Você está na página 1de 10

Manual da Punheta Feliz

Manual da Punheta - O tutorial definitivo do onanista compulsivo.

Esse post, muito humilde, surgiu de uma conversa no MSN, onde o tio Compulsivo e eu

discutíamos a falta de tutoriais por aqui nos últimos tempos. Então pra não deixar ninguém

triste, decidimos que eu ficaria encarregada de um tutorial.

E é por isso, que eu tenho o prazer de apresentar o Guia Compulsivo para uma Punheta Mais

Feliz. Fruto de muita pesquisa e trabalho duro (aham... sacaram... duro ;-)

A verdade é que como mulher, eu não tenho pinto, logo não pratico a nobre arte da justiça

com as próprias mãos. Não em mim, mas qual mulher nunca deu uma tentada no instrumento

alheio?

Vejam bem, este não é um guia específico para mulheres. Todos podem aproveitar as dicas.

Você amiga, que está tentando dar um trato melhor no bichinho do namô, ou você, menino

imberbe que está descobrindo a brincadeira agora, enfim... É um tutorial para todo tipo de

público.
Conheça seu amigo.

Primeiro de tudo, é preciso conhecer o seu amigo. Diga olá para o pipi, faça amizade com

ele, escute seus anseios, ele sabe o que quer e o que precisa melhor que você. Lembre-se, é

um ser com vida própria, ele existe independente das suas vontades. Sejam best buddies!

Feita a amizade básica, hora da ação. Bater punheta é relativamente simples, desde que

vocês esteja num lugar reservado. Ninguém quer ser pego com a mão na massa pela mãe,

esposa, ou por qualquer outra pessoa.

O banheiro é o lugar ideal caso você não more sozinho. Decrete uma caganeira imaginária e

vá descabelar o palhaço. Se você reside só, qualquer lugar é lugar. Agora, se você gosta de

viver perigosamente e está fazendo isso em público é bom redobrar os cuidados. Afinal,

toda atenção é pouca e ninguém quer ir preso por atentado ao pudor.

Bom também que você não resolva bater a punheta nossa de cada dia depois de jogar 90

minutos de bola, correr feito louco por 10 Km, ou bater cabelo na pista por 5 horas. Seu

amigo fiel estará cansado também e o negócio pode render e você ficar com cãibra no

braço. Espere umas horinhas, relaxa, toma uma cervejinha, assista Caminho das Índias e aí

depois dedique-se ao seu outro esporte favorito.


Você pode até achar que ele é super, mas não é indestrutível.

Seu pinto/salame/giromba/whatever apesar de desbravar o desconhecido de forma

corajosa, e mostrar-se valente diante do inimigo a ser abatido, no fundo, é um rapaz

sensível, que quer ser amado. Então não o maltrate, dê um trato no bichinho.

Diversas técnicas testadas pelos Monges Onanistas do Tibet, incluem alguma coisa pra

ajudar a mão a dar aquela deslizada. Você tem todo um arsenal a sua disposição, vale toda

aquela cremaiada que tua mulher/namorada/cacho deixa no banheiro (MENOS os cremes

anti-idade ou anti-rugas, por que essas merdas ardem, procure pelos hidratantes ou óleo de

banho). Também vale fazer o Marlon Brando e apelar pra manteiga.

Finalmente chegou a hora de usar a imaginação. Aí vale tudo, pensar na vizinha, na prima

gostosa, na capa da Playboy, no cara da academia (se for sua praia) ou apelar pra putaria

impressa ou filmada. Só não vale bater punheta pensando na própria mulher, isso acaba com

a função primordial do ato, que é fantasiar.

Depois de pesquisas nos arquivos do FBI, descobri que a festa solitária pode ser feita de

várias maneiras. Muito nego apela pra mão dormente, mas você, amigo criativo e ousado

pode tentar de muitas formas.

Você pode esquentar seu amiguinho com uma camiseta, ou usar as duas mãos, ou com

movimentos curtos, vai variando... Use a criatividade, sempre lembrando que ele é sensível e

você só tem um, nada de apertar o fofinho como se sua vida dependesse disso, nem deixar a

mão solta. Firme, porém carinhoso!


Acabado seu interlúdio com o amigo pênis, é chegada a hora de limpar a lambança. Antes de

tudo, certifique-se que você não acertou sua roupa, por que essa porra (RÁ) seca, endurece

e todo mundo na rua vai saber que você é um punheteiro de mão cheia.

