Você está na página 1de 43

BACTERIOSES

BOTULISMO

 AGENTE ETIOLÓGICO: Clostridium botulinum

 TRANSMISSÃO: INGESTÃO DA TOXINA LIBERADA


PELA BACTÉRIA, PRINCIPALMENTE EM ALIMENTOS
ENLATADOS E CONSERVAS ARTESANAIS.
 SINTOMAS: PARADAS RESPIRATÓRIA E
CARDÍACA, PODENDO LEVAR O INDIVIDUO A
MORTE.

 PREVENÇÃO: NÃO CONSUMIR ALIMENTOS


CONTIDOS EM LATAS ESTUFADAS.
CÓLERA

 AGENTE ETIOLÓGICO: Vibrio cholerae

 TRANSMISSÃO: INGESTÃO DE ÁGUA OU


ALIMENTOS CONTAMINADOS.

 SINTOMAS: DIARRÉIA ACENTUADA COM


FEZES EM “ÁGUA DE ARROZ”, VÔMITOS E
CAIBRAS.

 PREVENÇÃO: TRATAMENTO DOS DOENTES;


SANEAMENTO BÁSICO; INGERIR ÁGUA TRATADA
OU FERVIDA; LAVAR BEM VERDURAS E FRUTAS.
HANSENIASE OU LEPRA

 AGENTE ETIOLÓGICO: Mycobacterium leprae

 TRANSMISSÃO: CONTATO PROLONGADO


COM PESSOAS CONTAMINADAS.

 SINTOMAS: AFETA O SISTEMA NERVOSO


PERIFERICO, PROVOCANDO FALTA DE
SENSIBILIDADE NO CORPO.

 PREVENÇÃO: TRATAMENTO DOS DOENTES


E EVITAR ENTRAR EM CONTATO COM OS
MESMOS.
LEPTOSPIROSE
 AGENTE ETIOLÓGICO: BACTÉRIAS DO GÊNERO
Leptospira
 TRANSMISSÃO: RATOS ELIMINAM LEPTOSPIRAS
VIVAS PELA URINA E CONTAMINAM ÁGUA E
ALIMENTOS.
 SINTOMAS: FEBRE ALTA, DOR DE CABEÇA, DORES
MUSCULARES, VÔMITOS, AUMENTO DO FÍGADO,
HEMORRAGIA DIGESTIVOS, LESÕES NA PELE E
PROBLEMAS RESPIRATÓRIOS.
 PREVENÇÃO: EVITAR LIXÕES ONDE PROLIFERAM
RATOS, TRATAMENTO DA ÁGUA E VIGILÂNCIA
SANITÁRIA DE ALIMENTOS.
MENINGITE
 AGENTE ETIOLÓGICO: Neisseria meningitidis

 TRANSMISSÃO: INALAÇÃO DE GOTÍCULAS DE


SECREÇÕES ELIMINADAS PELA BOCA E PELO
NARIZ DE PESSOAS CONTAMINADAS.

 SINTOMAS: DOR DE CABEÇA INTENSA, FEBRE,


RIGIDEZ NA NUCA, VÔMITO E PODE EVOLUIR
ATÉ A MORTE.

 PREVENÇÃO: TRATAMENTO DOS DOENTES,


VACINAÇÃO, EVITAR AMBIENTES ABAFADOS E
ISOLAR O DOENTE EM HOSPITAIS.
PNEUMONIA

 AGENTE ETIOLÓGICO: Streptococcus pneumoniae ou


Diplococcus pneumoniae

 TRANSMISSÃO: INALAÇÃO DE AR CONTAMINADO.

 SINTOMAS: FEBRE, TOSSE E DORES NA REGIÃO


TORÁCICA.

 PREVENÇÃO: EVITAR CONTATO COM OS DOENTES


E TRATAMENTO DOS MESMOS.
SIFILIS

 AGENTE ETIOLOGICO: Treponema pallidum

- VIA SEXUAL: RELAÇÕES SEXUAIS


 TRANSMISSAO:
- VIA CONGÊNITA: CONTAMINAÇÃO
DO FETO VIA PLACENTA.

 SINTOMAS: INFLAMAÇÃO NA PELE E NOS OSSOS,


PROBLEMAS RESPIRATÓRIOS, ESTERILIDADE.
PODE CAUSAR MORTE DO FETO.

 PREVENÇÃO: TRATAMENTO DOS DOENTES


E USO DE PRESERVATIVOS.
TETANO
 AGENTE ETIOLÓGICO: Clostridium tetani

 TRANSMISSÃO: PODEM PENETRAR NO CORPO


HUMANO QUANDO OCORRE UMA LESÃO CAUSADA
POR OBJETOS CONTAMINADOS.

 SINTOMAS: FORTES CONTRAÇÕES MUSCULARES E


PODE OCORRER UMA PARADA CARDIORESPIRATÓRIA.

 PREVENÇÃO: VACINAÇÃO E EVITAR FERIMENTOS,


ESPECIALMENTE COM OBJETOS SUJOS DE TERRA OU
ESTERCO.
TUBERCULOSE

 AGENTE ETIOLÓGICO: Mycobacterium tuberculosis

 TRANSMISSAO: INALAÇÃO DE AR CONTAMINADO.

 SINTOMAS:TOSSE CRÔNICA, FEBRE, SUOR


NOTURNO, DOR NO TÓRAX E PERDA DE PESO LENTA
E PROGRESSIVA.

 PREVENÇÃO: VACINAÇÃO E TRATAMENTO DOS


DOENTES.