Você está na página 1de 1

SENAI e Polícia Militar assinam convênio

Com o objetivo de criar oportunidades para os jovens em


situação de risco do Programa da Polícia Militar “Formando
Cidadãos”, o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial
(SENAI/AM) disponibilizou, gratuitamente, 100 vagas em seus
cursos de Qualificação e Aprendizagem para os jovens do
Programa.
O convênio foi firmado na manhã de 24 de fevereiro, na sede do
SENAI Amazonas, pelo Diretor Regional da entidade, Aldemurpe
Barros e pelo Coronel da Polícia Militar, Yokohama.
Os jovens poderão escolher entre os cursos das quatro escolas
do SENAI que são referências nas áreas de construção civil
(Escola SENAI Demóstenes Travessa), metalmecânica (Escola
SENAI Waldemiro Lustoza), automação e eletroeletrônica (Escola
SENAI Antônio Simões).
Segundo Barros, está na missão do SENAI promover a educação
profissional. Portanto, apoiar iniciativas para inserir jovens em
situação de risco no mercado de trabalho é gratificante para a
instituição.
Segundo o coronel Yokoyama, cada vez que um adolescente em
situação de risco é estimulado a ter uma profissão e a estudar os
índices de violência tendem a diminuir, portanto, parcerias como
a do SENAI são ideais para vencer a violência através da
educação.
O SENAI possui parcerias também com a Secretaria de Estado de
Justiça e Direitos Humanos (Sejus), Pró-menor Dom Bosco,
Associação dos Deficientes Físicos do Amazonas (Adefa),
Associação para Desenvolvimento Coesivo da Amazônia (Adcam),
prefeituras, associações de bairro, ONG’s, entre outras.