Também não vai sair melecando o azulejo limpinho do banheiro da sua casa. Tenha o amigo

papel higiênico por perto, ou então apele pra própria mão (sempre companheira, hein?), mas

depois lave-a antes de acariciar os cabelos da sua gatinha. Se o interlúdio é entre você, seu

pau e uma linda, seja educado e pergunte, assunte, descubra onde (e se) a menina vai deixar

você depositar o produto do seu trabalho.

Pronto. Viram? A punheta sem mistérios.


Manual Da Punheta 1.1
Indice :

INTRODUÇÃO..........................................01

JEITOS DE BATER PUNHETA.....................02

LUBRIFICANTES.......................................03

LIMPANDO PORRA! A PORRA...................04

AGRADECIMENTOS..................................05

---------------------

01 INTRODUÇÃO

---------------------

Punheta, ela nasce com a gente. É uma coisa básica, instintiva, que começa a se manifestar

na primeira infância, quando a gente descobre que pegar no pinto provoca uma sensação

muito boa.

A repressão à punheta começa na mesma época. Mamãe acha uma gracinha o pintinho duro

do neném, mas trata logo de distrair a criança com outra coisa. Cresce o menino, cresce o

pau e o entendimento de que aquela coisa gostosa é proibida. O jeito é fazer escondido no

banheiro ou em baixo das cobertas na hora de dormir.

Por volta dos 10, 11 anos, o primeiro gozo, a descoberta do paraíso. E não acaba nunca mais.

Gente saudável, de cabeça boa, bate punheta até morrer.

Os gênios batem panheta. A putas batem. a punheta bate punheta. Até algumas espêcies de

cachorros fazem.

Já dizia um filósofo punheteiro : "E que jogue a primeira pedra aquele que nunca se

masturbou!"

A prática diária da punheta reduz o stress, revigora o coração e prolonga a vida; alivia a

tensão; ajuda a dormir; exercita os músculos pélvicos; melhora a circulação cardiovascular;

aumenta a autoestima e a autoconfiança.

Alias, Você já bateu uma hoje imundo?

--------------------------------------

02 JEITOS DE BATER PUNHETA

--------------------------------------
Você tem que usar a imaginação para praticar esse ato com alegria, apresentamos aqui

algumas formas interessantes de masturbar!

01. Mão dormente

É só sentar em cima de uma das mãos até que ela fique totalmente dormente. Depois bater

a punheta. Parece a mão de outra pessoa. É uma delícia, cara !

02. Com uma camisa

O jeito de bater da camisa é só enrolar uma camisa no pau e bater, é bom porque você

sente o pau esquentar!

03. Toalha na porta

Tem aquela punheta de colocar uma toalha numa fresta de porta e colocar o pau, aí é só

ficar indo e vindo, você deixa uma porta entreaberta e coloca uma toalha, pra não esfolar o

pau, e tipo “fode a porta“. Eu nunca fiz, mas dizem que é bom, o problema é que deixa o pau

meio seco, sacou?

04. Com as duas mãos

Este jeito de bater é um tesão, eu gosto de bater assim imaginando uma mina sentando no

meu pau, é um tesão! Pra bater assim o seu pau precisa ser meio grande (pelo menos médio).

É assim: com uma das mãos você segura bem na base do caralho; com a outra mão você

segura no pedaço de cima do caralho. Aí você bate sincronizado com as duas mãos, indo pra

cima e pra baixo juntas. Se ficar difícil no começo, não desanima, porque vale a pena, cara!

Depois de um tempinho você já consegue bater melhor, e é porra na certa!

05. Fodendo a mão

Uma técnica que sei, é de você botar um creme na mão, deitar de lado, por cima do braço

direito, colocar sua mão bem apertada na cabeça do seu pau, e ir fazendo um movimento

como se estivesse fodendo sua mão....... esta sensação é o máximo !!!!!!

06. Punheta silenciosa

Minha sugestão é da bronha silenciosa, quando vc bate uma deitado, na parte de cima do

beliche. Segure o seu caralho bem firme, fazendo pequenos movimentos de fricção, até

alcançar o gozo.
07. Controlar a esporrada

O bom é também aprender a controlar o gozo na punheta. Quando você sentir o sinal de

aviso que a gozada está proxima, você pára e descansa um pouco e começa de novo, repita

isso 5 vezes. Vai chegar o momento que você vai controlar seu gozo. Sai muito mais porra e

é bem mais da hora!!!

08. No banho

Uma técnica de punheta é você no banho encher a mão de sabonete e esfregar na cabeça

do pênis e apertar ela de vez em quando, gozo em cinco minutos!!

