.