Você está na página 1de 2

GEOMETRIA ANALÍTICA E CÁLCULO VETORIAL

1o PERÍODO DE ENGENHARIA − 2007


PROFA: MARA DE CARVALHO DE SOUSA
COORDENADAS POLARES E TRANSFORMAÇÕES DE COORDENADAS

1) Localize graficamente cada um dos pontos em coordenadas polares:


A (2,300), B(–3,300), C(2, 2100), D ( 2, π /2) ,E( –2, 2700), E(–4, 3000), F(–3, – 5π /6),
G(4,00).
2) Dois vértices de um triângulo eqüilátero são os pontos A (0, 75°) e B(3, 180°). Ache as
coordenadas polares do terceiro vértice.
Resp: C(3, 120°) e C’(3, −240 °) ou C’(3, −120°)
3) Determine as coordenadas polares dos vértices de um quadrado ABCD, sabendo-se
que o pólo é o ponto O'(1,2) , que o eixo polar é paralelo ao eixo OX e que tem o
mesmo sentido deste. Sendo dados as coordenadas cartesianas dos vértices: A (4,2),
B(7,5), C(4,8) e D(1,5).
Resp: A (3,0°), B( 3 5 ,26°30’), C( 3 5 ,63,5°) e D(3,90°)
4) O pólo de um sistema de coordenadas polares, coincide com a origem de um sistema
de coordenadas cartesianas e o eixo polar tem a direção da bissetriz do 1 o quadrantes.
Dadas as coordenadas cartesianas dos pontos A (–1,1), B( 2 ,– 2 ) e C(1, 3 )e D(2
3 ,–2),determine suas coordenadas polares.
Resp: A( 2, 90°), B(2, 315°), C(2,15° e D(4, −60°)
5) Lado de um hexágono mede 4 uc. Determine as coordenadas polares dos vértices
deste hexágono quando seu centro coincidir com o pólo do sistema e um de seus
vértices pertence ao eixo polar.
Resp: A (4, 0°), B(4,60°), C(4, 120°), D(4, 180°), E (4, 240°) e F( 4,300°)
6) Transformar as seguintes equações polares em equações cartesianas:
a) ρ = 4 b) θ = 1/ 4 π c) ρ = 8 cos θ d) ρ = 6 sen θ +
3 cos θ
e) ρ = 15 sec θ f) ρ (sen θ + 3 cos θ ) = 3 g) ρ (2 − cos θ ) =
4
h) 2ρ = 2 + cos 2θ i) ρ 2
= 4 cos 2 θ j) ρ = 4 ( 1 + cos
θ )
Resp: a) x2 + y2 = 16 b) x = y c) x2 + y2 − 8x = 0 d) x2 + y2 − 3x − 6y = 0 e) x
= 15 f)3x−y−3=0 g) 3x2 + 4y2 - 8x −16 = 0 h) 4 (x 2 + y 2)3 = ( 3x2 + y2 )2
i) ( x2 + y2 )2 = 4x2 – 4y2 j) 16( x2 + y2) = ( x2 + y2 −4x ) 2
7) Transformar as seguintes equações cartesianas em equações polares:
a) x2 + y 2 = 25 b) x2 – y2 = 4 c) ( x2 + y 2
)2 = 4 ( x2 - y 2 ) d) x - 3y = 0
e) y 2 + 5x = 0 f) 2 xy = 7 g) ( x 2 + y 2 ) 2 - 18 xy = 0 h) 4y2-20x – 25=0
i) 12x2 –4y2 –24x+ 9 = 0
Obs.: Somente considere a resposta em que ρ > 0.
Resp: a) ρ = 5 b) ρ 2cos2θ =4 c) ρ 2
= 4 cos 2 θ d) θ = arctg 1 / 3
e) ρ sen2θ + 5 cosθ = 0 f) ρ 2
sen2 θ = 7 g) ρ 2
= 9 sen 2 θ h)ρ =

5 3
i) ρ =
2(1 −cos θ) 2 + 4 cos θ

8) Transforme as equações abaixo, mediante um translação de eixos coordenados:


a) x2 + y 2
- 6x + 2y - 6 = 0 b) 7 xy - 14 x - 21y - 13 = 0 c) x2 - 4y2 - 2x + 8y - 7
=0 d) x 2 + 4 y 2 - 2x - 16 y + 1 = 0 e) 30xy +24x-25y-80=0
f)3x2+ 3y2 –10xy –2x+ 4y+7=0
Resp: a) x’’2 + y’’2 = 16, O'(3,−1) b) 7x’y’ = 55 , O'(3,2) c) x’’2 - 4y’2 - 4 = 0,

5 4
O'(1,1) d) x’2 +4 y’2 - 16 = 0, O'(1,2) e) x’y’=2 ,O’  ,−  f) O’ ( 2,1)
6 5

3x’2+3y’2 10x’y’+12=0
9)Transforme as equações abaixo , mediante uma rotação de eixos de eixos
coordenados:
a) x2 + 2 xy + y 2 −32 = 0 b) xy −8 = 0 c) 31 x2 + 10 3 xy + 21 y 2 - 144 = 0
d) 6x2 + 26y2 + 20 3 xy - 324 = 0 e)4x 2+ 4xy +y2+ 5 x =1 f) 9x 2+ 3xy
+9y2−5=0
g) 2xy +6x –8y=0 h) 7x2 – 6 3 xy + 13y2 – 16 =0
Resp: a) x’ = ± 4 θ =45° b) x’2 - y’2 = 16 θ =45° c) 9x’2 + 4y’2 - 36 = 0
θ =30° d) 9x’2 – y’2 – 81= 0 θ =60° e)5x’2+2x’−y’=1,θ =26,2° f) 21x’2
+15y’2 −10=0,θ =45°
g) θ =450, x'2–y'2 – 2 x’−7 2 y’=0 h) θ = 30° , x’2+4y’2– 4=0