09. Variações

É bom começar uma punheta bem devagar pensando ou vendo algo excitante. É bom variar

as técnicas, pois ficamos viciados num jeito. Varie as mão, toque com a mão que não está

acostumado a tocar. Varie também a posição dos dedos. Use dois dedos , quatro dedos ou a

mão toda.

10. Segurar a porra

Aí vai uma dica: quando vc tiver pra esporrar aperta bem forte a cabeça do pau que a porra

demora mais pra sair! É da hora que dá muito mais tesão!

11. Buceta no banho e chuveiro na cabecinha

Um jeito bem legal de bater é juntar as duas mão (no banho) em forma de buceta e tipo

fuder a mão. o pau escorrega e você goza em uns 5 minutos. Outro jeito é você antes de

bater no banho, deixar a água do chuveiro, se cair forte, pegar na parte superior do pau e

depois de algum tempo o tesão vai ser tanto, que você não vai aguentar e vai bater

desesperadamente.
------------------------

03 LUBRIFICANTES

------------------------

01. Saliva

Um lubrificante bom e fácil de arranjar é saliva (cuspe). É só encher a boca de saliva (se

estiver difícil é só dar uma mordida de leve na língua pra facilitar) e lambuzar o pau de

cuspe, e bater.

02. Porra

Se você estiver com muito tesão, dá pra bater uma punheta a seco mesmo e deixar o pau

melado de porra, e bater por cima do esperma, usando ela pra mão deslizar melhor! Dá

muito tesão, o pau escorrega lisinho! Mas cuidado porque faz a maior sujeira!

03. Sabonete e Condicionador

Dá para usar sabonete ou creme para cabelo (ou condicionador), é um tesão.

04. Óleo e creme

Creme para punheta - óleo de amêndoa natural é muito bom ou creme para hidratar o rosto.

Aí vai alisando o pau lentamente, não use creme logo. Depois de um tempo use creme pra

não irritar o pênis. Também pode usar saliva.

05. Gel pós-barba e Vick Vaporup

Uma boa técnica é lambuzar o pênis com gel pós barba, ou qualquer creme mentolado, até

vick serve. O pau fica quente/frio. Dá uma bronha nota 10!

06. Para usar com camisinha

Punhetar com camisinha e lubrificante também é muito bom. Usando KY e camisinha com

extra-sensibilidade é melhor ainda.

07. Gelol
Esta descobri por acidente. Machuquei o braço jogando bola. passei gelol na torção e estava

sem fazer nada. Bati uma punheta, só que a mão ainda estava com um resto, bem pouco do

produto. O pau arde, mas é refrescante. É a maior loucura!

08. K&Y

Para bater punheta legal tem que passar um lubificante..este lubrificante se chama K & Y e

é muito bom..vale a pena conferir...

----------------------------------------

04 LIMPANDO A PORRA, PORRA!

----------------------------------------

Nem tudo são flores né meu caro colega, agora chegou a hora da limpeza, formas bem

práticas de limpar a sujeirada final!

01. Papel higiênico

O mais simples é bater sempre com um pedaço de papel higiênico (dobrado várias vezes)

por perto. Quando você sentir que o esperma vai sair, "enrole" a ponta do pau no papel

higiênico, e assim a porra não escorre. Depois de alguma prática dá pra fazer rapidinho,

sem nem parar de bater!

02. Meia

Outro jeito que dá mais liberdade (e trabalho) é bater punheta com o pau enfiado numa

meia... Você bate e nem precisa se preocupar com a porra, ela fica dentro da meia. E

dependendo da quantidade de porra que você soltar, dá pra esperar a meia secar e por pra

lavar, por que com certeza ninguém vai se interessar em olhar dentro de uma meia que

parece usada, portanto o seu "segredo" de punheteiro está a salvo! Observação: é lógico

que você tem que usar uma meia limpa!!!

03. Na mão mesmo

Se você estiver punhetando com pressa e sem papel por perto, o jeito é catar a porra com a

mão mesmo. Mas preste atenção, cara, porque na hora de limpar a mão, é mais fácil limpar

com papel higiênico antes de lavar a mão, porque se molhar a porra, a porra vai virar tipo

uma cola que demora pra sair da pele, e gruda nos pelos...
---------------------------

05 AGRADECIMENTOS

---------------------------

Uma homenagem para todo punheteiro(A)s. todas as mulheres que foram motivo para tal.

Contribuam com mais informações, chapas imundos.

____________________________________________________________

PS:Os textos NÃO são de autoria do downgratis!

www.downgratis.com

bY Vamp

Interesses relacionados